quinta-feira, fevereiro 25, 2021

Saab RBS 70NG

EUA ajudarão África a estabelecer força de apoio às missões de paz

Destaques

Rússia e Arábia Saudita assinam acordo para implantação de fábrica de fuzis Kalashnikov

A Rússia assinou um acordo com a Arábia Saudita para implementar a primeira fase de produção conjunta de fuzis...

MBT Leopard 2 da Alemanha será equipado com o Trophy APS da Rafael

COLÔNIA, Alemanha – Os ministérios da defesa alemão e israelense assinaram um acordo para a compra do sistema de...

Tabela de salários dos militares das Forças Armadas para 2021

Sabe quanto ganha um Sargento, Capitão ou Cadete da Marinha, Exército e Aeronáutica? Veja a tabela de soldos dos...
Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Obama

Obama disse que essa força poderá ser enviada rapidamente para apoiar missões lideradas pela ONU no continente

ClippingWashington – Os Estados Unidos ajudarão as nações da África a estabelecer uma força de resposta rápida para apoiar as Nações Unidas e a União de Nações Africanas em missões de paz, informou o presidente Barack Obama nesta quarta-feira (6/8).

No encerramento da cúpula de três dias com 50 países africanos, realizada em Washington, Obama disse que essa força poderá ser enviada rapidamente para apoiar missões lideradas pela ONU no continente. Obama explicou que o plano tem como objetivo “fortalecer nossa cooperação em matéria de segurança para enfrentar melhor ameaças comuns, como o terrorismo, ou o tráfico de seres humanos”.

“Estamos convidando países além da África para se unirem a nós em apoio a esse esforço, porque interessa a todo o mundo o êxito da manutenção da paz na África”, insistiu o presidente, em entrevista coletiva. Países como Quênia, Tunísia, Mali, Nigéria e Gana vão se beneficiar de um projeto que pretende garantir a segurança de países afetados, nos últimos anos, por conflitos com grupos islâmicos.

“Nós nos uniremos a seis países que demonstraram uma trajetória como mantenedores da paz”, declarou o presidente, citando Etiópia, Gana, Ruanda, Senegal, Tanzânia e Uganda. Obama disse ainda que os Estados Unidos também trabalham com os países africanos no desenvolvimento de uma “resposta rápida e de uma rede de resposta” para identificar crises emergentes.

FONTE: Correio Braziliense

- Advertisement -

1 COMMENT

Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Carlos Alberto Soares
Carlos Alberto Soares
6 anos atrás

Não adianta, vai jogar dinheiro fora …..

- Advertisement -

Guerras Modernas

Armênia, Azerbaijão e Rússia fecham um acordo para acabar com o conflito de Nagorno-Karabakh

YEREVAN/BAKU (ARMENIA/AZERBAIJÃO) — Armênia, Azerbaijão e Rússia disseram que assinaram um acordo para encerrar o conflito militar na região...
- Advertisement -
- Advertisement -