domingo, outubro 24, 2021

Saab RBS 70NG

Turista compra MP3 player com dados do Pentágono

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.forte.jor.br
Editor da Revista Forças de Defesa

Um turista neozelandês comprou um MP3 player em uma loja de artigos usados em Oklahoma, Estados Unidos, e descobriu que no aparelho havia 60 arquivos militares americanos, incluindo nomes e telefones de soldados.

Segundo a rede de TV One News, os arquivos continham detalhes pessoais dos soldados americanos, incluindo alguns que serviram no Iraque e no Afeganistão. Um especialista de segurança nacional da Nova Zelândia afirmou que os arquivos não devem ser divulgados, mas que não apresentam grande risco à segurança dos EUA.

Chris Ogle, 29, da cidade de Whangarei, afirmou ter comprado o aparelho por US$ 18 e que só descobriu o conteúdo quando o conectou ao seu computador, de volta à Nova Zelândia.

O conteúdo incluía ainda dados sobre o Seguro Social dos soldados americanos e até mesmo quais soldados mulheres estão grávidas, informou a One News.

Detalhes do equipamento usado no Afeganistão também estavam no MP3 player, em arquivos com nomes como “Bagram”, uma das principais bases militares dos EUA no território afegão. Alguns dos arquivos contém aviso de “acesso proibido pela lei federal”.

A maioria dos arquivos data de 2005 e não devem comprometer a segurança americana, afirmou Peter Cozens, diretor do departamento de Estudos Estratégicos da Universidade de Victoria. Um repórter da rede de TV ligou para alguns dos números de telefone e descobriu que alguns deles ainda estão ativos.

Funcionários do Pentágono disseram à rede de televisão americana CNN que sabem da existência do MP3 player, mas não podem falar até a confirmação da informação.

Histórico

Há dois anos, o Departamento de Assuntos de Veteranos perdeu um laptop com as informações pessoais de milhões de soldados.

No Afeganistão, HDs de computadores com informações militares podem ser encontrados em mercado de rua.

A devolução

O aparelho de MP3 com arquivos do Exército dos Estados Unidos foi entregue a oficiais norte-americanos nesta quarta-feira (28). De acordo com a Associações de Imprensa da Nova Zelândia, funcionários da embaixada dos EUA entraram em contato com Ogle nesta terça-feira (27) e trocaram o aparelho com as informações por um novo, hoje.

Ogle contou que representantes do governo norte-americano perguntaram em quais computadores os arquivos tinham sido abertos e se o neozelandês fez cópias. Entretanto, não informaram o grau de importância dos dados.

Com informações da Folha online/Associated Press/Reuters

- Advertisement -

2 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Patriota
Patriota
12 anos atrás

Caramba estes americanos são descuidados mesmo imaginem se fossem arquivos mais recentes e caissem nas mãos de terroristas ou dos Russos

Luciano Baqueiro
Luciano Baqueiro
12 anos atrás

Finalmente alguma notícia sobre a chegada dos nossos ‘novos’ Leopard 1A5 :

http://www.areamilitar.net/noticias/noticias.aspx?NrNot=725

Salvo engano, foram comprados 240, mas a matéria fala em retirar de serviço alguns M-60 e Leopard mais antigos. Alguém tem alguma informação sobre quantos tanques realmente ficariam na ativa ?

OBS.: Esse Blog anda meio devagar, andando c/ o freio de mão puxado, que tal postarem alguma coisa sobre a história dos tanques ou sobre o maior combate da História : KURSK. Longe de mim querer ensinar Pai Nosso a vigário, essa é apenas uma sugestão, valeu ?

Abraço.

Últimas Notícias

Recife (PE) sediará a nova Escola de Formação de Sargentos do Exército

O CENTRO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL DO EXÉRCITO INFORMA: Na 339ª Reunião do Alto Comando do Exército, realizada de 18 a...
- Advertisement -
- Advertisement -