terça-feira, julho 27, 2021

Saab RBS 70NG

Rússia diz que reagirá caso Estados Unidos imponham novas sanções

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

pb121107russiaparade03p

ClippingA Rússia adotará contra-medidas se os Estados Unidos impuserem novas sanções contra Moscou por conta da crise na Ucrânia, disse o vice-ministro russo do Exterior, Sergei Ryabkov, neste sábado (13).

O Congresso dos EUA preparou novas sanções contra fabricantes de armas russas e investidores em projetos de alta tecnologia no setor petrolífero do país, mas o presidente norte-americano, Barack Obama, ainda precisa sancionar as medidas.

“Não poderemos deixar isso sem resposta”, disse Ryabkov segundo a agência de notícias Interfax. Ele não especificou quais contra-medidas seriam adotadas.

As relações entre EUA e Rússia vivem seu pior momento desde a Guerra Fria por conta da anexação da Crimea pela Rússia em março e pelo apoio do país aos rebeldes no leste da Ucrânia.

O Ocidente diz ter evidências claras de que a Rússia armou os rebeldes —acusação que Moscou nega— e juntamente com a União Europeia impôs várias rodadas de sanções econômicas contra indivíduos e grandes empresas russas.

A Rússia respondeu às primeiras sanções restringindo importações de alimentos de vários países ocidentais.

FONTE: Folha/Reuters

- Advertisement -

122 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
122 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
eparro
eparro
6 anos atrás

Fico só imaginando se houver sanções que cheguem, por algum motivo, a afetar as exportações de carne do Brasil para a Rússia.
Qual será a posição que Dilma Vana irá adotar?

Oganza
Oganza
6 anos atrás

eparro,

uai, ela vai culpar o “Imperialismo Nefasto Norte Americano” que está desequilibrando a balança comercial…. kkkk

E pode apostar que se perderos mercado em Zamunda, a Capacete de Laquê vai colocar na conta Americana.

Grande Abraço.

Oganza
Oganza
6 anos atrás

“O Congresso dos EUA preparou novas sanções contra fabricantes de armas russas e investidores em projetos de alta tecnologia no setor petrolífero do país, mas o presidente norte-americano, Barack Obama, ainda precisa sancionar as medidas.” Aos Russófilos de plantão, aki vai a pergunta: – Vc’s sabem o que quer dizer esse parágrafo ai em cima? R: Significa que não existe nada, repito, nada que voe, navegue ou ande sobre a terra nas FFAA russas que tenha sido construido, reformado, recondicionado, recauchutado ou repintado na Rússia desde o ano 2000 pra cá que não tenha alguma tecnologia ocidental*. *O Congressional Research… Read more »

Augusto
Augusto
6 anos atrás

Palavras de Vladimir Putin, em 29 de agosto de 2014, após anúncio das primeiras sanções contra a Rússia:

“Quero recordá-los que a Rússia é uma das mais poderosas potências nucleares. Não são só palavras, isto é uma realidade”

Oganza
Oganza
6 anos atrás

Augusto, não seja ingênuo… um pouquinho de história e fatos de como funciona o tabulero. Putin está cometendo o mesmo erro de Kennedy em 62, onde nas palavras do próprio Khrushchev, que era um sociopata, mas teve um brilhante momento de lucides para conseguir seus objetivos. Falou: –”Kennedy apostou auto de mais e encheu o copo muito cedo, Berlim e a Alemanha são nossas.” Nikita Khrushchev Nesse epsódio Kennedy resolveu jogar para a torcida (nunca se faz isso, não com Nucs) e descidiu colocar seu arsenal na mesa logo após o encontro de Viena… então o “copo” ficou cheio, onde… Read more »

Gilberto Rezende
Gilberto Rezende
6 anos atrás

Oganza a Ucrânia tinha um governo democraticamente ELEITO e com pressão, dinheiro e apoio ocidental foi derrubado por ser pró-russo. O Ocidente colocou um grupo de neo-nazistas em Kiev que dissolveu o parlamento (sem base legal) e ficaram brabinhos porque a Criméia se revoltou e voltou para a Rússia e esta reagiu… E tem todo o leste da Ucrânia de maioria russa que virou tiro ao pato do exército ucraniano… E também se insurgiu… E os russos é que são a ameaça ??? Muito Engraçado se não fosse patético… Ver este monte de “democrata”… Defender um “legítimo” governo neo-nazista ucraniano… Read more »

Soldat
Soldat
6 anos atrás

Kakakakaka……

Esse pró Âmis são muito engraçado mesmo rsrs…

Vamos ver quem entorna o copo os Russos ou os Americanos.

Se os Âmis querem guerra com certeza terão e toda a economia mundial vai entra em colapso, sinceramente duvido que os Âmis vão até o fim a Itália, Espanha e outro membros da UE e da Otan já estão querendo pular fora…

Mas vamuusss ver no que vai dar.

Porrada neles Ursooooooo…

Blackhawk
Blackhawk
6 anos atrás

O problema só vira problema depois que os EUA perde o controle sobre a situação… vide EI, Talibã, Iraque, etc…

O que não quer dizer que a Russia deixou de se aproveitar da situação da Criméia…

Nessa história não tem mocinho, é uma área de grande interesse de ambas potências, para azar dos ucranianos.

costamarques
costamarques
6 anos atrás

Os EUA não podem fazer nada diretamente contra a Russia, o que ela pode fazer é pressionar a UE para com as sanções, em relação aos armamentos eu duvido muito que empresas americanas forneçam peças para armamentos Russos, acredito que os misseis consigam chegar a costa leste sozinhos com ou sem sanções.

Vader
6 anos atrás

Ui, a Ursa ficou brabinha.

Que mêda… 🙂

erabreu
erabreu
6 anos atrás

Eu não “encheria o copo” agora. Deixaria a queda do preço do petróleo causar o estrago. O Sr Putin tem a pretensão de reconstruir a “margem de segurança” que teve no passado, mas a situação hoje lhe é completamente desfavorável. Gilberto, o governo brasileiro foi “democraticamente eleito” (apesar da fraude colossal), mas ninguém deu ao PT e seus asseclas poderes para rifar a soberania nacional. Não recordo em momento nenhum ter sido falado em “união supra-nacional” e etc. Erdogan na Turquia também foi “democraticamente eleito”, mas não para islamizar o governo e impor um estado teocrático. Desculpe o comentário mais… Read more »

Reinaldo Deprera
Reinaldo Deprera
6 anos atrás

Pela ordem: – Completar o cerco à Rússia. Cobrir o espaço aéreo da sua fronteira de defesa antí-mísseis táticos e estratégicos – Conquistar a hegemonia de defesa espacial. Saturar a atmosfera alta sobre a Rússia de defesa anti-míssel. – Preparar um desembarque estratégico no báltico – Assaltar todas as plataformas de ataque russas com comandos. Sabotar as instalações e evacuar as equipes para a capital política. – Tomar o Kremilin com comandos paraquedistas. Realizar o trabalho de comunicação e propaganda a partir da capital para todo o país nos meios de comunicação de massa, Internet, TV e Rádio. Expor as… Read more »

Augusto
Augusto
6 anos atrás

Oganza
15 de dezembro de 2014 at 0:58 #

Ingênuo? Cidadão, eu repliquei as falas de Putin e não fiz nenhum comentário pessoal.

E escreve-se “lucidez”, “tabuleiro”, “decidiu” e “significa”, não “lucides”, “tabulero”, “descidiu” e “siguinifica”.

costamarques
costamarques
6 anos atrás

Reinaldo Deprera impossível invadir a Russia dessa maneira, mas o plano ficou bem legal!!!

Gutex
Gutex
6 anos atrás

Não que eu apoie tal atitude, mas creio que uma exelente forma de represália por parte da Rússia seria ameaçar abandonar os astronautas americanos à própria sorte na Estação Espacial Internacional.

Bosco Jr
Bosco Jr
6 anos atrás

Toda expedição à ISS tem russo no meio.
A tripulação atual tem 3 russos, 2 americanos e 1 alemão.

Reinaldo Deprera
Reinaldo Deprera
6 anos atrás

Gutex, se a Rússia fizesse esse tipo de chantagem, iria comover a opinião pública internacional. Daria munição política para a OTAN negar o espaço para aquele país.

Ao mesmo tempo, os EUA daria mais uma demonstração de suas capacidades econômica e industrial numa operação de resgate que mostraria suas reais capacidades atuais. Que são maiores do que aqueles que o contribuinte americano conhece, isso já é tradicional na história deles.

Capacidades econômicas, industriais e tecnológicas são o que ganham uma guerra. E as dos EUA são astronomicamente maiores do que as da URSSA.

Save Ferris!

Rafael Oliveira
Rafael Oliveira
6 anos atrás

Creio que o “plano do Gutex” seria buscar só os russos e deixar os outros lá.

Claro que isso seria abjeto demais (e muito improvável), mas que seria um belo “tapa na cara” dos americanos e alemães, que adoram adotar sanções contra os outros, isso seria.

PS: não duvido que os EUA conseguissem resgatá-los a tempo, numa daquelas operações que virariam enredo de filme blockbuster.

Bosco Jr
Bosco Jr
6 anos atrás

Correção: A tripulação atual é composta de 2 russos e um americanos. Um russo, uma americano e o alemão voltaram em novembro e ainda não foi enviada a equipe complementar de mais três.

Bosco Jr
Bosco Jr
6 anos atrás

Rafael, Muito não entendem que as sanções que os americanos adotam são relacionadas à sua esfera de influência. É direito deles. Os russos fazem o mesmo e vivem ameaçando de cortar o gás para a Europa. O Brasil não é obrigado a aderir a nenhuma sanção contra a Rússia. Agora, é lógico que na política internacional, se A faz algo que desagrada B, o mecanismo de pressão é a sanção, num primeiro momento, e a guerra, posteriormente. Não há nada demais nessa história dos EUA imporem sanções a quem quer que seja. Cada um que se cuide. É assim que… Read more »

Rafael Oliveira
Rafael Oliveira
6 anos atrás

Bosco, respeito o direito de cada país negociar com quem bem entender e comprar ou deixar de vender para quem bem entender. Mas, por essa linha de raciocínio, também é direito dos russos não deixarem um americano entrar na Soyuz. Afinal, se trata de um “serviço” oferecido pelo país a outrem, mediante remuneração. E acho que você minimizou a importância americana, principalmente porque eles controlam a produção de determinados produtos tecnológicos que não podem ser supridos pelos outros 200 países soberanos (o que também vale para o serviço de busca de astronautas na ISS – se a Rússia negar, os… Read more »

Bosco Jr
Bosco Jr
6 anos atrás

Rafa, Cada turma de três astronautas volta na Soyuz que foi e que fica acoplado à ISS. Quanto tem uma turma de três, há apenas um Soyuz. Quanto tem seis astronautas, há dois Soyuz acoplados. Com o ônibus espacial era diferente, mas com a Soyuz é assim que funciona. Ou seja, a única maneira que os russos teriam de abandonar o (s) americano (s) é se não o embarcassem na volta, mas para fazer isso teriam que matá-lo antes. rrsss Na hipótese dos russos abandonarem a ISS deixando lá astronautas americanos sem naves de retorno é possível que haveria condições… Read more »

Bosco Jr
Bosco Jr
6 anos atrás

Correção 2:
A nova equipe de três já foi enviada no dia 24/11/2014.
Agora na ISS há 2 americanos, três russos e uma italiana.
Tem duas mulheres hoje na ISS, uma russa e uma italiana.
A primeira turma deve voltar em março.
Cada americano enviado ao espaço custa setenta milhões de dólares.

eparro
eparro
6 anos atrás

Oganza 14 de dezembro de 2014 at 22:17

Pois é Oganza, culpar os outros é a coisa que ela mais sabe fazer.

Entretanto, seria uma sinuca de bico para as “eminentes inteligenzias”, lá do Itamaraty, pois como ficariam os frigoríficos exportadores se o Brasil tomar uma prensa dos primos do norte?

Meu, queria ver esse baile começar.

Reinaldo Deprera
Reinaldo Deprera
6 anos atrás

A Rússia não é e nem nunca foi metade do que os russófilos acham que eles são ou eram. Acho ótimo essas sanções americanas porque são uma ótima oportunidade de, sem debates, deixar claro a supremacia que uma potência capitalista e democrática tem sobre governos antagônicos e hostis à civilização ocidental. Russófilos tem por característica comum, uma cultura rasa e uma capacidade de aprendizado desnutrida. Tendem a serem tudo o que não presta se o fim for “justificável”. No caso, exterminar o “imperialismo” norte-americano. São terroristas, adoram a ideia de imaginar que houve um tempo em que os russos talvez… Read more »

Vader
6 anos atrás

Isso é ridículo, se os EUA resolverem embargar a Rússia de verdade em seis meses os russos ficam até sem papel higiênico e não haverá nada que rasPutin e sua camarilha possam fazer, exceto ações carnavalescas e sem nenhum efeito prático no “Grande Jogo”, como por exemplo o citado abandono dos astronautas na ISS, abandono este que seria meramente temporário e só serviria pra comover a opinião pública mundial contra a Rússia (e podem crer que seria bem explorado por Hollywood) e faria com que os americanos tivessem que revelar um pouquinho mais cedo do que desejam os engenhos que… Read more »

Reinaldo Deprera
Reinaldo Deprera
6 anos atrás

Se eu esperasse mais um pouco, iria ler o comentário do Vader e pouparia meu tempo.

Save Lord Vader!

edcarlos prudente
edcarlos prudente
6 anos atrás

Lembrei-me de um caso interessante em que no programa do F-35 foi constatado que alguns componentes da aeronave possuíam partes provenientes da China. Ainda bem que a China não faz embargos!

Discutir quem é mocinho e bandido no jogo político entre Rússia e Estados Unidos para mim é perda de tempo, temos mais com que nos preocupar aqui no Brasil. Claro que as consequências dessa desavença de comadres podem respingar em nós, mais não tanto quanto o atual momento econômico e político em que vivemos.

Soldat
Soldat
6 anos atrás

– Completar o cerco à Rússia. Cobrir o espaço aéreo da sua fronteira de defesa antí-mísseis táticos e estratégicos – Conquistar a hegemonia de defesa espacial. Saturar a atmosfera alta sobre a Rússia de defesa anti-míssel. – Preparar um desembarque estratégico no báltico – Assaltar todas as plataformas de ataque russas com comandos. Sabotar as instalações e evacuar as equipes para a capital política. – Tomar o Kremilin com comandos paraquedistas. Realizar o trabalho de comunicação e propaganda a partir da capital para todo o país nos meios de comunicação de massa, Internet, TV e Rádio. Expor as entranhas do… Read more »

Bosco Jr
Bosco Jr
6 anos atrás

Há razões para crer que a capacidade nuclear russa de pronta resposta não é muito maior que a do RU e França, apesar deles terem milhares de armas nucleares.

Bosco Jr
Bosco Jr
6 anos atrás

Edcarlos,
Os componentes chineses encontrados em caças americanos não foram comprados diretamente dos chineses e sim encontrados no mercado americano e utilizados de forma irregular para reduzir os custos.

eduardo.pereira1
eduardo.pereira1
6 anos atrás

Ainda existem pessoas capazes de acreditar q a Russia consegue se contrapor igualmente (olho por olho) com os EUA. Pobres mortais!!kkkkkkkkk
Se no Golfo foi apresentado(mais de dez anos após seu desenvolvimento secreto) o F-117, imagina o q hoje não está guardado na manga do titio Sam, e olha q armas de energia dirigida eles já mostraram hein.

Creio q a X Wing já está nos angares secretos de alguma base(area 51)?!rs

Bosco Jr
Bosco Jr
6 anos atrás

É fácil de entender um pró-Ami. Difícil de entender um pro-soviético/russo. Tirando o fato que no início da década de 60 quase viramos uma ditadura comunista orbitando a URSS à exemplo de Cuba, qual foi a grande participação da URSS no Brasil a ponto de influenciar um monte de pessoas a adorarem a URSS/Rússia? Claro que esse fenômeno se deve à instalação do PT no poder há 12 anos, e bem antes com a propaganda moralista e ética desse partido (razão do mesmo ter alcançado o poder) que entre outras sandices colocou como um dos maiores responsáveis pelo Brasil ser… Read more »

eduardo.pereira1
eduardo.pereira1
6 anos atrás

Bosco o amor é assim mesmo já viste o filme “O Amor é Cego”??rs

Sds.

juarezmartinez
juarezmartinez
6 anos atrás

Pessoal, tio Sam vai botar o Rasputin de joelhos sem dar um tiro, ou seja, vai jogar o preço do petróleo lá embaixo por algum tempo, aquele necessário a economia Russa pedir água e o Putin ficar de joelho, mas não para fazer o que fizeram no Clinton e sim para jogar a toalha. De quebra vai matar quatro coelhos com uma só paulada, o homem que vê passarinhos na Venezuela vai junto no turbilhão do mesmo ralo, o Irã logo em seguida, e por estas bandas acaba o o rouboduto da Petrobras utilizados pelos ptralhas, e seus governo fantoche,… Read more »

costamarques
costamarques
6 anos atrás

Bom eu não me considero um Russófilo, muito menos um Âmis e também não gosto do comunismo e muito menos do PT, porem gosto muito das armas da URSS e das atuais invenções Russas, mesmo sabendo que os ocidentais detêm mais poder e tecnologia! Mas acredito que todos tem o direito de torcer para quem quiser e esse preconceito com quem gosta ou sente apreço pela Rússia aqui no portal esta ficando nojento, pois não vejo eles atacarem quem gosta do ocidente. Agora para esquentar um pouco o debate sobre um possível confronto: Tecnologia não vence guerras!!!!! O único jeito… Read more »

Wellitom Villain
Wellitom Villain
6 anos atrás

Não chego nem aos pés de vocês em termos de conhecimento, mas ao meu ponto de vista, isso ai não vai dar em nada. Vai continuar essa palhaçada de sanções daqui, ameaças dali e nada mais, até que a Ucrânia perca mais da metade de seu território para os pró russos ou que a Rússia sai de cena e deixe os revoltados rebeldes sozinhos para serem caçados pelos americanos. Essa negócio de bombas nucleares não vai ser usado agora. Pode não ser um local bom para falar disso, visto que temos muitas crenças por aqui mas, não quero impor minha… Read more »

Pangloss
Pangloss
6 anos atrás

Soldat e Gilberto Rezende, Não tenho qualquer poder de convencimento sobre vocês, mas recomendaria que vocês fizessem como esse soldado desconfiado e solitário da foto que ilustra esse post: olhem em outra direção, para perceber que há outros fatores a serem considerados. Não se comportem como a massa que olha para a frente, imóvel. Lembrem-se da alegoria da caverna (Platão), e encontrem a luz. A Rússia por vocês idolatrada não é um Estado comunista. A retórica do Putin, ao evocar a URSS com nostalgia, busca apenas despertar o orgulho nacionalista russo, para fazê-los sentir saudade de um tempo em que… Read more »

Bosco Jr
Bosco Jr
6 anos atrás

Costamarques, “pois não vejo eles atacarem quem gosta do ocidente.” Você não está é prestando atenção. Sem falar que 90% dos blogs de defesa que exitem estão aparelhados e este é um dos poucos espaços que não está totalmente contaminado pelo discurso anti-Ocidente, e em nome da diversidade espero que continue assim. Não tem coisa mais chata que querer ler os comentários sobre um caça ou um submarino e se deparar com um comentário “copia e cola” falando que foi encontrado larvas no sanduíche da McDonalds. Quanto às armas russas, eu também gosto de várias, o que não gosto é… Read more »

Bosco Jr
Bosco Jr
6 anos atrás

E a URSS era um paraíso comunista do mesmo jeito que eu sou a Fafá de Belém. Alguém pode me explicar como é que um país comunista tem a maior quantidade de bilionários do mundo 20 anos depois de cair o comunismo e teoricamente todo mundo tendo partido do ZERO. Ora! Claro que esses bilionários já existiam. Ou seja, o ideal comunista era apenas uma fachada pra mão de obra barata e os incautos se achavam os donos do poder. A coisa era tão boa que até vendiam (e tinha gente que comprava, na verdade, tinha espertos que compravam a… Read more »

Vader
6 anos atrás

Ia responder para o Costamarques, mas o Bosco já fez isso.

Caro Costamarques, dê uma passeada aí afora. Todos os demais espaços de defesa estão aparelhados pela antiamericanalha. Menos este.

Portanto, nos dê o crédito devido. Aqui a gente não impede eles de falar, mas contesta e impugna, com fatos, com argumentos e com a lógica. Eles é que não aguentam serem confrontados com a verdade e acabam mais cedo ou mais tarde caindo fora.

Sds.

Bosco Jr
Bosco Jr
6 anos atrás

A preocupação exagerada de Moscou com o Escudo de Mísseis demonstra uma fragilidade da capacidade nuclear russa. Todo mundo sabe que o escudo anti-mísseis balísticos, mesmo que fosse orientado para deter um ataque russo e não um ataque iraniano, não teria capacidade de deter um ataque maciço. Essa preocupação exagerada deixa a perceber que talvez os russos não sejam capazes de realizar um ataque maciço contra os EUA, como era a URSS. A trajetória de um ICBM russo contra os EUA não passa por sobre as área do escudo anti-mísseis balísticos, mas a preocupação de Moscou é que talvez os… Read more »

Bosco Jr
Bosco Jr
6 anos atrás

E porque o PT odeia os americanos? Simples! Porque o PT estava alinhado com o comunismo da ex-URSS e naqueles tempos de bilateralismo ideológico, isso era plenamente compreensível. O comunismo caiu junto com a URSS mas a bola de neve já estava no meio do caminho e era tarde para mudarem o discurso. Outro fator é que os EUA é identificado como sendo quem, no caso de necessidade, iria atuar para coibir que uma ditadura comunista fosse implantada no Brasil em 64, se os militares (que tinham poder de atuar do jeito que fizeram de acordo com a Constituição de… Read more »

costamarques
costamarques
6 anos atrás

Por isso que eu repito que em caso de conflito, somente com o escudo de misseis a OTAN poderia se contrapor aos equipamentos mesmo que velhos que os Russos possuem!

Imaginem como conter aqueles tanques soltando foguetes um atras do outro!

Augusto
Augusto
6 anos atrás

joseboscojr 16 de dezembro de 2014 at 12:10 # “E a URSS era um paraíso comunista do mesmo jeito que eu sou a Fafá de Belém. Alguém pode me explicar como é que um país comunista tem a maior quantidade de bilionários do mundo 20 anos depois de cair o comunismo e teoricamente todo mundo tendo partido do ZERO.” Bosco, não é bem assim. Pouquíssimos bilionários da Rússia atual começaram “do ZERO” e isso só reafirma o status comunista daquele país: os poucos amigos do rei continuaram com muito e a grande maioria (todo o restante do povo) ficou igualitariamente… Read more »

tadeumar
tadeumar
6 anos atrás

A unica maneira que a Russia vai protestar e/ou reagir e enviando mas bombardeiros TU-160 para dar um passeo pelo mar do Caribe e Venezuela…kkkk. A US NAVY tem poder de fogo nuclear suficiente, e mais que suficiente, para torrar a Russia 3 vezes. Nao necesistamos usar nenhum ICBM da USAF como arma First Strike, porque a deterrencia nuclear dos SSBM sao mais do que necessario e os Russos pera enviar a Russia para a idade da pedra e eles sabem disso. O problema com os ICBMs. russos e o CEP. (Circular Error Probability) e por isso eles tem disparar… Read more »

tadeumar
tadeumar
6 anos atrás

Panglos quero felicitarlo por seu comentario sobre o Putin.

Requena
Requena
6 anos atrás

Os Estados Unidos derrotaram a poderosa URSS sem dar nenhum tiro. Agora vão repetir a dose.

E sem fazer tanta força, pois a Russia atual não é nem sombra do que a URSS foi um dia. Já os “yankees malvados” se tornaram a maior potência econômica e militar da história da humanidade.

Basta não ser cego pra ver que a economia russa já está sofrendo o impacto dessa “guerra sem armas” que os americanos impõe e na qual sabem lutar melhor do que ninguém.

E isso é só o começo. Vai piorar muito mais…

http://g1.globo.com/economia/mercados/noticia/2014/12/rublo-despenca-e-operadores-russos-veem-sombras-da-crise-de-1998.html

eduardo.pereira1
eduardo.pereira1
6 anos atrás

“A suprema arte da guerra é derrotar o inimigo sem lutar”, A Arte da Guerra, Sun Tzu.

Obs. os Âmis lêem muuuuito este livro por sinal.

Grievous
Grievous
6 anos atrás

Comentários muito interessantes…
O Bosco tocou num ponto que sempre me intrigou:
Por que a turma da esquerda gosta tanto da Rússia e de Cuba, mas não demonstra a mesma simpatia pela China?
Alias, concordo que os americanos já ganharam essa nova disputa com os russos, é só questão de tempo. O mata-leão já está encaixado.
A mesma estratégia funcionaria contra a China? Me parece que não

Últimas Notícias

Taiwan testará mísseis Patriot III nos EUA

TAIPEI (Taiwan News) - Os militares de Taiwan em breve testarão mísseis Patriot III no White Sands Missile Range...
- Advertisement -
- Advertisement -