Home Indústria China revela seu MBT-3000 no Zhuhai 2016

China revela seu MBT-3000 no Zhuhai 2016

10733
75

mbt-3000-1

A Corporação das Indústrias do Norte da China (Norinco) apresentou a versão mais recente do seu tanque de batalha principal de exportação MBT-3000 na 11ª Exposição Internacional Aeroespacial e de Aviação da China (Airshow China 2016), em Zhuhai.

A versão atualizada do MBT-3000 foi equipada com um novo tipo de estação de controle remoto de armas (RWS), que pode aceitar até uma metralhadora pesada de 12,7 mm. O MBT-3000 é também conhecido pela designação VT-4.

O MBT-3000 é protegido por uma blindagem composta e uma blindagem explosiva reativa nos arcos frontais. Os lados da torreta são protegidos por blindagem ERA, enquanto o casco lateral é protegido por saias de borracha reforçadas com aço. O MBT-3000 pode também ser equipado com o sistema “softkill” de proteção ativa GL5.

O tanque está equipado com canhão de 125 mm e “autoloader”.

Recentemente o Exército Real Tailandês (RTA) assinou um acordo com China para adquirir o MBT-3000 produzido pela Norinco.

mbt-3000-2

mbt-3000-3

mbt-3000-4

75
Deixe um comentário

avatar
74 Comment threads
1 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
34 Comment authors
Cadudonitz123OplitaDaniel DutraCarlos Alberto Soares-Israel Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Renato Clementi
Visitante
Renato Clementi

Diz ai se não lembra o Osório !!

Matheus
Visitante
Matheus

Autoloader + 125mm

Deve ser tão pesado quanto o Armata.

MelkyCavalcante
Visitante

O Sistema de autoloader não deixa o tanque mais pesado, é um sistema simples e já é empregado pelos russos desde o T-64 (esse sistema chinês é uma cópia do russo), em teoria até diminui o peso, já que o tamanho da torre pode ser reduzido com a retirada do municiador. O maior problema desse sistema autoloader em carrossel é que usa um sistema de armazenamento de munições em carrossel (Óbvio) no piso do tanque, sem nenhuma proteção, logo abaixo da tripulação, qualquer acerto e o tanque “cozinha” a tripulação, diferente por exemplo do AMX-56 Leclerc, que também usa sistema… Read more »

Tomcat3.7
Visitante

Um dia verei uma postagem sobre o futuro MBT brasileiro fabricado por aqui como fora o Osório e o Tamoio no passado, tenho fé. Mas nada contra a compra de bons MBT’s de prateleira p/ EB .

bosco123
Visitante

Bilindado muito bom e muito bonito né?!! Pena que dá muito polobema e costuma caí peção, né?! Muito peligoso ficá peto dele poque uma peção pode caí no dedão do pé, né? 哈 哈 哈 哈
comment image

Bardini
Visitante

Interessante. Eles parecem ter mudado a posição do piloto.comment image

Claudio Moreno
Visitante

Não foi este modelo que deu um baile nos T90 e T72 na maratona de blindados na Russia?

CM

Melky Cavalcante
Visitante
Melky Cavalcante

Matheus 4 de novembro de 2016 at 15:43 Autoloader + 125mm Deve ser tão pesado quanto o Armata. Pelo contrário Matheus, em tese o peso é reduzido, já que é possível fazer uma torre com dimensões reduzidas, principalmente nesse sistema autoloader tipo carrossel, onde boa parte do sistema é alocado no piso da torre. O principal problema do sistema em carrossel é que as munições ficam desprotegidas e logo abaixo da tripulação, qualquer acerto na torre e vai cozinhar a tripulação, no AMX-56 LecLerc as muniçõee o sistema de carregamento fica na parte traseira da torre, isolada do resto da… Read more »

Melky Cavalcante
Visitante
Melky Cavalcante

Cláudio Moreno, os chineses ficaram em 3° Lugar.
http://eng.armygames2016.mil.ru/page190577.html

Melky Cavalcante
Visitante
Melky Cavalcante

Me desculpem pelo comentário quase duplicado, o primeiro se perdeu por quase uma hora na nossa maravilhosa Internet.

Colombelli
Visitante
Active Member
Colombelli

So louco pra comprar coisa desta gente. Olha os radares do Equador e os misseis da Indonésia. Olhe lá, a muito contragosto de desconfiança, um M-56 que so a norinco ainda produz, e eu ia mandar fazer um raio x no tubo de cada peça antes de incorporar.

Reginaldo Jose da Silva Bacchi
Visitante
Reginaldo Jose da Silva Bacchi

Melky, você me desculpe, mas o Leclerc tambem não tem toda munição no carregador automatico.
No mesmo ficam 22 tiros pronto para uso, e no interior do carro são armazenados mais 18.

Seal
Visitante

Recentemente a China entregou um lote de Lançadores (MRLS) Multiple Launch Rocket System, para o Exército do Bahrein, através da Norinco, um pouco inferior ao Sistema Astros em alcance. O SR-5 é um sistema de lançadores múltiplos de foguetes fabricado pela empresa chinesa NORINCO (China North Industries Corporation). A particularidade do Sistema SR-5 é que ele mistura foguetes guiados de 220 mm – com alcance de 70 km e munição não guiada de 122 mm – para bater alvos a 50 km de distância –, sendo capaz também de disparar mísseis táticos. Este sistema possui a capacidade de trocar os… Read more »

Leo Neves
Visitante
Leo Neves

Bosco
Realmente solta pecinha no dedão Kkkkkkkk
https://encrypted-tbn1.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcTyHv9uPJqgf9EuMAREnZsHo2plvaBFIn91rKOMTKTZP-DrlXZ5zh5XKJIA

Esse tanque chinês levou uma coça dos T-72 modernizados russos, imagina do T-90…

bosco123
Visitante

Tô dizendo!!
Um “pecinha” dessa no dedão deve doer pra chuchu. rsrs
Um abraço Leo.

theogatos
Visitante

Editores: no título está 300 e no texto 3000. É isso mesmo?
.
Sds.

Maximus
Visitante
Maximus

Se for barato de se adquirir e manter, vale a pena, isso se a logística chinesa for boa, pq se for como a russa, melhor quieto…

Maximus
Visitante
Maximus

*melhor DEIXAR quieto…

Carlos Alberto - Israel
Visitante
Carlos Alberto - Israel

theogatos
3000 quando compra
300 quando recebe
ZERO quando opera !
Fui …..
Não tem radar de bolinha eu não quelo.

Cadu
Visitante
Cadu

Kkkkkk….

ScudB
Visitante
ScudB

Fotos da “pecinha” e etc :
http://www.otvaga2004.ru/tanki/tanki-fotogalereya/kitajskij-tank-tip-96b-na-tankovom-biatlone-2016-fotoobzor/
Vale lembrar que mesmo sem a roda de apoio o Type fez uma volta inteira!
Mas o que chamou atenção maior seria falta de potência. Generalizada. Considerando 840 cavalos nos T72B3 – um horror.
Um abraço!

Reginaldo Jose da Silva Bacchi
Visitante
Reginaldo Jose da Silva Bacchi

Eu ia fazer um comentario sobre esta tendencia de não se traduzir “Type” para “Tipo”, mas é melhor ficar quieto.
Continuarei fazendo isto, continuarei escrevendo “Objeto” e não “Ob’jekt”.

Rogério Rufini
Visitante
Rogério Rufini

toda vez que aparece um tanque novo falam do osorio

Delfim Sobreira
Visitante
Delfim Sobreira

Mas que parece o Osório, parece.
Fica a impressão que a China investe em “designs” abandonados pra evitar algum tipo de contestação judicial para fins de exportação.
Ou para queimar etapas de desenvolvimento.
Ou pode ser apenas coincidência.

Leo Neves
Visitante
Leo Neves

Amigo ScudB
Você se refere a falta de potência do tanque chinês?
Não consigo confiar na durabilidade dos blindados ou veículos chineses, já dos tanques russos a durabilidade é enorme, isso se prova nos tanques T-55, T-72 caindo aos pedaços de tantos disparos que foram atingidos e a ferrugem, sem lubrificação ou substituição adequada de peças mas estas trabalhando sem para na Síria, para os dois lados.
E também a blindagem do T-90 já se mostrou eficaz para resistir impacto direto de um TOW
Um abraço

Matheus
Visitante
Matheus

Lembra o Osório um pouco sim, mas é impossivel eles terem “comprado” sem falar com o EB, que são os atuais donos do projeto.

Lembra mais o AMX.

Matheus Henrique
Visitante
Matheus Henrique

E Osório como você faz falta. SDS!!

Reginaldo Jose da Silva Bacchi
Visitante
Reginaldo Jose da Silva Bacchi

Aspecto externo não diz quase nada. O principal está dentro do carro, e não se vê!!!

ScudB
Visitante
ScudB

Para informação (VT4 e VT2) :
http://www.youtube.com/watch?v=OS8FVsNLxpE
Um abraço!

Humberto
Visitante
Humberto

Senhores, temos que olhar para frente. O Osório não foi tão bom para vencer na Arabia Saudita, o EB também não comprou e se o blindado fosse realmente bom, algum fabricante teria comprado o direito de uso (neste mundão, todos querem ganhar com o menor risco).
Sendo fatalista, o VT4 é melhor que o Osório pois é um aprimoramento de versões anteriores ao contrario do finado Osório que ficou na lembrança (e alguns protótipos), Estamos falando em décadas de aprimoramento e desenvolvimento.
Os chineses ao contrário de nós está desenvolvendo e entregando.. Nós aqui..só na expectativa de comprar algo usado.

kfir
Visitante
kfir

A cara do armata…

Reginaldo Jose da Silva Bacchi
Visitante
Reginaldo Jose da Silva Bacchi

Desejo que todos saibam do meu agradecimento ao nosso caro colega ScudB pela gentileza em postar este excelente filme sobre os veiculos blindados chineses, Gostei principalmente do VBCI, dos VBTP 4X4 e 8X8. Excelente.
Estes produtos merecem meu interesse, o carro de combate nenhum. Carne de vaca.

Reginaldo Jose da Silva Bacchi
Visitante
Reginaldo Jose da Silva Bacchi

Cara do Armata??? Nem que a vaca tussa!!!

Claudiney Martins
Visitante

Claudio Moreno, o tanque chinês na maratona era o Type 96.

Reginaldo Jose da Silva Bacchi
Visitante
Reginaldo Jose da Silva Bacchi

Por que não: Tipo 96?

Comanf
Visitante
Comanf

Certamente a minha opiniao pode nao ser a mais correta… mas muito provavelmente a melhor traducao nem sempre seria literal: entenderia-se melhor a interpretassemos TYPE = MODELO.
Acontece o mesmo quando da traducao literal de TROOPS para TROPAS que parece confusa.

Quanto ao Osorio, se estivesse incorporado, acredito que haveria empate nos dias de hoje no caso de um embate com esse modelo chines: seria durabilidade e robustes X a tecnologia embarcada.

Gabriel
Visitante
Gabriel

O design segue a tendência ocidental de linhas retilieas , motor chinês 1300 hp, o peso é relativamente baixo( 52 ton) o que melhora a mobilidade e é claro o poder de fogo de um canhão de 125mm.
Os tailandeses encomendaram 28 unidades para compor uma unidade blindada moderna.
MAS o preço 5,3 milhões de dólares parece não compensar nem um pouco ….melhor comprar Leopard 2a6 zero bala

Matheus Henrique
Visitante
Matheus Henrique

Senhores, temos que olhar para frente. O Osório não foi tão bom para vencer na Arabia Saudita, o EB também não comprou e se o blindado fosse realmente bom, algum fabricante teria comprado o direito de uso (neste mundão, todos querem ganhar com o menor risco). Sendo fatalista, o VT4 é melhor que o Osório pois é um aprimoramento de versões anteriores ao contrario do finado Osório que ficou na lembrança (e alguns protótipos), Estamos falando em décadas de aprimoramento e desenvolvimento. Os chineses ao contrário de nós está desenvolvendo e entregando.. Nós aqui..só na expectativa de comprar algo usado.… Read more »

ScudB
Visitante
ScudB

Amigo Claudiney!
O modelo da competição (pelo menos em 2016) era ZTZ-96B ou Type/Tipo 096b.
Sem blindagem reativa (soldaram carcaça de latão ), sem saia , sem vários equipamentos internos – tudo para “perder” alguns centenas de quilinhos.
Motor turbinado .Fácil de perceber que no inicio de competição estava bem mais ágil enquanto nas últimas tomadas cuspia óleo e fumaça parecendo Almirante Kuznetsov passando Estreito de Dover. Estava demorando muito para chegar na velocidade máxima.
Ponto positivo : atirava mais rápido e era mais preciso que os adversários.
Um abraço!

Reginaldo Jose da Silva Bacchi
Visitante
Reginaldo Jose da Silva Bacchi

Matheus H., o Osorio não foi vendido a Arabia Saudita por que era melhor ou pior. Na minha opinião não foi comprado pela Arabia Saudita porque nenhuma pessoa inteligente iria escolher um carro do qual se tinham construidos 2 prototipos, projetados por engenheiros que jamais tinham projetado outro carro de combate (tank), contra um outro, do qual já tinham sido produzidos cerca de 1.000 carros, projetado por engenheiros que projetavam carros de combate (tank) desde 1918. O resultado do teste para o exercito saudita, foi que AMBOS os carros tinham sido aprovados. A decisão final coube ao Ministro da Defesa… Read more »

control
Visitante

Srs

Não querendo ressuscitar o defunto, mas não é correto falar que o Osório é um projeto ultrapassado quando o Abrahms e o Leopard 2 são da mesma época, até um pouco anteriores, e ainda são os MBT de ponta.
É claro que com melhorias em seu recheio eletrônico e modificações na blindagem e nos recursos de defesa ativa, porém ainda com o velho design básico.
Sds

Leo Neves
Visitante
Leo Neves

ScudB
Então os T-72 modernizados são melhores que esse tanque chinês?
Se sim, o T-90 da baile em qual tanque chinês

Lemes
Visitante
Lemes

Jesus! Porque não deixam o Osório morrer em paz? Na realidade ele nem mesmo “nasceu”. Foi um aborto, um natimorto.

Bardini
Visitante

Off Topic: “FNSS Medium Tank”
https://www.youtube.com/watch?v=9aGJ04E9m8c

Reginaldo Jose da Silva Bacchi
Visitante
Reginaldo Jose da Silva Bacchi

Control, muito bom.
Tão simples, não?
É impressionante como as pessoas gostam de enfeitar a historia do Osório.
Inclusive no momento, no Plano Brazil, um “expert” criou mais mitos sobre esta brilhante criação da engenharia brasileira.

Reginaldo Jose da Silva Bacchi
Visitante
Reginaldo Jose da Silva Bacchi

Control, escreveu uma grande verdade. Com exceção do Leclerc, Ariete e do Armata que foram introduzidos após o Osorio, os carros de hoje não passam de variações sobre os veiculos daquela epoca: T-64, T-72, Challenger, Leo 2, M1 Abrams e mais algum que não me lembro. As inovações são principalmente na area de sistema de tiro e proteção.
O Ariete não apresentou nada de novo. O Leclerc introduziu um excelente carregador automatico,
O unico carro que mostrou novidades sensiveis, e se tornou a meta para ser superado foi o Armata.

Carlos Alberto - Israel
Visitante
Carlos Alberto - Israel

Reginaldo Jose da Silva Bacchi 6 de novembro de 2016 at 9:14
Merkava ?

Reginaldo Jose da Silva Bacchi
Visitante
Reginaldo Jose da Silva Bacchi

O Merkava continua sendo um grande misterio para mim. Sempre considerei este veiculo como o ideal, pela possibilidade de se derivarem facilmente versões como: VBCI, obuseiro auto propulsado etc etc etc. Mas, a colocação do motor dianteiro, segundo uma grande autoridade brasileira (e é mesmo – não estou gozando), causa problemas de oscilações verticais longitudinais (pitch) não aceitaveis a longo prazo, para o conforto/saude da tripulação. Segundo o criterio israelense, o Merkava não era previsto para grandes deslocamentos, e portanto tais oscilações eram aceitaveis a curto prazo. Dentro deste criterio, pode ser o Merkava considerado algo revolucionario? P.S.: Para veiculos… Read more »

bosco123
Visitante

Reginaldo,
Interessante essa informação sobre a “oscilação” do Merkava.
Obrigado!

Heitor
Visitante
Marcelo
Visitante
Marcelo

Da a impressão de que o projeto do “nosso” Tanque Osorio , apareceu misteriosamente na CHINA ……..