domingo, dezembro 5, 2021

Saab RBS 70NG

‘Não delegamos nossa defesa a terceiros’, diz Dilma em evento com militares

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

generaisdilma_inter2

Luiza Damé

Ao participar de almoço de confraternização das Forças Armadas, ontem, a presidente Dilma Rousseff destacou a importância do desenvolvimento da indústria de defesa. Ela citou o caso da espionagem americana, dizendo que as riquezas brasileiras podem estimular ameaças à soberania nacional, mas afirmou que o país não precisa de ajuda para defender seu patrimônio:

— É importante que a gente tenha consciência de que um país com as dimensões do Brasil, com os desafios do Brasil, deve estar sempre pronto a proteger seus cidadãos, a proteger seu patrimônio e a proteger sua soberania. Prova disso são revelações recentes também que evidenciam que nossas riquezas sempre podem suscitar comportamentos desrespeitosos e, mesmo, intrusivos em nossa soberania. Por isso, nós devemos desenvolver todas as possibilidades de proteção à nossa privacidade e a nossa soberania, notadamente todos os sistemas criptográficos e todos os demais elementos essenciais à defesa cibernética.

Segundo a presidente, as Forças Armadas têm um papel importante no desenvolvimento de sistema de proteção do país, que é de sua responsabilidade. Prova disso, afirmou Dilma, é o fortalecimento do Ministério de Defesa e da base industrial de defesa para modernizar as Forças Armadas e assegurar “condições dignas de vida e de trabalho” aos militares da Marinha, Exército e Aeronáutica.

— Como afirmei aos líderes mundiais reunidos na Assembleia Geral da ONU, o Brasil sabe proteger-se, não precisa de ninguém querendo nos proteger. Não delegamos nossa defesa a terceiros. Devemos estar preparados para enfrentar quaisquer ameaças, temos que estar prontos para defender o nosso patrimônio em regiões que já recebem tradicionalmente a nossa atenção, como é o caso da Amazônia, e também em regiões cujo valor estratégico aumentou de forma exponencial nos últimos anos, como é o caso da área do pré-sal, que é a nossa Amazônia azul — disse.

A presidente lembrou que, além de cuidar das ameaças externas, o país também tem cooperado com vizinhos da América do Sul e parceiros da África, além dos BRICS (grupo Brasil, Rússia, índia, China e África do Sul).

Para Dilma, “defesa e democracia formam um círculo virtuoso” Os investimentos realizados no setor de defesa, conforme a presidente, além da importância para a segurança, geram tecnologia e inovações, criam emprego e renda para a população. A presidente lembrou que a indústria de defesa faz parte do Plano Brasil Maior, que define a política industrial e tecnológica do governo. Destacou ainda que projetos estratégicos de defesa foram incluídos no Programa de Aceleração do Crescimento, como a construção de submarinos de propulsão convencional e nuclear; o sistema integrado de monitoramento das fronteiras terrestres brasileiras e o avião-cargueiro reabastecedor, em desenvolvimento pela Embraer.

— Durante algum tempo a crise do Estado brasileiro, em termos de recursos, impediu que houvesse este foco numa época industrial e tecnológica de defesa. Essa política tem não só o reaparelhamento das chamadas Forças Armadas, mas também, e sobretudo, a percepção da capacidade de inovação que a indústria nacional de defesa e os militares brasileiros sempre tiveram — disse Dilma.

FONTE: O Globo via Resenha do Exército

- Advertisement -

7 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
7 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Marcos
Marcos
7 anos atrás

Um monte de bobagens.
Um país que não consegue proteger seus cidadãos internamente contra todo tipo de crime, inclusive o praticado por vários membros do atual partido no poder, fica arrotando que enfrenta qualquer um.

Antonio M
Antonio M
7 anos atrás

Apenas jogou para sua platéia.

A escolha do Gripen que sabemos não ter peças russas nem francesas mas, tem muitas americanas foi uma forma de afagar o ego do seu governo e militantes do partido mas, que não bate de frente com o Tio Sam e o “discurso ONU” vai perdendo a evidência que teve a cada dia que passa.

pco-andrade
pco-andrade
7 anos atrás

um off-topic.

por conta das festividades pela decisão noo F-X 2, alguém confirma a notícia veiculada pelo tecnologia e defesa?

http://www.tecnodefesa.com.br/materia.php?materia=1464

Igla, Gepard, Pantsir, canhões de 35 e 40 mm, EDT Fila, RBS-70, Radares Saber….

Marcos
Marcos
7 anos atrás

off topic

CIA AJUDOU COLÔMBIA A MATAR LÍDERES DAS FARC
Jornal americano revela sistema que permitiu ataques nas selvas (O Globo)

giltiger
giltiger
7 anos atrás

Referente a compra do sistema RBS-70… míssil Bolide

Está rolando desde 19/11 em várias prestações e parece que vai continuar a rolar pois destina-se a proteção das 12 arenas da Copa de 2014…

http://portaldefesa.com/site/index.php/nacional/exercito/3202-rbs-70-para-o-exercito-brasileiro.html

Sniper
Sniper
7 anos atrás

Ate mesmo porque nao se pode delegar algo que nao se tem!

Reinaldo Deprera
Reinaldo Deprera
7 anos atrás

Nossa Presidenta subiu no meu conceito depois da decisão do FX. Não deve ter sido fácil para ela descosturar as amarrações da lula. Isso já é uma evolução.
As palavras da Presidenta citadas neste artigo, também são positivas.

http://www.youtube.com/watch?v=dNvnR7I1NpQ

Off-topic: Surge no Brasil a tese de a esquizofrenia é na verdade um vírus transmitido por um tipo muito particular de molusco. Ao que parece, tem cura.

Últimas Notícias

23° Esquadrão de Cavalaria de Selva recebe instrução sobre simulador da Viatura Blindada Guarani

Tucuruí (PA) – Entre os dias 23 e 24 de novembro, o 23° Esquadrão de Cavalaria de Selva (23...
- Advertisement -
- Advertisement -