quarta-feira, outubro 27, 2021

Saab RBS 70NG

Jobim e comandantes militares põem cargo à disposição

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

O ministro da Defesa, Nelson Jobim, e os comandantes das três Forças colocaram os cargos à disposição após o secretário de Direitos Humanos, Paulo Vanucchi, exigir a presença de Jobim na cerimônia do Programa Nacional de Direitos Humanos, semana passada. Teria ameaçado chamar os militares de “covardes”. O presidente Lula teve de intervir para evitar uma possível crise.

Passado é passado
Jobim disse ao presidente que não iria ao evento para ser coerente com sua opinião de não falar e esquecer o passado.

Solidariedade
O brigadeiro Juniti Saito (Aeronáutica) e o general Enzo Peri (Exército) prestaram imediata solidariedade ao ministro Jobim.

Emergência
O almirante Moura Neto (Marinha), que estava no Rio, foi chamado às pressas para discutir como agir em caso de referência aos militares.

FONTE: Coluna Cláudio Humberto

- Advertisement -

11 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
11 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Colt
11 anos atrás

Acho necessário sempre ler com temperamento o que esses colunistas escrevem, sempre … em qualquer circunstância temos que analisar o que nos é apresentado. Em primeiro lugar, o dito Secretário não tem poder de exigir a presença de quem não é seu subordinado hierárquico na estrutura de sua secretaria. Em segundo lugar, afirmar que “”o secretário de Direitos Humanos … Teria ameaçado chamar os militares de “covardes” “” é algo difícil de acreditar, uma vez que, chamar alguém de “covarde” para forçar esse alguém a fazer algo, é quase infantil, atitude que, claramente, não é algo que um Secretário Nacional… Read more »

Wolfpack
Wolfpack
11 anos atrás

Devemos lembrar que a anistia foi válida para ambos os lados, e não me lembro de nenhum militar que esteja recebendo indenização, pensão por ter combatido a guerrilha e terroristas nso anos de chumbo…Esse país é uma piada. Têm muito espertinho que se aproveitou e recebe gordas pensões por ter feito uma passeata ou coisa e tal. Estamos vivendo a era dos sem vergonha, dos panetones, dos dólares na cueca, dos propinodutos e destes estupidos que se dizem defensores dos Direitos Humanos. Quantos indigentes, deficientes físicos esta Vanucchi ajuda no seu dia a dia? Sabe que dá manchete de jornal… Read more »

andrepoa
andrepoa
11 anos atrás

Esta noticia do CH tem toda a pinta de ser FAKE.

grifo
grifo
11 anos atrás

Eu duvido que o Jobim entregue o cargo antes de conseguir empurrar o Rafale goela abaixo da FAB, completando o saque ao erário público. E ele sabe melhor do que ninguém que qualquer idéia de revogar a Lei da Anistia seria morta e sepultada no STF, o tal Vannuchi faz barulho mas não vai conseguir nada.

Só que realmente ele não estava presente na tal cerimônia, e realmente o Lula no seu discurso cuidadosamente não falou em nenhum momento sobre militares e a tal “comissão da verdade”.

pcostrj
pcostrj
11 anos atrás

Sem essa !!!! colocar o cargo a disposição.

Como foi dito pelo Grifo, somente depois de empurrar os fedidos Rafales pela garganta abaixo.

Abs.

Rob Dias
Rob Dias
11 anos atrás

Anistia não quer dizer amnesia!
Acho que o Brasil é o unico pais onde estas feridas ainda abertas. A Argentina, Chile, Uruguai estão aos poucos colocando seus torturadores na cadeia.
Quem pensaria que um dia se colocaria um ditador como Pinochet na cadeia? será que teriamos esta coragem?

Rafael H
Rafael H
11 anos atrás

Rob Dias

A questão levantada pelos militares não é pelo simples
fato de investigar os culpados por crimes do lado militar
mas o fato é que querem apenas investigar os militares
e não tocar nos civis, “o outro lado”, um oficial disse
que não havia problema desde que investigasse ambos os
lados, porém não é o que ocorre por isso acusam de revanchismo.

massa
massa
11 anos atrás

Revanchismo puro.
Se vão investigar o passado, então vamos investigar todos !

Wolfpack
Wolfpack
11 anos atrás

Eleições 2010 CRISE MILITAR: SEU NOME É DILMA ROUSSEFF Reinaldo Azevedo Ainda que eu tivesse cometido algumas injustiças com Lula, coisa de que discordo, de uma certamente eu o teria poupado: jamais o considerei um idiota. Nunca! Até aponto a sua notável inteligência política, coisa que não deve ser confundida, obviamente, com cultura. O governo vive, a despeito das negativas, uma crise militar. Que é muito mais grave do que se nota à primeira vista. Ela foi originalmente pensada nas mentes travessas de Tarso Genro, ministro da Justiça, e Paulo Vanucchi, titular da Secretaria Nacional de Direitos Humanos. Mas tomou… Read more »

axel
axel
11 anos atrás

Dêem um basta, fechem tudo, limpem o Brasil destes corruptos que estão deturpando a mente dos cidadãos brasileiros, fazendo-os perder a moral, o brio, o patriotismo, aprendendo sòmente a “lei do gerson” levar vantagem em tudo a que custo fôr, depois da limpeza faz-se novas eleições, pois hoje em dias não há condições de votar, é o mesmo que colocar ladrão dentro de casa.(aonde já se viu gastar 32 bilhões com jogos olimpicos, etc, num estado onde o trafico de drogas é quem manda, enquando isto brasileiros morrem por falta de assistência médica (sòmente um exemplo dentre centenas)lógico que haverá… Read more »

JORGE TERRA NACER
JORGE TERRA NACER
10 anos atrás

Meu deus o que esses comunistas estão querendo? Eles mataram, asssassinaram e querem vingança? Se for julgar os militares tem de julgar os terroristas, comunistas assassimos.

Últimas Notícias

Saab leva soluções para defesa e segurança civil para SITDEF 2021

A Saab exibirá sua ampla gama de soluções terrestres, aéreas e navais de ponta para defesa militar e segurança...
- Advertisement -
- Advertisement -