quinta-feira, agosto 5, 2021

Saab RBS 70NG

General Leônidas fala sobre os 25 anos do fim do regime militar

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Parabéns ao general Leônidas pela excelente entevista à Globo News. Muitas frases marcantes, como essas: “O soldado é um cidadão de uniforme para o exercício cívico da violência, se você me perguntar se um soldado mata, eu vou ter que achar graça.”; “A guerra não tem nada de bonito, a não ser a vitória”.

FONTE: Globo News Dossiê

Previous articleM903 SLAP
Next articleJavelin no sniper!
- Advertisement -

74 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
74 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Átila
Átila
11 anos atrás

Dr. Galante, aqui quem fala é um de seus fãs! Gostaria muito de saber como falar contigo – email, chat, sinal de fumaça… 😉
Não pretendo te encher o saco com perguntas ou idéias mirabolantes, apenas gostaria de uma opinião sua.
Parabéns,
Grande abraço!

Rafael
Rafael
11 anos atrás

Eu vi essa entrevista na TV, o reporter ficou na parede, foi convicto que colocaria o general na passiva mas foi o contrario. Alem disso o general falou umas verdades bem, beeem incomodas para alguns setores da sociedade. Fora que o cara é muito macho, desafia e peita todo mundo.

jp
jp
11 anos atrás

o general deu uma aula foi incrivel

Carlos Velasco
11 anos atrás

O general não deu uma entrevista a um jornalista, simplesmente enfrentou um pau mandado com uma missão bem clara: embaraçá-lo. O impostor era tão despreparado que até insistiu em chamar de fatos as suas interpretações, e isso depois do general provar que não houve exilados, mas sim fugitivos. É pena que a mídia esteja totalmente dominada por esta gente. Para além de mentirosos, são verdadeiramente insultuosos para com os seus ouvintes. Será que estes incapazes se acham tão superiores ao homem médio que podem enganar a todos com estas estorinhas? Ainda bem que existe internet, mas até isso os governos… Read more »

Breno Silva
Breno Silva
11 anos atrás

Exercendo meu direito constitucional de poder omitir minha opniao.. (coisa que nao era possível na época de General Leonidas)… envio um link para aqueles que tem o interesse de aprofundar sobre o tema tratado neste video… (é claro, visto de uma outra ótica)
http://www.observatoriodaimprensa.com.br/artigos.asp?cod=584JDB006

abracos

Lerner
Lerner
11 anos atrás

A entrevista é muito boa, principalmente porque o período da Ditadura, chega ao nosso conhecimento hoje, apenas com a visão da esquerda. É muito importante ver os dois lados da coisa sem levar tudo como verdade absoluta. A nossa geração, que não esteve em nenhum dos lados, cabe fazer a análise imparcial e mais justa. Só a nossa geração tem legitimidade pra julgar e condenar esse ou aquele ato. Só quem não esteve em nenhum dos lados pode definir o que foi violência, o que foi tortura e o que foi assassinato sem cair na tentação de justificar tudo com… Read more »

CosmeBR
CosmeBR
11 anos atrás

Entrevista sensacional!!!!!

The_mal_voltou
The_mal_voltou
11 anos atrás

Deu Aula!
Grande Gal. leônidas.
já conhecia essa máxima dele, mas realmente, o Geneton ficou na parede.
Agora vai ter a segunda parte da entrevista do Newton cruz, no sábado!
vamos ver se vão fazer intriguinhas entre leonidas e Newton.

The_mal_voltou
The_mal_voltou
11 anos atrás

Correção, segunda parte do Dossiê.*

MA
MA
11 anos atrás

“Eles estavam assustados e dissemos ‘pode vir que não tem perigo nenhum!'(…) Agora, você me diga, alguma coisa [eles] tinham feito pra ir embora!”
Se estivesse se sentindo perseguido, procurar a justiça? Sim, no Brasil colônia também haviam leis que proibiam o castigo severo contra escravos… Muito eficientes por sinal.

Certas coisas ele disse o que tinha de falar, mas outras…

MA
MA
11 anos atrás

Mas é fato que esse jornalista estava bem mal-preparado mesmo… A firmeza nos argumentos do general o surpreenderam de tal forma a embolar a voz!

claudio
claudio
11 anos atrás

Respondendo. Breno Silva disse: 7 de abril de 2010 às 17:46 Exercendo meu direito constitucional de poder omitir minha opniao.. (coisa que nao era possível na época de General Leonidas)… envio um link para aqueles que tem o interesse de aprofundar sobre o tema tratado neste video… (é claro, visto de uma outra ótica) http://www.observatoriodaimprensa.com.br/artigos.asp?cod=584JDB006 abracos Senhor Breno, o General de Exército Leonidas Pires Gonçalves foi Ministro do Exercito no governo José Sarney, sabidamente reconhecido como o governo de maior liberdade de expressão neste pais. Nesta época, o Senhor poderia sim falar o que desejasse mesmo sobre o Presidente da… Read more »

Carlos Velasco
11 anos atrás

Galante,

Parabéns pelo esforço que tens feito em manter este blogue como um espaço de alto nível, e também pela coragem em dar espaço a temas que nos dias de hoje incomodam a gente muito poderosa.

Um grande abraço.

MA
MA
11 anos atrás

claudio, ditadura é ditadura, opressão é opressão.
Diante das pressões populares e da clemencia do mundo o que fez Mikhail Gorbachev, na maior ditadura vermelhucha proletária que o mundo conhecia?
Perestroika e Glasnost.

E não me venha com papo de “A URSS estava acabada, era a única saida deles!” que além de ser mentira, nossa situação nos governos supracitados era muito pior.

PC
PC
11 anos atrás

Pena que a entrevista é editada e possivelmente muitas coisas esclarecedoras que foram ditas pelo Gen. não apareceram ou ficaram fora de contexto.
Isso tudo para o reporter não ficar com mais cara de bócó ainda e para não mudar a imagem passada dos militares e dos “heróis” que contra eles lutaram.
Aguardemos a segunda parte.

Galante, parabéns. Tornou-se uma constante nos 3 blogs o alto nível das matérias postadas.
Sds

gerson carvalho
gerson carvalho
11 anos atrás

Caros amigos no proximo dia 10 o entrevistado será o Gal. Newton Cruz. Quanto a entrevista do Gal. Leônidas foi simplesmente espetacular! é uma pena que não tenha coragem de mostra na tv aberta para todo o povo. Pois assim cairia esta mascara de bonzinhos que estes governantes de M.. tem!! e quem sabe finalmente o povo enxergaria a verdade.

lucas lasota
lucas lasota
11 anos atrás

Excelente entrevista!

Von Morbius
Von Morbius
11 anos atrás

Qual o problema em ser de esquerda ou ser de dirteita? isto faz parte da democracia. Só lembrando aos senhores entusiastas de assuntos militares que este espaço para o debate e a informação só existe em regimes demoráticos, seja ele de esquerda ou de direita. Só mais um lembrete: Regime democrático é aquele em que o POVO escolhe seus governantes. Conhecem alguém que votou no Geisel? Só se pode dizer qual é a vontade do povo depois de uma eleição, plebicito, referendo ou uma ampla pesquisa estatística cuja metodologia é divulgada e submetida ao debate científico. Porém, aquele “grande” general… Read more »

claudio
claudio
11 anos atrás

Respondendo. MA disse: 7 de abril de 2010 às 18:38 claudio, ditadura é ditadura, opressão é opressão. Diante das pressões populares e da clemencia do mundo o que fez Mikhail Gorbachev, na maior ditadura vermelhucha proletária que o mundo conhecia? Perestroika e Glasnost. E não me venha com papo de “A URSS estava acabada, era a única saida deles!” que além de ser mentira, nossa situação nos governos supracitados era muito pior. Salvo engano de minha parte, você quis dizer que o pais sob o governo militar, ditadura, opressão ou qual o nome que queira da, r estava pior do… Read more »

claudio
claudio
11 anos atrás

Corrigindo:

Se não, desculpe a minha incapacidade de interpretar sua resposta.

MA
MA
11 anos atrás

Não não claudio, eu quis dizer que quando precionados pelo mundo e pela população, não importa o estado econômico/militar da nação autoritária, ela é forçada resignar a ditadura.

Nem quis fazer comparação entre os dois governos.

Abs!

claudio
claudio
11 anos atrás

Com certeza, nada resiste a uma população desejosa de auto determinação, pode demorar mas um dia o opressor vai cair.

Joao
Joao
11 anos atrás

É isso aí Leônidas, This is Sparta!!

TADEU
TADEU
11 anos atrás

MARAVILHOSA ENTREVISTA, GRANDE GENERAL, E A NOSSA CONCLUSÃO É A SEGUINTE:
JÁ NÃO SE FAZ MAIS GENERAIS COMO ANTIGAMENTE.

EAFAL
EAFAL
11 anos atrás

Excelente entrevista. Agradeço ao Forte pela oportunidade pois não a vi na TV. Comungo a opinião dos colegas sobre o despreparo do jornalista.

OTV
OTV
11 anos atrás

Esta entrevista deveria passar no canal aberto.
Uma pergunta: qual é a música ou hino é esta da abertura e final do entrevista?

lc
lc
11 anos atrás

Já havia assistido. Excelente.
Não senhores, o repórter não foi mal preparado. Foi apenas confrontado com a verdade. Não esta “verdade” subvertida, hoje proclamada por diversos setores da sociedade, mas a verdade nua e crua.
Parabéns ao General.
Parabéns também aos editores pela publicação. Porque se as novas gerações dependerem da mídia amestrada e da escatologia proferida nas universidades e no sistema educacional como um todo, jamais conhecerão a verdade.

Kleber
Kleber
11 anos atrás

General , ainda bem que existe patriotas como o senhor , pois expõe bem quem são esses crápulas q estão hj no governo e q antes eram assaltantes e extremistas querendo implantar a força o regime q eles alegavam ser melhor para nós brasileiros.

Von Morbius
Von Morbius
11 anos atrás

Respondendo: Kleber disse: 8 de abril de 2010 às 9:26 General , ainda bem que existe patriotas como o senhor , pois expõe bem quem são esses crápulas q estão hj no governo e q antes eram assaltantes e extremistas querendo implantar a força o regime q eles alegavam ser melhor para nós brasileiros. Amigo, respeito muito sua opinião mas gostaria de contesta-la, com todo o respeito. Aqueles que vc diz serem assaltantas e crápulas que queriam impor a nós brasileiros uma forma de governo estão no poder por vontade popular. Já aqueles que usurparam o poder e impuseram uma… Read more »

OTV
OTV
11 anos atrás

O Brasil em 64 iria para em uma ditadura ou de esquerda ou de direita, as duas entraram em embate, e a direita ganhou.
Os generais não foram santos, nem os da esquerda.
Não há, ou não houve, mocinhos e bandidos .
Não revereencio nenhum dos dois lados.

Carvalho
Carvalho
11 anos atrás

Von Morbuis…..perfeita sua analise. Temos que analisar a história sem paixões politicas para que possamos ter o discernimento para encontrar a verdade. Neste episódio não houve ganhadores, pois todos os lados perderam, inclusive os militares, que até hoje pagam tributo pesadíssimo pelo período histórico, vide estado atual de nossas FA. A história serve para aprendermos com nossos erros e evitarmos que se repitam, bem como para ressaltar nossas virtudes para que sirvam de exemplo às futuras gerações.

Carlos Velasco
11 anos atrás

Von Morbius, Os que agora estão no poder graças ao voto popular, estão graças ao fato de toda uma geração ter sido doutrinada no sistema público de propaganda e de não haver alternativa de direita nas eleições (Ou será o PSDB um partido de direita?), para além da compra de voto que é o “coronelismo federal” do bolsa família. Ainda assim, eleição não é um mandato para que o lado vitorioso faça o que deseja, ao menos num estado de direito, e é isso o que se passa no Brasil de hoje. Isso é uma concepção “vae victus” da democracia… Read more »

lc
lc
11 anos atrás

Carlos Velasco.
Perfeito.

Galante,
Mais do que analisar, o que estes historiadores fazem, na minha opinião, é revisar a história de acordo com o que lhes é conveniente.

Sds.

Cristiano
Cristiano
11 anos atrás

Bom dia Sou militar do Exército, nascido no ano de 1973. Nesse período em que a maioria da mídia fala como “ditadura militar” lembro-me muito pouco, pois não interferiu em nada em minha infância, nem tampouco na vida dos meus pais e familiares. Para mim, o que passou, passou, virou história e, história esta, às vezes distorcida. Ditadura eu fui conhecer nos dias de hoje, em que cidadãos como eu, que pagam seus impostos, não tem mais segurança para ir e vir em qualquer parte deste país, sem falar na corrupção que galopa em nossa Brasil. O julgamento eu deixo… Read more »

Vader
Vader
11 anos atrás

Pau neles meu General! Enterre a verdade na cabeça dessa esquerdalha asquerosa! Nem que seja na paulada! Mostra na TV aberta Globo! Mostra! Mostra pro povão ver o outro lado da nojenta história escrita pelos esquerdopatas intelectualóides do miolo mole! Mostra o jornalista gagejando diante da força moral e lógica de um General de Exército! Maldita! “Bolsa-ditadura?” Huahuahuahuahuahua! “Seu pai foi preso? Não? E o seu?” ahahahahaha! “Guerra não tem nada de bonito, a não ser a vitória” Parabéns meu General. Dispuséssemos hoje de homens de sua fibra e esse país seria bem outro. Só acho que vocês fizeram o… Read more »

Edgar
Edgar
11 anos atrás

Interessante como o jornalista insiste em falar “Não, mas isso é um fato histórico.”, e o general, sempre conciso, responde algo como “me mostre o documento onde comprova este fato“.

A única prova que esse jornalista tem são os jornais da época e os livros que os historiadores criaram. Ah sim, também tem as passagens que os fugitivos compraram pra fora do país.

Sensacional a abertura que o ForTe deu para o lado desconhecido da história. Parabéns Galante e que a cabeça dos jornalistas e historiadores pseudo-esquerdistas-hipócritas-gaguejadores mude.

Wilhelm Canaris
Wilhelm Canaris
11 anos atrás

Perguntem ao filho do brig. Moreira Lima o que ele acha do gen. Leonidas.

X-nobe
X-nobe
11 anos atrás

Hahahahahahahahahahaha Essa entrevista comprova o que eu digo, forças armadas ao contrario do que dizem alguns militares, não cura um mau caráter, apenas o vazem mais disciplinado hehehe. Este general tava claramente mentindo, apesar de ser firme em suas frases, é só prestarem atenção quando ele tenta afirma que nunca existiu tortura realizada por parte dos militares, depois ele fala que ouve tortura dos dois lados, de esquerda e de direita hahahaha, e ainda nas colocações dele, ele diz que a condição humana faz com que as pessoas cometam atos terríveis!!! Segundo uma técnica de interrogatório e investigação criada á… Read more »

X-nobe
X-nobe
11 anos atrás

Acho que esse general deveria se apresentar naquele programa do SBT “Somente a Verdade”, daí veríamos se o que ele diz é verdade ou não.

Um grande abraço.

MA
MA
11 anos atrás

Carlos, claro que não quer dizer que ele pode fazer tudo o que quiser, e em teoria não pode (e muitas vezes não consegue) porque temos um congresso com uma grande oposição também eleita e REAL!
Diferente da ditadura militar.

Se o Brasil é em sua maioria marxista, “comunista”, esquerdista, então respeite a escolha do Brasil de um líder esquerdista, vermelho e analfabeto ora!

Ora ora ora, parem de analisar as ditaduras como de esquerda ou de direita, tentem analisar como brasileiros e não como filiados à doutrina militar ou a uma ideologia.

RodrigoBR
RodrigoBR
11 anos atrás

Desculpem os esquerdistas mas… Não esqueçam que para LULA assumir o poder ele teve que fazer um acordo com os “poderes ocultos” do poder brasileiro!!! Jamais ele teria assumido ou então não conseguiria governar e fatalmente “inventariam” algo pra tirá-lo do poder! O que vcs acham que aconteceu com Collor??? O próprio Lula já admitiu este acordo e está gravado numa entrevista de rádio(se nao me engano). Porque vcs acham que ele se transformou no Lulinha Paz e Amor” de hj??? Parem de achar que tudo foi um “sonho da população” e por causa unicamente da “democracia hj” ele é… Read more »

Vader
Vader
11 anos atrás

RodrigoBR disse: 8 de abril de 2010 às 21:00

Perfeito!

Abs.

Alexandre
Alexandre
11 anos atrás

Wilhelm Canaris disse:
8 de abril de 2010 às 15:16
Perguntem ao filho do brig. Moreira Lima o que ele acha do gen. Leonidas.

Wilhelm

A opinião do filho do Rui Moreiara Lima a respeito do General Leônidas não importa nem um pouco. Aliás tirando o fato do Rui ter combatido na Itália, o que foi um grande feito sem dúvidas, não acresentou nada de útil após o seu retorno. Este foi cassado muito mais pelos inimigos que juntou ao longo dos anos pelo seu jeito arrogante que por suas posições políticas. Mais um que mama na bolsa ditadura.

Alexandre
Alexandre
11 anos atrás

Tiveram muitos anos para fazer essa entrevista. Perderam excelente oportunidade de entrevistar o Gen. Ivan de Souza Mendes que faleceu recentemente entre outros. Agora em ano eleitoral resolvem aparecer para desmoralizar a direita. E vão conseguir pois a excelente entrevista de Leônidas será obliterada pela de Newton Cuz que é um débil mental. Parabéns ao Gen. Leônidas.

lc
lc
11 anos atrás

RodrigoBR disse:
8 de abril de 2010 às 21:00

Onde eu assino, Rodrigo?

Abs.

Últimas Notícias

Assessor de segurança nacional dos EUA viaja ao Brasil

Esta semana, o conselheiro de Segurança Nacional dos Estados Unidos, Jake Sullivan, viajará para o Brasil e Argentina, acompanhado...
- Advertisement -
- Advertisement -