Home Noticiário Nacional General destaca governo Medici e critica cotas raciais

General destaca governo Medici e critica cotas raciais

466
81

Militar era responsável pelo DEP e passou para a reserva

O general-de-Exército Paulo César de Castro, principal responsável pelo ensino no Exército nos últimos dois anos, exaltou ontem o golpe militar de 1964 e ironizou as políticas de cotas raciais na educação. Um dos 14 generais quatro estrelas (posto máximo) do Alto Comando do Exército, Castro elogiou o presidente Emilio Garrastazú Medici, em cujo governo (1969-74) desapareceram dezenas de oposicionistas, e defendeu a Lei de Anistia de 1979 (deu a entender que ela não permite punir militares).

O oficial disse que os “arautos da sarna marxista”, inimigo “astuto e insidioso”, seguem em ação. As afirmações foram feitas no Palácio Duque de Caxias, no Rio de Janeiro, diante do comandante do Exército, Enzo Peri. Castro foi ovacionado por centenas de pessoas, destacadamente oficiais da ativa, da reserva (podem ir a uma eventual guerra) e reformados (não podem).

A cerimônia marcou sua substituição na chefia do Departamento de Educação e Cultura do Exército e passagem à reserva. O departamento dirige dos colégios militares às escolas para oficiais. O novo chefe é o general-de-Exército Rui Monarca da Silveira. As cotas para grupos populacionais no acesso ao ensino são política federal, e o comandante constitucional das Forças Armadas é o presidente Luiz Inácio Lula da Silva -opositor da ditadura militar (1964-85).

O general Castro recordou sua admissão no Colégio Militar: “[Foi] em concurso, sem que jamais me tivesse sido exigida a cor da pele dos meus pais, avós e demais ascendentes ou me tivessem acenado para integrar qualquer tipo de cotas fossem elas quais fossem“. Como cadete, mobilizado pelo comandante da Academia Militar das Agulhas Negras, Emilio Medici, Castro tomou parte na deposição do presidente João Goulart em 1964.

Ontem, o general leu o elogio de Medici “por ter participado do movimento de descomunização do Brasil” e chamou de “revolução democrática” o golpe militar. Para o oficial, o general Medici constituiu “exemplo de honestidade, coragem moral e audácia”. “Sob seu comando, nós, os democratas brasileiros, derrotamos o oponente subversivo durante a Guerra Fria”, afirmou.

Castro, 64, disse ainda que na Força aprendeu a “cumprir todas as leis”, entre elas a Lei da Anistia. No governo, há divergência: para os ministros Tarso Genro (Justiça) e Paulo Vannuchi (Direitos Humanos), a norma não preserva responsáveis por tortura durante a ditadura; o ministro Nelson Jobim (Defesa) discorda dos colegas.

“Lepra ideológica”

O general também saudou militares por “patrulhar para que a lepra ideológica fosse mantida bem afastada dos currículos, salas de aula e locais de instrução”. “Meus generais, perseverai no combate”, discursou. “O inimigo é astuto e insidioso. Mas capitulará ante nós, como derrotado tem sido até agora.”

“Cuidado: ele procurará afirmar e convencer os inocentes e incautos de que o Exército de 2009 é diferente do Exército que os derrotou no passado. Pobres almas.”

Ao fim do evento, a Folha indagou o comandante da Força sobre a manifestação de Castro: “Ele encerrou o tempo dele na ativa em 31 de março, quando completou 12 anos como general”, disse Enzo Peri. “Então, fez reminiscências do tempo como cadete. Há fatos históricos, cada um tem o direito de ter sua opinião.”

Em março, ao se despedir do Comando Militar do Leste (RJ, MG e ES) e da ativa, o general Luiz Cesário Filho também enalteceu o golpe de 64.

FONTE: Folha de São Paulo
FOTO: EB

Subscribe
Notify of
guest
81 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Hornet
Hornet
11 anos atrás

chamar um golpe de estado de “revolução democrática” é divertido. Eufemismo pouco é bobagem…hehehe mas tá bão, segue o enterro…a “velha guarda” do EB que está se aposentando (para a sorte do EB como instituição séria que é), ainda tem a mesma cabeça de 50 anos atrás, os caras estão presos a um passado que pra eles não quer passar…Nada pior que viver de um passado que não passa nunca. Deve ser horrível viver assim….mas enfim… Já sobre as cotas eu sou a favor (e não apenas na universidade, mas em todo os serviços públicos). Mas sou contra o critério… Read more »

Gunter
Gunter
11 anos atrás

Pobre alma é deste militar, que parou no tempo, nao evoluiu… talvez por não ter cumprido pena pelos pováveis e suspostos crimes que cometeu, nao duvido nada, … Folha de SP, é aquele jornal que re-inventou a ditabranda e na ditadura emprestava os carros de reportagem aos torturadores.

Bronco
Bronco
11 anos atrás

Ainda bem que a força está se renovando.

Atribuo boa parte da má vontade da opinião pública com as forças armadas justamente ao ranso da ditadura.

Lecen
Lecen
11 anos atrás

Acho irônico o comentário do Hornet.

Se os militares vivem no passado, que o digam a esquerda brasileira, que ainda não se tocou que o Comunismo e a Guerra Fria acabou há quase 20 anos.

Hornet
Hornet
11 anos atrás

Lecen,

a esquerda velha brasileira vive no mesmo passado que o pensamento da direita arcaica.

Desconfio, no entanto, que não são apenas eles que vivam neste passado que não passa nunca, mas enfim…

abraços meu caro

Tio Déro
Tio Déro
11 anos atrás

Para este General o AI-5 deve ter sido o maior exemplo da democracia no Brasil.
E não foi revolução foi GOLPE DE ESTADO, QUARTELADA.
Confio nas forças armadas mas não em militares como ele.
Mas também não se pode usar isto para deixar as nossa FFAA sem investimentos.

Hornet
Hornet
11 anos atrás

e também não disse que os militares (todos eles) vivam no passado…disse apenas que a “velha guarda” do EB é que vive no passado…

anyway…

Brujhar
Brujhar
11 anos atrás

Hornet

Obrigado, conseguiu expressar corretamente a minha opinião, faço de suas palavras as minhas.

Pessoal vamos aproveitar o burburinho que está proposta de lei está causando para esclarecer os fatos para os mais leigos a sua volta, pois é assim que se inicia um despertar político de uma nação.

Quem sabe no futuro em vez das pessoas empurrarem a responsabilidade do voto dizendo “são todos ladrões”, comece a pesquisar em qual candidato votar , não elegendo aquele que te deu o ultimo panfleto na fila de espera da seção eleitoral.

Abraços.

Henrique
Henrique
11 anos atrás

Concordo com o General no que tange ás cotas raciais. Estão importando uma forma de segregação que não deu muito certo em outros países ao invés de aumentar as vagas nas Universidades Públicas .. ou seja…estão “institucionalizando” o racismo – basta vermos os debates ferrenhos e acusasões constantes entre grupos raciais. Se for cota SOCIAL – daí sim sou plenamente a favor! Quanto ao Golpe de 64, o nome diz tudo: GOLPE! Não adianta discutirmos ou brigarmos pelo passado e sim aprender com este a fazermos o certo no presente e futuro. Os militares ficaram 20 anos no poder e… Read more »

VirtualXI
VirtualXI
11 anos atrás

Mais um serviço de inutilidade da Folha. Aos que apóiam, ao inferno.

Viva o Brasil. Viva o EB.

AMX
AMX
11 anos atrás

O general está certo em sua totalidade. Com o governo atual, temso visto barbaridades como o caso Battisti, as cotas (que começaram bem antes), tornar terrorista em herói, botar Chico Mendes e Zumbi dos Palmares no Panteão dos Heróis Nacionais (pôxa, há pracinhas que fizeram atos incríveis e que não estão lá!).
Com certeza os militares erraram em muita coisa, mas já está provado que não houvesse o golpe, ele seria de esquerda, e das brabas.
Abraços.

Hornet
Hornet
11 anos atrás

Brujhar,

também concordo com vc. Precisamos parar de reclamar de políticos e entender que uma democracia se faz com a participação política de todos (não adianta votar e depois ficar só reclamando e não cobrar o seu prefeito, o seu vereador, o seu deputado etc…quem faz isso não entendeu a democracia moderna ainda). E este caso das cotas está provocando um debate nacional muito interessante, provocando mesmo a participação da sociedade civil organizada. Muito bom!!!

abraços

Patriota
Patriota
11 anos atrás

Hornet concordo plenamente com vc. A velha quarda do EB é uma ameaça a democracia agora entendo a razão pela qual a FAB e MB recebem mais verba, este pessoal continua com a mesma mentalidade golpista a mesma paranóia é gente perigosa. O irônico é que ao contrario de muitos generais de instituições sérias como o exército dos EUA que ganharam posto por demonstrarem competencia e liderança eficiente, os muitos de nossos generais chegaram lá por politicagem traíram o povo brasileiro em nome de interesses estrangeiros algo que ficou conhecido como ditadura. Ver uma declação destas é vergonhoso “exemplo de… Read more »

Alte. Makarov
Alte. Makarov
11 anos atrás

Citação do texto: “Ele encerrou o tempo dele na ativa em 31 de março, quando completou 12 anos como general”, disse Enzo Peri. “Então, fez reminiscências do tempo como cadete. Há fatos históricos, cada um tem o direito de ter sua opinião.” Que grande ironia!!! O General Enzo falar em direito de opinião quando o Regime militar inaugurado em 64 privou os cidadãos daquele mesmo direito, e que lhes eram os mais básicos. Ha-ha-ha… Ironias à parte, é bom que dinossauros como este passem para as sombras, digo, reserva, reforma, etc. E isto é algo que também é dolorosamente lento… Read more »

Alfredo
Alfredo
11 anos atrás

Lendo alguns comentários não posso deixar de atentar para o quanto de razão há no livro “MANUAL DO PERFEITO IDIOTA LATINO-AMERICANO”, de autoria de três intelectuais latinos EX-MARXISTAS e com prefácio do saudoso Roberto Campos.
É impressionante a capacidade de estupidificação de algumas ideologias.

Gunter
Gunter
11 anos atrás

Hornet! Vc é “O CARA II”…

Felipe Cps
Felipe Cps
11 anos atrás

Concordo com os colegas que escreveram acima. O Governo Militar errou mesmo. Os militares jamais deveriam ter deixado os quartéis em 1964. Deveriam, isso sim, terem ficado bem quietinhos, e deixado a esquerda dar o golpe e tomar conta do pedaço. Aí hoje seríamos uma Cuba gigante. Um “Cubão”, como chamou o jornalista Hélio Gaspari. Com educação (doutrinária) avançadíssima, Saúde (independente de remédios) universal, andando de excelentes e duráveis Gordinis, Ladas e Trabant´s, com ônibus feitos de caminhões, com a agricultura altamente produtiva (repolho, banana, arroz e feijão), com a pecuária tornando-se auto-suficiente (um pedaço de colchão-duro por família, por… Read more »

Hornet
Hornet
11 anos atrás

Felipe,

hehehe…o problema é que por mais de 20 anos nós fomos um “Cubão”…

Não tem jeito, quem acaba com a democracia perde a razão. Não importa os motivos. Ditadura é ditadura, tanto em Cuba de Fidel como no Brasil do Médici (e os demais ditadores fardados que se revezaram em Brasília por esta época)…

abração

Pedro Rocha
Pedro Rocha
11 anos atrás

Olá senhores! Acho muito interessante esse saudosismo e criticas quando está deixando a força! No Brasil os generais pijamas têm muito mais autoridade na reforma que quando eram da ativa! Esse general deveria estudar um pouco mais sobre o movimento de 1964! Isso mesmo senhores foi um movimento e não uma revolução, pelo simples motivo que não houve uma revolução do país no sentido “lato” da palavra! O Marechal Castelo Branco cumprindo com o dever básico das Forças Armadas restaurou a lei e a ordem num momento de caos político que ameaçava torna-se um caos social! Infelizmente o movimento de… Read more »

Hornet
Hornet
11 anos atrás

Felipe,

Só faltou um complemento, pra dizer que é tudo farinha do mesmo saco…

e esse complemento vai em forma de letra de música:

“Nome Aos Bois”
Titãs

Garrastazu
Stalin
Erasmo Dias
Franco
Lindomar Castilho
Nixon
Delfim
Fidel
Baby Doc
Papa Doc
Mengele
Doca Street
Rockfeller
Afanásio
Dulcídio Wanderley Bosquila
Pinochet
Gil Gomes
Reverendo Moon
Jim Jones
General Custer
Flávio Cavalcante
Adolf Hitler
Borba Gato
Newton Cruz
Sérgio Dourado
Idi Amin
Plínio Correia de Oliveira
Plínio Salgado
Mussolini
Truman
Khomeini
Reagan
Chapman
Fleury”

abraços

Felipe Cps
Felipe Cps
11 anos atrás

Não concordo Hornet, mas tudo bem, cada um cada um… A solução tomada foi a “menos pior” para o momento. Hoje haveria outras opções; àquela altura não havia. Então não penso que seja válido julgar aquele período com a nossa moralidade “pós-queda do Muro de Berlim”. Até se pode discutir se os militares deveriam ter “largado o osso” após o extermínio da esquerdalha, lá por volta de 1973/74. Acredito que sim. Mas a revolução viria de um lado ou de outro; assim sou mais os militares do que a lepra ideológica. Friso: sou democrata até a raiz dos cabelos, mas… Read more »

Felipe Cps
Felipe Cps
11 anos atrás

Hornet: já que vc gosta de música (e letra), segue outra, tão boa quanto, rsrs: Panamericana (Lobão) “Quem são os ditadores Do Partido Colorado? O que é a democracia ao sul Do Equador? Quem são os militares ao sul Da Cordilheira? Quem são os salvadores do povo De El Salvador? Em Parador Quem são os assassinos dos Índios brasileiros? Quem são os estrangeiros Que financiam o terror? Em Parador Hay que endurecer Sin perder la ternura Hay que endurecer Sin perder la ternura Hay que endurecer Sin perder la ternura Ao sol de Parador Quem são os índios incas Que… Read more »

Zero Uno
Zero Uno
11 anos atrás

O problema é que Militares, muitos políticos e pessoas comuns, vivem no passado.

Ainda não entendem que a Guerra Fria acabou. Sobre o Batistti, o problema é que o processo dele na justiça Italiana está cheio de erros, vícios e casuísmos. Más dever ser investigado tudo e tudo deve ser posto em pratos limpos.

Não gosto de terroristas, nem de esquerda e nem de direita. São farinha do mesmo saco. SÃO EXTREMISTAS. E EXTREMISTAS só tiveram – e mereceram – A VALA COMUM na História da Humanidade. E MERECERAM…

Abraços.

Sopa
Sopa
11 anos atrás

Toda classe de Políticos e Militares, deveriam ser obrigados a verem esse tipo de Blog….quem sabe assim acordariam e alguns tomariam vergonha na cara (esse ultima serve pra os seres do planalto)…Viva o Brasil sem os Dinos de 64 !! Viva a Democracia !!!

Hornet
Hornet
11 anos atrás

Felipe, eu não concordo é com ditaduras. E no meu modo de ver, até como historiador estou falando, a ditadura militar representou 20 anos de atraso. Nós estamos com o processo democrático atrasado em mais de 20 anos…e isso respinga em tudo, desde a concentração de poder nas mãos de uns poucos (um exemplo: houve um loteamento dos canais de TV e rádio na época da ditadura para umas poucas famílias, que criou os chamados “coronéis eletrônicos” de hoje, a versão “moderna e urbana” dos antigos coronéis rurais, com essas famílias que mandam e desmandam em cada estado, desde a… Read more »

Tio Déro
Tio Déro
11 anos atrás

Congratulações Hornet.
Exposição perfeita.

Mineiro
Mineiro
11 anos atrás

Voto com o Relator. (Hornet em 12 mai, 2009 às 16:23)

AD SUMUS
AD SUMUS
11 anos atrás

O maio problema que o país vivia na epoca em que os militares tomaram o poder e que vivemos hoje é a “CURRUPÇÃO”, mascarada por movimentos ditos sociais, como se apresenta hoje tambem. Foi o que levou os militares ao poder. A população(os mais pobres) aprovou e até hoje aprova o que fizeram. Quem foi perseguido(??????)era e é pessoas de uma renda superior aos demais membros da sociedade brasileiro. Nesses vinte anos os militares podem não ter feito nada (EMBRATEL, PONTE RIO NITEROI, DESENVOLVIMENTO DO CICLO NUCLEAR PARA GERAÇÃO DE ENEGIA – MARINHA DO BRASIL, ENTRE OUTRAS) e os coitadinhos… Read more »

Sidney
Sidney
11 anos atrás

Concordo e apóio o General em tudo…. eles é que deviam estar lá em brasilia, e ão aquele bando de ladrões descarados que levam um ano inteiro discutindo o sexo dos anjos, e pra isso ganham milhares de reais por ano; mas como se não bastasse, ainda robam, estorquem, desviam e tiram sarro do povo brasileiro. mas não os culpemos de todo, pois o povo tem sua parcela neste circo que o país está se transformando: não sabem votar, não se interessam por política e só querem saber de futebol, big brother, novela e cachaça… depois ficam chorando: a violência… Read more »

Sidney
Sidney
11 anos atrás

“”amiguinhos””

Henrique
Henrique
11 anos atrás

Muito bem Hornet! Por conta do combate ao “Comunismo” os Militares perseguiram, torturaram e desapareceram com muitos estudantes (a casca grossa do comunismo eles não eliminaram, estão hoje no poder) inclusive com apoio e treinamento da CIA e quem apoia este tipo de coisa não pode estar em sua plena razão. (brasileiro torturano brasileiro pra agradar grindo tem que ir pro paredão). Alguns Generais de Brasilia,por conta das mordomias,sequer se lembravam da tropa (os Helenos da vida são raros), o resto se esondeu debaixo da subserviência política após a abertura política e deixaram as FAs irem ao buraco. O PODER… Read more »

Fael
Fael
11 anos atrás

64 foi GOLPE DE ESTADO, os Generais golpistas humilharam nosso exército ao levá-lo para rua contra as leis, a constituição e o interesse nacional, caçando heróis nacionais como Darcy Ribeiro, Paulo Freire e outros.
Abaixo a anistia, CADEIA para os golpistas. Cassação do posto de general para os que foram presidente à base da força como Geisel.
Viva o Brasil e os setores profissionais das nossas forças armadas!!!!!

Bandeira
11 anos atrás

Sistema de quotas p/raças, é a maior forma de racismo, quanto outras opiniôes emitidas, existe neguinho ai, que quando descobrir realmente o que pensa, vai se suicidar.

Ulisses
Ulisses
11 anos atrás

Cuba???uma das maiores democracias???

AAAOOOOOOONNNNDDDDDEEEEE?!!!!

Para um país que usa carros dos anos 50 e tem um governo comunista,aonde está a “grande democracia”?

Abraços.

halison
halison
11 anos atrás

Cada um com sua opinião!!!

Cota pra mim é uma Bosta….
Lula pra mim é uma bosta….

e Governo militar tbm é uma bosta, não teve competencia de sumir com as sanguessugas que estao lá em brasilia acabando com esse pais..

Noel
Noel
11 anos atrás

O fato de a esquerda brasileira estar sempre mantendo as feridas causadas pelo regime militar abertas, esta criando extremos dos dois lados, provoca-se o EB, e algum Oficial reage; sem querer ser advogado desse General, mas ele não tem ligação pessoal com 64, Golpe, ou 69, AI-5, ele é mais novo, nos anos 70 era Ten. O problema é que alguns membros da esquerda no poder, são intolerantes, parece que gostam de revirar o passado; e ai, também cria-se intolerância do outro lado, que no caso é o EB, e gradativamente, nos Oficiais mais novos. Situação triste, pois esse circulo… Read more »

Ronaldo Pimenta
Ronaldo Pimenta
11 anos atrás

Já não era sem tempo para esse troglodita, general não sei como, ser guiado à reserva. O mundo desse indivíduo já passou faz tempo, e é , diga-se de passagem, um mundo cheio de saudosismo barato e da pior espécie. Não entendo o porquê de não ser punido pelo presidente LULA. Acho que essas falas de militares fora dos quartéis deveriam ser punidas. Militar é para defender a Pátria ante o inimigo externo. Às Polícias Civil e Militar é posto atuarem internamente. Generais devem saber muito bem que é norma número um o respeito e a obediência ao chefe supremo… Read more »

Gunter
Gunter
11 anos atrás

Falta isso sim é “enquadrar” estas figuras retrogradas, que nao evoluiram no tempo. Falta um ministro da Defesa que tenha peito de impor a estes pijamas o Poder Civil, bem como um Presidente que mande-os cuidar e pensar a segurança do país e somente isso.

Felipe Cps
Felipe Cps
11 anos atrás

Perfeito comentário Noel…

Ronaldo Pimenta
Ronaldo Pimenta
11 anos atrás

Um recado pro Felipe Cps: ô rapaz, vc é um reacinha de primeira. Não posso acreditar que vc pense da maneira que expressa nas tuas passagens aqui por este blog. Rapaz…Qual é a tua idade?

Felipe Cps
Felipe Cps
11 anos atrás

Ronaldo Pimenta: Estamos discutindo idéias aqui ok? Por exemplo, discuti com Hornet acima, de maneira educada. Concordo com bem pouco do que ele fala, mas respeito o que ele diz. Fala com embasamento. Tem fundamento. Apenas não concordo com o substrato no qual ele fundamenta sua opinião (e aqui, neste espaço acientífico, é opinião apenas). Poderia ser deselegante como você está sendo comigo e dizer que tudo que ele e os outros aqui disseram foi trololó da esquerdopatia ou, como chamou meu general, “lepra ideológica”. Poderia ser mal-educado e retrucar que gente que fala como você é o fruto de… Read more »

claudio alfonso
claudio alfonso
11 anos atrás

Ainda bem que esse velho babão já foi pro estaleiro e na minha opinião já foi tarde.

bnoach
bnoach
11 anos atrás

Perfeito General. Médici foi um grande brasileiro que nos salvou de tornarmo-nos outra Cuba.

Hornet
Hornet
11 anos atrás

Chicão, o Delfim até que é o de menos…ele acabou virando um palestrante, um acadêmico, e em muitos casos, quando deputado, se alinhou com os governos ditos de esquerda (no Brasil quase não tem esquerda, então eu diria centro-esquerda) no país pós-ditadura… O Delfim tem vários defeitos, mas não é uma pessoa burra. Ele é um homem culto e tal. Até escreve (tem uma coluna de economia) numa das poucas revistas sérias do país hoje em dia: a Carta Capital. Já o mesmo não dá pra falar de Maluf, Bornhausen e vários dos governadores e prefeitos “biônicos” impostos pela ditadura,… Read more »

Francisco AMX
Francisco AMX
11 anos atrás

Fico pensando com meus botões…. se, muitos “persiguidos” estão aí, agora, e desde 1985, no poder, inchados de dinheiro sujo! corrupção e corrupção, assassinatos (lemb..Sergio Daniel), incluindo aí muitos “srtistas” que, depois, viraram ministros, celebridades e ganharam com isso indenizações milhonárias, não abrindo mão delas em prol de uma entidade que luta pelos direitos humanos básicos e de sobrevivência, e nada vizeram a não ser olhar seus bolsos, alguns políticos e “revolucionários”, baluartes da luta contra a ditadura estão, estiveram e continuarão envolvidos em safadezas… todos podres de rico, detentores de um poder avassalador que elegem capachos, manipulam e corrompem… Read more »

Francisco AMX
Francisco AMX
11 anos atrás

Hornet, o Delfin Neto, anda por aí, dando entrevistas, trabalhando… será que está tão “rico” assim? rsrsrs acho que não… porém não posso falar de alguns “perseguidos”….

abraço amigo!

Francisco

Alte. Makarov
Alte. Makarov
11 anos atrás

Deixe-me dizer aos senhores o que a ditadura nos tirou: _A consciência crítica e o debate democrático sobre opções e políticas que melhor serviriam à sociedade brasileira. Se hoje em dia há que se dizer que o povo brasileiro não sabe votar e nem se manifesta abertamente por seu direitos e cumpre com suas obrigações cívicas; ora, senhores, de ONDE acham que isto surgiu? Surgiu da brutal e violenta imposição da ditadura, surgiu de um CALA A BOCA sistemático e impositivo que perdurou por 20 anos, juntamente com um NÃO PENSE! A sociedade brasileira perdeu isso com a ditadura. E… Read more »

Alfredo
Alfredo
11 anos atrás

Alguém aqui faltou na aula de matemática: 1990 – 1964 = 36(?)(?)(?)(?)

Hornet
Hornet
11 anos atrás

Alfredo….

hehehe…fui eu que faltei. valeu pela correção!!!

abraços

Francisco AMX
Francisco AMX
11 anos atrás

Amigos, não estou falando de volta da ditadura, só estou contrapondo esta queimação total dos militares! só isso! nem tanto ao céu nem tanto a terra, é que quando falam da ditadura, minimizam a situação ao carcere, assassinato falta de liberdade… Alte Makarov, qual sua idade? o amigo, no seu post, afirmou que nossa burrice se deve ao regime ditatorial, regime este que tinha boa escola pública, que ensinava moral, que pregava a boa convivência social dos justos e que de nenhuma forma tornou seu povo massa “burra”, sou de 1968, fui criança até os anos 80 e vi, e… Read more »