sexta-feira, julho 23, 2021

Saab RBS 70NG

Tanques russos invadem Ucrânia, diz Otan

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Russian tank in Crimea

Aliança divulga imagens em que supostos veículos militares da Rússia aparecem do lado ucraniano da fronteira. Kiev diz que cidade fronteiriça foi tomada; Obama quer mais sanções a Moscou, mas evita termo ‘invasão’

DE SÃO PAULO

ClippingA Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte) divulgou imagens que mostram unidades de artilharia russas operando na Ucrânia. Segundo a organização, mais de mil soldados da Rússia já se juntaram aos separatistas que lutam contra as Forças Armadas ucranianas.

As imagens de satélite levadas a público nesta quinta (28), feitas entre o mês de julho e a semana passada, são as primeiras provas da incursão russa no país vizinho, de acordo com a Otan. Equipamentos que aparecem nas imagens não podem ser ucranianos, diz a organização, porque as áreas registradas, como da cidade de Krasnodon, são controladas pelos separatistas.

“Nas duas últimas semanas, notamos uma escalada significativa da interferência militar da Rússia na Ucrânia”, afirmou o general-de-brigada holandês Nico Tak, dirigente militar da Otan. Kiev afirmou também nesta quinta que forças russas tomaram o controle da cidade fronteiriça de Novoazovsk, cem quilômetros ao sul de Donetsk, principal ponto controlado pelos pró-Rússia.

Um militar de alto escalão ucraniano declarou que estaria havendo uma “invasão em larga escala” do país.

PÂNICO

O presidente da Ucrânia, Petro Poroshenko, trocou a viagem à Turquia para a posse de Recep Tayyip Erdogan por uma reunião de emergência do Conselho de Segurança Nacional e Defesa.

“Artilharia pesada, carregamentos de armas e soldados russos entraram no território ucraniano a partir da área de fronteira com a Rússia que está sem controle”, afirmou o presidente em comunicado sobre a suposta tomada de Novoazovsk.

“A situação é extremamente difícil, e ninguém vai menosprezá-la. Ainda assim, está sob controle”, declarou Poroshenko, que afirmou que não era necessário “entrar em pânico”, que para ele é “uma arma tão eficiente quanto tanques de guerra ou rifles”.

Moscou continua a negar que esteja dando apoio aos rebeldes separatistas. Também afirma que não procedem as acusações de Kiev de que tenha enviado tropas para a fronteira.

EUA

O presidente americano, Barack Obama, condenou a participação russa, mas não usou o termo “invasão” para definir a atuação.

“Eu considero as ações da última semana uma continuação do que vem acontecendo há meses”, disse, nesta quinta, a jornalistas na Casa Branca. “Os separatistas são apoiados, treinados, armados e financiados pela Rússia. Vimos um envolvimento profundo da Rússia em tudo o que eles fizeram.”

Obama afirmou que os Estados Unidos e seus aliados poderiam ampliar as sanções a Moscou. Na próxima semana, ele participa de encontro da Otan na Europa.

Os embaixadores americanos na Ucrânia e na ONU, porém, foram menos comedidos que Obama. “Tanques cedidos pela Rússia, blindados e artilharia foram insuficientes para derrotar as Forças Armadas da Ucrânia, agora um crescente número de soldados russos está intervindo diretamente no combate em território ucraniano”, afirmou, pelo Twitter, o embaixador americano na Ucrânia, Geoffrey Pyatt.

Samantha Power, que representa o país nas Nações Unidas, acusou a Rússia de mentir e afirmou que o país de Vladimir Putin “deve ser medido por suas ações, não por suas palavras”. “E, nas últimas 48 horas, as ações tiveram muito a dizer.”

FONTE: Folha de São Paulo

- Advertisement -

8 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
8 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Colombelli
Colombelli
6 anos atrás

Se for verdade é mais um acontecimento patenteando a incomensurável burrice de Putin. So vai sossegar quando tiver uma guerra.

Ivan
Ivan
6 anos atrás

Colombelli, É verdade. Como os blindados russos e ucranianos são todos de origem soviética, era difícil identificar quando os veículos eram dos estoques tomados pelos separatistas ou cedidos pelo Exército Vermelho. Detalhes técnicos, como versões mais modernas que nuca foram adquiridas por Kiev já apontavam para a ‘ajudinha’ moscovita. Mas era para especialistas. Mas existe alguns tipos que são mais usados por um lado que o outro. Os tanques principais de batalha por exemplo. O exército russo optou pelo manter e modernizar o T-72, que utiliza uma suspensão tipo Christie que é mais simples e usadas desde o T-34 ou… Read more »

Alfredo Araujo
Alfredo Araujo
6 anos atrás

Número, e tipos, de veículos de combate capturados pelos rebeldes da milícia de Donbass tanks T-64 – 65 units; infantry fighting vehicles (BMP) – 69 units; armored personnel carriers (BTR) – 39 units; combat reconnaissance patrol vehicles (BRDM) – 2 units; airborne combat vehicles (BMD) – 9 units; multiple artillery rocket systems (RSZO) BM27 Uragan – 2 units; self-propelled guns (SAU) 2S4 “Tyulpan” – 2 units; self-propelled guns (SAU) 2S9 “Nona” – 6 units; self-propelled guns (SAU) 2S1 “Gvozdika” – 25 units; howitzers D-30 – 10 units; 82 mm. caliber mortars – 32 units; anti-aircraft mounts ZU-23-2 – 18 units;… Read more »

Ivan
Ivan
6 anos atrás

Alfredo Araújo, Nem contra, nem a favor, muito pelo contrário… 🙂 Brincando, mas, é isto aí !!! Nossa busca é pela verdade, ou o que for mais próximo, para depois embasar nossas opiniões. O sítio que vc indicou é interessante. Canadense, merece alguma credibilidade (lá a imprensa é livre). Além disso, os tipos de veículos batem com o que temos visto. Claro que é provável que existam mais cedidos pelos russos, bem como ajuda na manutenção e abastecimento destes blindados. Mas esta parte sempre foi difícil de provar, o que é um problema. Entretanto, observe que na lista que vc… Read more »

Ivan
Ivan
6 anos atrás

Ops !!! Alfredo, Aparentemente o Global Research não está tão isento assim. Mas ‘faz parte’ e é importante ler o que eles tem a escrever. Os números que apresentaram fazem sentido, apenas discordo da conclusão. As cinco dúzias de tanques T-64 é muito pouco para sustentar uma batalha, além do que eles precisam de manutenção e abastecimento, que exige uma logística típica de um exército formal. Observe que aquela região é favorável a uma guerra mecanizada. Mesmo lutando dentro das cidades é necessário tem blindados para apoiar e, eventualmente, se aventurar entre uma e outra localidade. Sessenta e cinco carros… Read more »

Carlos Soares
Carlos Soares
6 anos atrás

Adolf Putin em ação,

isso ainda vai dar m#rd@ …..

juarezmartinez
juarezmartinez
6 anos atrás

Bem ,os comentários do Ivan são auto explicativos, o Putin deu o primeiro ponte pé na porta, ainda não arrombou, mas vai e como havíamos comentado tudo começa a ocorrer agora no inicio do outono na europa e ele vai aguarda ra chegada do seu aliado fiel, o general inverno, colocar a turma da Eurobambilândia de joelhos e que ainda vão estar tentando impor alguma sanção econômica, as quais o Putin está cagan… e andando.
A história e os erros se repetem…..

Grande abraço

Ivan
Ivan
6 anos atrás

Alfredo,

Você sabe se obuseiros autopropulsados 2S19 “Msta-S” foram tomados pelos separatistas?

A Ucrânia tinha cerca de 40 unidades, mas não posicionadas no leste.

Unidades (bateria) deste modelo foram vistos na área conflagrada… e tudo indica que eram unidades regulares do exército russo.

Sds.,
Ivan.

Últimas Notícias

3ª Brigada de Infantaria Motorizada realiza treinamento por meio de jogos de guerra

Brasília (DF) – A 3ª Brigada de Infantaria Motorizada (3ª Bda Inf Mtz) realizou, no período de 5 a...
- Advertisement -
- Advertisement -