terça-feira, agosto 3, 2021

Saab RBS 70NG

Legionário brasileiro tem prisão preventiva decretada na França

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

O legionário brasileiro acusado de matar quatro pessoas no Chade, no último dia 7 de abril, foi indiciado nesta sexta-feira, na França, “por homicídios dolosos (com a intenção de matar), sendo dois deles agravados por premeditação”, e teve sua prisão preventiva decretada pelo Tribunal das Forças Armadas de Paris, segundo afirmou à BBC Brasil o procurador Jacques Baillet.
Josafá de Moura Pereira também foi indiciado por desvio de armas e de munição do Exército francês. As acusações de homicídio com premeditação se referem aos dois membros da Legião Estrangeira que teriam sido mortos pelo brasileiro.
As outras duas vítimas são um soldado togolês da missão da ONU no Chade e um camponês chadiano. Pereira foi preso em Abéché, no leste do país, na quinta-feira da semana passada.
O brasileiro desembarcou em Paris no final desta tarde (às 12h30 em Brasília), no aeroporto Charles de Gaulle, a bordo um avião militar francês, e foi imediatamente escoltado ao Tribunal das Forças Armadas de Paris.
“O legionário não negou as acusações, mas não quis se expressar sobre a questão nas audiências no tribunal. Sua atitude foi retraída e ele demonstrou estar cansado”, disse o procurador.
“Ele disse que irá se explicar depois sobre as acusações que lhe são imputadas, em condições mais favoráveis”, afirmou Baillet.

Prisão perpétua

Pereira será julgado segundo a legislação penal francesa, já que o Tribunal das Forças Armadas de Paris, que tem competência para julgar crimes cometidos por militares franceses no exterior, é, na realidade, uma corte civil.
O único juiz militar desse tribunal é o encarregado de recolher as provas do processo, tanto da acusação quanto da defesa.
O advogado de Pereira, Eric Morain, poderá entrar com um pedido de liberdade a qualquer momento do processo. O legionário foi levado na noite desta sexta para o presídio da Santé, em Paris.
Ainda não há uma data prevista para a realização do julgamento. O brasileiro pode ser condenado à prisão perpétua na França, afirma Baillet.

Procedimentos

Inúmeros procedimentos jurídicos devem realizados até o julgamento. O juiz irá solicitar, por exemplo, uma avaliação psiquiátrica, um exame médico-psicológico, uma investigação sobre a personalidade do brasileiro, além de elementos sobre sua situação profissional na Legião Estrangeira, afirma o procurador.
Na próxima semana, Pereira será novamente ouvido pelo juiz encarregado de recolher as provas do processo.
Nesta sexta, Pereira passou mais de cinco horas no Tribunal das Forças Armadas de Paris, onde compareceu a várias audiências, com o auxílio de um tradutor. Ele se reuniu também com seu advogado.

FONTE: BBC – Daniela Fernandes
FOTO: Specwar

- Advertisement -

14 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
14 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Higgins
Higgins
12 anos atrás

História nebulosa na qual o nosso patrício alega perseguição… Não descarto tráfico de dorgas nisso aí…

Robrto CR
Robrto CR
12 anos atrás

Higgins
Eu acho que ele não aguentou a pressão. Acompanho o caso em outros sites e ele, aparentemente tem base familiar sólida, com todas as características adequadas para um bom rapaz, já para um soldado tenho minhas dúvidas. Talvez a sua hipótese tenha sido uma rota de fuga. Tenho um parente que lutou nas guerras de independência das colônias portuguesas pelo exército de Portugal e teve comportamento similar, mas não matou ninguém. Infelizmente, alguns não suportam o tranco.

Abs

Angelo D. Nicolaci
Angelo D. Nicolaci
12 anos atrás

de drogas eu não digo mas de armas provavelmente, pois em solo africano quem tem armas tem ouro e diamantes

Getulio - São Paulo
Getulio - São Paulo
12 anos atrás

Este caso é muito interessante. pois eu pensava que os legionários uma vez incorporados seriam tratados como soldados franceses e suas identidades anteriores preservadas. É muito estranho este comportamento das autoridades francesas em não terem preservado a identidade do soldado, até porque, todos deveriam ser inocentes até prova em contrário (condenado após julgamento com trânsito em julgado). O que se observa nesta matéria é que o xenofobismo é crescente na Europa e nesta ótica tudo o que é mau vem de fora do país. Vide agressões a brasileiros na Espanha. O assassinato do brasileiro na Inglaterra (Jean Charles), etc. Creio… Read more »

Bandeira
12 anos atrás

Boa noite,
Pelo pouco que sei, uma vêz alistado, êle passa a responder as leis Francesas, quanto ao nome, se êle informou o verdadeiro nome quando do alistamento, problema dêle, a legião o tratará pelo nome que êle declarar.Outra coisa, se êle cumprir o tempo contratual dêle, será automaticamente considerado cidadão da França, com direto a passaporte e tudo mais, inclusive aposentadoria/pensão

Bandeira
12 anos atrás

Só p/complementar, se não me engamos o lema da legião é “LEGIO, PATRIA NOSTRA”,

Patriota
Patriota
12 anos atrás

Getulio

Muito complicada esta situação, este brasileiro escolheu lutar por outro país assim como viver sobre outro codigo de leis,se ele for culpado deve sim pagar pelo que fez.

mais ainda existe outra questão que deve ser lembrada

muito brasileiro exalta as outras nações e fala muito mal do nosso Brasil e se esquecem que lá fora muitos brasileiros são tratados muito mal pelos europeus.

saudações

lucas lasota
lucas lasota
12 anos atrás

o papel da imprensa, infelizmente e esse mesmo. pra justica o transito em julgado se da dentro do processo, mas para o povo ele eh julgado no momento que sai a reportagem.

sao as deturpacoes do processo penal…

Roberto CR
Roberto CR
12 anos atrás

Eu gostaria de saber porque estou sendo censurado nesse blog. Toda mensagem que eu mando fica aguardando moderação mesmo que não possua link. E agora, um comentário que fiz ontem, 19/04/09, lá pelas 19:30, simplesmente não foi publicado. Não tinha palavrão, não tinha mensagem ofensiva. Qual é o problema?

Otavio
Otavio
12 anos atrás

Do meu ponto de vista,o soldado deveria continuar no Chade
Pense você em uma zona de guerra,não sabendo o momento em que uma bomba pode explodir,uma bala de Dragunov de acertar ou derepente um RPG-7 vindo na direção de seu veiculo!
É muita pressão e nervossismo!

Getulio - São Paulo
Getulio - São Paulo
12 anos atrás

Caro Patriota O caso em sí é lamentável se for verídico. O rapaz perdeu a cabeça, matou dois soldados da legião e mais outros dois. Esta materia me fez verificar na internet que existem sites especializados em agenciar jovens para a legião estrangeira. A matéria da Folha de São Paulo de 10 de abril, afirma que 150 brasileiros integram a legião estrangeira. Creio que não só a legião estrangeira, mas as forças americanos do Iraque e Afeganistão. Consulte o Marine que deve ser colega destes. Quanto a legalidade de um brasileiro servir exercito, forças de outros países, encontrei uma lei… Read more »

Clésio Luiz
Clésio Luiz
12 anos atrás

Quem se alistou lembra que prestou juramento a bandeira. Se foi defender a bandeira dos outros é traidor e merece ser tradado como tal. Esse elemento que aparece na reportagem nada mais é que um mercenário. Defende a bandeira dos outros não pelo amor a pátria, mas pelo dinheiro. E não venham dizer que isso é radicalismo. Guerra é coisa séria e não deve ser tradada pelo lado financeiro. Se esse cidadão achava que o Brasil não lhe deu chances e que a pátria não o amou e resolveu defender outro país é problema dele. Agora o que não pode… Read more »

karioka
karioka
12 anos atrás

infelizmente essa é uma situação chata,porém espero que não prejudique a ida de voluntários brasileiros a legião estrangeira não critico combatentes que vão lutar por outra pátria,se não prestou para um Brasil que preste para outra pátria,em 2002 25 soldados comandos foram dispensados do serviço militar.palavra do nosso general brasileiro da época”não temos dinheiro para manter a tropa”eles sabiam que um dia iriam dar baixa,infelizmente eu era 1 desses homens e ai ?tenho várias opções e uma dela se possível continuar lutando por uma outra bandeira já que para o Brasil somos tratados independente da nossa capacidade como descartáveis e… Read more »

JEOVA PACHECO
JEOVA PACHECO
11 anos atrás

SELVA !!! A TODOS.

ELE NÃO TINHA PQ MATAR SEUS COMPANHEIRO…. PRA TUDO TEM UMA SAIDA AGORA ELE PAGARA POR ISSO , SER UM SOLDADO LEGIONARIO É UMA HONRA!!!E SOBRETUDO UM MISSÃO DE FOLTAR VIVO E CUMPRI SUAS MIÇÕES, ELE SABIA QUE LA A COISA É PRA HOMEM……SELVA BRASIL GUERREIRO DE SELVA Nº3995…CIGS/2002

Últimas Notícias

Assessor de segurança nacional dos EUA viaja ao Brasil

Esta semana, o conselheiro de Segurança Nacional dos Estados Unidos, Jake Sullivan, viajará para o Brasil e Argentina, acompanhado...
- Advertisement -
- Advertisement -