Home Economia O paradoxo PIB x IDH, desafio à democracia

O paradoxo PIB x IDH, desafio à democracia

2910
208
A desigualdade no Brasil continua persistindo
A imensa desigualdade no Brasil continua persistindo

Com a correção de despautérios haverá mais recursos para aplicação correta

*MARIO CESAR FLORES, O Estado de S.Paulo

Nosso produto interno bruto (PIB) é o nono do mundo; em algumas fontes, oitavo e até sétimo (alguns valores numéricos usados neste artigo variam um pouco nas várias fontes). O que explica a melancólica colocação brasileira, 79.º lugar, no cômputo global do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) – indicativo da qualidade de vida do País –, e a Inglaterra e a França, respectivamente, quinto e sexto PIB, não muito acima do nosso, ostentarem o 14.º e o 24.º IDH? O que explica que nesses dois países a carga tributária resolva satisfatoriamente os encargos inerentes ao Estado e aqui vivamos o sufoco dramático e o desempenho estatal medíocre?

A comparação a seguir reflete a essência do paradoxo brasileiro PIB x IDH. Aqui, 207 milhões de habitantes – dimensão decorrente do aumento acelerado (150 milhões) no pós-1930, realmente difícil de ser acompanhado pelo aparato de apoio social e, por isso, majoritariamente de padrão cultural precário –, distribuídos heterogeneamente em território extenso, mal integrado, com níveis de desenvolvimento distintos, de bom ou razoável à pré-história em pequenas comunidades indígenas nas florestas. Na Inglaterra e na França, 60 milhões a 70 milhões de habitantes de bom nível cultural médio, bem servidos por serviços públicos (em realce, educação e saúde), organizados em sociedades homogeneamente desenvolvidas (existem diferenças, mas não radicais como aqui) e distribuídas em territórios já integrados.

A população dos Estados Unidos (13.º IDH no ranking mundial) é cerca de 12% maior que a brasileira e a carga sobre seu erário é imensa (interna e de segurança mundo afora), mas, embora a tributação seja porcentualmente menor que a brasileira, essa carga é bem atendida porque seu PIB é gigantesco, cerca de nove vezes o brasileiro. A China, com a maior população do mundo (mais de 1 bilhão) e o segundo PIB (a despeito do seu PIB, o IDH chinês é o 86.º do mundo, em razão da dimensão da população), caminha na melhora da qualidade de vida do povo sob uma ressalva que questiona o modelo da sua evolução: regime politicamente autoritário, se não totalitário, com economia pretendida liberal, mas monitorada pelo Estado.

A ascensão do IDH brasileiro depende (como em qualquer país) do aumento expressivo do PIB e, quesito fundamental, depende também da qualidade da aplicação da grande parcela do PIB apropriada pela tributação federal, estadual e municipal – aproveitamento hoje em déficit de qualidade, dramático no tocante à saúde (na Noruega e na Dinamarca, primeiro e 11.º IDH e PIB cerca de seis vezes menor que o brasileiro, até as classes A e B se servem de seus bons serviços públicos de saúde; aqui ignoram o SUS, que atende mal a população carente).

Emerge de imediato a fuga da verdade: compensar a aplicação medíocre com o aumento da quantidade de recursos – em suma, mais e/ou maiores impostos é hipótese, no mínimo, questionável. A carga tributária per capita é menor aqui do que na Inglaterra e na França porque nossa população é muito maior, mas essa vantagem é neutralizada, na realidade, pelo fato de que a renda média da população brasileira, principalmente a da base da pirâmide social, é muito menor: o per capita maior é menos penoso para o inglês ou francês do que o menor para o brasileiro médio e pobre. Essa alternativa não é razoável, salvo sob ameaça de catástrofe fiscal.

O controle da natalidade, por vezes aventado, é controverso sob o enfoque cultural e gerador de problema já sensível na Europa: no modelo previdenciário atual, a queda expressiva da natalidade resultará em menos gente em atividade sustentando mais gente inativa (idosos). Não é solução ponderável para o paradoxo.

Convém pensar primeiro na correção de despautérios que comprometem a qualidade do uso da receita pública: se isso for feito, haverá maior disponibilidade de recursos para a aplicação correta. Vêm sendo citadas no cotidiano da mídia algumas mudanças que contribuiriam para esse propósito. Exemplos em destaque: reforma da Previdência, privatização do que não precisa ser estatal, correção de abusos remuneratórios (legais ou nem tanto) e da corrupção no serviço público (imperativo fiscal e tachem moral e simbólico)

A extinção e/ou redução dessas e outras mazelas da vida pública brasileira vão necessariamente atingir interesses fortes e causar insatisfação popular e, principalmente, corporativa, com provável turbulência na ordem pública. Para “tocar” o processo e superar controvérsias e contestações, sinceras ou interesseiras, alicerçadas em séculos de cultura de Estado redentorista provedor onipotente, precisamos de lideranças políticas corajosas e competentes, que prefiram o julgamento da História às benesses do imediatismo irresponsável, ilusório e demagógico, influente no humor eleitoral.

Essa premissa condicionante não vem correndo na dimensão necessária. Resultado: a insatisfação com os tropeços da vida nacional – com “o isso que está aí” – e a pouca esperança de mudança vêm ensejando a dúvida, que já está crescendo no mundo democrático: se o correto não é possível com democracia clássica, que tal “ajustá-la (…?) às vicissitudes da época? Algo como uma República de retórica democrática e prática populista e redentorista, como parece ter pretendido Jânio Quadros, com a renúncia e a volta “forte”. Exemplo atual: se não é possível construir o muro dentro do figurino da lei, que tal paralisar o governo para vencer a resistência e apoiar a vontade messiânica? Nossa cultura do Estado onipotente é compatível com essa ideia.

A solidez da democracia depende de seu sucesso. Resta-nos torcer para que a nossa consiga superar as dificuldades e promova a (re)construção nacional, que irá compatibilizar o IDH com o potencial do País.

*ALMIRANTE E CIDADÃO PREOCUPADO

FONTE: O Estado de São Paulo

208
Deixe um comentário

avatar
37 Comment threads
171 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
66 Comment authors
Cristiano GRLeandroRodrigo Martins FerreiraRicardoBreternitz, Vivaldo Jose Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Cidadão
Visitante
Cidadão

Trabalhe mais, poupe mais, estude mais.

Nativo
Visitante
Nativo

Se river condições para isso melhor ainda.

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Seria: Trabalhe mais e estude mais para enriquecer ainda mais seu patrão.
E não se preocupe. Se vc conseguir poupar alguma coisa, tenha certeza que vão arrumar um jeito de ter um ganho em cima disso.

andre
Visitante
andre

então fique deitado no sofá esperando cair do ceu a riqueza que vc acha que merece, enquanto vc pensar que seu patrão é seu inimigo, continue deitado no sofá vendo TV, ( não estude e nem trabalhe)

PAULO SANTANNA
Visitante
PAULO SANTANNA

André, sem retoques, parabéns!

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Isso cabe à geração ‘nem-nem’ que já atinge cerca de 25% dos jovens brasileiros.
Isso são os jovens, porque se formos expandir para toda a população e ainda consideramos os subempregados, aí esse percentual dispara.

Breternitz, Vivaldo Jose
Visitante
Breternitz, Vivaldo Jose

É isso!

João Adaime
Visitante
João Adaime

Prezado Antônio Agora eu fiquei curioso. Então devemos trabalhar menos e estudar menos até o patrão falir e finalmente nos vermos livres dele? Seria isso? E onde conseguiríamos outro emprego? E não adianta querermos ser também patrões, porque nossos empregados estariam nos sabotando. Um país sem patrões seria o paraíso aqui na Terra? Usando apenas o exemplo da Coréia do Sul, onde eles trabalharam mais e estudaram mais, transformando-se em potência econômica e social, onde foi que eles falharam segundo teu ponto de vista? Lá o IDH é de 0,903, expectativa de vida de 82,4 anos, renda per capita de… Read more »

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Prezado João.
O que eu estou querendo afirmar, de maneira irônica, é o grave fenômeno MUNDIAL da concentração de renda e falta de mobilidade social.
É isso.

João Adaime
Visitante
João Adaime

Caro Antônio Meu comentário diz respeito apenas a “trabalhar mais e estudar mais”. E querer negar que estas ações não são indutoras de mobilidade social positiva, então confesso que estava equivocado até hoje. Preciso voltar aos bancos escolares e aos livros. Claro que em alguns países não há mobilidade social há décadas, como Cuba e Coréia do Norte. Porém em países como China e os Tigres Asiáticos a mobilidade social é uma realidade. Tudo movido pelo binômio estudar e trabalhar, somado ao crescimento econômico robusto, alicerçado em investimentos financeiros maciços, uma vez que um precisa do outro. Quanto à concentração… Read more »

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Acho que vc precisa, realmente, voltar aos bancos escolares para aprender como está ocorrendo a mobilidade social nas sociedades capitalistas modernas.
Mas, escolha um bom Doutorado, que estude a fundo a questão.

Bosco
Visitante
Bosco

Quando se refere à “mobilidade social nas sociedades capitalistas modernas” você deve estar se referindo à imigração orquestrada e criminosa de “foragidos” de países muçulmanos e de outros “paraísos” indo para os países capitalistas, mas com forte predominância de partidos esquerdistas e do gramscismo em sua cultura e que juntos à ONU promovem a destruição da Civilização Ocidental?

João Adaime
Visitante
João Adaime

Antônio Continuando o comentário, agora especificamente sobre Pindorama: O Brasil sempre vivenciou mobilidade social, as vezes mais, outras vezes menos, mas aos trancos e barrancos vamos crescendo, salvo os últimos anos como consequência de políticas e condutas desastradas dos governos anteriores. O “estadista” que se mudou para Curitiba sempre se vangloriou de ter tirado milhões de brasileiros da pobreza. E que os índices de crescimento do País eram animadores. Só faltou alguém dizer que o crescimento foi alcançado, além de um cenário econômico mundial favorável, graças às bases estabelecidas pelo FHC. A tal “saída da pobreza” foi motivada pelo crédito… Read more »

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Acho que existe uma ‘pequena’ diferença’ entre mobilidade social e combate à extrema pobreza com políticas estatais.
Se vc for considerar isso como mobilidade social, deve, realmente, rever seus conceitos.
Não estou querendo ser grosseiro, mas depois dessa revisão, podemos voltar à discussão.
Ok?
SDS

Sagaz
Visitante
Sagaz

“Trabalhe mais e estude mais para enriquecer ainda mais seu patrão”

Você defende o sistema chinês né xings!? Só que lá o patrão é o partido vermelho.

Você vive de que? De passar vergonha em fóruns? Parou no primário ou só foi até onde o professor de história te guiou?

João Adaime
Visitante
João Adaime

Caro Antônio. Quem proclamou aos quatro ventos que suas políticas de combate à pobreza fizeram com que considerável parcela da população migrasse da classe E para D e da D para a C foi o presidente da época (período pós FHC). E nisso ocorreu um milagre, pois sem trabalhar ou estudar eles ascenderam de classe. Tanto que o Obama o chamou de “o cara”. E convenhamos, nos últimos anos vivenciamos aqui uma das maiores mobilidades sociais nunca antes vista neste País. Empresários deixaram de sê-lo e trabalhadores deixaram de sê-lo. Num total de 13 milhões de brasileiros que se mobilizaram… Read more »

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Volto a repetir João.
Políticas de distribuição de renda para classes que estão abaixo do limite da miséria absoluta não podem ser classificadas como políticas de mobilidade social.

Bosco
Visitante
Bosco

Antônio,
Como você nunca viveu fora do mundo encantado de Bobby, nunca colocou nem loja de 1.99 e não daria conta de viver trabalhando de verdade e pagando imposto de verdade no mundo real, longe da Matrix, você acredita que o Estado produz riqueza.
Meu amigo, segure-se e sente-se porque eu vou te contar um segredo. O dinheiro que você ganha vem de impostos pagos por quem não vive na Matrix. O dinheiro que você ganha vem dos empresários detestáveis que você odeia.

Cristiano GR
Visitante
Cristiano GR

Ótimo comentário.

Maurício.
Visitante
Maurício.

Ou vire um político, é a maneira mais fácil e rápida de ganhar muito dinheiro sem fazer nada.
Nossos políticos merecem o quanto ganham? Nem aqui, nem na China.
Queria que aqui no Brasil os políticos fossem tratados da maneira que são tratados na Suécia, sem privilégios ou regalias, mas infelizmente estamos no Brasil, onde a corrupção impera.

Bosco
Visitante
Bosco

“Trabalhe mais, poupe mais, estude mais” e passe num concurso público ou arrume um padrinho político ou entre pra política porque senão vai ser esculachado pelo Estado. Um servidor público tem 85 artigos referentes aos direitos, na lei 8112, e apenas 1 artigo referente aos deveres.
É assim que um país onde o povo serve ao Estado funciona. Ou seja, é assim que um país socialista funciona.

Wagner Sales da Rocha
Visitante
Wagner Sales da Rocha

Acho que o amigo deveria ler a lei 8112/90…ela trata de muitos assuntos que não só direitos e deveres dos Funcionários Públicos …forma de ingresso e de perda do cargo…requisitos para ser funcionário público…estágio probatório…processo administrativo disciplinar…pelo seu comentário vc não tem muita noção do que está falando…nem de longe ela tem 85 artigos referentes a direitos… só mais uma opinião de quem não tem a minima noção do que está falando e sendo aplaudido por outros igualmente sem noção…

J.T.
Visitante

O Bosco exagerou um pouco, mas do artigo 49 ao 115 são direitos e mais direitos e mais direitos.

Porém eu te entendo, você tem bons motivos para defender a classe.

Bosco
Visitante
Bosco

Errei mesmo. É do artigo 40 ao 115. São 75 artigos sobre os direitos e um artigo sobre os deveres. O art. 116.
Vale salientar que no estatuto do servidor do DF (lei 840) são 113 artigos sobre direitos e um artigo citando os deveres.
O povo servindo o Estado.

Flamenguista
Visitante
Flamenguista

Fim da aberraçao que é a estabilidade para os encostados!!!!!

Rui Chapéu
Visitante
Rui Chapéu

Qual a solução pra isso?

Livre comércio mais descentralização mais capitalismo = alto nível de prosperidade

Resumindo, leiam esse artigo sobre a Suiça que tem as respostas pra isso:

https://www.mises.org.br/Article.aspx?id=2954

Abrantes
Visitante
Abrantes

Li o artigo,temos muito que aprender.

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

O maior causador de desigualdade social no Brasil é o próprio Estado, e ele faz isso tributando mal pois ao invés de tributar renda, rendimentos e grandes fortunas ele se concentra em tributar o consumo, o que penaliza ainda mais os mais pobres.

GabrielBR
Visitante
GabrielBR

Leia Raimundo Faoro , nosso problema é próprio Estado e pelo jeito isso não vai mudar

Rui Chapéu
Visitante
Rui Chapéu

Isso, tributa as grandes fortunas e vc vai ver o êxodo de capital do Brasil.

Tribute renda, isso sim.

Alfredo Araujo
Visitante
Alfredo Araujo

Podemos pegar como exemplo a França (que por sinal, está cada vez pior, devido a sucessivos governos de esquerda).
Tentaram passar um projeto desse tipo… Depois q a sua classe rica ameaçou “debandar” do país, eles voltaram atrás…

Cristiano GR
Visitante
Cristiano GR

Tem de ser aos poucos, em pequenas colheres, como um xarope. Vocês sabiam que pagamos impostos altíssimos por carros, que todo cidadão precisa, e pela gasolina dos mesmos, enquanto jatinhos e iates de luxo não são tributados a não ser no momento da compra? Os donos pagam um valor irrisório.

Navegante
Visitante
Navegante

O exemplo está na América do Norte, tem de se tributar a renda e nunca produtos e serviços, se não você cria empecilhos para a própria economia, tem de se incentivar o consumo e não barra-lo

kevinbuenuu
Visitante

Olha HMS, entre as inúmeras baboseiras ideologicas que você ja falou aqui, agora tenho que concordar. Realmente o estado “não presta”. Venho ha um tempo tentando entender o porque de nosso país ser assim, se é algo cultural(o que o brasileiro valoriza), ou as nossas leis, ou a falta de investimento na educação no passado, o Por Quê de uma economia tão forte, mas estarmos assim. Mas realmente as regalias para os políticos são indiguinaveis, as leis, o “jeitinho brasileiro” de passar a perna no outro, e tudo mais. Não sei se algum dia vou compreender isso, mas cada dia… Read more »

Mateus von Germann
Visitante
Mateus von Germann

Isso, faça igual a França, tribute as fortunas e você verá os empresários caindo fora e levando seus negócios junto. A França teve uma fuga gigantesca de capital para países como o Reino Unido, Suíça e etc por conta dessa b… de idéia!

Walfrido Strobel
Visitante
Walfrido Strobel

Tirelesss se revelando um socialista quendo tributar as fortunas…kkkkk
Este era o discurso da candidata a Vice do Haddad.

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Deve estar assustado com os coletes amarelos. kkkkkkk

Cristiano GR
Visitante
Cristiano GR

Esse comentário é perfeito.

Brunow basillio
Visitante

Mesmo que o Brasil tenha alavancado bem o seu PIB no início e meados dos anos 2000 , no contexto geral os últimos 35 anos foram anos “perdidos”, nosso País perdeu o “bonde” que os países do sudeste asiático pegou, eles foram mais inteligentes que nos fazendo a coisa certa no momento certo , hoje nós somos “financiadores” do crescimento destes e por um bom tempo seremos.. Quando VC olha para o gráfico que mede índice de Liberalismo econômico e ver o Brasil na 153°, para o índice de corrupção em 105° ( 69° em 2014) , as esperança ficam… Read more »

Gilson Moura
Visitante
Gilson Moura

Basta comparar o crescimento per capita do Brasil com os países do Báltico, Estônia assim como Letônia tiveram altos crescimentos sustentáveis e hoje o PIB per capita desses países é o dobro do Brasil. Usar os Tigres Asiáticos para exemplo ao Brasil é covardia. Nós não temos como reproduzir o que eles fizeram por estarmos agarrados à CF “Cidadã” e universal que promete fundos e mundos e não entrega absolutamente nada do que prometeu assim como é em todos os Estados paternalistas. Para termos o desempenho econômico dos Tigres Asiáticos teremos que mudar de tudo estruturalmente desde governo federal até… Read more »

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Nem é preciso lembrar que o Brasil tem a pior distribuição de renda do Mundo.

Rui Chapéu
Visitante
Rui Chapéu

Distribuição de renda não tem nada que ver em qualidade de vida.

Cuba é tudo igual. Tudo pobre. Adianta ser igual?

João Augusto
Visitante
João Augusto

Parece que adianta, já que o IDH de Cuba é melhor que o do Brasil.

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

O mesmo critério que considera o IDH da Venezuela superior ao Brasileiro? é verdade esse “bilete”?

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Para vc ver como estamos mal.
Com essa péssima distribuição de renda, temos a incrível classe dos mais pobres entre os pobres.
Sem contar os desvios de todas as naturezas que fazem com que menos recursos cheguem a esses desvalidos.
Devo lembrar que hoje, saiu o novo ranking de corrupção, o qual mostra que o Brasil caiu 12 posições nos últimos DOIS ANOS.
E falaram que ia melhorar.

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

Por falar em desvios não custa lembrar do que foi feito ao BNDES no período compreendido entre 2003 e 2016 que ao invés de cumprir sua função institucional de fomentar as pequenas e médias empresas, gerando emprego e renda e por consequência diminuindo a desigualdade social, emprestou vultuosos recursos aos amigo do “Rei” tal como notórias empreiteiras, frigorífico de dois irmãos e também a um empresário farsante obcecado por uma letra do alfabeto. Tudo isso provoca concentração de renda e por consequência mais desigualdade social. A respeito da corrupção os últimos dois anos foram marcados justamente pela descoberta do volume… Read more »

Rui Chapéu
Visitante
Rui Chapéu

eu truco em cima dos dados que Cuba apresenta.

Não troco Brasil por nada de Cuba.

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

Amigo Rui, os números que a ONU usa para estabelecer os níveis de IDH são fornecidos pelos próprios países e como sabemos que Cuba é uma ditadura jurássica e que ainda por cima tem experimentado uma piora acentuada de sua situação em virtude do recrudescimento das sanções econômicas e a debacle da sua principal patrocinadora a Venezuela os fornecidos pelo regime não podem ser reputados como confiáveis.

Ademais cumpre lembrar que segundo a mesma estatística o IDH venezuelano, onde a população pobre está sendo obrigada a comer carne podre, seria maior que o nosso. Como confiar?

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Como falou o Jornalista da Globo: ‘Cuba é horrível. Lá só funcionam saúde, segurança e educação’.

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

Talvez porque ele como visitante apenas viu aquilo que se mostra aos turistas. Na vida real nem saúde e educação funcionam para o cubano comum. E ainda é uma piada de mau gosto confundir segurança com repressão….

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Faça uma viagem a Cuba e marque uma operação nos olhos. Vc está precisando.
Ah! E lá é grátis até para estrangeiros. Dependendo do caso.
Para os locais, certamente é.

Felipe S
Visitante
Felipe S

Kkkkkkk caiu no conto socialista

Adriano Luchiari
Visitante
Adriano Luchiari

Por décadas, a partir de 1959, Cuba foi praticamente mantida como uma vitrine do comunismo na América Latina, com dinheiro da URSS. O objetivo era claro: mostrar um país comunista que era um paraíso da igualdade e da qualidade de vida. Nunca foi. Nem mesmo quando a URSS enviava dinheiro e produtos industrializados. Com a dissolução da URSS trinta anos depois (1989), a situação socioeconômica de Cuba piorou, mas em breve tempo foi salva da desgraça completa graças aos petrodólares de Hugo Chávez. Porém, com a catástrofe econômica que o bolivarismo implantou na Venezuela, não foi possível mais manter a… Read more »

colombelli
Visitante
colombelli

vai pra lá então

Bosco
Visitante
Bosco

Há alguns paraísos no mundo que são quase que inacessíveis. Já o paraíso cubano é aberto, na verdade é arregalado, mas ninguém quer morar lá, apesar da proximidade com o mar, com o clima caribenho, com a receptividade do povo cubano, etc.
Um mistério!

Felipe S
Visitante
Felipe S

Segurança: é uma ditadura militarizada.

Saúde: só a básica, a tecnologia é dos anos 70 e 80.

Educação: totalmente ideologizada e inutil num país de sistema socialista em que o médico ganha quase o mesmo que um pedreiro, ou seja quase nada. Quem mais ganha em Cuba são as prostitutas e membros do governo.

Alimentação: muito precária , já viu quanto de carne cada cubano pode receber do governo?

Enfim. Não aguento ver um esquerdista pedindo para passar vergonha. Pior é ver que nossos jornalistas tem uma cabeça de ostra , mas nas férias estão em Orlando, Paris…

FABIO MAX MARSCHNER MAYER
Visitante
FABIO MAX MARSCHNER MAYER

O senhor e o jornalista da Globo deveriam mudar para Cuba… ou para a filhote dela na América do Sul, a Venezuela, que tal?

Cabeça Fraca
Visitante
Cabeça Fraca

“Antoniokings Faça uma viagem a Cuba e marque uma operação nos olhos. Vc está precisando. Ah! E lá é grátis até para estrangeiros. Dependendo do caso.” o Brasil tem sistema saúde pública de graça coisa que não existe em países como os eua…quem não tem seguro de saúde(como 50 milhões de estadunidenses não têm)…não tem acesso a saúde…como é que um pobre vai pagar 500 dólares só a estadia de uma noite em um hospital?…por lá se o sujeito não tiver dinheiro vivo, plano de saúde, seguro ou crédito morre de apendicite ou pneumonia na calçada do hospital sem quem… Read more »

Claudio Moreno
Visitante
Claudio Moreno

¡Entonces vá vivir allá carajo! ¿ Preguntó porque aquellos “medicos” cubanos, vinierón “trabajar” aqui, pero sus familias quedarón en la isla?
Deixa de ser otario mané!!

CM

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Não é possível. A passagem aérea para Cuba é muito cara e é muito longe para ir de balsa.

colombelli
Visitante
colombelli

esta vai ser a desculpa? pede pro jornalista, ele também poderia ir pra lá exercer a “liberdade de imprensa” em um pais onde os nacionais fogem enfrentando 150 km de mar cheio e tubarões por que são “masoquistas” e querem ir morar no capitalismo norte americano. Iisso não te diz nada sobre o “paraiso cubano”?

Cresça um pouco.

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Vc está bem atrasado. Os últimos relatos são de cubanos voltando para a Ilha em busca de melhores condições de vida.

Segue o link:

Milhares de exilados cubanos estão explorando uma opção incomum: retornar a Cuba para viver

https://www.miamiherald.com/news/local/community/miami-dade/article204732234.html

Vcs são bem treinados. Quando não são fake news são esses bordões.

colombelli
Visitante
colombelli

nossa que fonte credível ( módulo ironia).Vai lá e pede pros cubanos o que eles acham. Aliás, aqui mesmo tens uns que a despeito das familias reféns em Cuba preferiram ficar no Brasil. Os médicos. Pergunta pra eles o motivo. E vai tu pra Cuba. Seja coerente. Ficar falando e coisa e guri.
Um elemento como voce questionando o uso de bordões? Está no DNA de voces a incoerência. A coerência é a base do caráter.

Nativo
Visitante
Nativo

E mesmo você vive igual ao deputado que elegeu? Cidadão.

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Fique restrito a Mises que já é mais que o suficiente.

Jagderband#44
Visitante
Jagderband#44

Boa mesmo é a distribuição de renda na suas amadas China e Rússia.

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Ô! Se é!

COIN
Visitante
COIN

Visto que ele provou a inviabilidade do Socialismo…

colombelli
Visitante
colombelli

mesmo depois do governo daqueles que voce apoia, acresço eu

paulop
Visitante
paulop

Apesar de muitas desgraças que você já largou aqui no site, agora tenho de concordar com você. Quando há uma equidade, não necessariamente igual, mas não tão discrepantes como são, a tendência é que mais pessoas tenham acesso aos bens básicos( saúde educação, moradia e alimento). Logicamente quando existe essa equidade, e uma boa política de tributação, aliado a um mercado regulado, mas não enforcado, crian-se condições para que as dicotomias sociais se reduzam. Os países top do IDH, Finlândia, Suécia e outros, por exemplo seguem princípios simples que distribuem melhor a renda e podem propiciar melhores serviços públicos. Abraço… Read more »

Bosco
Visitante
Bosco

Paulop, Os países que você citou não são “comunistas”. Eles são países capitalistas e democráticos que adotam uma política de bem estar social que visa o bem comum. O Estado serve à população e não o contrário. Por isso deram certo, mas ainda assim têm que ter cuidado com o “perigo vermelho”. Esses países, junto com os EUA, são as jóias da coroa e são cobiçados pelos esquerdistas que, se deixarem atuar, irão levar até esses países ao caos completo. Os esquerdistas não importam se a luta vai levar dias, meses, anos ou décadas. Eles são pacientes como o são… Read more »

Sidney
Visitante
Sidney

O texto é muito bom, enfatiza a questão do gasto público, da elevada carga tributária e da ineficiência e ineficácia do Estado em atender a população. Não há a menor dúvida, quem disser o contrário estará de má fé intelectual, que os setores mais privilegiados do Brasil hoje estão no poder público. Notadamente no Poder Judiciário Federal e Estadual. Em alguns entes federativos são verdadeiras ilhas de privilégios frente a enormes desequilíbrios fiscais. É comum funcionários estaduais do executivo com salários atrasados enquanto o Judiciário até aumento se dá, ou o Judiciário recebendo sua parte obrigatória do Orçamento tendo muitos… Read more »

Kauan
Visitante
Kauan

Muito bom o seu texto. E digo mais. Quem é mais prejudicado, é o povo trabalhador e os nossos empresários, que geram riqueza para manter esse sistema absurdo. Servidor público não gera riqueza alguma, apenas uma que outra prestação de serviço inútil e ineficiente. Apenas subtraem e não agregam valor à economia. São os grandes responsáveis, juntamente com a corrupção de políticos. O judiciário é simplesmente medíocre e oneroso, estou torcendo para que acabem de uma vez com a justiça do trabalho.

Alessandro
Visitante
Alessandro

a fórmula é simples de entender

+ Estado = + impostos + corrupção > – qualidade na/educação/saúde/segurança

se o cidadão mais comum entender isso de uma vez por todas, para de votar em político safado que fica prometendo tirar as pessoas do SPC, que vai diminuir o preço do gás, que vai criar bolsa disso, bolsa daquilo e outras fanfarronices.

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Sim. Foi o que Macri fez. Afundou a Argentina.

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

O certo é dizer que Macri não conseguiu reerguer a Argentina depois de 13 anos de assalto kirchnerista

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Pô! Então não se metesse!
Conseguiu piorar a vida deles. E muito!

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

Macri estancou a queda provocada pelo assalto kirchnerista mas não piorou a Argentina. Na verdade até melhorou pois tirou o país do default em que se encontrava.

Já a chefa da “famiglia” Kirchner precisou se esconder no senado para evitar as consequências legais de tamanha malversação ao Estado Argentino. Não consegue mais se eleger para o executivo e no dia que perder o mandato no senado o camburão da polícia vai encostar na sua casa.

COIN
Visitante
COIN

O Macri não fez nada demais. Não controlou as contas publicas e não efetuou nenhuma reforma profunda.

Para se ter ideia: em 2017, o desequilíbrio das contas públicas alcançou 6% do PIB — acima do registrado no último ano de Kirchner — devido ao fato de que os cortes de gastos propostos simplesmente não ocorreram.

As coisas continuam em sua grande parte como Cristina Kirchner deixou. Não se admira que não esteja melhorando.

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

Macri arregou para os sindicatos com medos das greves embora tenha tido o mérito de acabar com a falsificação de índices . A verdade é que ou a Argentina acaba com o Peronismo ou o Peronismo acaba com a Argentina

Jacinto
Visitante
Jacinto

Um amigo argentino me disse – uma piada com fundo de verdade – que na Argentina nunca houve alternância de poder, nem quando os militares se foram. Porque a força política imbatível na Argentina desde Perón é o populismo, e o populismo não tem ideologia porque pode ser de esquerda ou de direita.

Leandro
Visitante
Leandro

Me lembra um certo país sul americano.

Ricardo
Visitante
Ricardo

Exatamente! As pessoas acham que basta liberar a economia e em um passe de mágica o país irá se desenvolver fantásticamente. Meu Deus, se fosse simples assim não existia países pobres. Economia é algo extremamente complexo e que precisa ser muito bem planejada e mexida lentamente para ir ajustando. O Macri achou que bastava liberar e desregular tudo que a economia iria as taltas simplesmente quebrou o país! No final da era Kircher a economia estava mal, mas não falida! Quem faliu com uma ideia infnatil foi ele! Agora não ganha mais nem para síndico de prédio!!!

Defensor da liberdade
Visitante
Defensor da liberdade

Mas tu descobriu isso agora, ou foi depois que o capinador de mato de quartel se candidatou à presidência?

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

A melhor definição até agora á do Nassif: ‘Está parecendo um lagarto assustado’. kkkkkkk

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

O Nassif, aquele que coleciona processos judiciais e condenações por danos morais e que foi corretamente apelidado pelo Reinaldo Azevedor de “Nassífilis”? É melhor você melhorar suas fontes, daqui a pouco está citando o infame PHA

Alessandro
Visitante
Alessandro

Que eu me lembre esse capinador de mato deu uma surra nas urnas em todo mundo, e tá abrindo espaço para a direita em geral no Brasil, como os conservadores e economistas liberais (eu disse liberais e não libertários). Teve empresário multi milionário que falou tão bonito de economia, mas é um ZERO a esquerda em POLÍTICA, pq ainda prefere surfar na onda progressista, esse vai ter que aprender a capinar muito mato, pra fazer oq fez o Bolsonaro.

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Mourão, O Sensato, está só de olho.

Alessandro
Visitante
Alessandro

Deixa ficar de olho, assim aprende alguma coisa com ele, aliás os militares é outra classe que só voltou ao poder graças ao Bolsonaro. Agora no caso da esquerda não tem jeito Xing, vai ter que escutar o Mano Brown e voltar para a BASE e completar o mobral.

Bosco
Visitante
Bosco

Os MAVs da esquerda querendo minar o governo Bolsonaro colocando o Mourão contra ele.
Cuidado que o Mourão pode ser o “policial bonzinho” e estar engabelando a esquerda e ela caindo de gaiata. rsrss
No Exército há uma coisa que a esquerdalha nem sabe o que significa, que é a tal da “lealdade”.

Alessandro
Visitante
Alessandro

com certeza Bosco, é do interesse da esquerda dividir a direita, quando eu disse que o Mourão tem o que aprender com o Bolsonaro, foi no sentido POLÍTICO, pois se não souber lidar com essas “cobras criadas” da velha política, não há governabilidade

Defensor da liberdade
Visitante
Defensor da liberdade

O capinador de mato só ganhou, como Olavão disse, por que 80% da população é analfabeta funcional. Ah e que beleza de governo, o mandatário fala uma coisa, e seus secretários escolhidos por ele mesmo vem à público desmentir kkkkkk Vê se isso acontece em alguma empresa. Prefiro o empresário zero à esquerda, mas que vive do dinheiro produzido por ele mesmo, do que o capinador que vive com o dinheiro surrupiado dos pobres coitados deste país…

Alessandro
Visitante
Alessandro

Defensor, tem que ter muita paciência contigo viu cara, eu não sei qual é a tua, se vc finge que não entende as coisas, ou se faz de propósito só para provocar. Vc mesmo afirma em vários de seus comentários que o Brasil é um país desorganizado e mal gerido, ae vc quer comparar esse sistema que vc tanto bate aqui no dia a dia com uma empresa só pq não gosta desse novo governo ? Por favor use exemplos melhores vc consegue. Sobre suas predileções, vc pode preferir quem quiser, mas lembre-se, esse empresário ou seja quem for, terá… Read more »

Bosco
Visitante
Bosco

Alessandro,
Resumo da ópera: quando os cidadãos servem ao Estado = COMUNISMO. Independente de lá haver algum nível de propriedade privada dos meios de produção, de haver bilionários ou de haver “casa própria”.

Bosco
Visitante
Bosco

Resumo da ópera: onde o povo existe pra servir o Estado = COMUNISMO

Bosco
Visitante
Bosco

E não adianta o país ter alguns mega bilionários, um alto nível de bens de produção nas mãos da iniciativa privada e “alguns terem “casa própria” e “um comerciozinho”, que continua sendo comunista.

Caio
Visitante
Caio

Um dos pontos avaliados nonIDH e justamente o nível educacional e o nosso nem precisa de comentários sobre seu estado;. Ela precisa sair do nível colonial em que permanece( para a imensa parcela de nossa gente que depende dela) baseada só no quadro e giz, ignorando o uso de laboratórios e meios digitais e mesmo assim ainda vai levar no mínimo uns 15 ou 20 anos pra se ter os efeitos desse avanço técnico pedagógico na escola nacional; sem contar que ela precisa evitar ideologias tanto esquerdista, como de consevadores da idade media, que querem tomala de assalto, como se… Read more »

Tomcat4.0
Visitante
Tomcat4.0

Então os conservadores são da idade média só por conservarem os bons costumes e não se venderem aos mandos e desmandos de uma minoria ideologicamente globalizados e de comum acordo sobre tudo que é contrário à família tradicional ???Nem vou entrar no termo religião e etc. Cada um faz o que quer da vida mas respeito se faz por merecer respeitando os outros e suas escolhas muchacho.

Defensor da liberdade
Visitante
Defensor da liberdade

Fala de família tradicional e vota num cara que já teve uns 5 casamentos, e no Frota que defende os bons costumes de dia, e de noite vai se encontrar com as “damas de paus”.

Tomcat4.0
Visitante
Tomcat4.0

Cada um faz o que quer no seu particular, se nem Deus entromete no livre arbítrio. O problema são o povinho das militâncias da vida, uma meia dúzia que quer se posicionar sobre o resto da população, ae não dá.

Alessandro
Visitante
Alessandro

ver um “defensor da liberdade” se intrometer na felicidade alheia dos outros, é de uma “coerência” rsrs…

esses seguidores do Paulo Kogos não engana mais ninguém!

Defensor da liberdade
Visitante
Defensor da liberdade

Questionar hipocrisia não é se intrometer na vida alheia. Mas agora temos uma ministra dos DH que fala que estudante não pode ficar longe da família. Se ela resolve transformar isso lei, vai ser uma beleza….

Alex Nogueira
Visitante
Alex Nogueira

O jovem, principalmente das classes menos favorecidas deve sim ficar mais próximo de sua família, não há dúvidas que se o jovem menos favorecido precisa sair de sua cidade/estado para ir estudar ou mesmo trabalhar, com certeza vai ficar menos assistido em todos os sentidos. É diferente você pegar um jovem onde a família tem boas condições e pode enviar dinheiro, alugar uma casa boa em um bairro bom para o jovem ficar e comparar com um jovem sem condições financeiras se quer para se alimentar corretamente, quiça ter uma moradia adequada… Muitas garotas/garotos que vem de outras cidades/estados estudar… Read more »

Bosco
Visitante
Bosco

O Bolsonaro foi casado duas vezes e nas duas, com mulheres. Teve 4 filhos com genitália masculina e cromossomos XY que foram criados como homens e uma filha com genitália feminina e cromossomos XX que é criada como menina. Isso é família tradicional.

Flanker
Visitante
Flanker

Kkkkkkk……show, Bosco! Esses MAV’s são bem resistentes….mas, nós também somos! Enquanto eles estiverem destilando seu chororô por aqui, nós tambem estaremos para lhes responder. O que não me deixa admirado é ver que esses sujeitos só escrevem quando o assunto envolve política…….quando envolve assuntos técnicos ou até mesmo históricos das nossas FFAA, eles não escrevem uma vírgula. Sabe por que? Porque eles não estão aqui para contribuir de forma sadia ou debater como gente! Eles estão aqui, à soldo, para fazer exatamente o que eles estão fazendo: exaltar, promover e defender o modelo falido de política e sociedade que foi… Read more »

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

E o Carlucho? kkkkkk

Flanker
Visitante
Flanker

O que, ou quem, seria Carlucho??

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Não adianta querer debater com pessoas que não têm os conhecimentos mais comezinhos de teorias ou fatos do dia-a-dia.
Saudações.

Caio
Visitante
Caio

Não confunda valores tradicionais com fundamentaliamo, pois isto é coisa séria! que alguns grupos religiosos, usando esse baixo nível de conhecimento do povo; quer imbutir.
Já falam em proibie o ensino da evolução das espécies, rever fatos históricos a luz da religião e outras coisas que quem convive com os atuais religiosos e da valoe a ciência fica de cabelos em pé; despois o que teremos meu caro????

Tomcat4.0
Visitante
Tomcat4.0

Para rapaz, isso é balela, jamais vão retirar estudos científicos da grade escolar como o fizeram com a religião.
Religiosidade não leva ninguém a lugar nenhum e sim uma vida íntegra de temor e intimidade com Deus.
Cada um crê no que quer ,e aos cristãos como eu cabe respeitar a crença do outro.
Vcs canhotos odeiam tudo que é sagrado, desrespeitam a tudo e a todos por seus ideais podres cheios de promiscuidade e libertinagem a qual tentaram colocar na marra nas escolas, onde sim , estão as crianças que nem tem maturidade para ver o que vcs queriam precocemente lhes impor.

Caio
Visitante
Caio

Não sou idiota de levantar bandeiras político sociais como vocês! O único ideal que defendo e o nacionalismo; o resto vocês que façam bom proveito.

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Pois é, Caio. Já temos os nossos talibãs.

Alessandro
Visitante
Alessandro

a velha e boa desculpa esfarrapada do IDH de Cuba x Brasil pergunta simples: tem algum brasileiro corajoso de transferir todos os seus bens e patrimônios que tem aqui para lá ?? E só pra dar mais motivação, quero lembrar que lá todos os atendimentos na área da saúde, e transporte público é de “grátis”, alguém se habilita ?? E se fosse o contrário, será que teria algum cubano que largaria tudo, e precisasse vim nadando de braçada para começar uma vida do zero aqui, será que fariam uma coisa tão insana dessas ? Pedir exílio num país com o… Read more »

SmokingSnake 🐍
Visitante
SmokingSnake 🐍

Nesse ranking a desigualdade tira muito ponto, e Cuba tem desigualdade menor já que igualaram todo mundo na miséria.

Tomcat4.0
Visitante
Tomcat4.0

O texto é muito bom e instigador mas o Sidney já resumiu bem meu ponto de vista. A máquina pública do Brasil está inchada a décadas, mesmo sem dar o mínimo resultado e pior ainda quase toda corrompida por uma gana por dinheiro e poder em detrimento às necessidades (que são direito do povo que paga seus impostos) do povo que são a obrigação destes suprir. Muita gente e pouco resultado em tudo que é setor público. Crescimento profissional muito apegado a apadrinhamentos, gente com mais de 40 anos de empresas e aposentados pelo INSS que não largam o osso… Read more »

GabrielBR
Visitante
GabrielBR

O grande concentrador de renda no Brasil é o Estado, comparem os salários do serviço público com os da iniciativa privada…o carrapato é maior que o boi!

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

Isso não seria um grande problema se o sistema tributário tributasse progressivamente a renda mas infelizmente não é o que acontece. Outra: Por que os dividendos dos bancos não são tributados?

Rui chapéu
Visitante
Rui chapéu

Tireless, vc está se levando pela conversa da esquerda.
Os lucros das empresas não são tributados no Brasil pq os impostos estão no meio da cadeia produtiva, chegando a quase 35% a carga tributária.
Tributar dividendos seria bitributação.

O ministro da economia quer consertar isso. Diminuir imposto de produção para aí sim tributar o lucro. Procure se informar sobre as ideias do Paulo Guedes.

Vc está caindo na conversa do inimigo.

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

O grande concentrador de rendas realmente é o Estado.
Mas faz isso, privilegiando os ricos, taxando menos seus ganhos e propriedades.
Vc sabe que não há taxação de lucros e dividendos no Brasil?
E também de grandes fortunas?
Sabe que jatinhos, helicópteros, iates e etc não pagam impostos sobre propriedade?
Portanto, o Estado foi criado para isso. E não tente mudar!

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

Sinto muito mas quem lançou esse argumento primeiro fui eu meu caro!

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Nem tudo está perdido!

COIN
Visitante
COIN

E por qual motivo deveriam ser tributados? Espantar empreendedores (que são os verdadeiros criadores de empregos)? Mais dinheiro para bancar a farra de políticos e a ineficiência estatal?

Ou bancar a você de alguma forma?

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Será que esse COIN é o George Soros ou o Warren Buffett disfarçado aqui no site?

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

É apenas alguém expondo seu ponto de vista! Já ouviu falar de liberdade de expressão? imagino que não afinal é uma garantia que não existe nas suas amadas Rússia e China. E também não tem em Cuba.

Navegante
Visitante
Navegante

Esse MAV é tão ridículo, que deve ser um daqueles que defendem cobrar IPVA de embarcações kkkk de certo o governo gasta para manter a lâmina d’água kkk vê se te emenda cidadão

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Já tivemos Estados que cobravam IPVA nesses casos.
Mas, entraram com uma ação no STF e …… pimba!
Decidiram a favor dos proprietários.
Em tempo: Estude sobre a criação do IPVA, sobre o antigo IVA e os argumentos utilizados pelo Ministro para manter mais esses privilégio para essas classes tão desfavorecidas.

Bosco
Visitante
Bosco

Um rentista capitalista escroto traz mais benefícios ao país que um socialista reclamão e vitimista que apoia a exploração do povo pelo Estado e se engana achando que tá fazendo favor para os menos privilegiados e os oprimidos com seu discurso politicamente correto, mas que não consegue produzir um prego batido numa tábua e vive às custas desse mesmo Estado.

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Pessoal de Mariana e Brumadinho não concorda contigo.

Bosco
Visitante
Bosco

Num PNC (país não comunista . rsrss) seria muito difícil a ocorrência como a de Brumadinho porque os dirigentes seriam vigilantes para que tal não ocorresse porque caso contrário iriam à falência e pegariam cana.
E mesmo havendo um Estado forte e regulador mas voltado ao bem comum e não à sua própria sobrevivência, somado aos fatos anteriores ainda haveria uma responsável vigilância dos órgãos estatais encarregados.
Coisas que no Brasil comunistinha nunca houve. Aqui, com o conluio do grande empresariado com o Estado, e o que há são Marianas e Brumadinhos.

Jacinto
Visitante
Jacinto

Sabe quem é o controlador e maior acionista da Vale? É a Litel Participações, que é a empresa de participações patrimoniais da Previ, FUNCESP, FUNCEF, PETROS. Quem controla a Vale são os funcionários públicos brasileiros.

Pangloss
Visitante
Pangloss

Será que o Antônio é apenas um nick criado pela Dilma Rousseff para debater aqui? Depois que o Perda Total ficou sem a teta habitual, tiveram que reduzir os custos operacionais da lavagem cerebral, e a qualidade das mentiras postadas caiu bastante.

Bosco
Visitante
Bosco

Antes do Estado querer cobrar mais impostos de quem quer que seja deverá provar que sabe administrar o erário e o fazer com probidade. Enquanto isso , não adianta taxar grandes fortunas, dividendos bancários e o escambau.
O problema do Brasil nunca foi falta de arrecadação e sim o inchaço estatal, o fisiologismo, o fatiamento do Estado, a corrupção, o poder acima do povo, o Estado acima do bem estar da população, a falta de vergonha na cara dos governantes e dos servidores públicos….

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Que inchaço estatal, Deixa de papo furado.
Os perdões de dívidas de ruralistas, banqueiros, ou empresários somam bilhões e bilhões todos os anos.
E não adianta o Governo tentar bloquear porque sempre aparece um Deputado (daqueles em que vc vota), da bancada do boi, da bala e etc.
Lá do interior de Goiás, SP, Santa Catarina, aquele empresário todo endividado, para propor uma ‘leizinha’ marota beneficiá-los.

Bosco
Visitante
Bosco

Mas até ontem o CN era 80% pró governo Lula/Dilma. Agora, 4 anos depois, o problema é a bancada da bala e ruralista.
Ah! Tá!

Flanker
Visitante
Flanker

Tem ruralista e grande empresário safado? Claro que tem. Mas, quem é que produz a comida que você come? Quem é que produz a commoditie agrícola mais vendida, a soja? Vocês, comunistinhas de merda, falam como se fosse crime ser um grande produtor rural no Brasil. Para gentinha como você, ter dinheiro e ser bem aucedido é crime.
Tem excessos e distorções que devem ser eliminados ou corrigidos? É óbvio. Mas, do jeito que tu pensa e fala, esqueces que esses perdões de dívidas aconteceram, também, nos governos do PT.

Jacinto
Visitante
Jacinto

Entre 2008 e 2018, segundo levantamento feito pela Receita Federal, o Brasil perdoou R$ 176 bilhões em juros e multas de dívidas tributárias com os “refis” da vida.

Cavalo-do-Cão
Visitante
Cavalo-do-Cão

“Antoniokings

Que inchaço estatal, Deixa de papo furado.
Os perdões de dívidas de ruralistas, banqueiros, ou empresários somam bilhões e bilhões todos os anos.”

Especialista em orçamento público Grazielle David :

https://www.youtube.com/watch?v=Pay9N39Uks8

colombelli
Visitante
colombelli

jatinhos do tipo que o teu idolo preso usava? Privilegiando os ricos tipo… empreiteiros amigos da cachaça? ou os banqueiros que tiveram seu periodo de maior lucratividade no governo petista? o teu idolo e a mandada dele tiveram 14 anos anos para propor a tributação de grandes fortunas. Por que não fizeram? O que está ai é resultado de voces

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Empreiteiros foram criados e cevados nos Governos militares.
Pergunte para eles como enriqueceram.
Aposto que foi bem antes de 14 anos atrás.

Flanker
Visitante
Flanker

E o teu guru e a dilmanta continuaram cevando-os…..portanto, não fizeram nada diferente daquilo que tu criticas.

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

Seus heróis cevaram os empreiteiros ainda mais! Aliás se uniram a eles no projeto criminoso de assalto ao erário para financiar a sua perpetuação no poder a partir de 2003, tudo isso sob a fachada de um suposto projeto nacional-desenvolvimentista. E não contentes ainda por cima chamaram para o clube um frigorífico de dois irmãos e um empresário farsante obcecado por uma letra do alfabeto.

Jacinto
Visitante
Jacinto

A Família Odebrecht, apenas para ficar na mais famosa delas, participa de obras de estrutura desde a década de 1920; quando, quarenta anos depois, os militares governaram o Brasil (1964), a família Odebrecht já era (para os padrões de hoje) bilionários. A Camargo Correa, outra muito famosa, agigantou-se na construção de Brasília do JK na década de 50. Também já eram bilionários em 1964. No começo do século passado, a família Guinle, que foi a mais rica do Brasil, enriqueceu expandindo (sem licitação) o porto de Santos e quase triplicando (também sem licitação) o prazo da concessão. Essa idéia de… Read more »

Lucas Silva
Visitante
Lucas Silva

Os estudos sérios e que procuram a verdade chegam nos mesmos resultados: concentração de renda provocando má distribuição da riqueza nacional e corrupção prejudicam o IDH e o nível criminal de qualquer país. Quanto maior a concentração de renda maior é a criminalidade e maior são os problemas do país, até a corrupção que por si é um grande mal, se fortale-se com a concentração da riqueza por poucos… É fácil perceber, nem precisaria de estudos para confirmar. Onde muitos tem pouco e poucos tem muito a corrupção é os problemas são maiores… “Uma sociedade só é democrática quando ninguém… Read more »

Carlos Campos
Visitante
Carlos Campos

Para mim o problema do Brasil é o esquema Robin Hood ao contrário, temos funcionários demais, regras demais, e tudo isso para manter um grupo da população ganhando muito acima do resto, vejo gente se jogando em em glória pq é funcionário público, eu apenas os vejo como carrapatos, e estou fazendo de tudo para não ser mais um carrapato, outro meio nesse esquema Robin Hood ao contrário são as grandes empresas que apoiam regulações para impedir a entrada de concorrentes nacionais e estrangeiros, eu não acredito que o Bolsonaro vá fazer grandes mudanças pq ele é frouxo, e já… Read more »

Alessandro
Visitante
Alessandro

Hoje vai ter muito canhoto nos comentários advogando a favor do Estado, sendo obrigado a deixar de lado aquele viés “revolucionário” e “protetor” dos mais pobres e oprimidos, pois precisa esconder as mazelas e a ineficiência do Estado, e o péssimo retorno do funcionalismo público na qual eles atacam nos seus discursos demagógicos.

Sensei Grande
Visitante
Sensei Grande

Eu estou bem! Trabalho 12 hs, treino, emprego, estudo, carro e Ap pagos, plano de saúde, clube, religião, sempre com aumento de salário por levar para o meu patrão novas ideias para ambos sairmos ganhando, jamais levo os meus problema para os outros resolverem, meus filhos estão no mesmo nível. AGORA FAÇO ASSISTENCIALISMO, MAS JÁ ESTOU DESISTINDO – realmente as pessoas não são obrigado a fazer o que eu faço e pensar como eu…Mas faria tudo de novo já fui do lado sem nada para começar, hoje sei que valeu: Não faltar ao trabalho, ser pontual, pró ativo, sempre investindo… Read more »

Orwell
Visitante
Orwell

O combo: justiça social/ desigualdade/ democracia esta na boca de muitos posers que vestem a máscara da “conciência de classe” para viverem o teatrinho progressista junto a seus pares, opinam sobre Estado e ações coletivistas em detrimento das individuais pois assim se livram de ações efetivas em suas vidas privadas por julgarem mais do que suficientes o apoio a bandeiras, movimentos sociais e ideologias que nominalmente defendam o bem de coletivos oprimidos contra o capitalismo malvado, contra este a revolução em todas as esferas da vida, o politicamente correto faz parte disso. . A partilha do bolso alheio é lindo… Read more »

Maurício.
Visitante
Maurício.

Outra coisa, os políticos do Brasil não pensam no bem estar da população, eles pensam apenas em encher cada vez mais seus bolsos, Rodrigo Maia recorreu da decisão que proíbe o auxílio-mudança para deputados e senadores que já moram em Brasília, isso porque alguns dizem que o Brasil não tem dinheiro, imagina só se tivesse…

Fawcett
Visitante
Fawcett

Trabalhe como um chinês, seja avarento como um agiota, depois resgate seu filho na boca de fumo e chore por ter colocado a vida material à frente da família, da religião, e dos pequenos prazeres da vida.

Cidadão
Visitante
Cidadão

Acho que o Estado, em nosso caso, ainda tem seu papel na erradicação da miséria. Ensino: sistema Colégio Militar no ensino público. Saúde: controle da natalidade, concepção, gestação assistida, medicina genética. Moradia: desfavelização e investimento, inclusive estrangeiro, na infraestrutura das grandescidades.

Jacinto
Visitante
Jacinto

O Brasil precisa, na prática, ser refundado. Já escreveram aqui e é verdade: a desigualdade aviltante que existe no Brasil origina-se no Estado – e o Estado é organizado a partir da CF. Os tributos que existem, por exemplo, existem por causa da CF. Não estou dizendo que não deve haver tributação; ao contrário, deve existir tributação, mas a tributação deve ser realizada de forma inteligente. O sistema político que existe, existe por causa da CF. A formação de uma elite no funcionalismo público que recebe todo tipo de penduricalho para aumentar seus vencimento formou-se a partir da CF. Em… Read more »

colombelli
Visitante
colombelli

Só a geração de riqueza dentro da liberdade de iniciativa, do capitalismo e da democracia gera melhoria na distribuição de renda. Ou seja, o quadro que é a antítese de Cuba, venezuela e do que queriam fazer aqui.

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Mas, é a tese de El Salvador, Honduras, Guatemala, Congo, Níger e dezenas de outros.
Deixe de sofismas para não perturbar a mente dos desprevenidos.

Bosco
Visitante
Bosco

Mas há outros exemplos onde a livre iniciativa deu certo e você não citou. Já em relação ao socialismo não há exemplos de ter dado certo. E os exemplos que você citou não têm nada de liberais e democráticos de fato. Todos tinham ou têm estado forte e controlador que visam sua auto sustentação e não o bem comum.

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Devemos remontar às históricas relações de trocas entre as nações. Por exemplo: Uma nação capitalista, liberal e democrática (EUA) promove e mantém um Governo centralizador e repressor com o intuito de explorar o plantio e comércio de frutas tropicais, no caso, uma República de Bananas da América Central. Ao final desse processo, vc terá um país capitalista mais rico e o país centralizador mais pobre, exatamente como aconteceu com a lendária United Fruit Company. E isso aconteceu em dezenas e dezenas de países na América Latina, África e Ásia e os países que eu citei acima são apenas alguns resultados… Read more »

Jacinto
Visitante
Jacinto

Se substituirmos os EUA pela China, a República da América Central pelo Brasil e a United Fruit Company pela Vale, teremos o exato retrato da relação entre o Brasil e a China.
China mais rica; Brasil mais pobre.

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Esse é o seu engano. E é daí que podemos observar a ascensão da China e a queda dos EUA.

colombelli
Visitante
colombelli

voce falando de sofisma? te enxerga. É so o que voce faz aqui. Não sente vergonha do repudio intelectual às tuas estultices? Vai estudar logica rapaz. e ética também.

Caravaggio
Visitante
Caravaggio

Esta imagem, já bastante conhecida na Internet, é o retrato acabado do “Capitalismo Brasileiro” ou da falência dele. Sim, essas imagens não existem nos EUA e no Reino Unido, os pais do capitalismo moderno como conhecemos, mas apenas aqui no criado no Brasil e de resto na América Latina. E é um modelo econômico e social defendido com unhas e dentes por quem mora do lado direito. E na História do Brasil quem tentar diminuir este contraste é deposto chamado de comunista e ladrão (João Goulart e Dilma – quase conseguiram com JK), preso (Lula) ou levado ao suicídio (Getúlio).… Read more »

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Perfeito.
Se fosse defendido por que mora do lado direito, tudo bem. Seria lógico.
O problema é ser defendido por quem não mora do lado direito, como tem gente aqui que faz isso.
E disso, tenho certeza absoluta.

Marcos10
Visitante
Marcos10

Fala sério!

Bosco
Visitante
Bosco

A discussão sobre quem aproveita da pobreza me lembra o “causo” da “ferida do pé do coronel”. Um dia o filho do Dr. João, também médico, recém formado, e que foi trabalhar na cidade do interior junto à clínica do pai, ora aposentado, chega em casa e diz todo alegre pro paí: “Pai, o senhor não acredita o que eu consegui fazer… lembra da ferida do pé do coronel Juarez que o senhor trata há 40 anos e não tinha curra? Pois é! Eu a curei! O pé dele tá saradinho” O pai num acesso de raiva diz: “Filho ingrato,… Read more »

Jacinto
Visitante
Jacinto

O instituto do Thomas Piketty – o queridinho das esquedas – fez um estudo sobre a distribuição de renda no Brasil de 2001 a 2015 (anos do PT). O que ele descobriu é que no governo do Lula e da Dilma, a desigualdade aumentou no Brasil.Em 2001, 10% da população concentrava 54% da renda. Em 2015, 10% a população concentra 55% da renda.

HMS TIRELESS
Visitante
HMS TIRELESS

“E na História do Brasil quem tentar diminuir este contraste é deposto chamado de comunista e ladrão (……… e Dilma – quase conseguiram com JK), preso (Lula)……… Os números são impiedosos em desmentir isso pois conforme estudo o último presidente a diminuir a desigualdade no Brasil foi justamente o “malvado” FHC http://agenciabrasil.ebc.com.br/economia/noticia/2017-09/desigualdade-de-renda-no-brasil-nao-caiu-entre-2001-e-2015-revela-estudo Ps: o Ex-presidente foi condenado em um processo judicial onde lhe foi assegurado o contraditório e a ampla defesa, sendo que a sentença foi confirmada para instância superior (e ainda por cima majorada) e a execução provisória da sentença foi autorizada pelo STF Ps2: Getúlio Vargas se suicidou… Read more »

Augusto L
Visitante
Augusto L

A mesma ladainha de sempre, o PIB per capita brasileiro é compatível com seu IDH.

Delfim
Visitante
Delfim

Quando li a expressão “vontade messiânica”, me danei todo.
Esta praga, que herdamos da cultura lusitana pelo pensamento sebastianista, ainda infiltra corações e mentes de milhões de brasileiros.
Graças a ela que Getúlio, nosso fascista, ainda é amado (e por ele é que muitos acreditam que fascismo é de esquerda – sim, a esquerda tupiniquim incensa Getúlio).
Desde os colonos sebastianistas até os “credores históricos”, quantos aqui acreditaram, e ainda acreditam, que receberão algo de um governante redentor e benevolente ?

Rene Dos Reis
Visitante
Rene Dos Reis

O paradoxo PIB x IDH, desafio à democracia. Complicado ,se a nação for governada por monarcas , ditadores , imperadores ou oque seja e vive produzindo deficit e aumentando a pobreza da população e desigualdades onde quem vive deste estado não conhece desemprego nem crise sem produzir nada , uma hora a população manda pra guilhotina , mas e na democracia como mudar isso? ai vão falar pelo voto , humm sei não viu, nos meus 47 anos de vida só vi dois plebiscitos, e a cada eleição agente se cansa de ver sempre as mesmas caras de pau de… Read more »

Cavalo-do-Cão
Visitante
Cavalo-do-Cão

“colombelli Só a geração de riqueza dentro da liberdade de iniciativa, do capitalismo e da democracia gera melhoria na distribuição de renda. Ou seja, o quadro que é a antítese de Cuba, venezuela e do que queriam fazer aqui.” Os radicais de direita são a favor do estado mínimo e a favor 100% da iniciativa privada…isso geraria uma coisa chamada ANARCOCAPITALISMO, que na verdade é uma situação extremista que também não daria certo…assim como o comunismo o extremismo do anarcocapitalismo é um erro pois se o estado não se fizer presente para fazer a mínima regulação no livre mercado os… Read more »

Flanker
Visitante
Flanker

Para quem fala que o Estado no Brasil não é inchado eu dou só um dado (entre tantos outros): no Brasil há 128.000 cargos em comissão ou com função gratificada. Isso somente à nível de GF!!

Cabeça Fraca
Visitante
Cabeça Fraca

O estado deve existir para não deixar as elites-liberais ditarem as regras…o estado deve existir para combater as desigualdades e garantir o mínimo…e criar um programa de desenvolvimento nacional através de obras públicas como transporte e aeroportos...no comunismo a pessoa vira escravo do estado e no libertarianismo e anarcocapitalismo a pessoa vira escravo das empresas e dos patrões…..

colombelli
Visitante
colombelli

cavalo, estado forte é na segurança, na educação básica, na saude básica. Não na economia onde vira cabide de emprego e custa 1/4 do trabalho de cada um no ano.

Defensor da liberdade
Visitante
Defensor da liberdade

Aprendi que o estado era o maior concentrador de renda lá na década de 90, quando eu trabalhava no setor contábil de uma empresa que hoje nem existe mais, e passava horas calculando tudo o quanto era imposto, taxa, contribuição, não podia errar nada para não vir a fiscalização e nos enfiar o porrete, nem precisei ler Mises. Já muitos por aqui vieram aprender em outubro do ano passado, quando escolheram o capinador de quartel para votar, mas antes disso certeza que eram varguistas ferrenhos. Se não eram varguistas, eram saudosistas daquela infâmia de regime militar, e sua patética teoria… Read more »

Bosco
Visitante
Bosco

Defensor,
Mas ainda assim, após 30 anos de sapiência acima da média sobre a metástase estatal no tecido social, e vendo em que o Brasil se transformou desde o governo militar (que também era de esquerda) até hoje e você ainda é de esquerda? E mais, é PTista?
Aquela milenar prática de chicotada nas costas ajoelhado em tampinha de garrafa você não é adepto não , né?

Defensor da liberdade
Visitante
Defensor da liberdade

Nunca fui de esquerda, acho que você se enganou e eu não o culpo por isso. O último esquerdista que eu votei foi o FHC, de lá para cá só nulo até votar no Amoedo no ano passado. Eu mesmo só vim saber o que era diagrama de Nolan na faculdade. Mas antes disso eu era como você, também achava que o mundo estava dividido entre o lado azul e o lado vermelho da força.

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Peraí!
Governo militar de direita?!?!?!
Pelo amor de Deus!!!

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Consertando!!!!!!!
Governo militar de esquerda???
Isso sim é o fim do Mundo.

Jacinto
Visitante
Jacinto

Varguista ferrenho é a esquerda em geral. O principal legado do Vargas ainda a influenciar a economia brasileira é a CLT. E quem defende a CLT? É a esquerda…

Nico 88
Visitante
Nico 88

Orçamento da União 2015 e que óbviamente não se alterou de forma substancial nos últimos anos.
Pagamento de Juros da dívida pública: 42,43% do orçamento.
Educação: 3,91%
Saúde: 4,14 %
Defesa: 1,47%
E praticamente ninguém fala sobre. Junta Educação, Saúde e Defesa e não chegamos a miseráveis 10% do orçamento. Enquanto isso praticamente a metade de tudo que se arrecada pela União é dada para o setor financeiro e rentistas. Como vamos deixar de sermos um país pobre com essa composição orçamentária?

Lucas Silva
Visitante
Lucas Silva

Concordo, o Pagamento de Juros da dívida pública é o que faz metade do dinheiro do Brasil ir para o “lixo”, porém os políticos e partidos que falam contra esse fato terrível não são eleitos (em 2018, para presidente, só vi Ciro Gomes e Guilherme Boulos falarem sobre esse tema). Eles falam sobre fazer uma auditória na dívida, que segundo especialistas, tem 30% de cobranças ilegais. Isso já garantiria bilhões a mais para ser utilizado em outras áreas, porém os políticos saõ em maioria empresários que lucram com essa dívida pública e/ou recebem loby, dinheiro, das empresas que lucram com… Read more »

Felipe S
Visitante
Felipe S

Curiosidade de saber quem é esse Antoniokings. Deve ser um gordinho com camisa do Che Guevara ou mula livre, com poster do sukoy na parede. Deve ouvir o hino da URSS todo dia pelo YouTube. Deve ter uns 19 anos e cursa História em alguma federal. O pai saiu pra comprar cigarro e não voltou mais.

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Conseguiu errar tudo.
Como os seus comentários.

sub urbano
Visitante
sub urbano

O povo brasileiro é ganancioso demais. O camarada as vzs mora na favela ganha salario minimo mas tem um tenis de 1500 reais um celular de 3k, bebe cachaça, cheira pó… o povo brasileiro tem uma visao de mundo deturpada. Confundem consumismo com qualidade de vida. Cara disse aqui q o IDH de Cuba é maior q o do Brasil e é verdade. A qualidade de vida do cubano médio é melhor q a do brasileiro medio mesmo eles nao tendo uma economia prospera q, alias, o Brasil tbm nao tem.

Alex Nogueira
Visitante
Alex Nogueira

Cara, na boa, não tem como a vida do cubano ser melhor do que a do brasileiro, utilizar dados falsos (passados pelo governo cubano) para compor um IDH maior não serve de parâmetro para justificar uma boa vida na ilha cubana… pensa bem, como a vida de um presidiário (que é a situação do cidadão cubano) pode ser melhor do que a de uma pessoa livre? Lá tudo é “fiscalizado” pelo estado e qualquer coisa a mais que você queira ter, você precisa “dividir” com o estado… pensa só, não pode ter nada do que você tem aqui na sua… Read more »

sub urbano
Visitante
sub urbano

Desde quando seu achismo passou valer mais que os dados estatisticos da ONU?

Alex Nogueira
Visitante
Alex Nogueira

ONU? Pffff… Por que a ONU não vai libertar os cidadãos da Venezuela, ou de Cuba ou da Coreia do Norte…

Reduto de esquerda que não se presta a nada que não seja do intere$$e deles.

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Uma curiosidade.
Qual o pais vc considera de direita? Ou liberal? que seja!
Agora, por favor, não venha com essa resposta pueril: ‘Nenhum. Porque ninguém segue a Escola Austríaca’.
Porque isso não dá mais, né?

Alex Nogueira
Visitante
Alex Nogueira

Sub Urbano, seja sincero, você troca a vida que você leva hoje para ir morar em Cuba (supondo que você pode levar toda sua família junto)?

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Um cidadão que mora no Leblon não trocaria, mas o que mora na Favela da Maré, sim.

colombelli
Visitante
colombelli

vai pra lá então a que tu gosta. ou so fala?

Fabio
Visitante
Fabio

Esse equilíbrio entre PIB e IDH e muito difícil de ser alcançado no Brasil…Pois nosso maior problema e a disparidade salarial e o corporativismo estatal…Vou citar um exemplo de um Fórum Judiciário, enquanto um Juiz chega a ganhar ate 100 mil reais ou mais, o faxineiro ganhar no máximo uns 1500 reais. Essa disparidade salarial e o maior problema da sociedade brasileira, pois 1% ganhar mais que 80% da população. Para ter uma ideia do que estou falando, Na Austrália onde morei por 4 anos em um Fórum Judiciário um Juiz ganhar no máximo 30 mil reais só que um… Read more »

Lucas Silva
Visitante
Lucas Silva

Concordo. Essa diferença salarial gigante cria a famosa desigualdade social e esta cria dezenas de problemas na sociedade.

Cavalo-do-Cão
Visitante
Cavalo-do-Cão

Em qual pais decente do mundo os próprios beneficiários determinam seus benefícios?..Só mesmo neste pais de miseráveis de espírito chamado braziu acontece este e outros absurdos…e depois ainda querem fazer acreditar que é o povo que tá levando a previdência a falência…

sobre o auxílio moradia de R$4.300,00 para juízes :

https://www.youtube.com/watch?v=AbrQc22CJE0

SUPERSALÁRIOS NO TJ: os “marajás” do Tribunal de Justiça :

https://www.youtube.com/watch?v=NiAzom2NyYk

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Em tempo: Devemos considerar que isso já é um fenômeno mundial, atingindo países variados como Coreia do Sul , Turquia, Israel , Estados Unidos e etc.

Lucas Silva
Visitante
Lucas Silva

Um exemplo que o Brasil está no caminho errado, no MP onde trabalho, alguns promotores e procurados ganham mais de 60 mil, e o trabalho é mdio-leve, só ver as horas que passam na promotoria. Porém os servidores tecnicos de nível médio ganham de 4 a 7 mil, e trabalham muito. Os de nível superior ganham de 8 a 12, alguns trabalham muito, outros pouco, isso depende do promotor que gerencia o gabinete. E agora a reforma da previdência quer/provavelmente vai piorar a aposentadoria de quem… Dos que ganham menos… É absurdo. E vou além, se temos que escolher entre… Read more »

Alex Nogueira
Visitante
Alex Nogueira

Olá Lucas, seu raciocínio ao meu ver está correto.

Eu também acho muito injusto o sistema salarial brasileiro, principalmente nos setores públicos que compreendem a elite do funcionarismo.

Um ajuste como o qual você exemplificou é extremamente necessário, além de cortar “benefícios” estapafúrdios como o auxílio moradia etc, quem que ganhe um salário de mais de 10k vai precisar de auxílio moradia… faça me o favor né?

Precisamos sim começar a cobrar dos deputados, senadores e quaisquer outros que foram eleitos para representar o “povo” e começar a divulgar as respostas que nos derem, precisam entender que não vivem em uma bolha.

Lucas Silva
Visitante
Lucas Silva

Esqueci de falar dos terceirizados… Eles trabalham muito, na verdade até mais, visto que fazem 44h semanais e os servidores concursados fazem 40h. Os terceirizados ganham os menores salários algum chegam a receber líquido 800 reais por mês… No máximo ganham 2 mil. E são os mais vulneráveis, não tem segurança de estabilidade e podem ser removidos de posto pela empresa unilateralmente… Não estou dizendo que a pessoa como individuo não possa se esforçar e conseguir um emprego e um salário melhor… Isso eu incentivo. Também não defendo que todos ganhem igual… Acho que as diferenças humanas e economicas são… Read more »

Bosco
Visitante
Bosco

Lucas,
Em Brasília não tem servidor nível médio do MP que ganha menos de 9000 limpinho por mês não.

colombelli
Visitante
colombelli

Infelizmente voce sabe que não tem como reduzir os salários desta gente. Existe vedação constitucional. Limitar a aposentadoria paga pelo estado ao teto do INSS ja será uma grande coisa e isso depende da reforma. A proposito, eu ja estive nas três posições acima, no MP e no judiciário. Quem menos trabalha na estrutura são os juizes e promotores.

Wagner Sales da Rocha
Visitante
Wagner Sales da Rocha

Prefiro continuar estudando para passar para um cargo melhor do que estou agora… e deixar os que não tem coragem para isso remoendo nos fóruns da vida…

Bosco
Visitante
Bosco

Faça isso meu filho, porque a menos que o Brasil mude muito nos próximos 20 anos o Estado continuará a sugar o povo e quem estiver fora dele será cidadão de segunda classe, nadando contra a corrente.
Bons estudos e boa sorte.

Rodrigo Martins Ferreira
Visitante
Rodrigo Martins Ferreira

É isto mesmo Wagner e com a geração choradeira crescendo, você nem vai precisar suar muito para tomar o lugar deles.

Bosco
Visitante
Bosco

A solução da esquerda para esse dilema da foto é simples: tira da burguesia os apartamentos com piscina da direita e entrega para os “companheiros” do partido.
O resto todo da população fica com as casas comunitárias da esquerda.
Pronto! Problema resolvido. A plebe não é mais explorada pela burguesia opressora.

Ricardo
Visitante
Ricardo

O mais curioso é que os países com melhor IDH é onde o estado mais se mete! Na Suécia o estado se mete até no modo de criação dos filhos e possui um IDH fenomenal. Pessoal tem aquela ideia infantilizada de que basta liberar e desregular tudo e a economia irá fluir como mágica. Isso não é existe e nem é simples assim, Economia é algo muito complexo e que deve ser mexido de maneira lenta observando o que da certo e o que da errado. Outra coisa é que o brasileiro é altamente corrupto e adora levar vantagem em… Read more »

Bosco
Visitante
Bosco

Mas então, se o Estado se mete em tudo lá na Suécia, por que ela não é comunistinha?
Simples! Porque lá claramente o Estado visa o bem comum e não a sua autopreservação e o mantenimento do Partido (e seus puxadinhos) e dos seus membros no alto da pirâmide social.
Simples assim!

Rodrigo Martins Ferreira
Visitante
Rodrigo Martins Ferreira

É mesmo ? Da uma olhada no ranking de liberdade econômica da Suécia e compara com o do Brasil..

Regulamentação não corrige mal-feito e nunca irá corrigir. Se assim fosse o Brasil seria o paraíso no planeta.

Delfim
Visitante
Delfim

Sem PIB não tem IDH. Simples assim.
IDH é fruto de uma sábia arrecadação e aplicação de recursos de um PIB forte.
Não há paradoxo.