Home Exércitos União Europeia assina acordo ‘histórico’ para integrar 23 exércitos

União Europeia assina acordo ‘histórico’ para integrar 23 exércitos

4210
78
Líderes reunidos em Bruxelas (Reuters/Emmanuel Dunand)

Por Jill Petzinger

Levaram 70 anos, mas a União Europeia finalmente assinou o pacto hoje (13 de novembro) concordando em integrar o financiamento militar, o desenvolvimento de armas e o desdobramento das defesas europeias.

As freqüentes acusações do presidente dos EUA, Donald Trump, de que os países da UE não pagam o suficiente na OTAN tem sido um catalisador para eles avançarem com um plano unificado de cooperação militar. O outro é que isso poderia diminuir legitimamente a dependência do bloco sobre o apoio militar dos EUA.

Federica Mogherini, chefe da política externa da UE, chamou de “histórico” porque “o verdadeiro problema não é o quanto gastamos, é o fato de que nós gastamos de forma fragmentada”. Ela também disse que fortaleceria o trabalho da OTAN lderada pelos EUA.

O Reino Unido sempre resistiu à ideia de defesa conjunta da UE, temendo algum tipo de grande “exército europeu”, mas a saída planejada do país do bloco eliminou esse obstáculo, permitindo que outros 23 países da UE avançassem. Uma vez que o Brexit aconteceu, o Reino Unido ainda poderia estar envolvido, mas por um preço.

O grupo terá um Fundo Europeu de Defesa de € 5 bilhões (US $ 5,8 bilhões) para comprar armas, um fundo diferente para operações e também obter dinheiro com o orçamento da UE para pesquisas. No final, significa que a UE teria forças militares nacionais mais fortes e melhoradas para responder às crises juntas. O ministro das Relações Exteriores da Alemanha, Sigmar Gabriel, o chamou de “marco no desenvolvimento europeu”.

O co-desenvolvimento de armas poderia ser uma boa notícia para as empresas europeias de defesa. “Eu acho que é um potencial game changer”, disse o presidente da empresa de defesa sueca, Haman Buskhe, ao Wall Street Journal. “Isso poderia desenvolver novos produtos e ajudar a aumentar a eficiência na Europa”.

O próximo passo será quando os líderes da UE assinarem o acordo legalmente vinculativo em dezembro.

FONTE: qz.com

78
Deixe um comentário

avatar
78 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
37 Comment authors
Dody SchimitdAlexandre MoraesCarlos Alberto SoaresDiego Ktheteacher123 Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Maslow
Visitante
Maslow

Adeus soberanias…

carcara_br
Visitante
carcara_br

Estados Unidos da Europa.
Tá vendo Alemanha e França não precisa de guerra kkkkk

Augusto
Visitante
Augusto

Sem tecer considerações sobre questões atinentes a soberania e a eventual natureza confederativa que tomou a União Européia, o fato é que: Aí sim, se isso prosseguir… pode ser que vejamos a médio prazo a maior força militar (não nuclear) do planeta.

Augusto
Visitante
Augusto

Qualitativamente, não quantitativamente.

oganza
Visitante

Sobre Soberanias: “O objetivo sempre foi a destruição de leviatãs nacionais para a posterior criação de um único leviatã internacional” – Mario Ferreira dos Santos . O europeu ocidental se converteu em uma massa amorfa, autômata e sem vontade. Mas independente de qualquer coisa, esse “acordo” ai é uma coisa tão grande e complexa ao cubo nos níveis administrativo/operacional, sem falar no político, que até mesmo seu pretenso sucesso administrativo/operacional só será sentido em 2 décadas no mínimo. SE for. . Seguirá ainda, antes de qualquer coisa, uma enxurrada de fusões da indústria, que capitaneada por uma multidão de burocratas… Read more »

Gilson Moura
Visitante
Gilson Moura

Sempre tive curiosidade sobre isso, e olha só, irá acabar se tornando uma realidade, isso é apenas o primeiro passo.

Delfim Sobreira
Visitante
Delfim Sobreira

Os EUA serão dispensados pela UE ? É o fim da OTAN ? Se bem que com o fim da URSS e do Pacto de Varsóvia, é de se esperar que tal acontecesse. Até demorou.
.
Com a saída dos EUA e do UK, apenas a França terá poder nuclear na Europa ?
.
“O Reino Unido ainda poderia estar envolvido, mas por um preço.” Só se for a cabeça da Theresa May, o que talvez não seja difícil.
.
A Suécia não é membro da OTAN mas é da UE. F-39 pode se dar bem.
.
Turquia de fora ?

Ivan BC
Visitante
Ivan BC

Isso ainda vai dar m****, podem ter certeza! Estão criando algo que vai contra a verdadeira essência das forças armadas dos Estados (auto defesa), é nítido que estão querendo acabar com a autonomia dos povos na Europa, estão conseguindo e certamente vão conseguir, mas tudo isso mas desmoronar, pois tudo aquilo que fez cada povo ter suas forças militares e suas fronteiras delimitadas, suas tradicões e sua forma de ser estão presentes nos humanos que existem atualmente. Estão querendo criar um homem e um povo só onde não existe…vai terminar em guerra! Todas as vezes que tentam anular as forças… Read more »

Ivan BC
Visitante
Ivan BC

Percebem que os líderes vendem a ideia de descentralização da tomada de decisão e mundo polarizado, mas na prática extinguem aquilo que sempre firmou os povos? No fim das contas não estão derrubando fronteiras, estão fazendo exatamente o oposto, estão tirando liberdades sem os indivíduos perceberem! Todo o controle que antes era disperso entre os povos está passando para uma só cúpula, daqui 50 anos alguém vai explicar quais foram as decisões tomadas por essa “cúpula”, conhecendo o ser humano, conhecendo um pouco de história, sabemos que o fim disso é bem previsível, no fim muito serão colocados na inferioridade… Read more »

SmokingSnake 🐍
Visitante
SmokingSnake 🐍

Já vi essa história antes… eventualmente quando surgir um governo com ideias divergentes das de quem vai comandar isso aí ou se querer sair, vai levar martelada! O Reino Unido já foi ameaçado de boicotes e teve que escutar cada coisa apenas por querer sair da UE.

camargoer
Visitante

Olá Colegas. Que tal saber algo do ponto de vista europeu? Encontrei esta dissertação de mestrado defendida em Portugal que traça um histórico da criação da união européia.
https://run.unl.pt/bitstream/10362/12115/1/Tese_Andre%20Jorge.pdf

Carpophorus
Visitante
Carpophorus

No fim teremos a Eurásia, a Lestásia e a Oceânia tal qual o livro 1984 do Orwell…

Augusto
Visitante
Augusto

O texto erra. A França tbm sempre foi um empecilho na criação desse exercito em conjunto. Se Macron assinar vai se quimar mais ainda com as elites militares.

Augusto
Visitante
Augusto

Mas pelo que eu entendi. Vai ser um fundo internacional de financiamento. Um exercito europeu com quartel general em Bruxelas esta longe de acontecer e comando unico esta longe de acontecer. No mas a desculpa dos europeus do que os EUA não estão sendo mais parceiros é uma desculpa infantil e parece birra de criança mimada que nao quer cumprir com suas tarefas. Eu nao sou contra uma europa unida pelo contrario sou a favor de uma europa forte e unida nos valores ocidentais, isso seria ótimo para o mundo e para nos brasileiros mas as coisas estão sendo não… Read more »

Daniel Dutra
Visitante
Daniel Dutra

Estou pressentido que isso nao vai acabar bem..

Tamandaré
Visitante
Tamandaré

OFF: golpe de estado acontecendo no Zimbábue.

Agnelo Moreira
Visitante
Agnelo Moreira

Primeiro Princípio de Guerra: Unidade de Comado
Como irão solucionar?
Países como França e Alemanha vão abrir mão de alguma capacidade confiando q outro exército irá supri-la?
Se conseguirem solucionar este quebra cabeças de forma eficiente, talvez dê certo.

EParro
Membro
EParro

“concordando em integrar o financiamento militar, o desenvolvimento de armas e o desdobramento das defesas europeias.”
“o verdadeiro problema não é o quanto gastamos, é o fato de que nós gastamos de forma fragmentada”. Ela também disse que fortaleceria o trabalho da OTAN liderada pelos EUA.”

Parece-me que a união será “somente escritural” e não “material”, ao menos agora. No longo prazo, estaremos todos mortos.

SmokingSnake 🐍
Visitante
SmokingSnake 🐍

Tamandaré – Golpe? O cara está no poder desde 1980 kkkk

Vilson
Visitante
Vilson

Isto começa a parecer com o Apocalipse Bíblico,o mundo se unindo em um governo único e global,religiões se fundindo fazendo parcerias,no inicio deste governo tudo é belo todos são iguais.Coloca-se uma marca,na testa na mão com a desculpa de documento único,cartões de crédito,dados médicos etc. Todos são vigiados,diria um chip,coisa que já começa a acontecer em alguns países,ai quem não tiver o chip é contra se não o fizer será caçado e exterminado,em pouco tempo este líder que unificará tudo começará a caçar seus opositores que não terão direito a comprar ,trabalhar,estudar etc,viverão na clandestinidade,ai só por Deus.Mas isso é… Read more »

Maslow
Visitante
Maslow
camargoer
Visitante

Caro Maslow. Eu também sugiro o contraponto do que você colocou, por exemplo um link da BBC e do O Globo.
http://www.bbc.com/news/world-europe-41958199
https://oglobo.globo.com/mundo/marcha-da-extrema-direita-reune-60-mil-pessoas-na-polonia-22060332

camargoer
Visitante

Olá Maslow. Recomendo o artigo no The Guardian “This weekend’s march in Poland proves the far right isn’t going away without a fight” como um bom contraponto ao que você sugeriu. Mesmo o artigo no O GLobo “Marcha da extrema-direita reúne 60 mil pessoas na Polônia” vale a pena ser lido.

Bavaria Lion
Visitante

A volta do leão e da águia. Está acontecendo.

Que marco histórico maravilhoso.

Augusto
Visitante
Augusto

Maslow é realmente deplorável como UE trata as instituições nacionais e valores de cada pais. A UE deveria ser reformada, deveria ser como uma confederação nao uma unidade federativa ou unitária como alguns querem.

Bardini
Visitante
Bardini

Esses ministros tem cara de quem entendem do assunto, rsrsrs…
Me faz acreditar nesse meme:
comment image?1

PRAEFECTUS
Visitante
PRAEFECTUS

Prezados,

estes não aprenderam nada com o que ocorreu na Torre de Babel…

Nem devem saber o que é isso!

Ao menos nisto, certo foram os Saxões, que abandonaram essa barca furada da União Europeia.

A globalização é um erro monumental. Como monumental foi o desconcerto humano ao idealizar Babel. Busca-se com esta UNIÃO EUROPEIA frustrar de novo o Plano outróra designado…

Evidentemente, a bordoada não tardará! Como em Babel não tardou…

Grato

Doug385
Visitante
Doug385

Bardini 15 de novembro de 2017 at 13:22

Perfeito. A foto fala por si só.

Delfim Sobreira
Visitante
Delfim Sobreira

Camargoer
Guga Chacra chamou a festa de independência de nazista e foi repreendido pela embaixadora polonesa.
Fernanda Torres comparou uma prisão com um campo de concentração.
Todos são William Waack.

sub-urbano
Visitante
sub-urbano

Não que eu morra de amores pelo conceito de “Estados Nacionais” que nada mais é que uma bizarrice inventada para enganar as pessoas. Nós mesmos temos um estado nacional a séculos e a identidade ainda é regional: gaúcho, mineiro, paulista, pernambucano… cada um com seus orgulhos bobos.

Mas se der M#&% novamente teremos UK e USA desembarcando no continente europeu para resolver os problemas deles.

camargoer
Visitante

Olá Delfim. Eu recomendei textos escritos por europeus (o texto do O Globo é a tradução do que publicou a BBC). Particularmente, prefiro fontes melhores do que Chacra e Torres.

Augusto
Visitante
Augusto

Sub, eu sei q estou sendo chato.. rsrsr masss o RU já está na Europa, ele faz parte do continente europeu.

colombelli
Visitante
colombelli

Esta Europa fraca, amorfa, sem identidade e pautada pela babaquice do politicamente correto será o esteio para o surgimento de movimentos como os da década de 20 e 30. Um ciclo em regra é seguido sempre pelo seu oposto. está bem igual á Liga das Nações com suas contemporizações e panos quentes. O que se seguiu sabemos bem.

Silva
Visitante
Silva

Maslow 15 de novembro de 2017 at 11:56 Pois é, basta você apenas discordar dos esquerdopatas, que eles na falta de argumentos e para se imporem na base do grito, automaticamente rotulam qualquer um de extremista, fascista, racista, xenófobo, golpista, extrema direita e etc. Isso é desespero dessa ralé, devido a reação das pessoas de bem contra o mal esquerdista. Dentro do link que você forneceu, achei essa notícia esplêndida: Presidente da Polônia diz que “forçar nações a receber imigrantes será o fim da União Europeia” https://medium.com/@RenovaMidia/presidente-da-pol%C3%B4nia-diz-que-for%C3%A7ar-na%C3%A7%C3%B5es-a-receber-imigrantes-ser%C3%A1-o-fim-da-uni%C3%A3o-europeia-4671244fc90e Sensacional a reação dos Poloneses! Presidente e povo conservadores. A Polônia, que ao… Read more »

Marcelo Andrade
Visitante
Marcelo Andrade

Roberto,

Cuidado com o que se lê na Folha, ok? Experiência carioca com “O Globo”, tendenciosa pra caramba!

Mas, gente, voltando ao assunto, ninguém disse que iria ter um Exército Europeu! Eles disseram, integração. Questão de interpretação.

Achei 5,8 Bilhões para armas um pouco baixo!!

Quem está esfregando as mãos?

Airbus Defense and Security, MBDA, SAAB, Bofors, Dassault, Estaleiros, GMDS, BAe Systems, Leonardo, KMV, etc.

Se cuida Lockheed, Boeing, Northrop, etc.

Marcelo Andrade
Visitante
Marcelo Andrade

Oi Roberto, faz muito bem! Ok!

Rodrigo Martins Ferreira
Visitante
Rodrigo Martins Ferreira

sub-urbano 15 de novembro de 2017 at 14:46

É bem por aí…

Juliano Bitencourt
Visitante
Juliano Bitencourt

https://www.youtube.com/watch?v=4vIdTKai_Dc . Este pequeno vídeo desmascara e mostra a pusilanimidade da “notícia” de que 60 mil poloneses “nazistas” marcharam. Uma afronta COVARDE e vil a um povo que foi massacrado por nazistas e comunistas, e resistiu, mesmo massacrado,esmigalhado, e hoje é um dos únicos paises europeus que mantem sua identidade, seu orgulho e soberania. Justamente por saber como poucos o que significa viver DÉCADAS sob o totalitarismo, seja nazista, seja comunista. E isso é uma afronta que a esquerda não perdoa. E dá-lhe desinformação, fake news, canalhice. . E a Europa vai sendo dissolvida, os povos e países com histórias… Read more »

Emmanuel
Visitante
Emmanuel

Pessoal, os nazistas de hoje não são os mesmos da década de 30.
As bases ideológicas podem parecer as mesmas mas as causas do seu crescimento são bem distintas. Hoje não é o judeu o motivo do seu renascimento mas sim o muçulmano. O “barbudinho” que vem “pilhar” o emprego do trabalhador mediano europeu e vira e mexe explode algo, atropela ou atira em alguém.
Esses são seus inimigos.
Quem tem Netflix deve assistir “Ele está de volta”. Vocês vão ter uma pequena ideia do que o alemão “raiz” pensa sobre tudo isso que está acontecendo no seu país.
Abraço

Juliano Bitencourt
Visitante
Juliano Bitencourt

Poha meu! Quer dizer, Emmanuel, que o ocidental, seja europeu ou americano, que seja contra a ocupação muçulmana em massa do berço do Ocidente é nazista? Você é mesmo um jênio!

Juliano Bitencourt
Visitante
Juliano Bitencourt

Para o Emmanuel Jesus Cristo deve ser o maior comunista de todos os tempos. Ou será que ele era nazista?

camargoer
Visitante

Ola Emmanuel. Recomendo a tese do Marcos Guterman “A moral nazista: uma análise do processo que transformou crime em virtude na Alemanha de Hitler”. Tenho certeza que este texto é muito melhor que uma série da Netflix para entender o que é nazismo. Aliás, você também pode baixar o livro “Eichmann em Jerusalém” de Hannah Arendt para entender o significado da expressão “a banalidade do mal”.

Hawk
Visitante
Hawk

Engraçado como disse o Juliano Bitencourt 15 de novembro de 2017 at 17:45, povo polonês massacrado agora chuta o balde e vira nazista.
Sério! Tá difícil de entender essa internet hoje em dia!
Não se enganem com muitos jornalistas. Para eles suas idéias estão acima da realidade.
Eles não se importam em criar “fake news” só por causa de sua ideologia, tanto faz qual eles apoiam.

Rodrigo Martins Ferreira
Visitante
Rodrigo Martins Ferreira

Hawk 16 de novembro de 2017 at 10:18

Simples..

O que esta gente prefere é o mundo em ruínas desde que a verdade deles seja colocada em prática.

A tendência é funcionar até certo ponto, porque por mais que eles distorçam a realidade, tanto quanto as suas mentes distorcidas são capazes de imaginar na hora do vamos ver os valores de família prevalecerão.

Simples assim…

Veja a cruzada deles contra a família e a religião cristã base do Ocidente.

Esta gente deve ser tratada como o são na verdade, inimigos.

André Luiz.'.
Visitante
André Luiz.'.

Emmanuel 16 de novembro de 2017 at 9:01
Concordo. Os neonazistas têm sempre esse elemento de xenofobia em seus discurso: na Alemanha da década de 30, o alvo foram os judeus, por mais alemã e integrada que a comunidade judaica do país o fosse. Hoje, são os imigrantes muçulmanos, com o agravante de que, realmente, estes são etnicamente e culturalmente muitíssimo diversos da sociedade onde estão vivendo, e trazendo o elemento do radicalismo islâmico a tira-colo… Prato cheio para o discurso de extrema direita…!

Matheus G.
Visitante
Matheus G.

Por essa eu não esperava, quer dizer então que barrar imigrantes muçulmanos é ser moralmente nazista?
Por acaso alguém aqui já defendeu que os cristãos são superiores aos islâmicos? Acho que não, nosso problema com eles é o terrorismo, não se vê este tipo de tratamento com outras crenças.

Soldat
Visitante
Soldat

O Problema disso tudo é o seguinte…segundo os Comunistas e Socialistas, Liberais, Republicanos e amantes do lema Satânico: “LIBERDADE, IGUALDADE E FRATERNIDADE”.
Enfim se voce lutar a favor da família voce é um Nazi segundo a União Europeia.
O Europeu hoje tem que aceita as diretrizes isso é o que representa a Maldita União Europeia.
1- Pedofilia.
2- Zoofilia.
3- Necrofilia.
4- Incesto.
5-Prostituição industrial
6-Aborto industrial.
7-Poligamia.
8-Escravidão
9-Gazysmo.
10-Multiculturalismo.
11-Miscigenação industrial.
12-Canibalismo
13-Eutanazia.
14- Islamização.
Quem lutar contra isso é chamado de Nazista e o pior tem os Amis para defender e caçar quem luta contra essas aberrações.

VAI chegar um dia que voce ser Hétero,ter família monogâmica e ser Cristão será considerado CRIME.

Europa acabou….

Rodrigo Martins Ferreira
Visitante
Rodrigo Martins Ferreira

Não acredito que chegou o dia que eu concordei com o Soldat…

O mundo realmente acabou rs

RIP Planeta Terra

Juliano Bitencourt
Visitante
Juliano Bitencourt

André Luiz, extrema-direita é o Anarcocapitalismo. Não sabia que os anarcocapitalistas estavam marchando contra os muçulmanos na Alemanha e Europa.

Gilson Moura
Visitante
Gilson Moura

Ainda bem que alguns países não aceitam as diretrizes da UE, o mundo já foi mais racional.