Home BRABATT Governo brasileiro lamenta morte de soldado no Haiti

Governo brasileiro lamenta morte de soldado no Haiti

195
3

O governo brasileiro, por meio do Ministério das Relações Exteriores, divulgou, na tarde desta sexta-feira (1º), nota de pesar na qual lamenta o falecimento do soldado Geraldo Barbosa Luiz, de 21 anos, ocorrido na madrugada de hoje, em Porto Príncipe, no Haiti. Integrante do Esquadrão de Fuzileiros de Força de Paz, o soldado ainda chegou a ser levado para um hospital, de onde veio a falecer.

O militar integrava o 18º Batalhão de Infantaria da Força de Paz do Haiti (Brabat) e servia no 11º Regimento de Cavalaria Mecanizado (RCMec), em Ponta Porã (MS).

O ministro da Defesa, Celso Amorim, também enviou aos familiares do soldado telegrama manifestando pesar o ocorrido. Foi aberto Inquérito Policial Militar (IPM) para apurar o ocorrido. O prazo previsto é de 40 dias.

A seguir a íntegra da nota divulgada pelo Itamaraty.

Ministério das Relações Exteriores
Assessoria de Imprensa do Gabinete

Nota nº 377
1º. de novembro de 2013

Falecimento de soldado brasileiro da MINUSTAH

O Governo brasileiro lamenta, com grande pesar, o falecimento, no dia de hoje, do soldado Geraldo Barbosa Luiz, membro do contingente brasileiro da Missão das Nações Unidas para a Estabilização no Haiti (MINUSTAH).

O Governo brasileiro transmite suas manifestações de consternação e tristeza aos familiares do soldado pela perda pessoal que sofreram e reitera seu compromisso de longo prazo com o Haiti e a MINUSTAH.

FONTE: Ministério da Defesa

Subscribe
Notify of
guest
3 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Colombelli
Colombelli
7 anos atrás

Sim mas morreu de que? ou por obra de quem?

Antonio M
Antonio M
7 anos atrás

Lamentável. Pêsames à família …

E a imprensa diz que há forte movimento contra a presença das tropas, que sirva de desculpa e que caiam foram mas, se já ha planos de testar o novo blindado por lá ……

Antonio M
Antonio M
7 anos atrás

meio off-topic

estadao.com.br/noticias/internacional,auditoria-da-onu-ve-irregularidade-no-haiti,1092796,0.htm