Home Artilharia Antiaérea Sistema Pantsir – S1 será testado no Ártico, diz fabricante

Sistema Pantsir – S1 será testado no Ártico, diz fabricante

219
9

sa22 pantsir s1

O centro de desenvolvimento de projetos KBP, baseado em Tula, a cerca de 200km de Moscou, planeja testar o sistema de defesa antiaérea Pantsir-S1 além do Círculo Polar Ártico. As provas devem combinar o Pantsir a mísseis superfície-ar de curto e médio alcance e artilharia antiaérea. As informações foram divulgadas ontem a repórteres pelo vice- diretor da KBP, Nikolai Khokhlov. “O governo já encomendou sistemas Pantsir-S1 para operarem no Ártico. A versão doméstica usada pelas Forças Armadas russas tem medidores de temperatura diferentes das baterias exportadas para os Emirados Árabes e outros países”, explica Khokhlov. O vice-diretor disse ainda que após os testes, os mísseis serão alocados para uso no Ártico.

Os Pantsir-S1 foram desenvolvidos pela KBP e operam na Rússia desde 2003. O sistema é capaz de antecipar e interceptar ataques aéreos a uma distância que pode chegar a 20 quilômetros e até 15 quilômetros de altitude. Os mísseis lançados alcançam velocidade de até 1.300 quilômetros por segundo e podem ser disparados contra até quatro alvos simultâneos. Em condições de combate, o sistema também pode ser usado para abater alvos leves em terra e no mar, além de as plataformas operarem tanto como lançadores móveis ou baseadas em um ponto fixo. Cada bateria inclui 12 mísseis e 1.400 projetis para artilharia.

A KBP em Tula é parte do conglomerado NPO Vysokotochniye Kompleksy, um dos maiores fabricantes de sistemas antiaéreos.

FONTE: Russia Beyond the Headlines via Naval Open Source Intelligence (tradução e adaptação do Forças Terrestres a partir de original em inglês)

9 COMMENTS

  1. Nao sei, so sei que estou feliz que eles estejam produzindo mais e mais destes para se defender.

    Ja colocaram camuflagem artica em um, ficou bem interessante.

  2. Esse da foto é um Pantsir mais antigo com orientação CLOS (comando em linha de visada),
    Os mais novos dotados de radar PESA tem orientação COLOS (comando não em linha de visada)
    Isso me lembra uma discussão que tive, salvo engano, com o LM, sobre o sistema de orientação do Pantsir há muito tempo.
    Até então desconhecia a capacidade de operação COLOS do Pantsir.

  3. Os brasileiros viajaram para a Rússia no sábado, dia 18.

    Agora, será mesmo que eu li que “Os mísseis lançados alcançam velocidade de até 1.300 quilômetros por segundo”?

    Tô doido!

  4. Ártico ?

    É vai ser uma fria mesmo.

    E quente no $uper faturamento, olha a grana ai gente….

    Aliás em que aéro iremos transportar em caso de necessidade ?

    Essa vai ser a “Kombi” Russa nestas paragens e mais uma vez:

    “Nunca antes na história desse país”.

    Minha esperança quanto a essa loucura:

    A partir de 2015 a grana vai minguar de vez, por três anos pelo menos e creio que será por mais tempo.

    Áreas da defesa, tecnologia e muitas outras sequer ficarão com o pires na mão, uma vez que terão que vender o pires, portanto …..

    É uma pena, mas para esse embuste vai ser bom.

  5. abdiel pinheiro 21 de janeiro de 2014 at 17:53

    Teria como eu adquirir as revistas 1,2,3 ????

    Prezado Abdiel Pinheiro,

    As edições 1, 2 e 3 da Revista Forças de Defesa estão esgotadas.

    Possivelmente alguém que comprou queira vender ou trocar, mas ainda não vi isso acontecer.

    Abrs

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here