Home Artilharia Unidades de Artilharia da 2ª DE participam da Operação Santa Bárbara

Unidades de Artilharia da 2ª DE participam da Operação Santa Bárbara

456
5

Três Corações (MG) – No período de 29 de setembro a 6 de outubro, foi realizada a “Operação Santa Bárbara/2012”, no Campo de Instrução da Escola de Sargentos das Armas.

O exercício da 2ª Divisão de Exército (2ª DE) reuniu as Unidades de Artilharia da “Divisão Presidente Costa e Silva”, o 2º Grupo de Artilharia de Campanha Leve (Itu/SP), o 12º Grupo de Artilharia de Campanha (Jundiaí/SP) e o 20º Grupo de Artilharia de Campanha Leve (Barueri/SP), com efetivo de 650 militares.

O Tiro de Artilharia foi realizado com o obuseiro 105 mm M56 Oto Melara, o morteiro 120 mm e o obuseiro 155 mm M114, totalizando 24 bocas de fogo.

Neste ano, o 13º Regimento de Cavalaria Mecanizado também participou da operação, realizando tiros com morteiro 81 mm e canhão 90 mm (Cascavel).

FONTE: EB

Subscribe
Notify of
guest
5 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
thomas_dw
thomas_dw
7 anos atrás

nos anos 50 este equipamento era a ultima palavra em tecnologia, a municao tambem deve ser do padrao dos anos 50, fantastico.

Giordani
Giordani
7 anos atrás

Eu ia perguntar exatamente isso! Quantos anos esse equipamento tem de vida útil? Eu sei que uma arma de 1860 é tão letal quanto uma de 2012, mas a tecnologia da última a torna muito mais eficiente…

Se o equipamento é dos anos 50/60, a doutrina de emprego também é?

thomas_dw
thomas_dw
7 anos atrás

Claro que e’ ! Imagine quão reconfortante para um Oficial da artilharia poder usar a mesma doutrina e o mesmo equipamento durante a sua carreira, combina com os FAL que eles usam a 50 anos – a superioridade do 105mm e do 7.62×51 sao indiscutíveis na caserna, que M777 ou ARX160 !!! brinquedos de crianças , M101 e FAL forever ! 🙂

brincadeiras a parte – triste de ver a que estamos reduzidos.

Vader
7 anos atrás

Complicado isso…

joao.filho
joao.filho
4 anos atrás

Que triste isso. E o pior é que o M-41 até pouquissimo tempo era o MBT principal do Brasil…