Home Noticiário Internacional Putin manda verificar se tropas da Rússia estão prontas para combate

Putin manda verificar se tropas da Rússia estão prontas para combate

192
3

russian army

Medida vale para distritos no oeste e no centro do país. Ela é anunciada em meio à crise política da vizinha Ucrânia

ClippingO presidente da Rússia, Vladimir Putin, ordenou nesta quarta-feira (26) a inspeção de suas tropas nos distritos militares do oeste e do centro, anunciou o ministro da Defesa Sergei Shoigu.

“O comandante-em-chefe ordenou a inspeção da capacidades das forças armadas para lidar com situações de crise que representem uma ameaça para a segurança militar do país”, afirmou.

A inspeção ocorre em meio à tensão na vizinha Ucrânia, após a derrubada do governo do presidente pró-russo Viktor Yanukovich.

As tropas do distrito militar do oeste – um vasto território que faz fronteira com a Ucrânia, Belarus, Estados Bálticos, Finlândia e Ártico – assim como a segunda tropa do distrito militar do centro, o comando de defesa espacial e as tropas aeroportuárias foram “colocadas sob alerta às 14h” (8h no horário de Brasília), indicou. A operação deve durar até 3 de março.

Contudo, Putin já ordenou em diversas ocasiões inspeções surpresas das tropas russas desde seu retorno ao Kremlin em 2012. A última, visando as tropas do Extremo-Oriente, aconteceu em julho do ano passado.

Na terça-feira, o presidente dirigiu uma reunião do Conselho de Segurança russo sobre a situação na Ucrânia.

Putin ainda não se expressou publicamente sobre a destituição na Ucrânia do presidente Viktor Yanukovytch e a chegada de novas autoridades em Kiev.
O primeiro-ministro Dmitri Medvedev considerou na segunda-feira ser “uma aberração considerar como legítimo o que foi resultado de uma revolta”. “Será difícil trabalhar com um tal governo”, declarou.

FONTE: G1

Subscribe
Notify of
guest
3 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Rafael M. F.
Rafael M. F.
6 anos atrás

As tropas do distrito militar do oeste – um vasto território que faz fronteira com a Ucrânia, (…)

Recado com endereço certo.

Putin ainda não se expressou publicamente sobre a destituição na Ucrânia do presidente Viktor Yanukovytch e a chegada de novas autoridades em Kiev.

Não precisa. Existe uma máxima entre o pessoal da maromba que “o braço fala por si”.

Resta saber se Putin ficará na ameaça ou vai partir pro pau. E se partir pro pau, se a UE/USA ficarão de braços cruzados.

Mas lembrem-se: a Ucrânia não é a Geórgia

Carlos Alberto Soares
Carlos Alberto Soares
6 anos atrás

Rafael M. F.

é isso ai, quem vai piscar primeiro ?

Carlos Alberto Soares
Carlos Alberto Soares
6 anos atrás

Esse ex-KGB tá procurando sarna na Ucrânia.

Em que pese ter uma população de origem russa, a questão da Crimeia com os Tártaros e russos, existe um forte sentimento anti russo por parte dos Ucranianos na região.

Na Crimeia é mais complicado(BN Sebastopol).

Fortes emoções, mas acho que a OTAN não entra nessa,
“é tudo que a UE não precisa”.

http://www.publico.pt/mundo/noticia/manifestantes-antirussos-invadem-parlamento-regional-da-crimeia-1626269

http://flagelorusso.blogspot.com.br/