O Exército Brasileiro aumentou em 35 o número de vagas para os cursos de Formação de Sargentos do Exército, de 1.176 para 1.211. Após o período de estudo, de aproximadamente um ano e meio, os aprovados entrarão na corporação no posto de terceiro sargento, com salário mensal de R$ 2.903.

O órgão oferece 1.190 chances para as áreas de combatente, logística-técnica, aviação e material bélico (manutenção de viaturas). Entre as atividades na área de combatente, por exemplo, está a de comunicações. O militar desse ramo instala e utiliza materiais como rádios-transmissores e telefones.

Para a área de música, são 21 oportunidades para as especialidades de tuba, trombone, trompete, saxofone e clarineta. O Exército informou, por meio do Centro de Comunicação Social, que essas seleções são abertas anualmente devido às vagas referentes a aposentadorias, exonerações e para o quadro de reserva do órgão.

As inscrições estão abertas e podem ser feitas até o dia 20 de julho por meio da página. A taxa de participação custa R$ 70. Para concorrer, é preciso ser do sexo masculino, ter concluído o ensino médio e idade entre 18 e 24 anos até 30 de junho de 2011.

Todos os candidatos farão exame intelectual, de aptidão física, revisão médica e comprovação de requisitos biográficos. De acordo com a área disputada, haverá também avaliação psicológica e inspeção de saúde.

O curso de formação de sargentos é realizado em duas etapas. Primeiro, os aprovados passam pelo período básico, com duração 34 semanas, em uma das Organizações Militares de Corpo de Tropa (OMCT) do Exército. Depois, os candidatos passam pela fase de qualificação, com duração de 43 semanas, que é realizado em MG, RJ e SP.

No total, o Exército está com nove processos seletivos abertos, com oferta de 2.344 vagas para candidatos de níveis médio e superior. Os editais podem ser conferidos nas páginas www.espcex.ensino.eb.br, www.ime.eb.br, www.esaex.ensino.eb.br/esaex e www.ibfc.org.br.

Tags: ,

Jornalista especializado em temas militares, editor-chefe da revista Forças de Defesa e da trilogia de sites Poder Naval, Poder Aéreo e Forças Terrestres. É também fotógrafo, designer gráfico e piloto virtual nas horas vagas. Perfil no Facebook: https://www.facebook.com/alexandregalante

16 Responses to “Concurso para sargento do Exército” Subscribe

  1. Pedro 8 de julho de 2010 at 23:06 #

    R$ 3K de salario para um 3º sargento, que nem nivel superior tem? O cara mal sabe dar um tiro, trabalha meio expediente e ganha tudo isso? Pqp, isso é revoltante, militar não deveria ganhar mais do que um civil, pois SOMOS NÓS QUE GERAMOS $$$ NESSE PAÍS. E é claro, o dia que tivermos guerra descobriremos que não temos defesa!

    Por isso temos um mega orçamento de defesa e uma defesa só no papel, pois gastamos tudo em salarios altíssimos! Se um sargento ganha isso, imagine um oficial, deve ganhar uns R$ 6K para se cosar o dia todo.

    Detalhe: Na iniciativa privada, tem muita gente com muita experiencia, faculdade, lingua, informática e outros cursos q mal ganham R$ 2K mes, sendo que ainda tem meta e chefe no ouvido. E claro, produz algo, diferente de nossos militares que nada fazem, pois passe a frente de um quartel, e estão lá, jogando volei, baralho, passeando….

  2. Luan 9 de julho de 2010 at 0:54 #

    Pedro.

    Se vc nunca foi militar guarde seu comentário para outro blog.Ou melhor…guarde pra sí mesmo e nos poupe de sua palavras.

    Se vc é revoltado pq fala diversas linguas,tem experiencia,fez faculdade e não conseguiu entrar pro EB,aqui não é o Bar do Moe,portanto não é lugar pra desabafo.

    Grande abraço
    Luan.

  3. Galante 9 de julho de 2010 at 1:10 #

    Pois é Luan, aparece cada um por aqui. Mas vou deixar esse comentário pros outros verem que existe esse tipo de pensamento.

  4. Caipira 9 de julho de 2010 at 9:50 #

    Paisano frustrado?

  5. Andre_Oliveira 9 de julho de 2010 at 10:07 #

    Pedro, eu duvido que você tenha capacidade para passar nesse concurso….Se você já passou da idade e tem curso superior, saiba que ainda dá tempo para ingressar nas FA por meio da Esaex, ou dos cursos de formação de oficiais auxiliares da Marinha e Aeronáutica, mas mesmo assim eu acho difícil…Eu não ganho o salário de um Sargento em início de carreira, mas fico feliz por ver que eles hoje recebem melhor..Antes era um salário de R$ 1.600,00, mas, graças a Deus, ele melhorou..E tem outra: lá só os melhores entram e só os melhores ainda ficam…

  6. Luan 9 de julho de 2010 at 10:19 #

    Caipira,sem dúvidas rss.

    E gostei do avatar,esse cara ta famoso já rs.

    []’s

  7. Cláudio 9 de julho de 2010 at 14:09 #

    O Sr. Pedro foi infeliz no que disse, ou se equivocou todo.

    Pois, o Militar presta um trabalho “altruísta” à sociedade e em prol do Território, ou seja, os Militares das Forças Armadas dão a vida em defesa do Território e em Amor ao Próximo (pessoas como o Pedro também compreendem esse tal próximo).

    Militar, permanece de “sobreaviso”, ou, “alerta” 24 horas/dia, do dia em que é aprovado no Concurso Público mediante publicação em Diário Oficial, até o dia em que a sua aposentadoria é publicada no Diário Oficial da União. A vida em “sociedade” muitas vezes é prejudicada, por peculiaridades que não vem ao caso.

    Ao toque da sirene, não importa se é dia ou noite, chuva ou sol, a parte dos militares que se encontra em “alerta” 24 horas embarcam em seus veículos militares e vão praticar o “tal altruísmo”, em benefício do Território e de seus Habitantes (vários Pedros…).

    Desculpe-me Sr. Pedro !!! Mas os Militares têm o direito de ter um salário que lhes proporcione viver com “DIGNIDADE”.

    Ahhh….não sou Militar, mas admiro muito o “Formalismo” existente no meio militar. Ademais, é por meio da Doutrina Militar adequando-a a vida civil que as grandes Empresas cresceram e conquistaram mercado consumidor.

  8. claudio (R J) 9 de julho de 2010 at 14:25 #

    R$ 2.900 sem os descontos (internos, FUSEX, P.M. etc), não incluso o desconto de I.R, o salário real é bem menor do que o anunciado.

  9. Cláudio 9 de julho de 2010 at 14:51 #

    Em meus cálculos, coloquei R$ 2.900,00 menos 37% (IR; INSS; Plano de Saúde; Associação; e, algum outro tributo que desconheço).

    Tem situações que a Carga Tributária leva mais que 40% do Salário dos Funcionários Públicos (seja Militar ou Civil).

    Deu “mais ou menos” R$ 1.800,00 “líquido”.

    Levando-se em conta que o risco de perder a vida é inerente ao trabalho, creio que o salário líquido tem que ser maior.

  10. MARCO FERREIRA 9 de julho de 2010 at 16:13 #

    Esse Pedro com certeza nunca pisou num quartel, não sabe o que é ser militar, nem a vida que se leva durante o serviço ativo com transferencias e tudo mais.

  11. Andre_Oliveira 9 de julho de 2010 at 21:46 #

    Faz muito tempo que eu não vou a um quartel, mas, geralmente a rotina diária de um militar é:

    6h: alvorada
    6h30: formatura para o rancho
    7h: desjejum
    8h: formatura/hasteamento da Bandeira
    8h às 12h: execução de tarefas
    OBS: há dias de educação física que são considerados como atividade normal, pois um militar tem que estar bem preparado fisicamente.

    12h às 13h30: almoço
    13h30: retorno às atividades
    18h: encerramento das atividades, rancho
    22h: toque de recolher, rancho

    Isso dia após dia, ano após ano. Não é uma rotina ruim, mas muita gente que passa da rua e vê um militar jogando futebol ou volei, não sabe que isso faz parte de suas atividades obrigatórias..

    O que o leitor desinformado não sabe é que no interiorzão, muitas vezes a única estrutura do estado para atender a população são os quartéis das três armas.

    1 – A engenharia das três forças é parceira do país e atua com grande frequancia em obras civis de todos os tipos.

    2 – O setor médico é , normalmente, o único disponível para a maioria dos brasileiros em muitas áreas do país

    3 – O serviço educacional prestado pelas FA é , da mesma forma que os serviços de saúde , em muitos casos o único apoio que muitos municípios tem no país. Fora isso, as Forças Armadas são o sustentos de milhões de pessoas da sociedade civil que prestam serviços e atuam como fornecedores das FA.

    4 – A despeito de questionamentos que eu faço quanto a atos passados das FA, inclusive em suas intervenções na política e nas ações contra ex-membros ( os combatentes da segunda guerra, por exemplo), elas são e serão o Esteio e o fundamento da nação. País algum vive sem uma força militar que lhe garanta o equilíbrio institucional. Há países que, oficialmente, não possuem Exércitos, mas, na prática suas forças de segurança equivalem a um Exército..

  12. Vitor 9 de julho de 2010 at 23:41 #

    Pedro nao é diminuindo o salário das outras categorias que voce vai melhorar o seu. Tem que lutar por salarios dignos para todos.
    A um tempo atras nao tentei prova para sargento do exercito por causa do baixo salario citado acima. Preferi continuar no Ensino Superior e civil.
    Agora que vejo melhorou nao fico triste por nao ter feito o concurso mas feliz pela valorizacao da categoria. Agora eles tem o salario digno que qualquer pessoa deveria ter neste pais.
    Abraco a todos e boa sorte a quem for tentar. Tem muitas areas para se especializar la dentro.

  13. V.T.G 10 de julho de 2010 at 8:37 #

    Perdoem-no, muito provavelmente não passa de um garoto.

  14. J. Claro 15 de julho de 2010 at 23:07 #

    Tem gente que anda com vontade de se suicidar, frustrado e destilando seu veneno nas nossas mais que sagradas instituições Militares. Gente que pensa dessa forma com certeza a pátria não precisa. O que noto no meio de atuação em que eu estou inserido, é que o povo apóia, confia nas nossas FFAA. Não faço parte desse mundo militar, mais desejo as melhores equipagens e soldos dignos pra todos

  15. Freire 20 de julho de 2010 at 15:02 #

    Pedro vc é realmente um Idiota, rsss, sabe quanto ganha o amiginho do Lula Indicado para ser Juiz do Supremo tribunal Federal + ou – R$25.000,00, o Cara tem 40 anos, Um General de Exercito com 40 anos de serviço deve ganhar + ou – R$8.000,00 , viu idiota.

    BRASIL.

  16. Malinoski 27 de agosto de 2010 at 17:59 #

    Podem criticar a vontade os militares, não somente o exército mas as forças auxiliares (PM), qual seria o salário justo para alguém que mesmo com o risco da própria vida se dispõe a enfrentar tantos riscos em prol de alguém que nem sequer conhece? Esta é a realidade dos Militares, quando atuam sempre são criticados pela parte que se sente ofendida, quando impedidos de atuar por determinações superiores, são acusados de omissão.

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.

Exército Brasileiro vai escolher seu veículo blindado 4×4

Avibras Tupi

Victor Barreira, Lisboa Quatro empresas do setor têm até meados de dezembro para entregar ofertas ao Exército Brasileiro para um […]

‘Call of Duty: Advanced Warfare’ considerado o maior lançamento de entretenimento do ano

Call of Duty Advanced Warfare

A Activision anunciou que Call of Duty: Advanced Warfare tornou-se no maior lançamento de entretenimento de 2014. Segundo a produtora, […]

Baixe 7 edições da revista Forças de Defesa e doe quanto quiser

FD Capas

Agora você poderá baixar para o seu computador, tablet ou smartphone as melhores reportagens da nossa revista impressa Forças de […]

Vídeo: Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras (Sisfron)

sisfron

O Brasil possui cerca de 17.000 km de fronteiras terrestres, estendendo-se do Amapá até o Rio Grande do Sul. Essa […]

Militares russos visitam o Brasil para estreitar cooperação em defesa antiaérea

russia_inter3

Brasília 20/11/2014 – Uma Comitiva da Federação Russa realizou visita ao Brasil nesta semana para conhecer a parte operacional dos […]

FGV: Forças Armadas no topo do nível de confiança

Forças Armadas

Pesquisa da Fundação Getúlio Vargas apontou que as Forças Armadas lideram o ranking das instituições com nível de confiança de […]