Home Noticiário Nacional Acordo Brasil-EUA pode originar base “multinacional e multifuncional”

Acordo Brasil-EUA pode originar base “multinacional e multifuncional”

111
66

vinheta-clipping-forte Por sugestão da Polícia Federal, o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva discutiu ontem com o comandante do Comando Sul dos EUA, tenente-brigadeiro Douglas Fraser, a proposta de criação de uma base “multinacional e multifuncional” que teria sede no Rio de Janeiro.

A base formaria, com duas já existentes, em Key West (EUA) e em Lisboa (Portugal), o tripé de monitoramento, controle e combate ao narcotráfico e contrabando, principalmente de armas, além de vigilância antiterrorista.

Douglas Fraser passou o dia de ontem em Brasília. Após reunião de trabalho e almoço com o ministro da Defesa, Nelson Jobim, o comandante americano encontrou-se com o diretor-geral da PF, Luiz Fernando Corrêa.

A PF já tem um adido de inteligência trabalhando na base de Key West, na Flórida. O Planalto está para decidir se o adido junto à base de Lisboa será um delegado federal ou um oficial da Marinha.

A base no Rio, assim como as outras duas, não admite operações sob comando de estrangeiros. Os países que aceitam participar dos programas de cooperação de combate ao crime organizado enviam adidos que atuam sempre sob supervisão dos agentes do país soberano sobre a base. A ideia é que com a base da Flórida, que vigia de perto o tráfico no Caribe, e a de Lisboa, que exerce controle sobre o Atlântico Norte, a base brasileira sirva como posto avançado de monitoramento do Atlântico Sul.

Tragédia. Key West é uma base aérea e naval que atua em cooperação com os departamentos de Defesa e de Segurança Nacional, agências federais e forças aliadas. Desde 1989, possui força-tarefa de inteligência que conduz operações contra o narcotráfico no Caribe e na América do Sul. Foi de lá que partiu o primeiro avião de resgate no caso da tragédia do voo AF 447, da Air France, em junho passado, no litoral do Brasil, perto de Fernando de Noronha. Notificada do acidente, a base mobilizou o adido brasileiro, que providenciou o início do socorro.

O grupo de agentes da força-tarefa de Key West tem como objetivo combater o cultivo, a produção e o transporte de narcóticos. Os governos britânico, francês e holandês contribuem com o envio de navios, aeronaves e oficiais. O grupo reúne ainda representantes de Argentina, Brasil, Colômbia, Equador, Peru e outros países latino-americanos.

A presença dos Estados Unidos na região começou em 1823, com o objetivo de combater a pirataria local. Foi usada inicialmente como patrulha de operações submarinas e como estação de treinamento aéreo, utilizada por mais de 500 aviadores na época da Primeira Guerra Mundial (1914-1918). Em 1940, ganhou a designação de base aérea e naval.

Em Lisboa, a base naval fica à margem do Rio Tejo, no Perímetro Militar do Alfeite. Foi criada em dezembro de 1958.

Fraser também veio ao Brasil para organizar a viagem do secretário de Defesa dos EUA, prevista para meados de abril. A visita é retribuição da viagem de Jobim aos EUA, em fevereiro, em Nova York. Em pauta, a cooperação estratégica militar entre os dois países, a compra de caças pelo Brasil e o interesse dos EUA em adquirir aviões de treinamento – a Embraer produz o Supertucano. A americana Boeing produz o F-18, Super Hornet, que está entre os três classificados na concorrência da FAB.

FONTE: Estadao.com

66
Deixe um comentário

avatar
66 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
37 Comment authors
PauloMarcosPegasusAbdallahRaphael Barros Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
The_mal_voltou
Visitante
The_mal_voltou

o tráfico Rio-europa, seria asfixiado,porém, não esqueçamos do nordeste né…

Marcelo
Visitante
Marcelo

Eu disse, 2012 está chegando. O Grande Timoneiro fazendo acordo com o Satã, definitivamente é o fim do mundo.

p.s.: Desculpem a brincadeira, mas vejo tanta discussão ideológica sem fundamento que eu não aguentei e tive que fazer piada.

Renato
Visitante
Renato

Marcelo veja da seguinte forma. Se os teóricos da conspiração de um lado dizem que o consenso de washington e as grandes corporações estão armando para dominar o mundo. E do outro os comunistas que engedraram a queda do muro como disfarce para criar o foro de SP e também vão dominar o mundo. Dentre as conclusões possíveis, são todos do mesmo grupo ou certas discussões ideológicas são inúteis. Ok, piadas à parte prefiro uma base americana em que nós podemos participar e ficar de olho. O crime e o terrorismo já sacaram que cooperação internacional é o grande lance,… Read more »

Eugênio
Visitante
Eugênio

Que está por trás é o Diretor da PF Luiz Fernando Corrêa, amigão do Gilmar Mendes, e que persegue o Del.PF Protógenes Queiroz e o Juiz Fausto de Sanctis, na Operação Satiagraha do Daniel Dantas.

E é este mesmo Luiz Fernando Correa do “áudio’ do Ministro Gilmar Dantas com o senador Demóstenes Torres. Onde está o áudio?

Que moral tem os EUA, maior consumidor de DROGAS no mundo!! ELES não controlam nem sua casa…

Fora EUA!!!

Rodrigo
Visitante
Rodrigo

Estão completamente loucos????????????
Temos que acabar com essa idéia estúpida já!!!

fsinzato
Visitante
fsinzato

Seria interessante também uma base militar ou de inteligência brasileira na Flórida, já que a mesma, é a principal porta de entrada do narcotráfico oriundo da Amazônia Legal, via Caribe para o mercado americano, aliás, o maior do mundo. Risos…

O que acham?

Abs.

Paulo
Visitante
Paulo

A idéia é boa. Além do que, como estabelece o acordo, em cada país a soberania sobre a base é do anfitrião. Ganharíamos muito em termos de combate ao tráfico e em respeitabilidade junto ao primeiro mundo. Não podemos esquecer ainda que muitos que forem contra a medida, sob alegações de soberania, etc e etc, na verdade estarão escondendo seus reais interesses: ajudar seus verdadeiros patrôes, os chefes do narcotráfico. Não estou me referindo aqui a algum eventual colega do blog que seja contra. Nada disso. Me refiro a políticos influentes que vão assumir a tribuna no Congresso ou dar… Read more »

Vader
Visitante
Member
Vader

Pessoal, os Estados Unidos tem um problema de consumo de drogas gravíssimo e profundo, uma verdadeira epidemia, um problema de saúde público de fazer parecer os nossos “noinhas” da(s) cracolândia(s) uma brincadeira. Ou os Estados Unidos acabam com as drogas ou as drogas acabarão com os Estados Unidos, levando metade do mundo (inclusive a gente) junto. E seus governantes finalmente perceberam isso, tendo colocado esse problema em primeiro plano em sua agenda, ao ponto de ficar atrás apenas do seu principal vício: o petróleo. Na busca de solução para tal problema, que também é nosso e do qual também padece… Read more »

Alexandre GRS
Visitante
Alexandre GRS

Prezados, Creio que essa temática perpasse por muitos outros fatores que, de uma certa maneira, permanecem ocultos por vontades ocultas também. Reduzir essa discussão a um “simples combate”, não resolverá o problema. A questão reside no indivíduo. Sempre residiu. O axioma social EstadoUnidense com relação aos entorpecentes é de fato preocupante, porém, em termos de consumo, nem se iguala à Europa que consome muito mais e com uma ética social que não enxerga esse consumo como danoso mas sim uma escolha do indivíduo. Outro ponto à ser debatido, é que, de uma certa maneira e expressamente negado, existe sim uma… Read more »

Bernardo R.
Visitante
Bernardo R.

Perfeito Vader!! E quem pensa que eles devem apenas se ligar na fronteira deles, pra não deixar a droga entrar, está infelizmente sendo ingênuo, ou no mínimo egoísta…. Devemos ter vários sistemas de vigia e oferecer o máximo de dificuldade para esses traficantes, se temos bases nos países de origem da droga, patrulhas oceânicas e aéreas, bases nos países que servem de passagem, e por fim, um excelente sistema de vigia nas fronteiras, portos, aeroportos e costas “virgens”, aí sim, temos um complexo quase perfeito para contra a atividade ilegal!!! Lembrando que pessoas são corruptíveis, quanto mais sistemas e pessoas… Read more »

Bernardo R.
Visitante
Bernardo R.

tsc tsc….

“para contra” saiu errado!!

fsinzato
Visitante
fsinzato

Caros amigos,

O Lord Vader tocou na ferida, ou seja, enquanto houver procura haverá sempre alguém ofertando, lei de mercado aplicado como qualquer outro produto, seja lícito ou ilícito.

A questão é bem mais profunda, como o amigo Alexandre bem explanou, e envolve a questão Estado versus indivíduo.

Estou sem tempo agora, mas volto a dar meu pitaco no tema.

Abs.

Mais uma vez amigos, o debate esta fluindo bem, com respeito a todas opiniões e textos bem estruturados e fundamentados. Esta dando gosto de ler.

Parabéns a todos que contribuem para o nosso espaço (desculpe Galante, mas é nosso também… Ok! rs.).

Paulo
Visitante
Paulo

Todos os argumentos acima estão certos. Todo mundo está correto. Todos advogam pelo conbate ao problema. Apenas diferem na forma de fazê-lo. O que não podemos é ficarmos numa assembléia debatendo o que fazer, filosofando, discutindo sociologia, história, arqueologia e outros quetais, enquanto o prédio está em chamas. Então, o mais urgente, de momento, é jogar água no fogo, ou melhor, combater o tráfico internacional. Outras medidas podem ser adotadas a posteriori. Mas temmos de começar por alguma coisa. Depois, a somatória das ações levará à solução ou pelo menos minimização do problema. A idéia da base não ensejará novos… Read more »

Alexandre GRS
Visitante
Alexandre GRS

Prezado Paulo, Concordo com a sua assertiva. Porém só nos atermos na luta, pura e simples, não obteremos sucesso algum. Isso já foi tentado e, nós sabemos muito bem que o que se tenta fazer hoje é remediar um problema enquanto que, na realidade, deveriamos preveni-lo. Tenho que os esforços que ora observamos no combate aos entorpecentes são vãos… não se enxerga, ou não quer se enxergar o problema na sua totalidade. Medidas emergências são necessárias sim. Mas não podemos ficar somente nisso. O que acontece é que, como temos que necessariamente discutir sociedade para chegarmos a um denominador comum,… Read more »

Rafael
Visitante
Rafael

Isso sim, é parceria estrategica, o Brasil eo EUA tem um cancer chamado NARCOTRAFICO, e um outro, chamado desconfiança.

Sopa
Visitante
Sopa

O mínimo que eu espero é que se fale português nessa base.

Att.

Raul
Visitante

Que vergonha! Um país do tamanho e importância do Brasil necessitar e autorizar a abertura dessa “base”.

Zirium
Visitante
Zirium

Na verdade, isto será somente a formalização de uma situação que há muito acontece no país.
Não é de conhecimento público mas somente os EUA possuem cerca de 200 agentes de ligação(DEA, FBI, CIA etc…) no país atuando entre outras coisas com vistas ao narcotráfico.
A idéia é boa mas fico com os dois pés atrás, pois, isso pode dar uma “oficializada” no serviço de espionagem de nossa atuação junto ao Pré-Sal, Amazônia e etc…

Tito
Visitante
Tito

Acho muito boa a iniciativa, porem não é suficiente, podem achar loucura mas deveríamos impor penas severas aos usuários de drogas, uma vez que estes são o motivo de existir do tráfico.

Penas que podem ir da simples prestação de serviços comunitários até a perda de direitos civis ( Habilitação por exemplo) e multas.

Sei que uma idéia radical, mas se não for cortado o financiamento o tráfico não acaba.

COMANDANTE MELK
Visitante
COMANDANTE MELK

Senhores,

quanta asneira…..meu Deus, hoje(01/03/2010) tem muita gente de cara quebrada por aqui com seus sábios comentários…hehehe…aiai.

Grato.
PS. É bom que assim os mais “safos´´ se previnem contra os ditos “entendidos´´ de plantão, que aqui arrotam as suas pérolas…

COMANDANTE MELK
Visitante
COMANDANTE MELK

Opz, na verdade hoje(01/04/2010)…

caiozin
Visitante
caiozin

“Seria interessante também uma base militar ou de inteligência brasileira na Flórida, já que a mesma, é a principal porta de entrada do narcotráfico oriundo da Amazônia Legal, via Caribe para o mercado americano, aliás, o maior do mundo. Risos…”

O que acham?

Francoorp
Visitante

Está cheio de contradições esta coisa de bases… se é uma base CIVIL planejada pela polícia Federal brasileira, Por quê então não é uma parceria entre polícias federais civis?? Ou seja entre a Federal nossa e o FBI deles??? Mas tinha que ir descutir em uma base militar, com um oficial militar, do Comando do Sul… isso aí tá cherando mal!! Que eu saiba isso aí tá mal explicado, muito sinistra a intenção CIVIL nesta coisa de base operativa no Rio de Janeiro, que eu saiba quando se vai falar com militares sobre as drogas, sobre bases para compater as… Read more »

Nick
Visitante
Nick

Parece ser interessante essa proposta.

Só considero um tanto quanto inócua. Combater o tráfico tem que ser na ponta “cliente”, não adianta ficar caçando “mulas”, ou bombardeando fazendas colombianas. Acabando a procura, os traficantes vão buscar outros meios para viver, mesmo que ilícitos.

Não tem nada a ver com presença de tropas americanas aqui, portanto pessoal da ala mais “independente” pode ficar calma.

[]’s

Alexandre GRS
Visitante
Alexandre GRS

Parece ser interessante essa proposta.

Só considero um tanto quanto inócua. Combater o tráfico tem que ser na ponta “cliente”, não adianta ficar caçando “mulas”, ou bombardeando fazendas colombianas. Acabando a procura, os traficantes vão buscar outros meios para viver, mesmo que ilícitos.

Não tem nada a ver com presença de tropas americanas aqui, portanto pessoal da ala mais “independente” pode ficar calma.

[]’s

Prezado Nick,

Perfeito.

Sds.

Carvalho
Visitante
Carvalho

Comentário perfeito Francoorp. concordo em Genero, numero e grau!!

lucas lasota
Visitante
lucas lasota

Os caros colegas vader e fnsinzato lancaram ao ar o cerne da questao. Peco perdao pela volta que irei dar, mas e necessario para que se entenda essa jogada dos EUA. Apos as duas grandes guerras foi percebido que a ideologia aplicada a grande massa de pessoas provocava a mobilizacao geral da sociedade, gerando uma grande massa de manobra para qualquer empreendimento ligado a ideologia correlata. Foi sentido que era necessaria a massificacao da ignorancia pelos mesmos meios que o conhecimento era divulgado, para que fosse alcancado a paz (ou dominacao) completa. Ai entrou Hollywood e a dominacao da grande… Read more »

Junior
Visitante
Junior

Estão querendo instalar uma Base de espionagem, só não ver quem não sabe bem o que acontece nos bastidores da politica internacional, onde todos agem por interesse e nunca por cooperação, parceria ou coisas do tipo. E como disse o Eugênio, idéia vinda do Corrêa, não pode ser coisa boa.

peter pown
Visitante
peter pown

Drogas tem que ser vendidas nas farmácias pois a força do tráfico é o dinheiro que ele arrecada e com o qual, compra armas, suborna e tudo o mais que o poder econômico permite. Mesmo na Europa o número dependentes das drogas ilícitas é muito pequeno e o de usuários menor do que o de usuários do cigarro e do álcool, este, inclusive no nosso País causa danos muito maiores que as drogas ilícitas.

Marine
Membro
Member

Pronto,

Estavam faltando as teorias de conspiracao. Cuidado que o Imperio vem ai. Hoje e uma base, amanha e a Amazonia Azul e dia depois tomam a rede globo e cortam o BBB do ar! Ai nao….Deus nos acuda!!

peter pown
Visitante
peter pown

Quanto à base Americana em nosso Solo, não vislumbro nescecidade alguma e temos visto que onde eles entram é muito difícil depois retirá-los.

peter pown
Visitante
peter pown

Uma base para uma segunda esquadra da MB, isso sim é imprescindivel e acredito que vai se realizar.

Eduardo
Visitante
Eduardo

Pois é Marine. Dá para perceber que a nação que você adotou não é bem vinda aqui.
Culpa nossa? sei não.
Se não fossem as políticas adotas pelo seu governo as coisas diferentes.
Agora te pergunto: o mundo inteiro esta errado e só vcs estão certos?
E tenho dito.

lucas lasota
Visitante
lucas lasota

Marine

se eles, de fato, tomassem a globo e tirassem o BBB do ar, eu seria o primeiro a apoiar! rs

abraco!

Bruno Rocha
Visitante
Bruno Rocha

A minha preocupação é com a Marinha, tem muito coisa por trás disso tudo. A Marinha está muito centrada no Rio, é lá que estão nossas principais bases. Nosso submarino nuclear (ficará lá também), nossa tecnologia nuclear, Angra 1 e 2. As bases onde são construídos nossos barcos, estaleiros e etc. Tudo relacionado a Marinha está no Rio ou perto. A culpa é do Brasil por centralizar as bases, inteligencia, logística e o armamento da Marinha Brasileira quase todo no Rio de janeiro. Só espero que agora os nossos militares abram o olho e vigiem bem de perto essa gente.… Read more »

Bruno Rocha
Visitante
Bruno Rocha

lucas lasota disse: 1 de abril de 2010 às 17:43 Concordo com isso também, e tanto que afirmo tam´bém o que o Francoorp disse, deveria estar onde é realmente a fonte, como Afeganistão, Colômbia. O que você disse sobre a mídia eu já vi algo relacionado em alguns filmes (por incrível que pareça, americanos). Tem um filme chamado Equilibrium (2002) que mostra o poder máximo das drogas, mas a serviço do governo. O filme retrata uma sociedade futuro, onde as pessoas, para evitar guerras e problemas siciais, passam a usar um tipo de droga (uso diário) que inibe os sentimentos.… Read more »

Leandro Requena
Visitante
Leandro Requena

Se for um acordo bom para o país, que manteria TOTAL soberania sobre a base, acho interessante.

Mesmo porque como diz aquele ditado, “quero meus inimigos bem perto de mim, assim acompanho todos os seus passos”.

EAFAL
Visitante
EAFAL

Estou estarrecido com alguns posts. Clichês, teorias de conspiração, argumentos simplórios ou até mesmo infantis……está difícil de ler e levar a sério.
Abs

Bernardo R.
Visitante
Bernardo R.

Normal…. Aqui é cheio de viajantes sem rumo!!

Marine, não se esqueça do Silvio Santos!!
Ia ser obrigado a falar “Ma hello” e não o famoso “Ma oi”

Meu Deus… quanta alucinação

Cor Tau
Visitante
Cor Tau

Pessoal….O Brasil tem um problema de consumo de drogas gravíssimo e profundo, uma verdadeira epidemia, um problema de saúde públicA de fazer parecer os nossos “noinhas” da(s) cracolândia(s) uma brincadeira……….O Big Brother Brasil………..A droga mais pesada e desgraçada ja importada para este pais………….A droga que induz e leva ao crime e a desgraça……….. Ou o Brasil acaba com essa droga ou ela acaba com o Brasil, levando metade do mundo (inclusive a gente) junto. E a midia finalmente percebeu a lucratividade disso, tendo colocado esse problema em primeiro plano em sua agenda, ao ponto de ficar atrás apenas do seu… Read more »

Marine
Visitante
Marine

EAFAL, eu tenho post que so levando na brincadeira e descontracao pra nao ficar doido com as coisas que se falam. Bernardo, hahahaha! Se bobear ate o sambodromo vao fechar e se transformarem o Maracana em campo de Football sera um sacrilegio! 😉

Cor Tau
Visitante
Cor Tau

“Francoorp disse:
1 de abril de 2010 às 16:35”

http://www.youtube.com/watch?v=ATUegEvjpI0

Cor Tau
Visitante
Cor Tau

“fsinzato disse:
1 de abril de 2010 às 7:38”

“Eduardo disse:
1 de abril de 2010 às 19:50”

“lucas lasota disse:
1 de abril de 2010 às 20:11”

http://www.youtube.com/watch?v=ZjTLKoId7t0

Alex Costa
Visitante
Alex Costa

Seé para entregar o Brasil, desta forma a os EUAs vamos a guerra civil

Bruno Rocha
Visitante
Bruno Rocha

Engraçado como alguns entusiastas pensam em não termos cuidado sobre isso. Não é um comportamento tipico de um “entusiasta militar” ser tão ingenuo assim, ainda mais com um histórico de ações estrangeiras com muitas coisas “estranhas”, que não fora explicadas. De nenhuma maneira disse que seria totalmente errado, pelo contrário, uma ação conjunta é muito boa, mas com quem vamos e com o que temos, não é pensamento de quem se diz “entusiasta” deixar lá como esta, como se não precisasse de “atenção” nossa lá. Da para ver como no nível de “patriotismo” e “resguardo” caiu depois do golpe militar,… Read more »

Paulo
Visitante
Paulo

Solicito aos colegas que leiam de novo a nota do post, vagarosa e atentamente. “O grupo de agentes da força-tarefa de Key West tem como objetivo combater o cultivo, a produção e o transporte de narcóticos. Os governos britânico, francês e holandês contribuem com o envio de navios, aeronaves e oficiais. O grupo reúne ainda representantes de Argentina, Brasil, Colômbia, Equador, Peru e outros países latino-americanos.” Será que ingleses, franceses e holandeses estão querendo retomar as terras da América do Norte que já foram suas e estão usando a base da Flórida como despiste? E o que fazem os representantes… Read more »

lucas lasota
Visitante
lucas lasota

Bruno

Eu ja assisti esse filme, muito interessante.

Tem um filme alemao chamado “A onda” que no inicio retrata tambem o que queremos dizer. Vale a pena ver.

Abraco meu caro.

Francoorp
Visitante

Correção do meu post acima, o aumento foi de 3000% e não de 300% como eu disse. Bruno Rocha: Esta coisa de espionagem e “por fora” sempre existiu e existe em todo o tipo de operação das forças de segurança de um país, pouco importa se civil ou militar, pois os estes orgãos devem colaborar entre eles, e em caso de operação no exterior, como seria o caso dos Yankees aqui, essa colaboração entre agências de segurança se elevaria considarávelmente!! O caso de vazamento na Marinha e obviamente de material sensível do Pré-Sal, mesmo que não seja esta a tua… Read more »

Francoorp
Visitante

Bruno Rocha disse: 2 de abril de 2010 às 9:54 Só agora eu li este teu post por completo, e devo dizer que apoio toda medida patriótica à favor da prevenção e resguardo aos nossos compatriótas, de nossas riquesas nacionais e de nossas forças de proteção!! É verdade, já tinha notado isso algum tempo atras, parece que o patriótismo aqui virou um espécie de serviço ao patriótismo altrúi, e que os interesses estrangeiros no mundo, são maiores que os nossos interesses no mundo!! Triste isso, muito triste, e decepcionante também, imagino só qual será o patriótismo dos meus bisnetos, pois… Read more »

Cor Tau
Visitante
Cor Tau

É a “globalização” Francoorp…………

Abraços amigo……