segunda-feira, março 1, 2021

Saab RBS 70NG

Pentágono apoia expansão do sistema antimísseis de Israel

Destaques

EUA e aliados constroem cadeia de suprimentos de tecnologia ‘livre da China’

Biden assinará ordem presidencial para reforçar as indústrias de chips, baterias e terras raras WASHINGTON/TAIPEI – O presidente dos EUA,...

Uma Força Terrestre à altura dos desafios atuais

General de Exército José Luiz Dias Freitas A dinâmica das relações internacionais e das interações sociais, neste primeiro quartil do...

Tropa paraquedista retorna ao Brasil após exercício nos EUA

Rio de Janeiro (RJ) – No dia 22 de fevereiro, foi realizada no Campo do 26º Batalhão de Infantaria...
Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

O Pentágono anunciou nesta terça-feira sua intenção de solicitar ao Congresso dos Estados Unidos fundos para ajudar a expansão do sistema de defesa antimísseis israelense “Iron Dome”, que pretende, entre outras coisas, neutralizar os foguetes disparados de Gaza. O Ministério da Defesa não informou de quanto seria a solicitação. Em 2011, Washington investiu cerca de US$ 204 milhões no desenvolvimento do sistema de defesa israelense.

Três baterias “Iron Dome” já estão instaladas em Israel e permitiram interceptar diversos mísseis lançados de Gaza entre 10 e 11 de março, disseram funcionários americanos e israelenses. “Quando o sul de Israel foi tomado como alvo por cerca de 300 foguetes e tiros de morteiro”, o Iron Dome neutralizou 80% desses ataques, “salvando muitas vidas civis”, completou o comunicado do Pentágono.

FONTE: Terra/AFP

- Advertisement -

1 COMMENT

Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
hamadjr
hamadjr
8 anos atrás

fala sério, míssil em gaza? no máximo um rojão é o que eles tem

- Advertisement -

Guerras Modernas

Armênia, Azerbaijão e Rússia fecham um acordo para acabar com o conflito de Nagorno-Karabakh

YEREVAN/BAKU (ARMENIA/AZERBAIJÃO) — Armênia, Azerbaijão e Rússia disseram que assinaram um acordo para encerrar o conflito militar na região...
- Advertisement -
- Advertisement -