Home Diplomacia Dilma e Amorim destacam integração com a América do Sul em cerimônia...

Dilma e Amorim destacam integração com a América do Sul em cerimônia no Itamaraty

112
5

FFB_3462

vinheta-clipping-forte1Os cerca de 30 novos diplomatas brasileiros que se formaram na manhã desta segunda-feira ouviram a presidenta da República, Dilma Rousseff, e o ministro da Defesa, Celso Amorim, discursarem a respeito da integração do Brasil com os países sul-americanos.

De acordo com Dilma, “a Unasul [União de Nações Sul-Americanas] constituiu, junto com o Mercosul, o elemento fundamental para se firmar a democracia deste continente”. E completou: “O mundo multipolar que está se desenhando exige da América do Sul ter uma resposta conjunta aos desafios. Ao mesmo tempo, aprofundando sua integração ecológica, social, política e cultural em matéria de economia, relações comerciais e investimento; em matéria de defesa; em matéria do diálogo e da articulação política”.

A fala da presidenta foi proferida durante cerimônia de formatura da turma Oscar Niemeyer 2011-2013, do Instituto Rio Branco. Após aprovação em concurso para a instituição, os jovens diplomatas passam por curso de formação de três anos. Este ano, escolheram Celso Amorim, ex-chanceler brasileiro, como paraninfo da turma.

Na ocasião, o ministro da Defesa destacou que “foi com combinação de coragem, idealismo e solidariedade que fortalecemos a integração sul-americana e desconstruímos propostas hegemônicas”.

Amorim explicou, ainda, que a formação dos novos diplomatas coincide com uma época em que os brasileiros passam a atuar em importantes cargos de visibilidade global. Sobre isso, citou a recente eleição de Roberto Azevêdo para o cargo de diretor-geral da Organização Mundial do Comércio (OMC).

Presente no evento, o ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, relembrou, ainda, outro brasileiro que está à frente de um mecanismo internacional: José Graziano da Silva, atual diretor-geral da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO). Patriota alertou aos formandos que “a extensão da presença do Brasil no mundo aumenta a responsabilidade do Itamaraty e da atividade diplomática”.

A formatura contou com a presença de diplomatas de nações-amigas, que realizaram o curso no Itamaraty. Formaram-se jovens de oito países: Angola, Argentina, Cabo Verde, Congo, Guiné Equatorial, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor Leste. A solenidade teve o objetivo também de condecorar os dois primeiros colocados do concurso de admissão e do curso de formação.

FONTE: Ministério da Defesa

Subscribe
Notify of
guest
5 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
aldoghisolfi
aldoghisolfi
6 anos atrás

Ilha da fantasia…

Marcos
Marcos
6 anos atrás

Enquanto o povo segue nas ruas, a Czarina e sua Corte fingem que governam alguma coisa.

Colombelli
Colombelli
6 anos atrás

Faltou só o chefe dela a quem pede licença até pra ir ao banheiro. Não estou exagerando: adivinhem com quem ela foi discutir as consequencias dos protestos, se aconselhar e beijar a mão? Ora, não sabe decidir e opinar sozinha sem pedir “bizu”?. Não tem capacidade de comandar nem uma peça de morteiro 60mm. A preocupação deles, ela do do guru de quem foi pedir benção, obviamente é a própria imagem e como tirar proveito eleitoral da situação ( estavam com marqueteiros junto), como esta fazendo, por exemplo, aquele incompetente do ministro da justiça reportando-se criticamente aos acontecimentos de São… Read more »

akhorus
akhorus
6 anos atrás

Lembra a corte do Czar Nicolau II, enquanto a Rússia implodia, a Corte seguia alienada. Todo mundo morrendo no front contra os alemães e os caras comendo e bebendo…

Claro que lá houve ruptura institucional total, não é o caso do Brasil.

Será ???

Blind Man's Bluff
Blind Man's Bluff
6 anos atrás

Esperamos que sim!

Assumiriam as forças armadas que promoveriam, a pedido e a serviço da população, uma nova constituição federal e em seguida, eleições.

Chega de impunidade!
Chega de emendas e remendos!
Chega de burocracia e assistencialismo!
Chega de tantos impostos, protecionismo e desindustrialização!
Chega de teorias e ideologias!

CADEIA NESSES PARASITAS!