Home Foto Apaches britânicos no HMS Ocean

Apaches britânicos no HMS Ocean

639
16

Durante dois dias, duas aeronaves Apache do 4º Regiment Army Air Corp, embarcaram no HMS Ocean, para realizarem exercícios no Mar do Norte.

Oito pilotos se qualificaram para operar embarcado nos meios da RN, realizando diversos pousos e decolagens, diurnos e noturnos.

A qualificação alcançada pelos tripulantes do Exército Real, recém chegados do Afeganistão, aumenta a capacidade de utilização desta versátil aeronave de combate.

FONTE: RN

16
Deixe um comentário

avatar
16 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
10 Comment authors
papagaioZé das CouvesChristianoJonas RafaelMarcelo Tadeu Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Challenger
Visitante
Challenger

Esse bichão é lindo, e imponente!

Será que os EUA ou os Britânicos, seriam capazes de liberar a venda dos Apache “Full”, para o Brasil?

F-15
Visitante
F-15

Bonito demais!!!
Vou pedi ao meu pai um desses no dia das crianças =)

Lucas Calabrio
Visitante
Lucas Calabrio

Prezados Um histórico retirado do blog Campo de Batalha 10 Junho 2006 BOEING AH-64 D LONGBOW APACHE. O terror dos tanques de guerra. DESCRIÇÃO O Helicóptero Boeing AH-64 Apache foi projetado pela extinta Mc Donnell Douglas, conhecida fabricantes de caças clássicos como o F-4, F-15, F/A-18, e depois que essa empresa foi adquirida pela Boeing, a linha de montagem do Apache passou para esta ultima. O apache foi desenvolvido como resposta à necessidade de neutralizar, pelo menos em parte, a extrema superioridade numérica de tanques soviéticos e do antigo Pacto de Varsóvia, que, embora, tivesse uma menor tecnologia, possuía uma… Read more »

Lucas Calabrio
Visitante
Lucas Calabrio

O Apache é equipado com blindagem capaz de “segurar” impactos diretos de projéteis de 23 mm, na “banheira”, ou como preferem alguns, na cabine.. Essa capacidade era fundamental, na época de sua concepção, na medida que o principal sistema antiaéreo de curto alcance soviético era o sistema ZSU 23 Shilka, que era composto por 4 canhões de 23 mm que disparavam, cada um, 800 tiros por minuto, saturando de balas o espaço aéreo até 2.5 Km em volta do canhão! O armamento do Apache é outra característica notável deste poderoso helicóptero.

Lucas Calabrio
Visitante
Lucas Calabrio

Ele é armado, normalmente, com um canhão “Chain Gun” M-230 de 30 mm. Esse canhão dispara 625 tiros por minuto e sua munição, uma granada de 30 mm, é capaz de destruir, praticamente, todos os blindados sobre rodas e causar estragos feios em tanques mais pesados de esteira. Além do canhão, voltando ao armamento transportado, o Apache é equipado com 2 casulos de lançamento de foguetes de 70 mm. Esses casulos transportam 19 foguetes cada um, e são usados para destruir alvos pequenos. Eles podem, por exemplo, perfurar a leve blindagem dos blindados de transporte de tropas, sobre rodas e… Read more »

Lucas Calabrio
Visitante
Lucas Calabrio

A chave da capacidade todo o tempo do Apache é conseguida através do uso dos sensores TADS/ PNVS , que consiste de num conjunto de câmeras de tv, com sensores infravermelhos e de um laser designador de alvos. Com esse sistema, o Apache voa em alta velocidade, em baixíssima altura e a noite, com visibilidade zero. O TADS/ PNVS proporciona uma visão clara em qualquer condição. Mais recentemente, foi incorporado a este magnífico sistema de armas o radar de ondas milimétrica, Northrop Grumman Longbow,. Este radar permite designar alvos e fazer a identificação passiva de radares hostis. Uma outra vantagem… Read more »

Lucas Calabrio
Visitante
Lucas Calabrio

O desempenho em vôo do Apache é extraordinário. Ele tem potência de sobra graças ao seus dois potentes motores General Electric T700 GE 701 com 1696 HP cada. O Apache é rápido, muito manobrável e ágil. Sem dúvidas é um helicóptero difícil de acertar e mesmo que atingido, é difícil de cair. Seus motores agüentam 30 minutos de vôo sem óleo nenhum, ou seja a seco, caso seja atingido no motor. Essas qualidades superlativas tornaram esse helicóptero algo caro. Ele custa, hoje,algo em torno de U$ 25 000 000,00 a unidade, sendo um dos mais caros helicópteros de ataque do… Read more »

Lucas Calabrio
Visitante
Lucas Calabrio

FICHA TÉCNICA
Velocidade máxima: 300 Km/h
Velocidade de cruzeiro: 260 Km/h
Alcance: 400 km com combustível interno e 1900 Km com combustível externo.
Razão de subida vertical: 474 m/min
Fator de carga: +3.5/ -0,5 G
Altitude maxima: 5915 m
Armamento: Um canhão M230 Chain Gun de 30 mm com 1200 tiros, Misseis AGM114 Hellfire, Misseis AGM 122 Sidearm antiradar, Mísseis AIM-9 Sidewinder para combate aéreo, e mísseis Stingers contra helicópteros. Lançadores de foguetes Hydra 70 de 70 mm. Até um total de 770 kg de carga externa.
Abraço

Lucas Calabrio
Visitante
Lucas Calabrio
Flavio
Visitante
Flavio

Lucas Calabrio ,

Obrigado pela aula….valeu

muscimol
Visitante
muscimol

mas muitos cairam ….parece que nao sao faceis de manobrar.

Marcelo Tadeu
Visitante
Marcelo Tadeu

Quem confirma aquele episódio no Iraque em que um Apache teve que fazer um pouso forçado, sendo abandonado pela tripulação quando foi atingido por um franco-atirador portando um fuzil? Acho impossível isto, mas se alguém puder confirmar!!

Seria espetacular ver um bichão desses na FAB ou na Aviação do Exército, junto com o MI-35, pois, ainda acho este último mais adequado para o ambiente amazônico, é um “pé de boi” nato, deixando os Apaches para operarem no Cerrado, Caatinga e Pampas.

Sds,

Jonas Rafael
Visitante
Jonas Rafael

Apenas com a ressalva de que quem projetou o Apache não foi a MacDonnel Douglas e sim a Hughes, cuja divisão de helicópteros foi depois adquirida por aquela…

Christiano
Visitante
Christiano

Será não fizeram nenhuma modificação já que ele nao foi projetado para ser embarcado.Durante operação no Iraque o longbow,foi obrigado a operr sem seu principais equipamentos devido as falhas provocadas pela fina areia do deserto.

Zé das Couves
Visitante
Zé das Couves

Muito bom o artigo. Só um reparo, se me permitem: no Reino Unido, existe Força Aérea Real e Marinha Real, mas não Exército Real. O nome oficial é apenas Exército, ou Exército Britânico.

papagaio
Visitante
papagaio

Como nem tudo são flores, eles estão sofrendo no teatro de operações do Afeganistão, lugar alto e quente, coisa que helicópteros não gostam. Está sendo retirado o radar milimétrico que há sobre o rotor principal e outros ítens eletrônicos para diminuir o peso e eles poderem acompanhar os Chinook que devem escoltar.
Ouvi falar que sua fuselagem não se adequa a operações embarcadas, por problemas de corrosão.
Abraços,