Home Artilharia Modernização da Artilharia com novo obuseiro M109

Modernização da Artilharia com novo obuseiro M109

3966
3

Curitiba (PR) – O Exército Brasileiro está se preparando para receber novas unidades do obuseiro autopropulsado M109 A5 “Plus” BR, modelo atualizado da viatura de combate, com mais recursos tecnológicos que seu antecessor.

O 5º Grupo de Artilharia de Campanha Autopropulsado (5º GAC AP), localizado em Curitiba, será um dos primeiros a receber, a princípio, 16 unidades do armamento. Para isso, foi construído um novo pavilhão e a organização militar incorporou mais uma Bateria, aumentando seu efetivo. Além disso, o 5º GAC AP também tem promovido capacitação de pessoal.

A aquisição amplia a capacidade da Artilharia brasileira, tendo em vista que o produto foi desenvolvido com base nas necessidades do Exército Brasileiro. O novo modelo do M109 tem maior alcance e reduz o tempo entre o recebimento da missão tiro e o disparo em mais de 80% em relação aos modelos anteriores.

O obuseiro de 155 mm de calibre incorpora um medidor da velocidade inicial do tubo, que proporciona maior precisão ao tiro, além de melhorias no sistema de posicionamento e navegação, na unidade de exibição de comando, nos rádios digitais, no sistema de controle de armas e no bloqueio de tubo remotamente acionado.

110805-M-NS272-001

FONTE: EB

3 COMMENTS

  1. Peça de 155 mm. Alcance máximo – 30 Km. com projétil assistido por foguete. Cadencia de tiro – 6 / minuto. Motor Diesel Detroit – GM. 450 HP.

  2. Sergio,
    Colaborando com a resposta do Luiz, esse obuseiro tem um cano de 39 calibres, o que é em termos gerais permite disparos de munição padrão “HE M 107” de alto explosivo pesando 43 kg (7 de carga de arrebentamento) a 24 km com carga de projeção 7 e o cano inclinado 45º.
    Alcances maiores podem ser conseguidos com munição com recursos que aumentam o alcance, como por exemplo o BB (base bleed) ou o motor foguete, podendo chegar a 30 km.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here