Home Armas de Fogo Como deter a matança de inocentes

Como deter a matança de inocentes

178
13

A verdade é que todo dia civis armados impedem assassinatos em massa

 

Depois do massacre na Escola Primária Sandy Hook, será que deveríamos deixar que os políticos e os meios de comunicação estatais que vivem cercados de seguranças armados o tempo inteiro ofereçam exatamente a prescrição errada para deter a matança de mais inocentes?

Assim como dá para prever o avanço dos ponteiros do relógio, dava para prever que aqueles que buscam um monopólio estatal sobre o poder de fogo explorariam uma tragédia como essa para impor soluções inconstitucionais, contraprodutivas e antiamericanas para resolver uma bagunça que eles ajudaram a criar.

Permita-me lhe dar algumas coisas para pensar — coisas que você provavelmente não ouvirá nem lerá em nenhum outro lugar.

Primeiramente, considere a razão por que Israel, uma nação cercada por loucos que buscam matar crianças judias inocentes de todos os jeitos que puderem, raramente vê os tipos de carnificina que os EUA testemunharam em Newtown, Connecticut. Posso lhe mostrar numa única foto, que não requer nenhuma explicação adicional.

É um fato que muitos assassinatos em massa como o que testemunhamos na Escola Primária Sandy Hook foram evitados porque crianças e adultos inocentes não foram deixados sem defesa. Eis apenas alguns exemplos:

* Em 1 de outubro de 1997, Luke Woodham, de 16 anos, membros de uma religião satânica, deu facadas e porretadas em sua mãe antes de dirigir o carro dela para a Escola Secundária Pearl em Pearl, Mississippi, onde ele matou a tiros dois estudantes e feriu sete outros com um rifle que ele não fez tentativa alguma de esconder. Ele então voltou ao carro de sua mãe e planejava ir para a Escola Intermediária Pearl para matar mais alguns. Mas o vice-diretor Joel Myrick pegou sua pistola calibre .45 do porta-luvas de seu caminhão e subjugou Luke.

* Em 16 de janeiro de 2002, Peter Odighizuwa, de 43 anos, da Nigéria, foi à Faculdade de Direito Apalachiana na Virginia com uma pistola e matou três e feriu outros três. Com o som dos tiros, dois outros estudantes — que eram policiais — pegaram suas armas de seus carros. Enquanto isso, outro policial e um ex-fuzileiro naval pularam em Peter e o desarmaram na hora em que os outros policiais chegaram à cena.

* Em 23 de agosto de 1995, um bando de viciados em crack entrou numa loja em Muskegon, Michigan, com um plano de matar a todos e roubar dinheiro e joias suficientes para alimentar seu vício. Um membro da gangue atirou quatro vezes nas costas de Clare Cooper, dono da loja. Ele ainda conseguiu dar um jeito de pegar sua espingarda e atirar na gangue em fuga. Todos foram presos.

* Em 9 de dezembro de 2007, Matthew Murray, um homem armado de 24 anos, lançou uma ataque contra os membros da Igreja Nova Vida em Colorado Springs que deixou duas vítimas mortas. Uma ex-policial, Jeanne Assam, membro da equipe de segurança da igreja, atirou em Matthew 10 vezes, matando-o, enquanto ele estava atirando nela. Matthew havia matado outras quatro pessoas numa igreja a 112 km de distância naquele dia.

* Em 24 de julho de 2012, Richard Gable Stevens alugou um rifle num campo de tiro ao alvo em Santa Clara, Califórnia, e ajuntou três empregados do lado de fora da porta, dizendo que pretendia matá-los. Um dos empregados, porém, estava carregando uma pistola calibre .45 e atirou no agressor.

* Em 17 de dezembro de 1991, dois homens armados com pistolas roubadas ajuntaram 20 clientes e empregados de um restaurante Shoney em Anniston, Alabama, fazendo-os entrar num grande refrigerador e trancando-o de modo que eles pudessem roubar o estabelecimento. Contudo, um dos clientes estava armado com uma pistola calibre .45 escondida debaixo de uma mesa. Ele matou a tiros um dos criminosos armados. O outro assaltante, que estava mantendo o gerente do restaurante como refém sob a mira de uma arma, começou a atirar no cliente. Mas ele foi revidado por tiros que o deixaram com ferimentos tão graves que deram um fim no crime.

* Em 13 de julho de 2009, um homem armado entrou no Mercado Golden Food em Richmond, atirando e ferindo um caixa enquanto estava atirando nos clientes do mercado. Ele foi atingido por outro cliente que tinha uma licença para portar arma escondida, provavelmente salvando as vidas de outras oito pessoas no mercado.

* Em 29 de julho de 2012, Charles Conner atirou e matou duas pessoas e seus cães no parque Peach Tree RV em Early, Texas. Vic Stacy recebeu uma ligação de um de seus vizinhos, pegou sua magnum .357 e atirou na perna de Charles. A polícia chegou antes que outras mortes ocorressem.
A verdade é que todo dia civis armados impedem assassinatos em massa.

Contudo, toda vez que há uma horrenda matança como a que vimos na Escola Primária Sandy Hook, há um clamor automático para desarmar mais as pessoas.

Espere um minuto! O perpetrador desse crime roubou suas armas da casa de sua mãe depois de matá-la! Ele tentou comprar um rifle dias antes, mas foi rejeitado.

Nenhuma lei poderia ter impedido essa matança, a não ser que todos os cidadãos obedientes à lei fossem desarmados. E isso simplesmente resultaria em mais mortes e carnificina — e o fim da liberdade para todos.

O massacre de Sandy Hook poderia ter sido minimizado, ou até mesmo totalmente impedido, se apenas uma professora ou diretora da escola estivesse armada — uma professora como a que você está vendo nessa foto de uma escola primária de Israel.

Tradução: Julio Severo

Do artigo do WND: How to stop the slaughter of the innocents

Subscribe
Notify of
guest
13 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
bustanijr
7 anos atrás

RT @blogforte: Como deter a matança de inocentes: A verdade é que todo dia civis armados impedem assassinatos em massa Depois … http:/ …

Marcos
Marcos
7 anos atrás

Já em Banárnia, se alguém atirar em um criminoso que esteja matando outras pessoas, esteja assaltando ou ainda praticando outro crime qualquer, o sujeito de bem vai ser processado pelo Estado. Se o criminoso sobreviver, provavelmente também abrirá processo contra dito cidadão. * Em determinada cidade de Banárnia, cidadão de bem dirija tranquilamente seu carro por uma rua, quando foi violentamente atingido por um carro com marginais em fuga. A seguradora que cobria o carro roubado abriu processo contra o cidadão de bem e, pasmem, a Justiça deu ganho de causa. O cidadão, além de perder o carro, ainda teve… Read more »

Bosco Jr
Bosco Jr
7 anos atrás

No Brasil somos doutrinados a não reagir e chegamos ao ponto que ninguém protege ninguém. Essa imagem da professora portando um rifle e disposta a usá-lo no caso de seus alunos serem ameaçadas não tem nenhum cabimento em nosso país. Nenhuma professora, após décadas de doutrinação, está disposta a morrer ou a matar pelo filho dos outros. Em nosso país reina a mais pura “política do gnus” e continuamos pastando calmamente em meios aos leões enquanto eles se saciam comendo um semelhante nosso, e elevamos aos mãos aos céus por não sermos nós a estarmos servindo de refeição e por… Read more »

aldoghisolfi
aldoghisolfi
7 anos atrás

joseboscojr: mas que George Orwell que nada, che! A ideologia dominante precisa desarmar a população para que não tenha nenhuma oposição remotamente armada; somente desarmam o homem de bem. A junção das pastorais disso e daquilo, “direitos humanos” e o bando de artistas da Globo criaram uma geração de covardes que se entregam pro bandido sem a mínima reação, o que não lhes garante a vida.

agadefreitas
agadefreitas
7 anos atrás

Sou totalmente contra ao cidadão andar com arma na rua, deveria ser intensificada a revista as pessoas pela PM e aquele cidadão que não tivesse porte de arma (cedidos somente a pessoas treinadas e com necessidade de uso nas vias publicas) deveriam ser presas de imediato sem direito a liberdade condicional a pelo menos dez anos de prisão Ja para o uso dentro do domicilio deveria ser permitido a posse de armas desde que o proprietario tivesse um treinamento de manuseio. As nossas lei tambem deveriam dar mais apoio a aquele cidadão que teve de usar a arma em defesa… Read more »

Luis
Luis
7 anos atrás

“Sou totalmente contra ao cidadão andar com arma na rua, deveria ser intensificada a revista as pessoas pela PM e aquele cidadão que não tivesse porte de arma (cedidos somente a pessoas treinadas e com necessidade de uso nas vias publicas) deveriam ser presas de imediato sem direito a liberdade condicional a pelo menos dez anos de prisão” ESQUEDISTA DETECTED ABOVE! “Aquele que anda armado na rua não está com boas intenções.” Sofisma típico do Viva-Rio e Sou da Paz, que só colabora com aumento da violência. Os marginais atacam, independentemente da localidade, e é necessário que os cidadão estejam… Read more »

aldoghisolfi
aldoghisolfi
7 anos atrás

É isso aí Luiz… essa argumentação do agaefreitas é do tipo das encontradas no manual de respostas da esquerda. Todos argumentam igual e visam à criação de uma situação tal, que o cidadão se acovarda à simples menção de ‘arma’. Tenho pena dos que caem nesta dialética bandida, que integra o modus operandi de todos os governos de esquerda. Aliás, todos eles governos ditatorias de esquerda!

agadefreitas
agadefreitas
7 anos atrás

Luis e Aldoghisolfi voces não podem rotular uma pessoa por um comentario de uma opinião pessoal. De uma pessoa que ja teve uma arma apontada na testa e discutio com o meliante, de ter um amigo morto por uma discusão de transito. Se essas pessoas que andam armadas nas ruas com intenções de assaltos e de confronto com outras, estivessem presas essas situações não ocorreriam. A proposição e leis duras para o meliante que tem uma arma com o proposito de assaltar, matar pelo prazer de matar. Ontem vi uma noticia de uma bandido que matou uma senhora sem que… Read more »

agadefreitas
agadefreitas
7 anos atrás

Para encerrar, se a opinião de outros não for a sua e mais facil atacar a pessoa?
Isso ta parecendo a doutrina do PT onde somente a suas ideias e que valem.
Pois o manual de esquerda voces conhecem e ja o leram
Quando atacam o molusco mor ele se volta sempre contra as pessoas, nunca argumentando sobre os fatos.
Voces por acaso são do PT?
Saiam do terceiro mundo, dialoguem.
Papo encerrado.

erabreu
erabreu
7 anos atrás

Meu caro agadefreitas, o que tem que ser punido não é a presença, posse ou manuseio de uma arma, mas o uso adequado ou não que se faz dela. Não se pode “presumir” que apenas pelo fato de estar portando uma arma, o cidadão seja um criminoso em potencial. Principalmente se este provar que a arma é legal e ele está devidamente habilitado e identificado para usá-la. O que precisa é de PUNIÇÃO para que faz o uso indevido. Podemos até imaginar que, com o código penal brasileiro isso seja impossível. É o velho dilema a desta república bananeira: proíbe… Read more »

erabreu
erabreu
7 anos atrás

Desculpem a palavra inapropriada: onde escrevi “dilema”, leia-se mania, compulsão, vicio ou qualquer palavra com o mesmo sentido

aldoghisolfi
aldoghisolfi
7 anos atrás

agadefreitas: pode-se ‘rotular’ uma pessoa por “um comentário de uma opinião pessoal”, sim; aliás, só se pode! Te entendo melhor, após o teu segundo comentário, mas a verdade é que comentastes como os grandes formadores de opinião da Rede Globo e do PT, que se confundem e contra os quais estou sempre ligado. Não fostes o único a perder amigos para a bandidagem, mas em cima deste comentário, informo que tenho outros dois amigos VIVOS, porque reagiram ARMADOS contra o assalto que tentaram contra eles. A ideologia dominante determina doutrinariamente que a população seja desarmada e, em caso de qualquer… Read more »

cristiano.gr
cristiano.gr
7 anos atrás

Sou fã de games, mas reconheço que a existência de games onde a matança é o foco principal contribuem para que pessoas com algum tipo de desvio aumentem suas insanidades e acabem até perdendo o sentido da realidade e da existência. O mesmo se aplica a filmes onde o protagonista é um serial killer, ou snipper psicopata.