Home Artilharia Turquia ataca alvos na Síria após morte de civis por morteiro

Turquia ataca alvos na Síria após morte de civis por morteiro

95
6

As forças armadas da Turquia atacaram alvos na Síria nesta quarta-feira, em resposta a um morteiro disparado do território sírio que matou cinco civis turcos, informou o gabinete do primeiro-ministro Tayyip Erdogan.

“Nossas forças armadas na região de fronteira responderam imediatamente a este abominável ataque … alvos foram atingidos através de fogo de artilharia em locais na Síria identificados por radar”, disse o comunicado do governo turco.

“A Turquia nunca deixará sem resposta tais tipos de provocação feitos pelo regime sírio contra nossa segurança nacional.”

O chanceler turco, Ahmet Davutoglu, concordou com o secretário-geral da Otan, Anders Fogh Rasmussen, sobre a necessidade de uma reunião de emergência com os integrantes da entidade, segundo a nota.

Davutoglu conversou por telefone com o secretário-geral da Organização das Nações Unidas, Ban Ki-moon, e ministros de Relações Exteriores de vários países do Conselho de Segurança da ONU sobre o incidente.

Ban fez um apelo para que o governo sírio respeite a integridade territorial de seus vizinhos a advertiu que o conflito de 18 meses na Síria está prejudicando cada vez mais outros países na região, disse sua assessoria.

O morteiro disparado da Síria caiu em um bairro residencial na cidade de Akcakale, no sudeste da Turquia, e matou uma mulher e quatro crianças de uma mesma família.

FONTE: Reuters

Subscribe
Notify of
guest
6 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Baschera
Baschera
7 anos atrás

Esta é a segunda provocação síria….

Se eu fosse o Assad não cutucava onça com vara curta.

Sds.

cfsharm
cfsharm
7 anos atrás

Baschera,

Acho que a provocação foi a primeira. Este foi um ato de guerra. Duas questões me surgem: 1- Se o Assad tem o controle total das forças armadas resolveu arrumar para a cabeça logo com a Otan? 2- Se não tem, é melhor ir arrumando as malas e imigrar para o… eh… pensando bem não tem muito lugar para ele ir não é mesmo?
Sds.

ReturnOfTheKing
ReturnOfTheKing
7 anos atrás

Tudo é uma questão de tempo!

Giordani
Giordani
7 anos atrás

O Assad(o) precisa de um inimigo externo, para unir o povo numa causa comum e justificar o uso de força extrema, diga-se de passagem, armas químicas(duvido!). Mas o que funcionou no irã pode não funcionar na síria…isso tudo, na visão de um habitante de Pindorama…

Mauricio R.
Mauricio R.
7 anos atrás

“Alguém” está mto interessado, em internacionalizar a guerra civil que grassa na Síria.
Ao atrair p/ a arapuca um membro da OTAN, sabidamente simpático aos rebeldes, Damasco pode estar fabricando o motivo p/ a participação mais ostensiva de seus patrocinadores, Rússia e Irã.
Tá parecendo aquela mesma baboseira da Bósnia, qndo na hora h apareceu não se sabe de onde uma brigada de infantasria russa, que calmamente se instalou em um aeroporto da região; como se fosse a coisa mais normal do mundo.

Observador
Observador
7 anos atrás

Senhores,

Será mesmo que os morteiros foram disparados pelo exército da Síria?

A quem interessaria mais a entrada da OTAN no conflito?

Para mim, aos rebeldes, que não conseguem derrubar o governo e vem sendo massacrados há meses.

Bom, quem quer que tenha feito isto, conseguiu o intento:
o Parlamento Turco acaba de autorizar seu governo a declarar guerra à Síria.

http://noticias.terra.com.br/mundo/noticias/0,,OI6201674-EI17594,00-Parlamento+turco+autoriza+governo+a+declarar+guerra+a+Siria.html