Home Fronteiras Operação Ágata 2015: Paraguai reclama do Brasil por violação de soberania

Operação Ágata 2015: Paraguai reclama do Brasil por violação de soberania

1027
51

Operação Ágata 2015

Confronto entre militares e contrabandistas paraguaios em rio do país vizinho gerou protesto

ClippingO ministro das Relações Exteriores do Paraguai, Eladio Loizaga, chamou, na sexta-feira (31), o embaixador brasileiro em Assuncão, José Felicio, para expressar descontentamento com o que seria uma “flagrante violação da soberania” do Paraguai pelo Brasil, referindo-se a Operação Ágata 2015. Militares brasileiros teriam enfrentado contrabandistas paraguaios em um rio na região de Salto del Guairá, na fronteira com o Brasil. As informações são do jornal paraguaio Color Abc.

O ministro disse que espera do Brasil uma “resposta satisfatória e pedido de desculpas”. Uma carta foi enviada também ao Itamaraty pela embaixada paraguaia em Brasília, com reclamação sobre a invasão da soberania fluvial. O confronto é resultado da Operação Ágata, lançada pelo governo federal, que visa combater o tráfico ilegal de drogas e produtos.

“Entreguei-lhe ( a Felicio ) uma carta, explicando a história e as informações passadas pelo comandante da Marinha sobre os acontecimentos em Salto del Guaira”, disse o ministro. No texto, Eladio diz lamentar a situação em um momento em que as relações entre os dois países estão tão boas, e pede que o fato não se repita.

O ministro afirmou que o Paraguai trabalha com agências nacionais e internacionais na luta contra o crime organizado, “em todas as suas dimensões”. Perguntado se o Ministério das Relações Exteriores planeja apelar às organizações internacionais no caso, ele disse que é esta é uma questão bilateral.

FONTE: Terra

Subscribe
Notify of
guest
51 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Alan
Alan
5 anos atrás

o Paraguai devia agradecer pois os militares Brasileiros arriscaram suas vidas para combater traficantes,PEDIR DESCULPAS???????????? acho que o paraguai e outros países de esquerda da américa latina são respónsaveis pelo trafico de drogas.depois dessa não tenho mais dúvida

Danilo José
Danilo José
5 anos atrás

Pedir desculpas, este paisinho devia é ficar bem quietinho uma vez que toda a nação paraguaia depende da energia elétrica gerada em Itaipu no Paraná, basta desligar um interruptor e esse lugarzinho esquecido volta a idade da pedra.

Higor
Higor
5 anos atrás

Para reforçar seu argumento,Alan “Partidos de esquerda reunidos no Foro de SP propõem ofensiva continental para barrar ataques da direita”.

Johnatan warp drive
Johnatan warp drive
5 anos atrás

Nesse caso eles usariam seu arsenal nuclear secreto contra o Brasil – Ironic mode on

Luiz
Luiz
5 anos atrás

As fronteiras de uma nação são soberanas. Não é pelo fato do Paraguai ser um país menor do que o Brasil que ele deve aceitar alguma violação da sua soberania. Cabe ao itaramaty fazer um pedido formal de desculpas, explicando que a violação ocorreu durante o combate a criminosos.

Alan, o atual presidente do Paraguai é um político de “direita”. Nem tudo é uma grande conspiração.

Saudações~~

Luan
Luan
5 anos atrás

Pedir desculpa??? Porque? Por ter acabado de fazer um favor pra esse pais??
ahhh. deve ser porque o trafico e o contrabando que sustenta o PIB desse pais..

Daniel Dutra
Daniel Dutra
5 anos atrás

Eles nao combatem o trafico ai quando alguém vai la e combate eles acham ruim kk

AbelPauperio
AbelPauperio
5 anos atrás

Acabei de ver o vídeo. Na embarcação haviam dois policiais e dois marinheiros. Os dois marinheiros encolhidos e assustados deram VERGONHA!!!

José claudio
5 anos atrás

Os fuzis apreendidos nas favelas do RJ a maioria vem de lá
Para mim seria ótimo colocar um muro cercando aquilo lá

Juarez
Juarez
5 anos atrás

Todo mundo sabe que o exército Paraguaio dá cobertura aos traficantes de armas e de drogas, isto é fato consumado, mas em função deste governo de merd….., patife e canalha que nós temos, estamos de mãos amarradas. Agora na hora que tiver um cuiudo lá em BSB vamos pulverizar estes canalhas.

Se nós pudessemos agir com liberdade naquela fronteira 70% das armas e 50% das drogas não entrariam mais, mas infelizmente o noss desgoverno comunga e participa de tráfico e outras cositas mais.

Grande abraço

Wilson
Wilson
5 anos atrás

Muito coincidência…
Em um dia a MB troca tiros com contrabandistas e apreende barcos e equipamentos.
No dia seguinte a Marinha Paraguaia aparece e troca tiros com a nossa.

Só a Dilma e o Sr Jacques não sabem que a Marinha Paraguaia apoia contrabandistas naquela fronteira…

André Luis
André Luis
5 anos atrás

É isso ai devemos matar todos dos paraguaios, e invadir o paraguaí chamaria o Alan, o Danilo e o juarez para fazermos uma linha de frente, eu tenho orgulho de ser brasileiro, Ah! devemos invadir todas as favelas e também matar todos os traficantes, invadir todos os presídios brasileiros e matar todos os presos, invadir o congresso e senado os governos as prefeituras,câmara de vereadores, presidência e matar todos, estão com medo?, homens ou saco de jujuba.

Grande abraço e vão tudo lavar roupa.

AbelPauperio
AbelPauperio
5 anos atrás

Acabei de ver a página do ABC COLO, que é o maior jornal deles. Não havia, só menos agora, repercução.
Creio que estamos mais preocupados que eles.

Leandro Moreira
Leandro Moreira
5 anos atrás

Boa Andre, vc verificou o preconceito de alguns que postaram comentarios? “Paisinho” e outras coisas, o trafico e o contrabando sempre existiu, nao e uma coisa que apareceu neste governo, porem ja estamos na operacao AGATA 9, e no governo tucano nunca houve coisa nem parecida, ate a PF ja opera avioes nao tripulados naquela regiao, desafio alguem a mostrar o trabalho do governo de fhc na mesma.

Colombelli
Colombelli
5 anos atrás

Este governo quando sob a batuta daquele sujeito, aquele, aceitou a chantagem do “cumpanheiro Lugo” e estamos pagando 200 milhões de dólares a mais pela energia de Itaipú. Lembram? Pois não duvidem que peçam desculpas mesmo. Postura de lacaios. O que eu mandaria pra o Paraguai? Mais balas. Muitas. Querem desculpas? e as legalizações de carros receptados feita pelo governo paraguaio? E a utilização ostensiva de veículos furtados e roubados aqui até por autoridades paraguaias? E a perseguição aos brasiguaios feita sob pálio da omissão do governo de lá? isso não merece desculpa? Quem quer respeito se dá ao respeito.… Read more »

Adauto Foz
Adauto Foz
5 anos atrás

Chega a ser ridículo esta reclamação. Não nos esqueçamos do fato de que as forças de segurança paraguaias atuam como “capangas” dos traficantes e contrabandistas paraguaios. Por diversas vezes policiais brasileiros foram atacados a tiros pela polícia paraguaia, ainda estando estes policiais no lado brasileiro do rio Paraná. Só não deu merda ainda, porque os nossos policiais foram comedidos, mas só um tapado não sabe que esses confrontos ocorrem justamente no momento da prisão de contrabandistas e traficantes. Se estavam presentes ao ato da prisão, e eles mesmos não o fizeram quando as embarcações ainda estavam do lado paraguaio? Esperaram… Read more »

celso
5 anos atrás

Resumindo tudo o que li….alguns continuam cegos, surdos e nem sabem disso, verdadeiras piadas…..enfim…..

Colombelii…… como sempre, certeiro e conciso…escrever mais o que a respeito….tirou daqui a minha opiniao a respeito……..Sds

Rafael Oliveira
Rafael Oliveira
5 anos atrás

O presidente paraguaio, Horácio Cartes, é dono de fábricas de cigarro que são “contrabandeados” para o Brasil em enorme quantidade, a ponto de uma de suas marcas estar entre as cinco mais consumidas no Brasil.

Por óbvio que não é interesse dele coibir o contrabando.

Por outro lado, cabe ao Brasil coibir o contrabando dentro do nosso território e não fora dele.

Segue link do vídeo:

http://catve.com/noticia/9/124053/video-mostra-confronto-entre-embarcacao-do-bpfron-e-a-marinha-paraguaia

Ainda bem que a embarcação contava com policiais militares, pois, do contrário, era capaz dos marinheiros se renderem à poderosa “Marinha” Paraguaia.

Tamandaré
Tamandaré
5 anos atrás

Se a força BR realmente tiver entrado em terras paraguaias, então o governo deve um pedido de desculpas, mas não é nada para um escândalo destas proporções. Dilma telefona a Cartes, e conversa um pouco, pede desculpas, tenta acertar acordos de cooperação, para que isto não se repita, etc….

Mmmmaaaaasssss, como sempre, na América Latina, qualquer coisa é motivo de estardalhaço. Se o BR estiver errado, pois que peça desculpas, mas sem deixar com que os paraguaios nos humilhem, aproveitando a situação. Precisamos nos impor!

Felipe
Felipe
5 anos atrás

Se o Brasil tivesse “culhões”, deveria era lançar uma ofensiva na região. Aumentar o efetivo. Permitir o uso de fogo contra atividades flagrantemente ilícitas. Aumentar a fiscalização em todos os pontos de fronteira. Tomar medidas que obriguem ao governo paraguaio a proteger os proprietários brasileiros de terras no Paraguai. Além disso, proibir que veículos oriundos do Brasil estejam em circulação legal no país. Aumentar a atuação da jurisdição paraguaia no combate ao contrabando de lá pra cá como de cá pra lá, bem como no combate ao tráfico de armas e drogas. E repetiria essa política com a Bolívia e… Read more »

Leopoldo Duarte
Leopoldo Duarte
5 anos atrás

Isso não é a primeira vez que acontece, maldita é política do itamaraty… A se fosse um E.U.A ou mesmo país da OTAM… O Brasil deve taça fodas-se pra todos os país vizinho exceto Colômbia e Chile.

panzer
panzer
5 anos atrás

cuidado com o brasil o pt kkkkkkkkk

Theo Gatos
Theo Gatos
5 anos atrás

Uma pergunta (pergunta mesmo porque não sei)… Li em outras notícias que o Paraguai reclama pelo exército brasileiro ter aberto fogo contra tropas paraguaias, confere? Já em outro ponto, li que foi aberto fogo contra barcos de contrabandistas que revidaram fogo iniciando um pequeno conflito, confere? Se ambas as informações estiverem corretas é plausível acreditar que a marinha paraguaia estava defendendo de alguma maneira os traficantes (por algum motivo que não cabe-me divagar) e abriu fogo contra as tropas brasileiras ou que o exército brasileiro confundiu as embarcações do Paraguai como sendo de traficantes? Digo isso também porque a alegação… Read more »

Hudson
Hudson
5 anos atrás

Se Brasil violou a fronteira deve pedir desculpas, os militares deveriam ter comunicado os militares após ter entrado em território paraguaio. Amigos não podemos violar as fronteiras dos nossos vizinhos.

Hudson
Hudson
5 anos atrás

Quando é a Venezuela que invade as nossas fronteiras todo mundo reclama.

Hudson
Hudson
5 anos atrás

Obs: No primeiro meu comentário a primeira aparição do termo “militares” se refere aos nossos e a segunda ao deles(Paraguai).

EXbrazil
EXbrazil
5 anos atrás

Poe os Hind da FAB para dar apoio aéreo, que eles tem bastante bala para mandar nos vagabundos paraguaios …

Juarez
Juarez
5 anos atrás

Hudson 3 de agosto de 2015 at 17:56 # Se Brasil violou a fronteira deve pedir desculpas, os militares deveriam ter comunicado os militares após ter entrado em território paraguaio. Amigos não podemos violar as fronteiras dos nossos vizinhos. Hudson, aquilo lá é um guerra não declarada, a marinha Paraguaia escolta as chalans cheias de drogas e armas durante a noite até margem Brasileira do rio, todo mundo sabe disto e só não deu merda ainda por causa deste governo de merda que nós temos. Sim, houve invasão e se dependesse da PF e dos militares nós iríamos até o… Read more »

Civil
Civil
5 anos atrás

Alguns criticaram os militares da MB por terem ficado abaixados durante o confronto. Assisti ao vídeo e em nenhum momento observei os mesmos armados, o único que portava um fuzil era o policial que “respondeu” aos disparos. Não é porquê uma pessoa está fardada que ela é a prova de balas. A farda é feita de tecido e não de aço.

Felipe
Felipe
5 anos atrás

Hudson, a Venezuela já violou nossas fronteiras em perseguição à traficantes? A Venezuela já invadiu nossa fronteira atrás das farc? E quando invadirem novamente espero que nossos militares sentem chumbo grosso neles. No vídeo dá para ver que havia comunicação no barco brasileiro. Não aparenta ter sido caso de “confusão”. Foi safadeza desses paraguaios mesmo. E mesmo se não foi são culpados por não tacar esses traficantes atrás das grades ou embaixo de sete pés. É aquela história, até calados estão errados.

Hudson
Hudson
5 anos atrás

Amigos do ponto de vista do direito internacional nós estamos errados. Concordo com os amigos sobre a corrupção nas fileiras paraguaias mas infelizmente o direito internacional está ao lado deles.

helio
helio
5 anos atrás

Senhores, os países se relacionam segundo leis internacionais, se não virará bagunça. Assim como o Brasil poderia invadir o Paraguai, os EUA poderiam invadir o Brasil. As relações internacionais são regidas por regras e leis da mesma forma que as relações civis em um país civilizados. As nossas FAs precisam policiar as nossas fronteiras, e, hoje, os meios melhoraram muito em homens e equipamentos para fazer isto. Se no calor da liça entramos no território dos nossos vizinhos, explicações precisam ser prestadas (desculpa no jargão diplomático), que não fere a honra de ninguém. Somos um país civilizados e uma das… Read more »

Denison
Denison
5 anos atrás

Olá Hudson e helio, vocês poderiam dizer com base em quê vocês afirmam que o Brasil está errado? Concordo que os territórios internacionais devem ser respeitados mas não vejo alguma prova concreta de estarmos errados. No vídeo só mostra um policial atirando e é simplesmente a palavra do Paraguai contra a nossa.

Vader
5 anos atrás

Ah, tomá banho…

Os paraguaios deveriam nos agradecer por combater traficantes e contrabandistas no território deles. Aliás, deveriam até os convidar a fazê-lo.

Aliás, se tirar o contrabando para o Brasil do Paraguai o país quebra. Simples assim.

Foda. Mas ali só construindo um muro ao longo da fronteira inteira. E olha lá.

André E.
André E.
5 anos atrás

Nós temos total direito de atuar de forma enérgica na fronteira. No nosso lado da fronteira. Cadê o Sisfron? E outra, pq não fazemos acordos legais para atuação conjunta, reforço e treinamento das entidades paraguaias? E porque não usamos nossa influência política para isso? Os brasiguaios são uma das forças dominantes na política paraguaia… As terras de fronteira são em maioria de Brasileiros radicados lá a partir dos anos 80. Acho que a responsabilidade por esse problema do tráfico no Paraguai é do Brasil (nossos políticos, nossa sociedade – consumidores, bandidos etc.). Eu comprei meu primeiro walkman, com meu primeiro… Read more »

Santos
Santos
5 anos atrás

Bom dia,
Se houve uma invasão cabe um pedido de desculpas, sem drama algum.

Mas não é aceitável que um incidente isolado e normal, no caso de uma fronteira “nervosa” como essa, ser usado como instrumento de chantagem entre governos.

Para evitar isso existem instrumentos diplomáticos como, por exemplo, o congelamento do pagamento da verba de energia elétrica ou uma operação padrão contra o contrabando na fronteira paraguaia.

Marcos
Marcos
5 anos atrás

O pior é que acabaremos pedindo desculpas, com este governo que temos, sairemos no lucro, se não tivermos indenizações a pagar. Lamentável.

Eduardo Pereira
Eduardo Pereira
5 anos atrás

Oooooo falta que fez um único Hind ali só pra por moral, dava uma salva de tiros bem próximo dos pró bandidagem paraguaios e colocava eles pra correr. Agora da próxima vez que mandem um napaflu com canhao 40mm e umas .50 .

Cláudio Augusto
Cláudio Augusto
5 anos atrás

Vader,

se o Paraguai quebraria sem o contrabando para o Brasil, por que eles agradeceriam uma ação anticontrabandista realizada pelo Brasil?

E outra, tirando o contrabando de produtos ilegais, o SENHOR não acha que quem impulsiona o contrabando é o próprio governo brasileiro?

Abraço.

CAL
CAL
5 anos atrás

O problema é o seguinte:
Imagina o FBI fazendo uma operação dentro do Brasil.

Juarez
Juarez
5 anos atrás

Também é verdade, mas o que preocupa ali é tráfico de drogas e armas, isto sim é que dá muiiiito dinheiro aos cartéis Paraguaios. Eu não devia, porque ainda está sob sigilo, mas vou contar uma “histórinha” para vocês entenderem o problema: Final da decada de noventa, o 14 operava com elemento de “Romanos” num determinado aeroporto do oeste do paraná (vou omitir por questões éticas) em missões de coação de voos ilícitos junto a fronteira com o Paraguai. Depois de varias interceptações, os dois pilotos tomavam um cafe no aeroporto quando foram sutilmente abordados por um cidadão que disse… Read more »

general-lee
general-lee
5 anos atrás

Ja morei por aquelas bandas e fiz muitas operações especias quando era da P.E.L.O.P.E.S a coisa ja era quente,imagino agora: o caldeirão deve ta fervendo…….olha ! aquilo não tem jeito não….. é um ninho de cobras…….sds

Patton
Patton
5 anos atrás

Eles tem que agradecer, se não fosse o “Pedrão”, nós teríamos anexado aquela “fazenda”.

Leandro Moreira
Leandro Moreira
5 anos atrás

Se os contrabandistas nao seguem a lei, e porque sao bandidos, concordo com o helio, temos que respeitar a soberania dos nossos vizinhos, senao vira bagunca, gracas a Deus e a nossa atual administracao hj temos melhores condicoes para intervir nessas situacoes.

nereu
nereu
5 anos atrás

sinto muito informar, mas o governo Paraguaio é de direita, igual ao Alvaro Uribe que tinha ligações com o cartel do Abadia traficante preso pela PF em solo brasileiro

Delfim
Delfim
5 anos atrás

Se for pra invadir… será que acham o Passat TS 1981 que roubaram do meu pai ???

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKk !!!

krluz
krluz
5 anos atrás

Embarga unilateralmente aquele país, muda os Mi 35 de porto velho para perto do Paraguai, bota os comandos e comanf alí para lidar com os contrabandistas e ponto final

fb
fb
5 anos atrás

mi 35 lanchas para tocar o terror em contrabandistas

Hélio junior
Hélio junior
5 anos atrás

É uma guerra nao declarada ao Brasil pelos traficantes que atuam na fronteira dos dois países Com apoio de exercito vizinho…