Home Conflitos em andamento Estados Unidos fornecem armas para curdos no Iraque

Estados Unidos fornecem armas para curdos no Iraque

745
25

Kurdish Iraq Security

ClippingOs Estados Unidos começaram a fornecer armas diretamente para as forças curdas, que já avançam contra os militantes islâmicos no norte do Iraque, segundo autoridades americanas disseram à agência de notícias Associated Press nesta segunda-feira (11).

Anteriormente, os EUA insistiram que só vendiam armamento para o governo iraquiano em Bagdá, mas os combatentes curdos estavam perdendo terreno para os radicais do Estado Islâmico (EI) nas últimas semanas.

As autoridades, que não quiseram se identificar, não disseram qual agência dos EUA está fornecendo as armas, mas um funcionário disse que não é o Pentágono. A CIA fez operações de armamento semelhantes no passado.

O governo também está muito perto de aprovar planos para o Pentágono armar os curdos, disse um funcionário. Nos últimos dias, os militares dos EUA têm ajudado a facilitar as entregas de armas dos iraquianos para os curdos, prestando assistência logística e transporte ao norte do país.

O presidente Barack Obama autorizou ataques aéreos americanos contra os militantes do EI, dizendo que a medida evitaria o genocídio de minorias –como a dos curdos yazidis que estão cercados pelos radicais.

O secretário de Defesa dos EUA, Chuck Hagel, disse que os ataques aéreos “têm sido muito eficazes a partir de todos os relatórios que recebemos”.

O movimento para ajudar diretamente os curdos ressalta o nível de preocupação dos EUA com os ganhos dos militantes do EI no norte, além de refletir a visão do governo de que os iraquianos devem tomar as medidas necessárias para resolver os seus próprios problemas de segurança.

RESGATE

Mais de 20 mil das 40 mil pessoas presas pelos radicais do EI em uma montanha já escaparam, mas os EUA consideram um resgate em grande escala, segundo o britânico “Guardian”. Os EUA estão explorando opções para retirar milhares de civis iraquianos presos em uma montanha no norte do Iraque depois de quatro noites de lançamentos aéreos de ajuda humanitária, disseram autoridades em Washington.

Pelo menos metade das pessoas sitiadas elos radicais no Monte Sinjar escaparam no domingo (10) à noite, auxiliados por curdos que vieram da Síria para resgatá-los. “Estamos revendo opções para remover os civis da montanha”, o vice-assessor de segurança nacional, Ben Rhodes, disse à Reuters no domingo. Os refugiados, todos os membros da seita yazidi, começaram a voltar para a região autônoma curda do Iraque.

ARMAMENTO

Os curdos iraquianos recebem armas de várias origens para conter o avanço do EI, afirmou uma fonte do Departamento de Estado americano, que não revelou os países envolvidos. Ao ser questionado se o governo dos Estados Unidos fornece armas, respondeu: “Não posso comentar isto. Estão acontecendo muitas negociações entre muitos países”.

As forças curdas, que nos últimos dias sofreram várias derrotas para os insurgentes sunitas liderados pelo EI, recuperaram terreno no domingo, terceiro dia dos ataques aéreos dos Estados Unidos. Além da ajuda de emergência que EUA, França e Reino Unido entregam aos civis cercados, as forças americanas executam ataques aéreos contra as posições do EI.

No domingo, o ministro francês das Relações Exteriores, Laurent Fabius, afirmou que, nas consultas com os sócios da União Europeia, Paris cogitava a entrega de armas aos curdos.

FONTE: Folha de São Paulo

Subscribe
Notify of
guest
25 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
wwolf22
wwolf22
5 anos atrás

ah, quer dizer que qnd a Russia fornece armas a grupos separatistas eles são os criminosos…
agora qnd os eua fornecem armas a grupos separatistas(os curdos querem formar uma republica autônoma no norte do Iraque) eles são os salvadores e não terroristas…
dois pesos e duas medidas !!!!!! Incrivel…

Rogério
Rogério
5 anos atrás

wwolf22,

Se vc não consegue enxergar a diferença entre os Curdos e esse cancer chamado ISIL, paciencia!!!

wwolf22
wwolf22
5 anos atrás

Rogerio,

se vc se informar melhor vc vera que os curdos do Norte estão pra proclamar um republica separatista CURDA…
Faz tempo que os eua fornecem armas aos curdos pois o tio sam tem interesse no petróleo que esta naquela área…
se os separatistas tiverem algo que interessa o tio sam, TUDO EH legal…. entendeu agora a minha comparação ?!?!?!
e outra, a ISIL so ta la gracas ao eua…

jura_gol
jura_gol
5 anos atrás

O ISIL foi armado pelos Americanos para lutarem na Siria, só que a coisa saiu do controle, agora eles armam os Curdos, muito em breve eles começam a jogar bombas nos mesmos. É a famosa politica me engana que eu gosto, criam a doença e depois vendem o antidoto,F-16, misseis ar-terra, helicopteros de ataque e transporte e veto as compras feitas aos russos, o Iraque nada mais é que um brinquedo nas mãos de um sádico chamado Obama.

wwolf22
wwolf22
5 anos atrás

jura_gol,
perfeito na sua explicação…

Observador
Observador
5 anos atrás

Senhores, A miopia e o antiamericanismo de alguns de vocês me deixam pasmo. O EI está massacrando yazidis por considera-los “adoradores do diabo”, já que eles professam uma religião obscura, derivada do Zoroastrismo, religião esta praticamente extinta pelo avanço do Islã. Os yazidis adoram um “anjo-caído” em forma de pavão, que para os muçulmanos e cristãos nada mais é do que o diabo em pessoa. Assim, a conversão ao Islã – que o EI permite aos cristãos – é PROIBIDA aos yadizis: a estes é reservada apenas a morte, mesmo que sejam MULHERES e CRIANÇAS. Na história recente isto só… Read more »

Corsario137
Corsario137
5 anos atrás

Eu já vi esse filme várias vezes. F-14 pro Irã, Stinger pro Talibã, etc…

Resolve no curto prazo, no longo da merda.

Rogério
Rogério
5 anos atrás

As coisas mudam o tempo todo e os EU tentam, nem sempre com sucesso, influenciar as coisas a seu favor, qual o problema?? Melhor que os países acomodados e que quando resolvem se mexer SÓ fazem mer… foi assim na guerras URSS x Afeganistão, depois a coisa mudou, foi assim com o Irã, que de aliado transformou-se em inimigo e etc, paciencia, a vida é assim mesmo, até para a URSS os EU venderam armas e de montão. wolf, Eu estou ciente e informado, o que vc disse não é novidade alguma, lembre-se qiue os curdos foram aliados dos EU… Read more »

Rogério
Rogério
5 anos atrás

Contra esse Isil vale armar Irã , Siria, Rússia, ressuscitar SAddam, Kaddafi e o escambau, qq coisa é melhor que isso.

“ISIL so ta la gracas ao eua” Cara, só erra quem faz algo, mas te garanto, os maiores erros sempre são devido a omissão e não por ação.

Bosco Jr
Bosco Jr
5 anos atrás

Nossa, mais um local de onde os EUA querem drenar todo o petróleo. Puxa!!!
Como gosta de petróleo esses americanos! Curuis!
E eu que pensava que só bastava comprar ou investir na exploração de petróleo do país.
Mas não, os malvados americanos gostam de gastar à toa uns 500 bilhões de dólares pra invadir um país, perder alguns milhares de cidadãos, só pra encher seus postos de gasolina, que se fosse comprada não sairia nem por um centésimo desse valor.
Loucos esses americanos.

Pangloss
Pangloss
5 anos atrás

wwolf22 e jura_gol, se vocês querem falar mal dos EUA, aproveitem os motivos corretos para fazê-lo. Não faltam oportunidades. Agora, se preferem praguejar sem critério, procurem o Yahoo! e outros espaços para isso. Se fazem questão de debater aqui, vamos a algumas categorias fundamentais: 1 – Curdos formam minorias em diversos países contíguos: Irã, Iraque, Síria e Turquia, principalmente; 2 – Exatamente por serem minoritários, são perseguidos em cada um desses países; 3 – O termo “curdo” refere-se a uma etnia, e não a uma religião. Há, entre outras religiões, curdos muçulmanos, em maioria sunitas – mas também há xiitas.… Read more »

Rogério
Rogério
5 anos atrás

Pangloss
11 de agosto de 2014 at 23:42

Excelente comentário!!!

Reinaldo Deprera
Reinaldo Deprera
5 anos atrás

Pangloss, vá com calma. A razão tem efeitos imprevisíveis em “anti-imperialistas”. Eles não precisam pensar, eles detém o monopólio sobre a boa intenção.

Save Ferris!

Carlos Alberto Soares
Carlos Alberto Soares
5 anos atrás

Bosco, valeu …. !

Nossa vou correr pro banheiro, bláhhhhh ….. vou vomitar ….

quanta besteira ai pra cima …. tá chovendo m#rd@ …..

Bláhhhhh

wwolf22
wwolf22
5 anos atrás

em nenhum momento disse que curdo fosse uma religião, começamos por ai…
o que eu quis dizer mas muita gente não entendeu
(infelizmente não posso usar o PowerPoint)… OS EUA ESTAO ARMANDO SEU INIMIGOS DE “AMANHA”… espero que tenha ficado claro…
citaram o termo nazismo acima… os eua finaciam através de israel o genocídio palestino…. Por que os eua não combatem o ISIL na Syria e so o fazem no Iraque ???
os eua nao entram numa “operação” a toa… o pagamento deve compensar…. as empresas de armamentos americanos agradecem td isso… viva o tio sam

Mauricio R.
Mauricio R.
5 anos atrás

“se vc se informar melhor vc vera que os curdos do Norte estão pra proclamar um republica separatista CURDA…” O Curdistão iraquiano é semí autonômo, resultado da invasão do Iraque pelos americanos em 2003. “e outra, a ISIL so ta la gracas ao eua…” Mas os americanos saíram do Iraque em Dezembro de 2011 e outra, o fundador desse ISIS, é iraquiano. “os eua finaciam através de israel o genocídio palestino….” Pensei que eram somente aqueles sob o (des)governo do Hamas, que arremessa foguetes diariamente contra civís no sul de Israel. Ah o Hamas pode, sabe se lá pq, fazer… Read more »

Pangloss
Pangloss
5 anos atrás

wwolf22, eu só estava contextualizando, para demonstrar que a ação americana não tem viés religioso, ao contrário do pessoal do “califado”. Aliás, já que eles gostam de califados, talvez tenham saudades do carinho que o Sultão de Istambul os tratava, até a I Guerra Mundial. Sobre os interesses do lobby armamentista americano, para essa indústria seria bem melhor deixar o couro comer na região, para que a monarquia saudita lhes comprasse bilhões em armas – aliás essas vendas à Arábia Saudita é que eu acho muito perigosas. E, se é para fazer pose de humanista, vamos deixar a seletividade de… Read more »

Ivan
Ivan
5 anos atrás

Pangloss, Os Tártaros da Criméia foi uma importante lembrança. Quase foram extintos na época de Stalin e agora tem poucas chances de continuar existindo como um povo. Mas também tem os Bascos da Espanha e França, com língua própria (totalmente diferente das latinas), cultura definida e desejo de independência ou, ao menos, maior autonomia. Tem os Palestinos também, que no final luta para ter um Estado soberano novamente, como é o desejo de tantos outros, como era o desejo dos Judeus que por milênios perambolaram pelo mundo sem pátria. A fila é longa… e sangrenta. Mas os Curdos são hoje… Read more »

Ivan
Ivan
5 anos atrás

Outro mapa, este com relevo, aeroportos (possíveis bases) e algumas cidades importantes do território que seria da Nação Curda, ou ao menso por onde eles se espalham… ou se concentram.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/5/58/Kurdish-inhabited_area_by_CIA_%281992%29.jpg

A Turquia não quer nem falar sobre este assunto, como fica óbvio ao observar o mapa. Na verdade, dentro do território turco, por boa parte do século passado (25-65) o idioma curdo foi proibido, sendo que as palavras curdos e curdistão foram retiradas dos livos de história e até dos dicionários.

Um mapa sempre ajuda a enteder os movimentos…

Sds.,
Ivan, o mapento.

Ivan
Ivan
5 anos atrás

Para os amigos que tenham alguma dificuldade de entender porque o Curdistão é uma Nação mas não é um Estado, possivelmente os que faltaram às aulas de geografia do colégio, segue um infográfico (‘tipo’ um mapinha) muito interessante:

http://1.bp.blogspot.com/-5OCycZIMpkA/TatFSMCH0tI/AAAAAAAACoc/xfrybIP1bFs/s1600/povo%2Bna%25C3%25A7%25C3%25A3o%2Bestado%2Bpa%25C3%25ADs.JPG

Cordiais saudações,
Ivan, o Terrível. 🙂

Pangloss
Pangloss
5 anos atrás

Ivan, terrível mapento, vou ousar discordar de você quanto ao País Basco. Isso é uma temeridade, já que sempre leio seus comentários com grande admiração. Percebo que, na Espanha, há um grupo basco querendo sua independência de Madrid. Curiosamente, o País Basco espanhol tem média de renda superior à espanhola. Na França, contudo, o País Basco francês apresenta média de renda menor que o do país, e não vejo movimentos separatistas consideráveis por lá. Fica a impressão de que a intenção é apenas separar-se da Espanha, para não redistribuir renda para as regiões espanholas mais pobres, como a Andaluzia, por… Read more »

Ivan
Ivan
5 anos atrás

Pangloss Temo lhe informar que não discordamos, o que é uma infelilcidade pois seria um privilégio esgrimir um bom debate com o amigo. Bilbao, Viscaya ou mesmo Barcelona, inclusive as terras altas da Galícia tem que ser tudo Espanha mesmo, como forma de ser um país viável economicamente. Os tártaros também não tem condições de ter um país p’ra chamar de seu. São poucos e sem escala econômica. O que chamo atenção é que há verdadeiras nações dentro de países e que demandam sempre alguma coisa. Até mesmo nas nações “civilizadas” há minorias. Isto é importante porque estas precisam ser… Read more »

Requena
Requena
5 anos atrás

Pangloss

Parabéns pela paciência em explicar as coisas tão bem.

Ivan

Continue sendo um terrível “mapento”.

Vocês dois enobrecem esse espaço.

Um brinde a ambos!

Observador
Observador
5 anos atrás

Senhores, Armar os curdos pode até ser um problema no futuro, mas será um problema para a Turquia, Irã e outros países com população curda, como bem destacou Ivan I – “o Mapento”. Se os EUA fossem movido apenas pelo interesse financeiro, nada faria no Iraque para evitar desagradar a Arábia Saudita e a Turquia, ambos parceiros estratégicos e grandes clientes do seu equipamento militar. Quanto ao Estado Islâmico, além do GENOCÍDIO contra a minoria yazidi, eles fazem a CRUCIFICAÇÃO de cristãos que não querem se converter e tem promovido a MUTILAÇÃO GENITAL FEMININA nas populações dos territórios que invadem.… Read more »

Colombelli
Colombelli
5 anos atrás

A coisa é simples. Este ISIL tem de ser defenestrado imediatamente do planeta por ser o que há de pior no momento, sob qualquer perspectiva que se olhe. Se armar curdos, iranianos ou quem quer que seja vai gerar problemas depois mas solucionar esta questão agora, estes problemas se resolvem depois, porque por pior que sejam os problemas que isso possa gerar, jamais chegarão estes ao nível de bestialidade deste califado infame. Eu sou voluntário para combater estes elementos em troca de comida e “pouso”, nada mais. Aquilo ali é uma mega Al caeda, inimiga da humanidade, é uma volta… Read more »