Home Conflitos em andamento Rússia posicionou tanques em base aérea síria, dizem norte-americanos

Rússia posicionou tanques em base aérea síria, dizem norte-americanos

1137
27

Russian Tanks

País é pressionado a explicar o aumento da presença militar na Síria. Kremlin apoia Assad na guerra civil que já dura quatro anos e meio.

ClippingA Rússia posicionou cerca de meia dúzia de tanques em uma base aérea síria como parte da intensificação da presença militar no país, disseram duas autoridades norte-americanas nesta segunda-feira (14). As intenções de Moscou ao enviar armamento pesado para a Síria, no entanto, ainda não estão claras.

Uma das autoridades dos Estados Unidos disse que sete tanques russos T-90 foram vistos na base aérea perto de Latakia, um reduto do presidente sírio, Bashar al-Assad. As duas fontes disseram que a Rússia também posicionou artilharia, que disseram ter formação aparentemente defensiva para proteger tropas russas no local.

A Reuters já havia noticiado que a Rússia enviou cerca de 200 forças de infantaria naval para a base aérea. Moscou também tem enviado dois voos de carga por dia para a base aérea ao longo da última semana, segundo as autoridades norte-americanas.

A Rússia tem sido pressionada internacionalmente nos últimas dias a explicar o que os EUA e países do Golfo Pérsico dizem ser um aumento significativo de presença militar russa na Síria, onde o Kremlin tem apoiado Assad durante a guerra civil de quatro anos e meio.

Os EUA usam o espaço aéreo sírio para liderar uma campanha de ataques aéreos contra o Estado Islâmico, e uma presença russa maior na região aumenta a possibilidade de um encontro nos campos de batalha entre as duas superpotências do período da Guerra Fria.

Rússia e EUA dizem que o inimigo é o Estado Islâmico, que controla grandes porções de território na Síria e no Iraque, mas os russos apoiam o governo de Assad, enquanto os EUA dizem que a permanência do presidente sírio no poder agrava a situação.

FONTE: G1

27
Deixe um comentário

avatar
27 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
15 Comment authors
JTAntonio MReinaldo DepreraWellington Góestadeumar Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Melky Cavalcante
Visitante
Member
Melky Cavalcante

Demorou em Putin, deveria estar ajudando (Bots on The Ground) o Assad desde o começo.

joao.filho
Visitante
Member
joao.filho

Russos malvados!!! Canalhas!!! Os únicos autorizados a mandar tropas para paises em guerra civil e apoiar uma facção são os americanos!!! Hahahaha!!!

Matheus Augusto
Visitante
Matheus Augusto

200 fuzileiros, meia duzia de tanques, uma bateria de artilharia, caramba, dá pra ocupar metade da síria kkk
Mas falando sério, mesmo alarde de sempre dos EUA, se os russos peidam os EUA fazem alarde. A síria sempre foi aliada e zona de influência russa e está certa em tentar manter pelo menos seu posto avançado em tartus.

Vader
Membro
Trusted Member

Boa Putin, pra cima deles! Será que a Rússia está finalmente assumindo suas responsabilidades como maior país do mundo em extensão territorial? Será que finalmente os russos vão sair de seu quadradinho e botar as botas no chão e lutar contra os terroristas? Será que os russos irão pelo menos acolher alguns refugiados sírios? Ah não, são apenas seis tanques e algumas pecinhas de artilharia… que pena… E nem passa pela cabeça dos pobres refugiados permanecer na Rússia… Vão todos pra Europa, ainda que tenha que ser através do Ártico… Pelo visto os russos vão continuar apenas mandando armas para… Read more »

costamarques
Visitante
costamarques

“EI nem existiria”

O Estado Islamico é mais cria americana que russa!

MSG
Visitante
MSG

Está dando o que falar:

Ação da Rússia na Síria pode
reconfigurar região
http://www1.folha.uol.com.br/mundo/2015/09/1681322acaodarussianasiriapodereconfigurarregiao.
shtml

Rússia desafia poder militar aéreo
norteamericano
http://www1.folha.uol.com.br/mundo/2015/09/1681886russiadesafiapodermilitaraereonorteamericano.
shtml

A segunda matéria está como a mais lida agora no site da Folha

Onde está Ivan para nos ajudar a entender o que está acontecendo?

Wellington Góes
Visitante
Member
Wellington Góes

O EI, antigo ISIS, é cria dos sauditas, encobertado e apoiado pelos EUA e Reini Unido, ou seja, a história se repetiu (Al Qaeda, se lembram?!?!)

É, no mínimo, hipocrisia falar dos russos e deixar incólume os atores supracitados.

Bosco Jr
Membro
Noble Member
Bosco Jr

Eu acho que o EI é cria do islamismo e das intermináveis lutas tribais e diferenças doutrinárias e filosóficas seculares, na região.
Mas se lhes agradam achar que o culpado da dor de cabeça é a azeitona da coxinha depois de dois dias de bebedeira, fiquem a vontade.

champs
Visitante
champs

Vader
15 de setembro de 2015 at 8:05 #

Parece que história não foi bem assim…

http://veja.abril.com.br/noticia/mundo/em-2012-ocidente-ignorou-proposta-russa-para-retirar-assad-do-poder

Marcelo
Visitante
Marcelo

Interessante champs. Parece que o sangue e o sofrimento do povo sírio também são responsabilidade dos EUA, Reino Unido e França. Bom saber.

tadeumar
Visitante
tadeumar

O massacre sangrento que o ISIS esta praticando, veio como consequencia da retirada das tropas americanas de dentro do Iraque. O ISIS veio preencher o vacuo de poder, deixado por Al Quaeda, depois que os EUA decapitaram grande parte da estrutura de commando dessa organizacao de Bin Laden.. O ISIS nao foi criado por nenhum pais. O ISIS e uma consequencia da falta que os EUA (sob a fraca lideranca do Obama), fazem no Oriente Medio. Quanto ao Assad; a carnificina interna tem como objetivo uma limpeza etnica de kurdos, e o medo de que o ISIS venha a buscar… Read more »

Wellington Góes
Visitante
Member
Wellington Góes

Bosco, o radicalismo religioso existe em toda parte, ou você esqueceu do IRA? O problema é alimentá-lo e foi justamente isto que Arábia Saudita, EUA, Reino Unido e França fizeram no caso do ISIS, se deram mal, mais uma vez. Bem feito!!! Israel, inimiga declarada de Assad e da Síria, nunca gostou dessa estória, pois gostando ou não do cara, Assad era um mal necessário e um inimigo conhecido, assim como era Saddam Hussein e Muammar Gaddafi. Hoje estamos vendo a bagunça que ficou com suas deposições, sem colocarem alternativas minimamente organizadas e estruturadas para manter a ordem. O problema… Read more »

Melky Cavalcante
Visitante
Member
Melky Cavalcante

O ISIS não é a consequência da falta dos EUA, mas sim do excesso dos EUA no Iaque, basta lembrar como eles retornaram para lá, em uma guerra criminosa, com a desculpas esfarrapadas de armas químicas, estas nunca encontradas, retiraram do poder o mau que mantinha os males sob controle, e no caminho provocaram o extermínio em massa de iraquianos.

Mauricio R.
Visitante
Member
Mauricio R.

OFF TOPIC…

…mas nem tanto!!!

E a Europa já está se arrependendo do “bom mocismo” alemão:

(http://snafu-solomon.blogspot.com.br/2015/09/europe-is-already-regretting-german.html)

Esse politicamente correto ainda vai acabar mau.

Egito, Líbia e Síria, paises aonde a “Primavera Árabe” deu errado.
O próximo será o Yemen.
Aliás o próximo já é o Yemem.

Vader
Membro
Trusted Member

Eu não disse que o EI era cria russa, disse que se o Assad tivesse caído no começo da, assim chamada, “Primavera Árabe”, com a passagem de poder a uma oposição mais ou menos moderada e um consequente acordo de concertação nacional, não estariam postas as condições do surgimento do EI na Síria. Milhares não teriam morrido e milhões não estariam fugindo. E isso senhores antiamericanos, ou seja, a manutenção de Assad no poder, queiram os senhores ou não, é responsabilidade russa. O sangue dos sírios irá cair na cabeça dos russos, mais cedo ou mais tarde. No mais, o… Read more »

tadeumar
Visitante
tadeumar

Ao Wellington Goes, O problema e sim o islamismo e nao tem como varrer para debaixo do tapete. Os xiitas que eram a minoria oprimida no Iraque sairam baixando o porrete nos sunitas ( protegidos pelo defunto Saddam) O ISIS e o produto da radicalizacao dos sunitas (ex membros do exercito iraquiano tambem estao ai nessa turba, junto com insurgentes, terroristas, membros do extinto partido do Husseim), com o objetivo de estabelecer o califato mundial. O Islamismo e o maior problema jamais enfrentado pelo Ocidente. Muito pior que a extinta Uniao Sovietica. Voce vive ai no Brasil e penso que… Read more »

Wellington Góes
Visitante
Member
Wellington Góes

Quando a politica ideológica domina a mente, a realidade acaba sendo destorcida e assim não há como debater.

Até mais!!! 😉

Vader
Membro
Trusted Member

Olha quem fala…

Reinaldo Deprera
Visitante
Member
Reinaldo Deprera

O EL não é culpa dos EUA e nem da Rússia. É mais complicado que isso. Os EUA saíram do Iraque não foi porque o USARMY assim o quis, foi por causa de uma promessa de campanha política do Obama, o superstar prêmio Nobel da Paz. O resultado foi catastrófico, como bem lembrado pelo Vader, todo vácuo de poder é preenchido. Mas isso por si só não fez do EL ser o que é. A Rússia deu uma baita de uma força, impedindo que o regime do Assad caísse nas mãos dos moderados, como ocorreu nos demais países. Eu arrisco… Read more »

Reinaldo Deprera
Visitante
Member
Reinaldo Deprera

Alias, foi o Tadeu que adiantou meu ponto de vista.

Save Ferris!

Antonio M
Visitante
Member
Antonio M

“…O leitor lembra que o PT, em 2007, assinou acordo de cooperação com o Partido Baath Árabe Socialista? O Baath comanda um regime autoritário na Síria desde 1963 e também foi o partido do ex-ditador iraquiano Saddam Hussein, enforcado em 2006. Pois é: recordar é viver. E agora esses petistas vêm bancar os sensíveis com a situação síria, e ainda apontam para os europeus como responsáveis? Confira, caro leitor, a lista de partidos políticos da Síria: Partidos alinhados na Frente Nacional Progressiva Movimento Árabe Socialista União Árabe Socialista Socialistas Unionistas Sociais Democratas Unionistas Partido Comunista da Síria (facção Khalid Bakdash)… Read more »

Melky Cavalcante
Visitante
Member
Melky Cavalcante

Tadeumar, supondo que agir de forma suspeita seja estar tendo uma visão, como muitos falam, “antiamericana”, ou pró-isso ou pró-aquilo, digo que não. E sim, conheço a história das ADM iraquianas, mas é muito difícil para mim acreditar que a real intenção da invasão do Iraque tenha sido a suspeita de posse/fabricação de ADM pelo regime de Saddam, se isso fosse o cerne das preocupações do governo americano, pela lógica, eles deveriam ter invadido quando do uso deliberado e criminoso desse tipo arma contra os curdos em 1988, o que não ocorreu, só ocorreu em 1991, com o objetivo de… Read more »

JT
Visitante
JT

“tadeumar 16 de setembro de 2015 at 11:52 #

Os xiitas que eram a minoria oprimida no Iraque sairam baixando o porrete nos sunitas ( protegidos pelo defunto Saddam) ”

Tadeumar, os xiitas são maioria no Iraque. Eram a “maioria oprimida” no Iraque, assim como os sunitas são a “maioria oprimida” na Síria.

No fim das contas eu vejo tudo como uma briga por poder utilizando o discurso religioso.

A Europa que se cuide.

Wellington Góes
Visitante
Member
Wellington Góes

Debate no Canal Livre em 2013 sobre a questão Síria.

https://www.youtube.com/watch?v=5AtvWVXwUkI

Mauricio R.
Visitante
Member
Mauricio R.

Ainda bem que estão tdos prestando atenção, ao que se desenrola na Síria.
E não na piaba que a Arábia Saudita está tomando no Yemem:

(http://snafu-solomon.blogspot.com.br/2015/09/houthis-with-captured-leclerc.html)

Mauricio R.
Visitante
Member
Mauricio R.

E segue a Arábia Saudita levando uma piaba exemplar, dos rebeldes Houthi no Iêmen:

(http://snafu-solomon.blogspot.com.br/2015/09/captured-saudi-m1a2-abramsthey.html)

Nunca “ter não significa operar”, significou tanto!!!