quarta-feira, outubro 27, 2021

Saab RBS 70NG

Em respeito às leis internacionais, Brasil assina decreto ‘internalizando’ sanções ao Irã

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

O presidente Lula assinou decreto, nesta terça-feira (10/8), “internalizando” as sanções impostas ao Irã pelo Conselho de Segurança da ONU, mas o ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim, frisou que o governo brasileiro é contrário às medidas e que elas não trarão qualquer prejuízo às relações comerciais entre Brasil e o país persa. Segundo o ministro, o decreto envolve apenas as diretrizes da ONU e não as sanções unilaterais adotadas pelos Estados Unidos ou União Européia.

Amorim disse que a decisão do governo brasileiro refere-se apenas às determinações da resolução número 1929 que se relaciona ao comércio de armamentos pesados ou equipamento para produção de energia nuclear. Os acordos no setor de agroindústria, por exemplo, não serão prejudicados. O chanceler brasileiro fez questão de explicar qure as indústrias brasileiras com negócios no Irã têm liberdade de decidirem pela manutenção ou não de seus respectivos negócios. De parte do governo, nenhuma decisão impedirá a continuidade do comércio bilateral.

Isso não afetará profundamente as relações com o Brasil. Peço que prestem atenção na resposta. O Brasil, embora sem concordar com elas e sem concordar com o método neste momento em que o Irã fez uma abertura, está internalizando as sanções adotadas pelo Conselho de Segurança das Nações Unidas. As sanções unilaterais, do ponto de vista legal nosso, não nos concernem. Agora não posso dizer que uma empresa que tenha negócio com o Estados Unidos e que prefira não se arrriscar. Isso é um problema da empresa. Não será uma disposição legal brasileira. Não aceitamos as sançoes unilaterais. Nós somos respeitadores das leis internacionais ao contrário de outros que muitas vezes praticam ações unilaterais, que frequentemente criticam o direitos humanos de um lado e financiam governos que violam direitos humanos de outro. Nós seguimos a lei internacional e a lei internacional manda que nós façamos isso.

Na entrevista, Amorim voltou a relatar sobre os procedimentos do governo brasileiro em favor de Sakineh Mohammadi Ashtiani condenada pelo govereno iraniano a morte por apedrejamento. O chanceler contou também que Colômbia e Venezuela estão em processo de entedimento para o pronto restabelecimento da paz. Além disso, confirmou que um avião da FAB [Força Aérea Brasileira] foi colocado à disposição do presidente do Paraguai, Fernando lugo, para que venha ao Brasil onde se submeterá a tratamento médico para câncer.

FONTE: Blog do Planalto

- Advertisement -

48 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
48 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Luis
Luis
11 anos atrás

-Será que o molusco assinou sem ler?

-Contrariado ou não, não fêz mais do que sua obrigação!

Tito
Tito
11 anos atrás

Acho que piscou.

Rodrigo
Rodrigo
11 anos atrás

Não é questão de ser capacho é de juízo.

MA
MA
11 anos atrás

Acabou chovendo no molhado. Ainda bem que esse assunto encerrou-se.

ALDO GHISOLFI
ALDO GHISOLFI
11 anos atrás

Claro, tudo sob a batuta do toptop, como bons … esperamos que estejamos satisfazendo gregos e troianos! Lastimável.

Freire
Freire
11 anos atrás

É foi goela abaixo, rsssss, mas assinou,molusco assinou viva, rsss

Brasil.

Jakson Almeida
Jakson Almeida
11 anos atrás

Tito,não passou nem ar.

D3ta
11 anos atrás

Será um começo de inversão da posição da combalida diplomacia Brasileira?

Freire
Freire
11 anos atrás

Ele vai falar para o “PERSA” que assinou sem ler, que coisa heinnn?não sabia de nada? rsssssss, è Molusco , a rapadura é doce mas não é mole não,rsssssss.

Brasil

Flavio
Flavio
11 anos atrás

Obedece quem tem juízo … ih ih ih …..

ALDO GHISOLFI
ALDO GHISOLFI
11 anos atrás

A Hillary deixou bem claro as represálias para quem apoiasse o Irã. Acho que o nosso líder foi chamado no cantinho da sua sala pela gente que pode influir e intimidar MESMO! Vejo sinais de vendaval no horizonte…

Wilhelm
Wilhelm
11 anos atrás

Eu realmente gostaria de saber se existe algum motivo racional por trás da defesa do Irã pelo Brasil.

Freire
Freire
11 anos atrás

Wilhelm. não tem nada racional é irracional mesmo! o “cara” é MOLUSCO, rsssss, e o Amorim ai, virou uma amora doce,amarga, seei lá, era um diplomata obscuro terceiro escalão agora ministro chanceler do Moluscão, rsss.

Brasil

Tito
Tito
11 anos atrás

Como quem afinou para o Lugo, Morales, Correia e Chavito não vai arregar para a Tia Hillary?

Isso tem um lado bom e um ruim, o bom é que assinamos com os justos, o ruim é que estamos novamente de joelhos.

Tito
Tito
11 anos atrás

Mais uma “quase vitória” da diplomacia bolivariana. hehehe

É rir pra não chorar, essa é nossa imagem perante o mundo.

Rodrigo
Rodrigo
11 anos atrás

Wilhelm disse:
10 de agosto de 2010 às 18:44

Existe, mas não é uma visão pragmática.

DrEngAir
DrEngAir
11 anos atrás

Parece que está bravinho tá!?

J. Claro
J. Claro
11 anos atrás

Finalmente a nossa diplomacia deu uma dentro. E é bom que isso seja o inicio de um novo rumo no tocante a nossa política externa.

Essas nações que menosprezam a democracia e os direito humanos devemos trata-las sempre com um pé atrás.Nada de ideologia, apenas respeito à razão. Nossa prioridade deve ser com nações democráticas, sem contudo sermos subservientes perante quem quer que seja. Agora, aqueles que hoje são situação, sempre sentaram o porrete na ditadura militar e aí eu pergunto, porque tanto apoio aos ditadores de hoje?

Bueno
Bueno
11 anos atrás

kkkk não entendo nada de diplomacia, sei que aqui freqüenta pessoas de alto conhecimento do assunto. Achei uma comedia esta istoria. O Lula foi e se bancou de salvadora da pátria, tomou uma do grupo de paises que tem trabalhado com o Ira para resolver esta questão, tomou uma ferrada da França que não apoiou a maLUquice do jeitinho brasileiro e a gora apare o ministro com uma cara de biscoito. Puxa vida, vai se meter em uma negociação sem ter poder de barganha da nisto. O negocio não e ter complexo de vira lata mas ter consciência situacional. Choque… Read more »

Inquiridor
Inquiridor
11 anos atrás

Eu nunca vi tanta besteira dita por tantos entendidos. O Brasil faz parte da ONU e a ONU referendou estas sanções, portanto o Brasil tinha que referendar isto. Não teve nada de conversinha no canto da sala.
Isto é uma idiotice!!

Bueno
Bueno
11 anos atrás

Meu caro Inquiridor, com todo respeito a você e sem desprezar seu comentário. Faço parte dos que pouco entende de política externa mas imagino que é do conhecimento de todos que o nosso amado Brasil faz parte da ONU des da sua fundação. O que todos certamente tentam entender é esta politica externa de bravatas. O que vale não é o que diz, mas o que é assinado. Então não adianta espernear e falar que não concorda mas que assina. Se não concorda porque assina? Porque não tem poder de veto e foi coagido. Então não adiantou gastar tempo e… Read more »

Pedro
Pedro
11 anos atrás

Como tem gente que não sabe nem ler aqui. Isso é procedimento da ONU. Se a ONU aprova algo no CS, todos os membros são chamados a assinar a decisão, independente se vc é a favor ou contra, pois em tomadas de decisão existem lados opostos que mesmo contra, assina para ter o concenso para valer uma decisão. Ser concenso aí é saber e dar conhecimento de que a ONU aprovou uma medida, mas nada obriga o país a aceitar. Se o Brasil aceita ou não, cabe a ele decidir isso com a imagem que ele tem da ONU perante… Read more »

Tio
Tio
11 anos atrás

Deixa a esquerdalha, genocida, homicida, que faz apologia de STALIN chorar!
Just cry

Sopa
Sopa
11 anos atrás

Inquiridor ,

Me esclareça, se a ONU já havia referendado, já havia decidido à sanção, pq. outro país que não tem cadeira permanente, é “obrigado” a referendar ? Me esclareça por favor !

sDs,

Rodrigo
Rodrigo
11 anos atrás

Pedro disse:
10 de agosto de 2010 às 23:45

Os gringos e israelenses devem estar sem dormir, por este “tapa” do Amorim. 😉

No fim conseguiram o que conseguiram e os trouxas daqui ainda ficam garganteando que servem para algo em âmbito prático.

Aldo Ghisolfi
11 anos atrás

INQUIRIDOR: lastimo teres me chamado de idiota. Não me tenho por idiota, mas… acho que teu ‘codinome’ está bem de acordo com a tua postura. Inquiridor. Torquemada. Lastimo, também, que pessoas como tu estejam agredindo, ainda hoje, tanto tempo passado depois de Torquemada. Uso das palavras do Bueno para te responder, encerrando aqui minha participação em relação a ti.

Alexsandro
Alexsandro
11 anos atrás

Alex = Alexsandro mudança de nick pra não haver confusão com outro alex não vi nenhum alexsandro hehe! Chamem o lula de molusco e digam que ele é um péssimo governante, agoira vejamos os fatos e os numeros do governo lula e PT e vejamos o que veio antes. Tem erros, tem acertos… Agora ele não deu nenhuma empresa nacional a ninguém, pagou o FMI e o pais esta muito bem. Não sou PT e acho que o Brasil merece coisa muito melhor que o que temos, mais não só dos politicos do POVO também! Inclusive tendo respeito ao Presidente… Read more »

Winston
Winston
11 anos atrás

hahhahaha apesar da “falta de prática”, assinou o próprio atestado de incompetência da política externa petista.

Rodrigo Marques
Rodrigo Marques
11 anos atrás

Amorim e Lula, patéticos como sempre… Muito bem disse um colega acima: – Se afinou para Lugo, Correa, Chavez e Evo, como não vai afinar para a Hillary? E outros ainda vem falar de FHC e do caso do ministro que tirou os sapatos ASSIM COMO os da Russia e China, esquecem de falar que o nosso chanceler nanico foi BARRADO em Gaza! Finalizando, a mulambada esquerdopata deveria pesquisar o que foram as pressões sofridas pelo Brasil no Governo FHC ( que abomino por muitos motivos, mas não os alardeados pelo pessoal a soldo) pela implantação da ALCA. Ali houve… Read more »

Inquiridor
Inquiridor
11 anos atrás

Muitos deixam as paixões ideológicas embrutecer o entendimento e falam… desculpem o termo: muita idiotice.
Não vou me alongar sobre o tema, mas o amigo pedro disse tudo…
Pedro disse:
10 de agosto de 2010 às 23:45

Meu caro Pedro, finalmente um comentário sensato.

Inquiridor
Inquiridor
11 anos atrás

Rodrigo Marques… a Alemanha tambem teve ministro barrado em Gaza. Sabe porque isto? Vou lhe informar e não vai lhe custar nada: Israel alega que se deixar ministros (de qualquer pais) entrar em Gaza, vai legitimar o Hamas.

Simple!!

Vader
11 anos atrás

Pisquei! Mas não fui eu! 🙂

MWAHAHAHAHAHA, eu já sabia, rsrsrs…

Mais uma retumbante vitória de nossa diplomacia bolivariana, rsrsrs…

Sem mais comentários, rsrs…

Vader
11 anos atrás

Rodrigo disse:
11 de agosto de 2010 às 8:12

“No fim conseguiram o que conseguiram e os trouxas daqui ainda ficam garganteando que servem para algo em âmbito prático.”

Ora Rodrigo, somos os “vencedores morais” como sempre! 🙂

Abs.

Julio
Julio
11 anos atrás

Me corrijam se eu estiver errado, mas, é patética a declaração do Celso Amorim, o Brasil podia dormir sem ouvir o Ministro dar uma declaração tão mediocre.
Como membro do Conselho de Segurança da ONU ou sendo membro de qualquer outro órgão internacional, tendo os membros da entidade tomado uma decisão todos assinam. Lula apenas cumpriu com a obrigação, manifestação deve ocorrer por ocasião das discussões e não no ato da assinatura. Essa Declarção é mais uma tentativa de fazer “meio campo” com o Irã.

Antonio M
Antonio M
11 anos atrás

Engraçado essa “troca” orgulhosa onde ao invés de ser “capacho” dos EUA, ser da Venezuela (Cháves), Bolívia (Evo), Paraguay (Lugo), Irã e outros trastes …..

Freire
Freire
11 anos atrás

KKKKk, ta divertido, a esquerdalha/molusculosa tá tristinha,ficar de 4 para a ONU não pode, SÓ PODE para o Bufão Chaves,LUGO,Indio Cocalero,Principe “PERSA”,El Hermanos CASTRO,ditador canibal Africano,para estas figuras a esquerdalha PODE FICAR DE 4 , que tristeza não!!!

BRASIL ACIMA DA ESQUERDALHA MOLUSCULOSA.

fábio
fábio
11 anos atrás

Relação internacional é jogo de xadrez! Será que Tio Sam, preocupado com a independência da política externa do “grande diamante do Sul” não chamou o presidente Lula no “cantinho” e disse mais ou menos assim: “Meu amigo! sejamos amigos, “votem e andem conosco” e dentro do nosso acordo militar à pouco assinado, comprem nosso F-18 e nós faremos um “pacotão” de “outras coisas bôas” para vocês. Eu, particularmente, acho que se o Hornet vier sem restrições de uso, de quantidade e com todo o armamento e transferência de tecnologia, como quer o governo brasileiro, é sem dùvida nenhuma, o melhor.… Read more »

Rodrigo Marques
Rodrigo Marques
11 anos atrás

Inquiridor, “”Rodrigo Marques… a Alemanha tambem teve ministro barrado em Gaza. Sabe porque isto? Vou lhe informar e não vai lhe custar nada: Israel alega que se deixar ministros (de qualquer pais) entrar em Gaza, vai legitimar o Hamas.”” Você acha mesmo que Israel está preocupado com um Hamas ou Hezzbollah “legitimizado” ??? E você acha que a visita de um ministro da Alemanha ou do Brasil, ou mesmo de quem quer que seja, vai legitimizar um grupo terrorista que tem entre seus objetivos principais destruir Israel e implantar um MAIS um regime ditatorial naquela região? Cara, a questão com… Read more »

Tito
Tito
11 anos atrás

Mas a cara do Celsito “meia-pataca” Amorim é o melhor, parece que usaram ele sem por vaselina. 🙂

Nick
Nick
11 anos atrás

Mais um grande vitória de nossa diplomacia….:D

“Internalizamos” quer dizer “tomamo memo?”

[]’s

DaGuerra
DaGuerra
11 anos atrás

Então quando o Papa, o Presidente dos EUA ou falecido Michael Jackson sobem a favela eles legitimam o CV, ADA e 3C! MURO JÀ!!

Vader
11 anos atrás

Nick disse:
11 de agosto de 2010 às 16:37

“Internalizando” é ótimo, hehehe…

Se eu não conhecesse um pouquinho de Direito Internacional diria que é um termo que combina muito com o CA… 🙂

Fábio
Fábio
11 anos atrás

A guerra para os EUA e seus apoiadores no Iraque foi ruím e eles já começaram a “correr de lá”,enquanto há tempo. A guerra no Afeganistão vai de mal a pior. Enfrentam um inimigo brutal, selvagem e que jamais foi vencido. Suas forças estão a milhares de quilômetros de casa, rodeados de ferozes inimigos. A coisa por lá também tá feia, feia. Estão quase correndo também, literalmente. Agora tem o problema do Irán, que será mesmo resolvido na “bala”. As forças que atacarão militarmente os persas será dos EUA, da OTAN e ISRAEL. O apoio político no CS da ONU,… Read more »

Pinochet74
Pinochet74
11 anos atrás

É uma pena para a diplomacia brasileira essse ocorrido.O grande problema seria menos a nuclearização do Irã (apesar de eu achar que o Adolfinejad tem mesmo alguns parafusos a menos e por isso seria mais perigoso do que o conselho dos aiatolás, que por mais retórica belicista corânica que alardeiem, dificilmente optariam por usar a arma, pois como diz o velho ditado, quem tem c… tem medo, mas quando o poder se concentra nas mãos de um só, como aparenta estar acontecendo no Irã, a coisa começa a feder), mas a questão de der guarida as violações de direitos humanos… Read more »

Max RS
Max RS
11 anos atrás

Na minha opinião, embora eu concorde com algumas das ações do atual governo, desde o princípio a tentativa do governo brasileiro de aproximação com o Irã mostrou-se imprópria. Acredito que a maneira de agir do governo brasileiro é inadequada e reflete as atitudes do seu próprio povo. O Brasil está forte economicamente, isso é fato, porém, não vejo um “embasamento”, uma maneira organizada de proceder. O Brasil, outrora pobre e desprezível na política internacional, comporta-se como um “novo rico”. Parece deslumbrado com o seu “protagonismo” mundial, sem no entanto, “arrumar a casa”. O Brasil quer curtir as festas dos ricos,… Read more »

Rogério
Rogério
11 anos atrás

giap49 disse: 11 de agosto de 2010 às 14:03 KKKKK, Só rindo muito com seu comentário, Irã anos luz a frente de Israel?,Eles não enforcam opositores em guindastes e nem apedrejam mulheres, meu caro. http://www.youtube.com/watch?v=W0ld1HWUx04&feature=related Chaves melhor que Uribe? Ele deixou o poder no 2º, mandato, respeitando as leis de seu país, já o Bufão…. esse vai ficar até afundar a Venezuela de vez, a inflação lá é de 20 por cento ao ano, enquanto ele brinca de superpotência. Bases americanas na Colombia? E daí? Eles são soberano e fazem o que querem, prefiro ter os EU como aliados do… Read more »

giap49
giap49
11 anos atrás

Rogério, “Bases americanas na Colombia? E daí? ”
Grande nacionalista você é! Pelo menos no Brasil não há bases de ninguem: nem dos EUA nem da Venezuela.
Quanto a Israel eles fazem coisas piores, a diferença é que faz com outro povo.
Até.

ALDO GHISOLFI
ALDO GHISOLFI
11 anos atrás

Neste contexto geopolítico, a única serventia da Venezuela é ser a bola da vez na peleia com os EEUU, caso contrário já estaríamos tendo problemas com os norte-americanos que não vão querer bater com dois adversários às suas pretensões sul-americanas, certamente. Por causa do Chávez os EEUU vão acabar falando bem e bonito conosco. Os nacionalistas exacerbados podem não gostar, mas que o nosso líder levou um encontrão da turma da Hillary -mesmo travestido de pressão da ONU-, levou.

Últimas Notícias

Turquia e Coreia do Sul assinam declaração para fornecimento de motores para o MBT Altay

Foi assinada uma declaração de intenções entre a Coreia do Sul e a Turquia para o fornecimento de motores...
- Advertisement -
- Advertisement -