Home Cultura Lei estadual para valorizar memória histórica da FEB

Lei estadual para valorizar memória histórica da FEB

1492
13

LEI Nº 7.660 DE 25 DE AGOSTO DE 2017

AUTORIZA O PODER EXECUTIVO A INSTITUIR “PROGRAMA DE VALORIZAÇÃO E PRESERVAÇÃO DA MEMÓRIA HISTÓRICA DOS VETERANOS DA FEB E DEMAIS EX-COMBATENTES DA II GUERRA MUNDIAL” NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO.

O GOVERNADOR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO
Faço saber que a Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Art. 1º – Fica autorizado o Poder Executivo a criar o “Programa de Valorização e Preservação da Memória Histórica dos Veteranos da FEB e demais Ex-Combatentes da II Guerra Mundial” no Estado do Rio de Janeiro.

Art. 2º – São objetivos do programa objeto deste diploma: I – permitir a continuidade do funcionamento da sede regional da Associação Nacional dos Veteranos da FEB – ANVFEB, em seu tradicional prédio, situado à Rua das Marrecas nº 35, na Lapa, no Rio de Janeiro, RJ; II – a preservação, novas incorporações, a manutenção, a catalogação e a necessária disponibilidade à consulta do acervo histórico relacionado aos veteranos da FEB e demais ex-combatentes da II Guerra Mundial.

Art. 3º – O Estado promoverá a inserção, mediante convênio com a ANVFEB, do museu da associação, situado na sede regional constante do Inciso I, nas ações do Plano Estadual de Cultura, ou outros planos, programas e projetos da Secretaria Estadual de Cultura, existentes ou que venham a ser criados, destinados à manutenção e preservação de acervos históricos e ao funcionamento de museus e casas de cultura.

Art. 4º – As despesas decorrentes da execução do programa instituído por esta lei correrão por conta do programa “Museu e Memória”.

Art. 5º – Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação.

Rio de Janeiro, 25 de agosto de 2017

LUIZ FERNANDO DE SOUZA Governador

FONTE: Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro/COLABOROU: André Vital

13
Deixe um comentário

avatar
13 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
10 Comment authors
Matheus RabelloAgneloLuis MarianoJoão BaroneLeandro Costa Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Luciano
Visitante
Luciano

Agora? Depois de todos esses anos de dificuldades que a ANVFEB passou? putz!

Cesar Campiani Maximiano
Visitante
Cesar Campiani Maximiano

Piada.

Fred
Visitante
Fred

Chega a ser irônico.

Bruno
Visitante
Bruno

Que ridículo! O Brasil é sua mania de achar que se resolve absolutamente TUDO com leis e canetada, o problema ai no caso é cultural!
Se algum dia no Brasil existir um grupo terrorista aos moldes do ISIS, é provável que o governo crie uma lei proibindo o terrorismo no Brasil achando que no momento em que a lei entrar em vigor o terrorismo some num passe de magica.
Lembrei agora de uma estrada aqui na cidade onde moro em que colocaram uma placa “proibido jogar lixo”, e lá está cheio de lixo, e ainda penduram lixo na própria placa! Kkkkkkkkk

BRENO AMORIM
Visitante

É com alegria que recebemos a Lei Estadual 7660/17 que é fruto de um dedicado trabalho de associados e amigos da ANVFEB junto ao Poder Legislativo e Governo do Estado do Estado do Rio de Janeiro, e que assegura, definitivamente, a continuidade da Associação e seu trabalho de preservação, valorização e divulgação da heróica historia da FEB e do Brasil na II Guerra Mundial. O trabalho de revitalização e estruturação da ANVFEB, com apoio humano e material de amigos e associados ao longo dos últimos anos recebe agora o reconhecimento e amparo legal quanto a propriedade de sua sede e… Read more »

Leandro Costa
Visitante
Leandro Costa

Que loucura.

João Barone
Visitante
João Barone

Em meio ao verdadeiro caos institucional que o estado do Rio de Janeiro vive, esta medida causa grande alívio depois de tantas atribulações que a Casa da FEB sofreu ao longo de anos. Renovamos a esperança de que este núcleo de resistência dedicado à memória dos brasileiros que participaram da Segunda Guerra continue vivo e atuante. Aos críticos que surpresos deixaram seu depoimento aqui, sugiro que façam algo mais em prol da memória da FEB e dos ex-combatentes, pagando uma anuidade na associação de ex-combatentes de sua cidade, por exemplo. É muito fácil reclamar, criticar e julgar. Agir realmente demanda… Read more »

Luis Mariano
Visitante
Luis Mariano

Sou Mariano e sugiro a organizando um grupo (completamente independente) para trocarmos informações, fotos, vídeos e conteúdos referentes a participação do brasil na 2 guerra mundial, para depois divulgarmos esse nosso passado pouco conhecido e valorizado.
Nós brasileiros somos queridos ( principalmente na itália) e muita gente não sabe. Cabe a nós que temos um pouco de consciência, a missão de se organizar para depois divulgar.
Para isso peço que você convide pessoas com potencial de ajudar nessa missão:
” agrupar pessoas e compartilhar informações para divulgar nossas histórias e heróis”.

Agnelo
Visitante
Agnelo

A ANVFEB deve receber o máximo de apoio. Já está muito tempo posta de lado.
O “toque de presença de ex-combatente” é simbólico e louvável, mas medidas práticas devem ser tomadas para manter nossa brava memória.

Fred
Visitante
Fred

João Barone, e Breno Amorim, Quando afirmei que chega a ser irônico, me referia ao fato desse apoio chegar somente agora, quando somente poucos febianos ainda estão em vida, depois de mais de 72 anos do fim da guerra e depois de tantos apuros, desafios e constrangimentos enfrentados pelos veteranos da FEB. No mais, reconheço o imenso esforço que tem sido feito para que a FEB não caia no esquecimento eterno. Só observo que, são muitas as memórias sobre a FEB, e elas estão aí, em alguns momentos coexistindo, em outros, em antagonismo. Como sugestão, acredito que seria muito bom,… Read more »

Leandro Costa
Visitante
Leandro Costa

Eu tive que ir pesquisar. Odeio, simplesmente tenho asco, à qualquer coisa relacionada à leis estaduais, ainda mais se considerarmos que o Estado do Rio está falido financeira e moralmente, e era crença minha de que essa era apenas mais uma lei ‘para inglês ver,’ já que nada traria de benéfico para a ANVFEB, ou simplesmente para a memória dos nossos veteranos. Então, para os leigos que pensam como eu pensava, aqui vai o resultado. . Acontece que qualquer relação de parceiria, ou associação com o Governo do Estado, qualquer Estado, precisa ser firmada através de lei. É quase que… Read more »

Matheus Rabello
Visitante
Matheus Rabello

Leandro Costa- Li seu comentário e concordo com boa parte dele, o que aconteceu com a memória da F.E.B é algo triste, é notória toda a luta pelo qual as associações vem passando e o esquecimento ao qual nossos veteranos tem sido relegados. Você citou os professores no seu comentário, sou aluno do curso de História, prestes a me formar e daqui a pouco enfrentar as salas de aula, a Força Expedicionária Brasileira é tema do meu trabalho de conclusão de curso, trabalho justamente a questão da memória da F.E.B, em específico o que tem sido trazido nos livros didáticos… Read more »

Leandro Costa
Visitante
Leandro Costa

Matheus, desde já o parabenizo pela escolha do tema de seu TCC e o afinco com o qual está perseguindo seu objetivo. E sim, peguei justamente livros didáticos desse período de tempo, afinal de contas me alfabetizei em 1986. Eram raras as menções à FEB. Recentemente houve uma nova leva de livros sobre a participação Brasileira na Guerra, livros que contam não apenas as experiências de nosso soldado, mas tratam o assunto de maneira séria, e pelo menos um livro com abordagem acadêmica. Provavelmente já está careca de saber disso por estar em trabalho árduo de pesquisa. Só peço que,… Read more »