Home Conflitos em andamento Diante de ameaça, Rússia atirará contra caças americanos

Diante de ameaça, Rússia atirará contra caças americanos

9353
89
s-400-syria
Sistema de defesa S-400 posicionado na base aérea de Hmeimim, na Síria. Observar que existe bateria de Pantsyr também. Foto: Dmítri Vinogradov/RIA Nôvosti

NIKOLAI LITÔVKIN, GAZETA RUSSA

Ministério da Defesa russa acredita que ataques norte-americanos não sancionados poderão resultar na morte de oficiais russos. Segundo especialistas, apesar do risco, medida tem por objetivo alertar Washington contra escalada militar na região.

ClippingOs sistemas russos de defesa aérea na Síria estão prontos para abater “qualquer objeto voador não identificado” caso os ataques sejam realizados em posições de Damasco, segundo o porta-voz do Ministério da Defesa russo, major-general Ígor Konachenkov.

A declaração de Konachenkov, feita no último dia 6 de outubro, foi motivada por uma série de vazamentos na imprensa internacional sobre a discussão pelo governo dos EUA da possibilidade de iniciar ataques aéreos contra posições do Exército sírio.

Segundo o porta-voz, a maioria dos oficiais russos envolvidos na Síria trabalham em terra, levando ajuda humanitária aos bairros sob o controle do atual governo. Os militares russos também desempenham papel nas negociações com os chefes de vários assentamentos e grupos armados em grande parte das províncias sírias.

“Quaisquer mísseis e ataques aéreos em território controlado pelo governo sírio irão representar uma clara ameaça para militares russos”, justificou Konachenkov.

Ambos o sistema S-300 e o novo S-400, cujo alcance chega a 400 km, foram posicionados na Síria para garantir a segurança dos militares russos presentes nas bases militares de Hmeimim e Tartus.

“Temos tomado todas as medidas necessárias para excluir eventuais ‘erros’ em relação aos soldados e instalações militares russas na Síria, após os acontecimentos de 17 de setembro em Deir ez-Zor”, continuou o oficial, referindo-se ao bombardeio equivocado de posições do Exército sírio pela força aérea dos Estados Unidos. O incidente resultou na morte de 62 militares, além de mais de 100 feridos.

s-400-latakia

Para evitar mais guerra

De acordo com uma fonte da Gazeta Russa na indústria de defesa russa, se caças avançarem sobre a área onde o Exército sírio mantém atividades, os radares russos no país não serão capazes de identificá-los.

“Os aviões norte-americanos voam com seus transponders desligados [que ajudam a determinar a quem pertence o avião – GR], e há também um acordo para prevenção de incidentes aéreos e delimitação de zonas com atividade militar”, disse a fonte.

“Portanto, se surgir um caça ou um míssil for lançado em lugares onde oficiais russos estão presentes, a decisão de salvar nossos soldados será feita de imediato”, acrescentou.

Segundo o editor-chefe da revista “Russia in Global Affairs”, Fiódor Lukiánov, a declaração do Ministério da Defesa teria sido feita justamente para evitar guerra.

“Essa é uma advertência precisa e inequívoca, que deve ter um papel preventivo. Os militares da Rússia deixaram claro que um ataque contra soldados russos ou forças sírias será percebido como um ato de agressão contra Moscou”, explica Lukiánov.

O analista internacional acredita que os especialistas que trabalham no Pentágono compreendem as consequências de tais incidentes.

Síria rearmada

Na semana passada, a Rússia enviou à Síria um sistema antiaéreo S-300V4 Antei-2500 adicional, conhecido como SA-23 Gladiator segundo a classificação da Otan.

Trata-se de um atualização “rastejadora” do sistema de defesa aérea que geralmente atua na cobertura de unidades em posições de combate.

“Ele é usado para atravessar terrenos acidentados em um comboio de veículos blindados, como tanques e assim por diante. Seu objetivo é cobrir as tropas terrestres de mísseis e ataques aéreos em zonas de combate”, explica Víktor Litovkin, especialista militar da agência de notícias TASS.

O Gladiator é capaz de destruir mísseis balísticos inimigos, que podem se aproximar de alvos a uma velocidade de até 2,5 km por segundo a uma distância de 150 km.

Alguns dias antes, a Defesa russa também enviou ao território sírio bombardeiros Su-24 e Su-34, além de caças Su-25.

A expectativa é que, em meados de outubro, dois navios equipados com mísseis de cruzeiro Kalibr-NK sejam reposicionados no mar Mediterrâneo em direção à Síria, assim como seja implantado o porta-aviões Almirante Kuznetsov, com caças Su-33 e Mig-29K/KUB e helicópteros de combate Ka-52K a bordo.

FONTE: Gazeta Russa

89
Deixe um comentário

avatar
89 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
47 Comment authors
timuskukiijose luiz espositoONUManoel Jorge Marques Neto Marqueshoratio nelson Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Epaminondas
Visitante
Epaminondas

Tá quente esta região… quero ver quais serão as opções do Tio Sam…

bosco123
Visitante

Não existe míssil sup-ar russo com alcance de 400 km. O alcance horizontal máximo do sistema S-400 é de 200 km (chorando, 250 km).
O míssil 40N6 nunca entrou em operação, mas como os russos contam com o ovo no furículo excretório galináceo há 10 anos não será agora que eles irão negar que esse míssil existe.

bosco123
Visitante

Mesmo que existisse o 40N6 esse gráfico é intelectualmente desleal e tecnicamente incorreto. Deveria ter um círculo menor no centro, com uns 30 km de raio, mostrando a real abrangência da cobertura do sistema S-400 em qualquer altitude.

bosco123
Visitante

Há alguns anos RWRs de boa qualidade eram raros até nos aviões americanos. Alguns sequer os tinham. Hoje, esse equipamento é padrão e os caças podem simplesmente se programar de não ficar expostos no horizonte radar tempo suficiente para uma detecção, acompanhamento, solução de tiro e muito menos o engajamento.
Alguns caças como o F-35 e F-22 possuem não só um simples RWR, mas sim uma completa suite ELINT.

Marcel Danton Silva
Visitante
Marcel Danton Silva

A verdade é a seguinte. Papo furado essa estória de “primavera árabe”. Tudo isso foi estratagema EUA e Europa (seu núcleo duro) para desestruturar governos “não amigos” e colocar “democracia” a força num povo não acostumado a isso. Um povo servil à seita de Ala. Deu tudo errado e o caldo entornou com levas de refugiados assolando as fronteiras europeias. Inglaterra saiu fora por causa disso. Sim! Holanda/Inglaterra/EUA a mesma do greenpeace, direitos humanos, etc..etc que ficam enchendo o saco aqui no Brasil, pedindo dinheiro no metrô. Criticam o muro dos outros, mas correm para fazer os seus. Criticam o… Read more »

Mauricio R.
Visitante

A regra básica de engajamento americana é atacar, somente se for atacado.

Ivan da Silveiraa
Visitante
Ivan da Silveiraa

Boa tarde Acho engraçado essa história, como algumas pessoas não percebem que a Rússia já perdeu na Síria? Mesmo se vencer essa guerra e a Síria voltar a ser governada pelo ditador ainda será uma derrota. Como vai ser lembrada daqui 10 anos? Como um país que utilizou de uma guerra externa para tirar o foco dos grandes problemas internos da Rússia? Como um país que se aliou a um ditador? Para defender bases de petróleo e uma base naval? Como um país que foi contra vários países árabes, contra vários países europeus, contra os EUA para defender um homem… Read more »

augusto
Visitante
augusto
augusto
Visitante
augusto

Melhor analise da guerra ate agora, pra quem sabe lê ingles

sergio
Visitante
sergio

Interessante é que PUTIN tem 70% de aprovação da população estando em seu terceiro mandato…Será tão ruim assim ?

Giancarlo Marcondes Abrão
Visitante
Giancarlo Marcondes Abrão

Existe a sua versão, a minha versão e a verdadeira. Eu ficaria com um pé atrás diante da versão americana. O buraco é bem mais fundo e essa situação não é para ser vista com os olhos da mídia e sim para ser olhada com base em um nível bem mais amplo. Basta se perguntar qual no real interesse de se controlar a região. Garanto que a última das possibilidades seria humanitária.

Agnelo Moreira
Visitante
Agnelo Moreira

Há pouco tempo ouvi uma jornalista russa respondendo sobre Putin. Ela dizia o seguinte: Putin faz o povo russo se sentir poderoso… Faz a Rússia parecer poderosa. Pra nós (russos) isso é essencial.

Carlos Campos
Visitante
Carlos Campos

Sérgio existe provas que as eleições Russas são fraldadas, vc acha que pesquisa de satisfação é confiável? mesmo que seja um governo bem visto, por quanto tempo manterá a popularidade se o país entrar em recessão? pq a Rússia está cheia de problemas, não tanto quanto o Brasil.

Matheus
Visitante
Matheus

Carlos Campos 11 de outubro de 2016 at 16:45

Ah amigo, a Russia esta BEM pior.

Hawk
Visitante

Marcel Danton Silva 11 de outubro de 2016 at 14:37 vou concordar com você… Pra mim o ocidente conseguiu uma baita sarna para se coçar que não vai aliviar tão cedo….

Ronilson
Visitante
Ronilson

Bom a russia tomo a Crimeia os arianos do Norte não mandaram suas tropas, a russia foi para a siria proteger o assado os arianos do Norte não mandaram suas tropas pode isso Arnaldo

Ronilson
Visitante
Ronilson

Esqueci da Geórgia e os arianos do Norte não mandaram as suas tropas kk

zorannn
Visitante

É muita bobagem! . Quem disse que a democracia é a solução de todos os problemas? Em muitos lugares esta porcaria não funciona. Este papo furado de que países só são sérios se defendem a democracia? . Há um texto de um livro (que não vou me lembrar o título) que retrata bem as diferenças entre ditaduras e as tais ‘democracias’: “a democracia é a forma de governo onde é mais dificil de um país dar certo ou dar errado”. Simplesmente porque demoram anos para que as mudanças sejam feitas, tanto para o bem, quanto para o mal. A coisa… Read more »

Ronilson
Visitante
Ronilson

Iraque 1991 60 países liderados pelos arianos atacaram o sadan.
Afeganistão 2001 vários países liderados pelos arianos bombardearam homens das cavernas armados com ak47.
Iraque 2003 exercito iraquiano totalmente fragilizado pelas maiores sanções da história os arianos fizeram um passeio.

Claudiney Martins
Visitante

Ivan, parece-me que a Russia não entrou na guerra para defender a pessoa do Presidente Assad, mas para defender os seus interesses que, pode acreditar, vão além do petróleo (?) e da base em Tartous. . A perda da sua influência na Síria é com certeza um assunto de primordial importância para a Russia que se sente sufocada pelos avanços da OTAN. Neste aspecto, além da ascendência pesa a perda de mercado. A Líbia foi uma experiência negativa e um erro, pelo ponto de vista deles, quando aceitaram o ataque aéreo sobre as forças de Gadhafi. Eles fizeram exatamente o… Read more »

Matoso
Visitante
Matoso

zorannn penso a mesma coisa. Democracia é para um povo educado, alfabetizado e desenvolvido mentalmente e emocionalmente. A maioria aqui nem sequer sabe ler um texto simples e interpretar o mesmo.

romário
Visitante
romário

Se o pré sal fosse na Rússia, o povo russo ou o governo russo abriria mão dessa riqueza?

augusto
Visitante
augusto

Claudiney entao voce é a favor de ‘espaço vital’ ? Depois os russofilicos nao gostam de ser chamados de nazistas mas fazem por onde

Renê Reis
Visitante

vixe tao falando grosso mesmo , to começando a achar que o mundo era mais seguro nos tempos da guerra fria onde tínhamos a paridade entre as duas superpotências .

Leo Neves
Visitante
Leo Neves

Mestre Bosco O senhor acha que os russos não tem a capacidade de desenvolver o 40N6 ou simplesmente não o terminaram de desenvolver e o compraram? Pois eu também não sabia das bombas KAB-500 guiadas por Glonass, pensava que elas nunca tinham entrado em serviço… O mesmo pensava dos mísseis Kh-101 com desenho furtivo e sistema de imagem na fase final de vôo para determinar o alvo, jurava que não estava em serviço, aí veio os russos e usaram tudo isso na Síria… O senhor não acha facilmente possível os russos terem agora a pouco tempo ter adquirido e estarem… Read more »

bosco123
Visitante

Leo, Todo mundo sabia das KAB-500, que é a família de bombas guiadas russas na faixa de 500 quilos. A KAB-500S, guiada por satélite, é que não se tinha certeza que já havia sindo implantada embora já se sabia estar pronta há anos. A utilização dela na Síria foi uma surpresa mas nada de extraordinário. Sabia-se que a Rússia tem uma ampla família de armas ar-sup guiadas. A surpresa foi utilizarem a versão “S”, guiada por Glonass mas simplesmente por não ter sido noticiado e não por qualquer outra razão. O Kh-101 já era conhecido por todos. A estranheza foram… Read more »

donitz123
Visitante

Então foi instituída uma zona de exclusão sobre Damasco. Qualquer coisa que não seja russa ou síria estará no lugar errado. Talvez isto revele uma preocupação russa contra uma possível operação de decapitação contra os militares sírios.

bosco123
Visitante

Leo,
Se fosse feita a estreia do 40N6 na Síria, isso teria sido noticiado em letras garrafais. Os russos não iriam perder essa oportunidade.
O mais provável é que o 40N6 não exista, mas o 48N6E dá ao sistema S-400 um alcance de 250 km o que já é muito bom. Na verdade é o melhor desempenho cinético dentre os mísseis sup-ar lançados de terra. Só é superado pelo sistema naval americano Standard com os mísseis SM-2 Block IV e SM-6, com mais de 270 km de alcance.

Tamandaré
Visitante
Tamandaré

zorannn disse: . “Não existe sistema perfeito e nem receita pronta. A democracia não é a salvação do planeta. E já passou da hora de rediscutirmos a nossa. A minha geração foi perdida acreditando neste papo furado de democracia que no fim, até agora não funcionou. Então vamos discutir isto sem preconceitos. 80% da população brasileira não viveu a ditadura. Falam oque leem em livros, acreditam no que outros falam, não passaram pela experiencia. . Não existe nem 8 e nem 80. . O oriente médio é todo formado por países com fronteiras que não representam a divisão dos povos,… Read more »

bosco123
Visitante

Leo, Os russos e seus órgãos de divulgação/propaganda sabem muito bem que há um exército de fãs no mundo (no Brasil então… ) que exalta a Mãe Rússia principalmente por acharem que ela representa um contraponto ao capitalismo selvagem e ao imperialismo americano. Sem falar que no passado ela mesmo é que financiou todo esse movimento “revolucionário” no mundo, coaptando a mente principalmente dos jovens rebeldes sem causa (adolescentes e suas batalhas contra os moinhos de vento só para sacanearem com os país caretas e chatos), filhos do consumismo desenfreado e que utilizaram como forma de purgar a bonança em… Read more »

Ronilson
Visitante
Ronilson

Bosco
Me diga qual a influência cultural, econômica, social ou comportamental que os russos exercem no Brasil. Os eua sim exercem todas essas influências e um pouco mais.e já basta de ideologias baratas aff isso aqui e um blog para entusiastas militares e não de ideologias affffff

augusto
Visitante
augusto

Ronilson o Bosco se refere a campanha de subversão que os russos fazem através da mídia. Seu comentário é uma prova disso kkkk, alias como o de muitos aqui

Ronilson
Visitante
Ronilson

Augusto
Que mídia cara você tá falando da Sputnik kkk só rindo mesmo, se vivêssemos nos países comunistas na época da União soviética concordaria com você amigo,mas vivemos no Brasil a mídia é totalmente americanizada basta o Obama soltar um pum lá na casa Branca que já é notícia no jornal Nacional.

augusto
Visitante
augusto

Ronilson é melhor para pq ta feio pra você !

Leo Neves
Visitante
Leo Neves

Bosco Concordo… Quero dizer no sentido de que os russos estão gastando uma nota preta em vários lançamentos de mísseis de cruzeiro… E segundo você eles tem a capacidade de desenvolver tal míssil com, 400km de alcance… Entao eles não estão ligando muito se vai gastar muito dinheiro, eles querem mostrar ao mundo o que tem de melhor e o que podem fazer… A todo canto falam que o S-400 tem um míssil de 400km de alcance… Realmente até hoje não mostraram… Como não mostraram a Kab-500S, e como ainda não mostraram, mas vão mostrar o X-58 nos Mig-29K embarcados…… Read more »

Ronilson
Visitante
Ronilson

Augusto
Então me fala que mídia a russia faz campanha de subversão no povo brasileiro, e me fala qual influência a russia exerce sobre o brasil

bosco123
Visitante

Leo, Pode ser que você esteja certo. Se tiver eles irão dizer, oficialmente, não pela “Gazeta”. – Ronilson, 9 de cada 10 professores universitários são comunistas. Todos os sindicatos de trabalhadores são comunistas. Todos os grêmios estudantis são comunistas. Todas as escolas públicas são dominadas por professores comunistas. Todos os movimentos sociais são comunistas. Tirando a Trilogia, todos os blogs que tratam do tema “defesa” têm claramente um viés pró-Rússia/China, ou seja, antiocidental. E você quer nome de mídia??? Me explique porque as escolas públicas (só pra citar um exemplo), que em tese têm os melhores professores (passaram nos difíceis… Read more »

Ronilson
Visitante
Ronilson

Bosco
Quem falou de mídia foi você e o Augusto, voce costuma fazer esse tipo de coisa acusar os outros de falar aquilo que você falou, isso é coisa de esquerdista em kkk. Mas me fala de onde você tirou esses dados aí de que cada 10 professores 9 é comunistas etc etc etc, que tem comunistas eu não duvido

Ronilson
Visitante
Ronilson

Bosco
Eu gosto muito do Olavo de Carvalho sou um inscrito no seu canal,e assisto todos os programas do terça livre eu odeio o comunismo até porque não deu certo em lugar nenhum. Acho exagero esse tal de comunismo no Brasil o pt tentou e se ferrou kkk

Ronilson
Visitante
Ronilson

Bosco
Eu só quero saber porque trazer ideologias de comunismo, capitalismo, democracia x regimes ditatoriais ou bem estar social de cada nação para um blog de Defesa , onde se discute sobre equipamentos militares

Humberto
Visitante
Humberto

Bom, eu apanhei da polícia pois fui nas ruas pedir o direito de votar para presidente (um pouco antes das diretas já). Valeu a pena? Vendo uma Dilma, Lula, Color, Sarney, Itamar tem hora que acho que não, para mim só o FHC teve alguma pinta de presidente se comparado com os que tivemos. Mas uma coisa que muitos esquecem ou não sabem como foi. Se por um lado, os presidentes militares foram internados em hospitais militares (ao contrário do nosso presidente Lula que teve a cara de pau de insinuar que o nosso sistema de saúde deveria ser usado… Read more »

Humberto
Visitante
Humberto

Bosco123, só complementando o que vc escreveu.. Já fui professor, adoro ministrar aula pois gente nova renova a nossa energia, sai de lá pois para mim, o mercado (trabalho com TI) me remunerava melhor. Uma coisa que aprendi com alguns professores (doutores e mestres) e é ai que gostaria de acrescentar no seu comentário, um típico professor não é comunista (a maioria nem sabe o que é isto) e sim um acomodado, que tem dezenas de teorias na cabeça mas que está desligado com a realidade do mercado, tem a petulância de afirmar que o mercado faz tudo errado MAS… Read more »

Luciano
Visitante
Luciano

Hum…os russo estão apertando o cerco contra os “grupos moderados”. Aos poucos Assad foi aumentando as áreas de controle…os russos tomaram essa briga pra si e a população no fogo cruzado pagando o preço! … Bosco, boa noite. Desculpe-me, mas aqui vou discordar de vc. Vc tem um excelente conhecimento de armamentos, especialmente misseis, defesa e assuntos relacionados, mas parece ter uma visao muito superficial e preconceituosa sobre a educação pública e seus profissionais. Falo isso porque sou professor de história da rede pública e privada (este ano faço 20 anos de sala de aula). Deixa eu dar um exemplo… Read more »

Luciano
Visitante
Luciano

#queira

Ivan da Silveiraa
Visitante
Ivan da Silveiraa

Bom dia Não me refiro as ações da Rússia em face do seu poderio militar. Aliás, tomar decisões apenas no fato de ser forte militarmente é uma desvantagem. Mas faço em relação as decisões tomadas. São decisões que vão na contramão do progresso da Rússia. É uma verdadeira maquiagem. Eu sinceramente não acho inteligente essa postura. Todos nós sabemos que a influência da Rússia no mundo é pequena, essa é uma analise sem paixões, nós sabemos que tirando o quesito “militar” de resto é insignificante. Mais insignificante será quando os seus vizinhos deixarem de ser em partes dependentes do gás… Read more »

Professor
Visitante
Professor

O Bosco chamando todos os professores de comunista? Acho que se ele fizesse uma relação de todos os que ele considera serem, acho que chegaríamos a conclusão que o Brasil tem cerca de 400 milhões deles.

Mas peraí? qual a população do Brasil mesmo? Acho que precisamos corrigir o censo do IBGE.

Cuidado hein, Bosco. Não vá achar que tem comunista debaixo da sua cama.

Marco Esteves
Visitante

Sinceramente, nessa Guerra Fria, os EUA não se metem, creio que com os F 35 ( elefantes brancos) – F 22 ( Detectado por Radar Quântico a 100km de distancia mesmo sendo STEALTH) e mesmo falando que a RUSSIA é falida…. Sem contar com o RH americano extremamente amadores, tentam ganhar com números, propaganda e todos os Recursos materiais Bonitos porem nada funcionais. Sistema de GPS bloqueado e embaralhado facilmente pela Russia /China lembram dos fogos amigos na guerra do Afeganistão e comboios de suprimentos perdidos por semanas. FICA A DICA.

Alamo Bickerbrath
Visitante
Alamo Bickerbrath

acho que o brasil deveria se juntar as potencias ocidentais pra combatre o inimigo comum
somos irmãos dos americanos e queremos eles aqui
não vejo problema nenhum em assumir que somos subalternos dos eua, essa foi a melhor coisa que ja nos aconteceu
quem quer ser subalterno da russia ou da china?
certo está o governo e os militares de agora em entregar o presal e a base de alcantara pra os eua antes quem venham outros e tomem a força ja que não temos capacidade de no defender sem ajuda dos nossos aliados americanos

Humberto
Visitante
Humberto

Caro Alamo,
Entendo o que você quis dizer, é melhor estar na esfera dos Americanos do que dos Russos e da China mas subordinado também não né???
A China deseja importar e o Brasil exportar commodities, ótimo. Os gringos querem turistas brasileiros em Miami e NY e nós importamos iphones, note, roupa etc (que são montados na China) dos EUA, ótimo também.
Mas nada de entregar para os Gringos ou para os Chineses..

control
Visitante

Srs A Siria era um Estado, mas não existia como nação; ela era (é) um aglomerado de grupos, tribos e seitas que eram controlados por uma ditadura e que hoje lutam entre si. Antes parte do império otomano, criada pelo mandato da França delegada pela Liga das Nações, teve seu território definido no mapa sem preocupação com identidade cultural ou religiosa. Tal aglomerado era instavel e explodiria um dia em conflitos, o que aconteceu. E, sendo do interesse de alguns países da região e do Ocidente, tal conflito foi alimentado e levou a situação presente. Poderia ser resolvido? Provavelmente sim,… Read more »