terça-feira, dezembro 7, 2021

Saab RBS 70NG

UNIFIL recebe o Conselheiro Militar da Missão Permanente do Brasil junto à ONU

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Naqoura (República do Líbano) – No último dia 23 de janeiro, os contingentes da Marinha do Brasil e do Exército Brasileiro, integrantes, respectivamente, da Força-Tarefa Marítima (MTF) e do Setor Leste da Força Interina das Nações Unidas no Líbano (UNIFIL), receberam a visita do General de Exército Gerson Menandro Garcia de Freitas, Conselheiro Militar da Missão Permanente do Brasil junto à Organização das Nações Unidas (ONU).

Na oportunidade, o General Menandro e sua comitiva, acompanhados do Almirante Sérgio Fernando de Amaral Chaves Junior, comandante da MTF, conheceram as instalações do Estado-Maior da Força-Tarefa, em Naqoura, e realizaram uma reunião com os militares brasileiros na Casa Brasil, instalação de descanso e lazer para os brasileiros, situada na costa do mar Mediterrâneo.

Durante a reunião, o General Menandro enfatizou a importância da participação brasileira em missões de paz da ONU, destacando a relevância dos trabalhos realizados pela Marinha do Brasil à frente da MTF, bem como, a participação dos militares do Exército Brasileiro junto ao Estado-Maior da Brigada do Setor Leste, localizada em Marjayoun, na fronteira com Israel.

FONTE: Agência Verde-Oliva/CCOMSEx

- Advertisement -

10 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
10 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
CignusRJ
CignusRJ
3 anos atrás

Por gentileza.
Alguém pode em informar o por quê da diferença de tonalidade dos uniformes?
Alguns estão digamos, mais novos, mais vivos enquanto outros mais desbotados, desgastados.

Edson Parro
Edson Parro
3 anos atrás

CignusRJ 14 de Fevereiro de 2018 at 23:42

“Naqoura (República do Líbano) – No último dia 23 de janeiro, os contingentes da Marinha do Brasil e do Exército Brasileiro, integrantes, respectivamente, da Força-Tarefa Marítima (MTF) e do Setor Leste da Força Interina das Nações Unidas no Líbano (UNIFIL)…”

Não seria porque um grupo é do contingente da Marinha do Brasil e outro do Exército Brasileiro? Parece-me que o pessoal da Marinha usa os coturnos marrons e o pessoal do Exército os coturnos pretos.

Saudações

Vinícius Almeida
3 anos atrás

Na primeira foto os militares da esquerda estão como fardamento antigo, já os da direita estão com o novo fardamento, que é um de alta solidez com tons de marrom mais marcantes. Já na segunda foto aparece os militares da Marinha com suas fardas mais esverdeadas.

Igor Almeida
Igor Almeida
3 anos atrás

“CignusRJ 14 de Fevereiro de 2018 at 23:42
Por gentileza.
Alguém pode em informar o por quê da diferença de tonalidade dos uniformes?
Alguns estão digamos, mais novos, mais vivos enquanto outros mais desbotados, desgastados.”

Camuflado mais claro e coturnos marrons: Fuzileiros Navais (Marinha do Brasil)
Camuflado mais escuro e coturnos pretos: Exército Brasileiro.

Estão misturados na primeira foto pois, provavelmente, organizaram-se por antiguidade (com equivalência entre as forças, à exceção do general e do almirante, que estão ao centro).

Quanto à diferença de tonalidades na farda do Exército (primeira foto), é o que disse o Vinicius.

Ronaldo de souza gonçalves
Ronaldo de souza gonçalves
3 anos atrás

É importante essas missões que o Brasil participa,pois adquirem experiência reais de guerra,mesmo que sejem guerra assimétricas,mas vale a pena engaixar,pois o resto é treinamento similado que é valido,mas não representa a realidade.Gostaria de ver op Brasil em atuar conjuntamente em conflitos de alta intensidade ,mesmo que for de observador,adquiriria uma experiência fantástica as nossas forças.

Hammer
Hammer
3 anos atrás

Foto horrorosa.

Sandro Nogueira
Sandro Nogueira
3 anos atrás

Por mais que o Brasil corra para recuperar a defasagem do sucateamento das Forças Armadas, sempre estaremos em desvantagem a uma invasão comunista. Se tentarem barrar a implantação, que ainda é lenta, o pior poderá acontecer. A cúpula PTista nos discursos de ódio na defesa da prisão do Lula, já deram o recado que haverá confronto urbano, imaginem se houver interferência de algum país comunista somado a essa desordem. Então provavelmente vão deixar as coisas seguirem como estão em passos lentos, porém rumo a certeza que o comunismo brasileiro, tarda, mas será implantado certeiramente num futuro não muito distante, porém… Read more »

Sandro Nogueira
Sandro Nogueira
3 anos atrás

A tonalidade no uniforme pode ser porque são de batalhões distintos, ou um do exército e outro da marinha por exemplo. Também a questão da obrigatoriedade das licitações obriga aceitar um material que é parecido ou assemelhado e não exato do pedido feito, e a camuflagem está ali, se é igualzinha a risca, isso é um detalhe que a lei das licitações não prevê.

Sandro Nogueira
Sandro Nogueira
3 anos atrás

“enfatizou a importância da participação brasileira em missões de paz da ONU, destacando a relevância dos trabalhos realizados pela Marinha do Brasil à frente da MTF, bem como, a participação dos militares do Exército Brasileiro junto ao Estado-Maior da Brigada do Setor Leste, localizada em Marjayoun, na fronteira com Israel.” Baita sacanagem, o Brasil não está em guerra ou desarmonia internacionalmente com ninguém nesse imenso globo. Ai os caras convocam o Brasil a participar dessas artimanhas militares orquestradas. Só que falta os terroristas começarem a atacar os brasileiros mundo a fora ou até mesmo aqui em solo brasileiro por conta… Read more »

CignusRJ
CignusRJ
3 anos atrás

Obrigado a todos que me responderam.
Quando vi as botas marrons pensei logo nos PQDs.

Últimas Notícias

Saab apresenta soluções inovadoras em defesa e segurança na 6ª Mostra BID

Entre os dias 7 e 9 de dezembro, a Saab participa da 6ª Mostra BID, no Centro de Convenções...
- Advertisement -
- Advertisement -