Home Exército Brasileiro AMAZONLOG17: material da base logística internacional segue por via fluvial

AMAZONLOG17: material da base logística internacional segue por via fluvial

1334
2

Manaus (AM) – O AMAZONLOG17, maior exercício multinacional interagências da América do Sul, conduzido pelo Comando Logístico (COLOG), se dará entre os dias 6 e 13 de novembro, em Tabatinga, no estado do Amazonas. Entretanto, as atividades logísticas do Exercício estão ocorrendo desde julho, com o transporte de material destinado à montagem da Base Logística Internacional, oriundo de diversas guarnições do País.

No dia 3 de setembro, deu-se início à segunda viagem logística, com destino a Tabatinga, sendo o módulo logístico composto pelo Empurrador Auarid e duas balsas. O material do COLOG havia partido da cidade do Rio de Janeiro, por via terrestre, passando por Campo Grande (MS) e chegando a Porto Velho (RO). De lá, deveria seguir para Tabatinga, no entanto, devido às peculiaridades da Região Amazônica, a partir desse ponto, a missão exigiu o uso de meios fluviais até o local do Exercício. Desse modo, essa segunda etapa ficou sob a responsabilidade do Centro de Embarcações do Comando Militar da Amazônia (CECMA), que está localizado em Manaus (AM).

Então, com vistas a apoiar a atividade, no dia 26 de julho, já havia partido, do CECMA, um “comboio fluvial” na direção de Porto Velho, a fim de levar esse material até Manaus, de onde partiu agora, dia 3 de setembro, rumo a seu destino final (Tabatinga). O módulo logístico transporta sete contêineres, cinco viaturas e materiais de diversas classes, perfazendo um total de 185,5 toneladas.

A primeira viagem logística

A primeira viagem logística havia tido início em 19 de julho, quando militares do CECMA partiram para Porto Velho, por via fluvial, para buscar o material que havia saído do Rio de Janeiro e levar para Manaus, onde tudo estava sendo concentrado.

Após essa etapa, a equipe partiu de Manaus, rumo a Tabatinga, em 27 de agosto. Nessa primeira viagem, o módulo logístico era composto pelo empurrador Manaós e três balsas e transportava 43 contêineres, 11 viaturas e diversos materiais.

FONTE: Exército Brasileiro

2 COMMENTS

  1. Excelente iniciativa. Pena que não há detalhamento sobre o exercicio! Do que se trata? Extender a logística através da hidrovia Solimões, e também pelo ar , partindo de Manaus – Tefe’ até as áreas de atuações do CFSOL 8 BIS e seus Pel destacados. O exercicio estaria prevendo a manutenção de reforços, inclusive internacional, nessas áreas? O quanto de reforços nesta base em Tabatinga/Leticia? Porque nestas localidades e neste momento? Narco? Maduro?

  2. Intenso debate nos tópicos sobre os exercícios sueco e russo. Acontecerá a mesma coisa por aqui. Duvido que Maduro não vai aproveitar para dizer bravatas e realizar qualquer tipo de exercício contra essa “provocação” brasileira.
    Deve ser assim em todos os cantos do globo.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here