sábado, julho 31, 2021

Saab RBS 70NG

Segundo embaixador, Félix disse que Brasil deve pagar preço para ser liderança

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

O general Jorge Armando Félix, ministro do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, afirmou a Clifford Sobel, ex-embaixador dos EUA no Brasil, que o país precisa encarar o fato de que “um preço precisa ser pago” para conquistar um papel de liderança global.

Segundo relato de Sobel, de 2007, Félix teria dito que o Brasil deveria “empregar suas forças em operações [militares] internacionais” e confrontar a perspectiva de ver “sacos de corpos retornando ao Brasil”.

As afirmações de Félix, segundo o relato de Sobel, fariam parte de respostas a respeito de sua visão sobre a relação do Brasil com a Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte).

O relato de Sobel está em uma correspondência diplomática secreta obtida pelo site WikiLeaks (www.wikileaks.ch), que teve acesso a milhares de despachos. A Folha e outras seis publicações têm acesso antecipado aos documentos.

O telegrama de Sobel data de 15 de fevereiro de 2007 e refere-se a um jantar de 30 de janeiro daquele ano. No encontro, os dois ainda discutiram outros assuntos, como a Venezuela de Hugo Chávez e as relações entre Brasil e Estados Unidos.

Colaborou FERNANDO RODRIGUES, de Brasília

FONTE: Folha.com

- Advertisement -
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Últimas Notícias

Rússia e China realizarão treinamento conjunto no exercício Zapad/Interaction 2021

A Rússia deve se juntar a um exercício militar no noroeste da China em agosto com o tema de...
- Advertisement -
- Advertisement -