sábado, outubro 23, 2021

Saab RBS 70NG

2º BEC apoia avaliação do Blindado GUARANI

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Guarani - 1

Pindamonhangaba – De 29 de julho a 2 de agosto, o 2º Batalhão de Engenharia de Combate apoiou a realização de testes na Viatura Blindada de Transporte de Pessoal – GUARANI – do lote de Experimentação Doutrinária, executado pelo Centro de Avaliação do Exército (CAEx) e por representantes da Empresa IVECO DEFENSE.

Além do teste de transposição de curso d´água, realizado na alça do Rio Paraíba do Sul, foi realizado um teste de Navegação em Lago, com duração de 1h30min, durante o qual puderam ser observados o desempenho na transposição, a navegação, o sistema de arrefecimento e a aceleração, entre outros.

Os testes foram acompanhados pelo Diretor de Fabricação, General de Divisão Ubiratan de Salles, e pelo Chefe do CAEx, General de Brigada José Carlos dos Santos.

Guarani - 2

FONTE: Exército Brasileiro

- Advertisement -

8 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
8 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Vader
8 anos atrás

Tá muito demorado isso aí…

eduardo.pereira1
eduardo.pereira1
8 anos atrás

Cade o Guarani com canhao 90mm, cade o projeto das futuras corvetas Barroso, cade o tal projeto de defesa anti-aérea com os russos e os Pantsir, cade,cade,cade ???
Ta demorando muuuuuuito!!

joao.filho
joao.filho
8 anos atrás

Demoram tanto as coisas no Brasil, que quando finalmente chegam, ja esta tudo obsoleto. E, pais do futuro eterno…

Colombelli
Colombelli
8 anos atrás

A rigor estes testes tinham de ser feitos na fase de desenvolvimento e não de experimentação doutrinária. Estão colocando os bois na frente do carro.

juarezmartinez
juarezmartinez
8 anos atrás

Parabéns Colombelli, eu fiz esta mesma pergunta, como é que estão avaliando operacionalmente o veículo com produção já autorizada, não deveriam ter feito isto na fase de protótipo.

Grande abraço

Guilherme Poggio
Reply to  juarezmartinez
8 anos atrás

juarez

Não vejo problema nisso. Nos EUA muitas vezes o LRIP passa para produção em escala sem que a avaliação operacional (OPEVAL) esteja completa.

Colombelli
Colombelli
8 anos atrás

Poggio, alguns testes até vá lá que se continue a fazer,pois teste nunca é demais. Mas transposição de curso d`água é uma coisa bem básica de um veiculo amfíbio e que deveria, a esta altura, salvo melhor juízo, estar ja definitivamente equacionada.

Note-se que se esta em experimentação doutrinária, ou seja, são mais testes vocacionados a desenvolver doutrina de emprego com tropa e a transposição pura e simples não parece ter pertinência com isso.

Mauricio R.
Mauricio R.
8 anos atrás

É, parece que esse projeto tem que dar certo, de qualquer maneira.

Últimas Notícias

Recife (PE) sediará a nova Escola de Formação de Sargentos do Exército

O CENTRO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL DO EXÉRCITO INFORMA: Na 339ª Reunião do Alto Comando do Exército, realizada de 18 a...
- Advertisement -
- Advertisement -