segunda-feira, agosto 2, 2021

Saab RBS 70NG

Guardas do Wisconsin seguem para o Iraque

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Em 17 de fevereiro, foi realizada a despedida de cerca de 3.200 membros da 32ª Brigada de Infantaria da Guarda Nacional do Wisconsin que esta sendo enviada para o Iraque. Esse é o maior desdobramento operacional dessa grande unidade desde a 2ª Guerra Mundial, quando a então 32ª Divisão de Infantaria (Red Arrow), antecessora da Brigada, esteve em combate por 654 dias consecutivos, mais do que qualquer outra Divisão do Exército dos EUA, no Teatro do Pacifico, com destaque pela sua participação na captura de Buna, Papua Nova Guiné, no inicio de 1943.

Depois de servir em Forte Lewis, Washington, durante a Crise de Berlin em 1961-62, a 32ª Divisão foi desativada e reorganizada como 32ª Brigada de Infantaria (Dispersada).

Desde os ataques de 11 de setembro, varias unidades e soldados da Brigada realizaram missões no Iraque e no Afeganistão, de modo que cerca de metade de suas fileiras sejam compostas de veteranos de um ou mais desdobramentos recentes, sendo que mais de 14.000 membros da Guarda Nacional e da Reserva do Exército das comunidades do estado já foram convocados para o serviço ativo.

A Brigada vem treinando intensivamente desde que recebeu o primeiro alerta de desdobramento no final de 2007. A fase final de treinamento, com duração de três semanas, foi concluída em 30 de janeiro de 2009, no Centro de Treinamento Conjunto do Campo Blanding, Flórida.

Durante a cerimônia foram oficialmente desativadas duas unidades da Brigada, a Tropa E do 105º Regimento de Cavalaria, e o 2ª Batalhão do 127º Regimento de Infantaria e ativada uma nova unidade, o 1º Esquadrão do 105º Regimento de Cavalaria.

Os soldados irão se apresentar no Forte Bliss, em grupos de 400 a 600, até 1º de março para completar os preparativos para o desdobramento.

Unidades ativadas para desdobramento

1º Esquadrão do 105º Regimento de Cavalaria (Reconhecimento, Vigilância e Aquisição de Alvos)
– Comando e Tropa de Comando e Serviços, 1º Esquadrão do 105º de Cavalaria (Madison)
– Tropa A (Fort Atkinson)
– Tropa B (Watertown)

2º Batalhão do 127º Regimento de Infantaria
– Comando e Companhia de Comando e Serviços, 2º Batalhão, 127º Regimento de Infantaria (Appleton)
Destacamento 1, Cia de Comdo. e Serv. (Clintonville)
– Companhia A (Waupun)
Destacamento 1, Cia A (Ripon)
– Companhia B (Green Bay)
– Companhia C (Fond du Lac)
– Companhia D (Marinette)

1º Batalhão do 128º Regimento de Infantaria
– Comando e Companhia de Comando e Serviços, 1º Batalhão, 128º Regimento de Infantaria (Eau Claire)
Destacamento 1, Cia de Comdo. e Serv. (Abbotsford)
– Companhia A (Menomonie)
– Companhia B (New Richmond)
Destacamento 1, Cia B (Rice Lake)
– Companhia C (Arcadia)
Destacamento 1, Cia C (Onalaska)
– Companhia D (River Falls)

1º Batalhão do 120º Regimento de Artilharia de Campanha
– Comando e Bateria de Comando e Serviços, 1º Batalhão, 120º Artilharia de Campanha (Wisconsin Rapids)
– Bateria A (Marshfield)
– Bateria B (Stevens Point)

Batalhão de Tropas Especiais da 32ª Brigada de Infantaria
– Comando e Companhia de Comando e Serviços, Batalhão de Tropas Especiais (Wausau)
Destacamento 1, Cia de Comdo. e Serv. (Merrill)
– Companhia A – Engenharia (Onalaska)
– Companhia B – Inteligencia Militar (Madison)
– Companhia C – Sinais (Antigo)

132º Batalhão de Apoio da Brigada
– Comando e Companhia de Comando e Serviços, 132º Batalhão de Apoio da Brigada (Portage)
– Companhia A – Distribuição (Janesville)
Destacamento 1, Cia A (Elkhorn)
– Companhia B – Manutenção (Mauston)
– Companhia C – Serviços Médicos (Milwaukee)
– Companhia D – (FSC) (Baraboo)
Destacamento 1, Cia. D (Madison)
– Companhia E – (FSC) (Waupaca)
Destacamento 1, Cia. E (Appleton)
– Companhia F – (FSC) (Neillsville)
Destacamento 1, Cia F (Eau Claire)
– Companhia G – (FSC) (Mosinee)
Destacamento 1, Cia G (Wisconsin)

Outras seis unidades, totalizando mais 1.050 soldados foram mobilizadas em 10 comunidades do Wisconsin para reforçar a 32ª Brigada:
– Companhia B (Apoio e Manutenção), 257º Batalhão de Apoio da Brigada (Kenosha)
– 108º Companhia de Apoio Avançado (Sussex)
– 32ª Companhia de Policia Militar (Milwaukee)
Destacamento 1, 32ª Cia PM (Oconomowoc)
– 829ª Companhia de Engenharia (Vertical) (Chippewa Falls)
Destacamento 1, 829ª Cia Eng. (Richland Center)
Destacamento 2, 829ª Cia Eng. (Ashland)
– 1158ª Companhia de Transporte (Beloit)
Destacamento 1, 1158ª Companhia de Transporte (Black River Falls)
– Bateria A, 1º Batalhão do 121º Regimento de Artilharia de Campanha (Racine)

Fonte: American Forces Press Service

Nota do Blog: Não confundir Batalhão de Tropas Especiais com Batalhão de Forças ou Operações Especiais. Tropas Especiais é designação usada para unidades encarregadas de desenvolver missões bem especificas dentro da unidade, e mesmo nas unidades da Ativa do Exército são empregas com o concurso de soldados provenientes da vida civil, sejam eles, Guardas ou Reservistas do Exército, que são convocados por período determinado. Essas unidades desenvolvem trabalhos nas áreas de: Inteligência, Relações Publicas, Operações Psicológicas, Serviço Social, Línguas Estrangeiras, entre outras.

- Advertisement -

7 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
7 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Marine
Marine
12 anos atrás

“Jacahead” Da Silva, (rsrs)

Fiquei impressionado que coloquem (a midia) esse tipo de informacao em fontes abertas, operational security que se dane hein…

Semper Fi!

Roberto
Roberto
12 anos atrás

Desde a 2GM,os EUA vem fazendo modificações no US Army. Em 2002 começou-se afalar em nova organização para as Brigadas e Divisões do US Army.O primeiro passo foi a introdução de um batalhão de Engenharia nas Brigadas,sendo que na 2º guerra do Golfo algumas já contavam com esse tipo de unidade.E em 2004 surgiu a chamada Brigada Stryker.Na fase de reorganização a Brigada foi deniminada Unidade de Ação,sendo que foram concebidos 2 tipos:de Manobras e de Reforço.As unidades de Ação-Manobra,serão as unidades de combate normais,tb com capacidade de atuação independente.Ao serem efetivadas receberam o nome de Brigade Combat Team,passando ater… Read more »

Pinchas Landisbergis
Pinchas Landisbergis
12 anos atrás

P.Q.P.!!!!! haja US$!!!!!! se eles estão em crise , nós estamos em que???????????

Cinquini
Cinquini
12 anos atrás

Marine, esse é o poder da internet, uma informação falada de forma informal e anotada em um pedaço de papel ou mesmo no PDA/Notebook e ai já era, e em um minuto o mundo todo já está com essa informação.

Eu estive recentemente numa unidade do EB aonde tinha avisos por toda a unidade alertando pra tomar cuidado sobre as informações que eles comentam fora da unidade sobre sua rotina e principalmente cuidado com fotos e vídeos de celular que vao para o youtube. Essa preocupação já é uma realidade.

Abração

Marine
Marine
12 anos atrás

Cinquini,

Seguranca operaional existe desde os tempos de Alexandre, apenas nao gosto quando a midia coloca detalhes tao grandes assim em fontes abertas.

Eu mesmo tenho muito cuidado aqui om o que eu ponho no blog, as vezes por mais que eu deseja expliar algo para alguem tenho que me segurar ou dar uma resposta mais ou menos para manter a segurana operaional.

Sds!

Cinquini
Cinquini
12 anos atrás

Marine,

Eu sei disso, vc pensa antes de escrever e toma cuidado mas tem gente que nao pensa e digo mais, tem gente que recebe um agrado pra dar informações assim, nao é? Quantas vezes a gente não vê jornalista dando “furo” de reportagem ou alguma “exclusiva” pq será?

Abração

Marine
Marine
12 anos atrás

Exato e isso me mata de raiva pois coloca a vida dos outros em perigo!

Últimas Notícias

Rússia e China realizarão treinamento conjunto no exercício Zapad/Interaction 2021

A Rússia deve se juntar a um exercício militar no noroeste da China em agosto com o tema de...
- Advertisement -
- Advertisement -