quinta-feira, setembro 23, 2021

Saab RBS 70NG

Exército Brasileiro vai modernizar blindados M113B com empresa dos EUA

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

O Exército Brasileiro planeja atualizar um total de 208 veículos blindados do tipo M113B de transporte de pessoal, através do desenvolvimento de sua Política Militar Exterior com os Estados Unidos.

De acordo com o Jane’s, citando fontes do Exército Brasileiro, o Departamento de Defesa dos EUA vai contratar uma empresa que ainda não foi determinada para o serviço, com o compromisso de entrega final no fim de 2013.

O porta-voz militar brasileiro confirmou ao Jane’s que a oferta inclui a renovação de 208 veículos M113B, e que a empresa selecionada para realizar o trabalho terá um máximo de 109 dias, a contar da data de assinatura do contrato, para entregar o primeiro veículo, enquanto que o último veículo está programado para ser entregue antes do final de 2015.

O programa inclui a renovação completa do motor Mercedes-Benz OM 352-A, da transmissão Allison TX-200-2 e caixa de câmbio automático e suspensão, sistema de arrefecimento, o sistema de navegação anfíbio, eletrônica e sistema de extinção de incêndios.

A empresa que ganhar a concorrência também irá fornecer aos veículos a fiação necessária para permitir que cada um deles receba dois sistemas de rádio: um da Elbit Systems Land e outro C4I Tadiran Ltd VRC-120 VHF / FM.

A empresa BAE Systems Combat Systems dos EUA parece estar bem posicionada para ser selecionada para o trabalho, tendo apresentado uma proposta ao US Army com base no pacote de atualização M113A2 Mk1.

Enquanto isso, a Marinha do Brasil vai melhorar localmente um total de 22 veículos M113A1 de transporte de tropas, um veículo XM806E1 de recuperação, um veículo de manutenção M113A1G, e dois veículos M577A1 posto de comando.

A atualização, que pode ser concluída em 2014, inclui a integração de um motor diesel Caterpillar C7, uma caixa de câmbio 3200SP Allison, um posto de armas como W & E Platt PTY Ltd, tanques de combustível externos e acompanhar e sistema de controle Climático Diehl Remscheid 513 DST.

FONTE: Infodefensa.com / FOTO: Cinquini

- Advertisement -

69 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
69 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Mikhail Aleksandrovitch Bakunin
11 anos atrás

Que desperdício, isso é queimar vela com defunto ruim…

igor
igor
11 anos atrás

nossa! vão continuar usando isso?

Cinquini
Cinquini
11 anos atrás

Incrivel, acho que essas pessoas nao conhecem a qualidade do M113 e como é excelente essa noticia sobre a modernização.

Mais uma vez eu volto a repetir aqui, quando o EB nao faz nada o pessoal fica reclamando que nada é feito e quando fazem algo de bom ainda reclamam, to vendo que p negócio é o seguinte, nao importa a notícia, tudo o que o Exército fizer nao presta pra essas pessoas.

Vamos tentar pensar um pouco antes de criticar os programas apresentados pelo Exército 😉

Jacubão
11 anos atrás

Ufa, finalmente, né…
Vários países já fizeram isso, inclusive os EUA, e ainda tem gente malhando????

Artur Paulo
Artur Paulo
11 anos atrás

Tenho a mais plena certeza que o M113 está ultrapassado, mas se alguma proposta é apresentada para melhorar os meios será muito bem aceita, pois temos que fazer uma reforma com urgência.
Não temos mesmo projetos novos e nem existe a pretensão de compras de novos produtos então que sejam bem vindos os novos M113BR.
Força e Honra à todos

Artur Paulo
Artur Paulo
11 anos atrás

Muito andei e um desses então novamente espero que sejam bem vindos

General
General
11 anos atrás

Uma instituição tão grande e cheia de glórias ficar se prestando(mesmo que contra sua vontade) à comer migalhas da mesa é chateante. Com esse veículo da década de 60 não dá pra ser potência militar.Pra ser potência é de suma importância investir,e muito.Desanima ler notícias desse tipo(nada contra o blog e seus editores)
As Forças Armadas Brasileiras vivem em opróbrios que não tem fim.

PAULO ROBERTO CAIXETA
Reply to  General
2 meses atrás

O EB não tem que ficar dando explicações a incrédulos, negativistas e maldosos. Em uma eventual necessidade eles estarão amoitados longe dos campos… AVANTE BRASIL. SALVE EXÉRCITO BRASILEIRO.

MA
MA
11 anos atrás

Pessoal, as “forças armadas mais profissionais e testadas do planeta” (IDF) ainda utilizam o M113 em sua versão modernizada… Eu acho muito válida a modernização sim e o AH-1 também é dos anos 60…

O EB está tentando, isso é um bom (ótimo) sinal!

Abs

fumagaia
fumagaia
11 anos atrás

por que nao fazem a mesma coisa com o m 41, stuart , lee, e os jipes dos anos 50 vai ficar legal!

fumagaia
fumagaia
11 anos atrás

os m 113 tem blindagem de aluminio, e o mesmo em altas temperaturas pega fogo, ou seja se levar um tiro de . 50 ja era!

Chaparral
Chaparral
11 anos atrás

Esses M113 são de qualidade indiscutivel e acho mais do que acertada essa decisão de uma modernização.
Parabéns ao EB por tamanha sensatez.

Cinquini
Cinquini
11 anos atrás

O US Army “só” usa 6.300 M-113, “só” rssss

Chaparral
Chaparral
11 anos atrás

Acho poucas essas unidades. O EB deveria verificar junto
ao US Army sobre unidades de estoques para quem sabe dobrar esse número e modernizar todos, no mesmo padrão.

Galileu
Galileu
11 anos atrás

Não acredito, só porque eu elogio o EB eles me vão modernizar essas carroças. Espero que seja por um Valor aceitável!! Toda a 2ª Companhia de Comunicações Leve sediada em Campinas, usa os M113, não pertencia a ela, mas sempre participava de instruções com a 2º Cia, os M113 estavam em estado deplorável, comentei com um SGT da 2ºCia e ele me disse que não era nada, outra unidade em que ele trabalhou (não me recordo o nome) tinha M113 que nem saia da garagem pois estavam uma peneira. Sei do que eu falo, fui da cavalaria e posso afirmar… Read more »

joel
joel
11 anos atrás

Eu to entendendo direito?
A marinha vai modernizar os M113 localmente de um jeito de um jeito e o exercito lá fora de outro?
E aquela papagaida de Estado Maior Conjunto? mais cargos no setor de defesa, mais 18 milhões em gastos que vimos no site naval ? http://www.naval.com.br/blog/2010/08/30/lula-sanciona-pacote-para-area-da-defesa/
Na decada de 80 conseguiamos repotenciavamos m41, x1a1 e tudo por aqui mesmo, hoje mandamos para os EUA. essa é a nossa estrategia nacional de defesa?

Rodrigo
Rodrigo
11 anos atrás

Se for fazer uma modernização top, não dá para fazer aqui.

MA, Tadiran e Elbit são israelenses.

Quero ver a hora que o MD lembrar do EB e começar a impor as análises dos seus “eXpecialistas”, vão arrumar alguma modernização bizarra fora dos requisitos da Força.

Cadê a tal secretária de compras para fazer a repotencialização dos exemplares do CFN e EB juntos ?

Leandro RQ
Leandro RQ
11 anos atrás

Os caras criticam sem saber.

Como o Cinquini falou, o US ARMY, simplesmente o exército mais poderoso do mundo, ainda usa o M113. E está modernizando “os bichos”.

http://www.army.mil/factfiles/equipment/tracked/m113.html

OS exércitos do Canadá, Austrália, Israel, Itália, Alemanha, entre outros considerados de 1ª linha, também utilizam o M113.

E os “especialistas” do blog chamando o M 113 de carroça…

GUSTAVO ROCHA
GUSTAVO ROCHA
11 anos atrás

NOTÍCIA VELHA, JÁ FOI DEFINIDA A EMPRESA, A MODERNIZAÇÃO SERÁ NO PARQUE REGIONAL DE MANUTENÇÃO NUMERO 5 EM CURITIBA. MILITARES DO 20 BIB JÁ FORAM ESCALADOS PARA O TREINAMENTO NA REFERIDA UNIDADE. O MOTOR SERÁ UM DETROIT.

Freire
Freire
11 anos atrás

A Carcaça é boa, se modernizar ,motor, cambio automático,sitema de comunicações, ar condicionado,pode-se reabilitar este, não é ruim dá para dar uma sobrevida .

Brasil.

Freire
Freire
11 anos atrás

Motor Detroit doiiii hein,meu Deus,preferivel um Cummins,Caterpilar,Iveco.

M1
M1
11 anos atrás

Isso é pro soldado não andar a pé!

MA
MA
11 anos atrás

Se a situação dos veículos no EB é deplorável não é por falta de qualidade do mesmo (como muitos exemplo mundo afora provam) mas sim pela falta de interesse/verba do EB em sua manutenção.

É um veículo bastante versátil e se a modernização de um efetivo reduzido for feita eu acho que ainda terá bastante futuro!

Seal
Seal
11 anos atrás

Já que não temos $$$$ para comprar blindados novos,é melhor reformar os que tem,sem contar que é um veículo para transporte de tropa(para não deixar o Infante andar a pé,rsrs),não para entrar na linha de frente de combate. O M113 foi feito para acompanhar as forças blindadas,dando lhes proteção aproximada nos assaltos a posições inimigas ;dar maior mobilidade a Infantaria,permitindo -lhe realizar operações anfíbias em pequenos lagos e rios. A blindagem do M113 ,construída de placas de alumínio blindado,reforçado por armação interna,oferece proteção contra projéteis de armas leves,estilhaços de granadas de morteiro e artilharia.Essa proteção é compatível com seu emprego… Read more »

celso
celso
11 anos atrás

Com certeza ha algo de podre nesta informaçao senao vejamos ; realmente, retrofitar motor Mercedez la nos EUA e uma piada………de onde saiu esta informaçao ???? putz…. ja se falou e escreveu muito a respeito disso (retrofit), nao da para acreditar q este componente de força terrestre e que faz parte de um elemento de deslocamento rapido (tropas) acompanhando tqes nao possua hoje em dia um minimo de defesa ativa e passiva (como bem lembrado aqui mesmo, blindagem em aluminio…..meu Deus, eu eh q nao quero estar dentro qdo a coisa pegar fogo (literalmente), melhor gastar a bota e correr… Read more »

Dell72
Dell72
11 anos atrás

Só tenho um “q” ai nessa estória: a blimdagem vai comtinuar como é ? não vão mexer nela? nommais é um carro que ainda tem muito o que rodar por aqui.

celso
celso
11 anos atrás

Caro Seal, Sua colocaçao a respeito do emprego deste VBT esta correta e sim, o mesmo ainda na sua essencia e um VBT de primeira linha desde q atualizado. Porem, me permita discordar de sua analise qto a a blindagem atual dos mesmos, li tbm a algum tempo atras a respeito de nossos urutus empregados no haiti e a primeira coisa q saltou aos usuarios (soldados) foi q a mesma tinha pontos fracos em sua blindagem e olha q nao feitas em aluminio reforçado. Mal conseguiram deter disparos de fuzil e veja que nao foram disparos de arma FAL hemmmm… Read more »

celso
celso
11 anos atrás

Caro Dell72, e esta a pergunta que nao quer calar……alguem sabe de algo a respeito ??????? Com a inclusao de mais reforço/blindagem, com certeza o veiculo ficara mais pesado o q por si so tem que ser melhorado em relaçao ao motor. Pelo q sei tbm, este motor Mercedez e de concepçao muito antiga e utilizado em inumeros caminhoes e onibus ainda em uso aqui no Brasil ( vide 1111, 1113, MB380….). Li tbm q foram testados plos centros de manutençao do Exercito, inumeros motores nacionais e tbm americanos e alemaes. Inumeros paises ainda utilizam estes veiculos com modificaçoes radicais… Read more »

Alan Ferreira
Alan Ferreira
11 anos atrás

Tava passando da hora.. os EUA tinha mais tecnologia na segunda-guerra do que os blindados do Brasil atuais.
To desanimando com o Brasil.. vo mudar pro Paraguai..

Vader
Vader
11 anos atrás

Muito estranha essa notícia. Em primeiro lugar, porque retrofitar apenas 208, e não todos os 584 (?) que o EB tem? Isso só pode significar que a Cavalaria Mecanizada e a Infantaria Blindada do Exército Brasileiro irão diminuir. E os demais blindados serão canibalizados ou irão para o museu. Outra coisa: retrofitar motor Mercedes-Benz nos EUA? E será que não temos capacidade local para fazer isso? Ora, temos como fabricar VBTPs novas (Iveco) mas não temos como retofitar os M-113 do EB? Cadê a tal END que prega o desenvolvimento local dos meios militares? Por fim, a Marinha faz o… Read more »

Paulo Costa
Paulo Costa
11 anos atrás

Estes veiculos militares são fabricados ate hoje,inclusive tem vizinho nosso que recentemente fez uma compra
de veiculos novos.Podem receber blindagem ad-on,
são anfibios ,(rios e lagos),e poderão ser aerotransportados
nos Hercules e no novo Embraer,ate a chegada dos guaranis,acho bom se precaver,ate o planejamento iniciar,
o reequipamento…

M1
M1
11 anos atrás

Alan Ferreira disse:
4 de setembro de 2010 às 13:21

uhauahuahauh

RL
RL
11 anos atrás

Como diz minha sogra:

“É o que tem pra hoje”.

Eu já andei em um M-113 em Campinas – SP com alguns amigos que prestavam o exército na época.

Muito Dez.

ABULDOG74
ABULDOG74
11 anos atrás

Modernização dos m-113 do Corpo de Fuzileiros Navais em conjunto com a empresa Israelense IMI no Centro de Reparos Especiais do Corpo de Fuzileiros Navais(AQUI MESMO NO BRASIL): Configuração VtrBldEsp SL M113MB1 • Novo Motor Caterpillar C7 (224 kW-300HP) – Automático com injeção eletrônica; versão militar (off-road); possui componentes encontrados no comércio nacional, que minimizam custos; e asseguram a disponibilidade de suprimento de sobressalentes por longo tempo • Caixa de Transmissão Allison 3200SP automática – Possui seis marchas para frente e uma reversa; é controlada eletronicamente; e possui componentes encontrados no comércio nacional • Nova Unidade Diferencial Controlado Regenerativo –… Read more »

ABULDOG74
ABULDOG74
11 anos atrás

Planejamento para Modernização das Viaturas Blindadas Especiais M113A1: Mundialmente famosa, a viatura blindada M113 equipa um enorme número de países fornecendo transporte de tropas blindadas e capacidade polivalente para inúmeras missões, desde comando, defesa anti-aérea, transporte e apoio de fogo. O Corpo de Fuzileiros Navais possui um total de 30 veículos, contudo apenas 66% estão em operação. Ao longo de seus 33 anos de existência, essas viaturas apresentam um estado aceitável de conservação que lhes confere a possibilidade de atender a varias solicitações. Sua tripulação de dois homens conta com a proteção da blindagem do veículo em uma liga especial… Read more »

Galileu
Galileu
11 anos atrás

Não vão modificar a blindagem, não se modifica a blindagem desse tipo de blindado, pois não compensa, aumenta peso, diminui alcance, motor perde potência e etc..coisas que vcs já sabem! A blindagem do M113 consegue ser pior que a do Urutu, costumávamos dizer no EB, que um tiro de pist .40 dependendo de onde pegar e a distância, com certeza fura o “papel” que é a blindagem. É claro que a blindagem segura tiro de pist. mas é que de tão fina….era motivo de zuação. Vader, com certeza é só 200 e poucos veiculos, porque o estado da maioria, como… Read more »

Mikhail Aleksandrovitch Bakunin
11 anos atrás

Cinquini disse: 3 de setembro de 2010 às 22:12 Incrivel, acho que essas pessoas nao conhecem a qualidade do M113 e como é excelente essa noticia sobre a modernização. Mais uma vez eu volto a repetir aqui, quando o EB nao faz nada o pessoal fica reclamando que nada é feito e quando fazem algo de bom ainda reclamam, to vendo que p negócio é o seguinte, nao importa a notícia, tudo o que o Exército fizer nao presta pra essas pessoas. Cara, eu falo com conhecimento de causa, já andei muito nessa porcaria, e posso afirmar que é o… Read more »

MA
MA
11 anos atrás

Galileu, os israelenses fizeram o pack de blindagem “Toga” com um conjunto de placas de aço reforçado instaladas sobre a blindagem original, mantendo um espaço vazio entre essa blindagem e o chassi para melhorar a efetividade contra foguetes de carga-oca. Fora que eles possuem versões com blindagem reativa também.

O maior usuário sem dúvida é o IDF e não é difícil você ver fotos deles em Gaza ou no Líbano… Os EUA não o usam na linha de frente mais.

É um veículo muito bom sim, malham-no excessivamente.

MA
MA
11 anos atrás

PS: E ainda há as versões “mortar carrier” utilizadas por diversos países, uma boa solução para o problema da artilharia do EB, citado na outra matéria.

ALDO GHISOLFI
11 anos atrás

Alguém disse que a finalidade da viatura existir é apenas para o soldado não andar a pé. Nesse quesito, nota 10. A pergunta é, porque repotenciar/modernizar/atualizar nos EEUU, principalmente retrofitar um motor nacional? A fazer isso com os M113 não seria melhor gastar com os URUTUs?

Mikhail Aleksandrovitch Bakunin
11 anos atrás

ALDO GHISOLFI disse:
4 de setembro de 2010 às 18:24

Alguém disse que a finalidade da viatura existir é apenas para o soldado não andar a pé. Nesse quesito, nota 10. A pergunta é, porque repotenciar/modernizar/atualizar nos EEUU, principalmente retrofitar um motor nacional? A fazer isso com os M113 não seria melhor gastar com os URUTUs?

Você foi no ponto Aldo, exatamente o que penso; se vai servir apenas como “taxi de batalha”, melhor que se padronize com o Guarani.

DaGuerra
DaGuerra
11 anos atrás

+ DE 6.000. Quantos dessas estão nas tropas de 1ª linha blindadas e mecanizadas? Derrepente as Bradley e Azarit são “apenas complementos” dos M113…enquanto isso ao “norte” teremos BMP-3 russas. A modernização é muito bem vinda para Vtr Cmdo e outros apoios mas qual VCI será adotada para os BIB e RCB?

Galileu
Galileu
11 anos atrás

MA
To ligado, mas aí entra o que eu disse, o peso aumenta, tem que mexer no motor, pois irá ter maior peso, autonomia menor e etc…., no fim não vale a pena, gasto num veículo ultrapassado, e engana-se que acha que irá servir apenas pro soldado não andar a pé ahah

Ivan
Ivan
11 anos atrás

Li o artigo do Vader e a lista de updates que o ABULDOG74 colocou pra serem feitas no M113 e francamente, lamentável! Demoram pra tomar uma decisão e quando tomam é pra modernizar um carro que pelo jeito nunca prestou (quem elogia poderia dizer o que ele tem de bom?).
E pelo tanto que vão trocar, investe mais uns trocados e faz um projeto novo, com uma blindagem decente, espaço melhor aproveitado e visando conceitos modernos de combate.

Biel
Biel
11 anos atrás

O END é uma brincadeira de mau gosto !( disse isto inúmeras vezes) Se é pra modernizar pq não fazemos isto aqui no Brasil, apoiando a indústria daqui e criando empregos aqui? Será que não temos capacidade pra isso ( poderíamos modernizar este bagulho aqui com a ajuda de Israel ). acredito que temos pois até projetamos uma nova VBTP. A cada dia que passa o END se mostra destinado ao fracasso e a culpa não é toda do Jobim não ! Esta história de militar nacionalista e a favor do Brasil é história da carochinha ! ( Digo de… Read more »

Biel
Biel
11 anos atrás

“Esta história de militar nacionalista e a favor do Brasil é história da carochinha ! ( Digo de passagem até existem alguns mas são muito poucos ).” Excluo a MB dessa uma vez que está sim é exemplo de competência , seriedade e compromisso com o Brasil . Aliás a Marinha tá carregando o piano sozinha e inclusive tem feito o máximo para cumprir prazos dos projetos da END : submarino nuclear , navios patrulha nacionais( compromisso com industria brasileira ), apoio a projetos de veiculos aereos não tripulados nacionais , moderniza suas aeronaves no Brasil quando é possível (… Read more »

Baschera
Baschera
11 anos atrás

Se usarem para cavalaria motorizada… até vale.
Só não vale usar como blindado….. putz…pega fogo !!
Mas, acho que até que cheguem os Guarany, vale….

Sds.

MA
MA
11 anos atrás

Galileu, veículo ultrapassado é muito relativo… Você diria que o AH-1 é ultrapassado? É um desenho de meados dos anos 60, auge da Guerra Fria e mesmo assim é o vetor de ataque de asas rotativas dos USMC. Muitas vezes criar algo novo e investir numa linha de montagem inexistente ou extremamente limitada é muito mais caro que atualizar uma viatura “ultrapassada e antiga”! Se isso deixa os nacionalistas contentes já é outra história. Fato é que o EB precisa de APCs de linha e funcionais e ficar esperando até que um determinado produto brasileiro esteja pronto para produção em… Read more »

eduardo
eduardo
11 anos atrás

O que achei interessante é que o EB vai gastar alguns bilhões de Reais com o Guarani mas não vai substituir totalmente os M-113. Será que estão em dúvida sobre a capacidade dos VBTP sobre rodas e estão fazendo um “seguro” mantendo alguns blindados sobre lagartas? Quanto ao fato do servico ser feito nos EUA, não entendi. A Jobim não vive falando que agora não seremos meros compradores de equipamentos, mas exigiremos conhecimento tecnológico? Para um país que tem a indústria de equipamentos de transporte como o nosso, modernizar esses M-113 não parece ser um problema muito grande, principalmente porque… Read more »

Galileu
Galileu
11 anos atrás

MA Pra mim o AH-1 é sim ultrapassado, tanto que estão testando nova mecânica (motor,rotor, acho q transmissão tbm). Mas isso é só minha opinião, respeito de todos e essa divergência é que é o legal! Eduardo O EB sabe da capacidade dos novos VBTP, o Urutu atola com 5cm de lama, já um patria 8×8 por ex. dificilmente atola, pois tem toda a mecânica(suspensão) diferente de da geração Urutu. Mas claro to curioso pra ver como o Guarani 6×6 “se vira nos 30” num campo de provas. Aliás não era agora dia 7 que o 1º Guarani ia ser… Read more »

#Wagner
#Wagner
11 anos atrás

É um transporte de tropas e não um anti-T90 ou Anti-Abrams !!
Ultrapassado frente a o que, estrategistas ? Não vao ser os M113 quem vão atacar os Leopard 2 dos chilenos ! Nem os T72 do Chavez ! E nem aquele chinês que os peruanos estão comprando.
Xingam e xingam o governo mas quando este finalmente faz alguma coisa continuam xingando.
É uma excelente notícia para nosso exército.

Últimas Notícias

Grupo de Artilharia Antiaérea realiza exercício de tiro real

Praia Grande (SP) – O 2º Grupo de Artilharia Antiaérea participou, no período de 13 a 17 de setembro,...
- Advertisement -
- Advertisement -