terça-feira, setembro 27, 2022

Saab RBS 70NG

Brasil apresentou aos EUA plano de invasão do Uruguai em 1971

Destaques

Redação Forças de Defesa
Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

FOTO DA ABERTURA: Tanques M24 do Exército Uruguaio durante o desfile de 1960 para a visita do presidente dos Estados Unidos, Eisenhower


Documentos do governo dos Estados Unidos confirmam e revelam detalhes da chamada “Operação 30 Horas”, o plano da ditadura militar brasileira de invadir o Uruguai em novembro de 1971, caso a eleição presidencial do país vizinho fosse vencida pela coalização de esquerda, a Frente Ampla.

A mesma documentação aponta ainda que o Brasil, então governado pelo general Emílio Garrastazu Médici, ajudou a fraudar o pleito uruguaio naquele ano.

O UOL analisou documentos secretos produzidos pelo Departamento de Estado dos EUA à época, por meio de embaixadas e consulados no Brasil e países da América do Sul. Telegramas, relatórios, memorandos mostram como era acompanhada a situação política nos países do Cone Sul.

Fundada em 5 de fevereiro de 1971 sob a liderança do general Líber Seregni, a Frente Ampla só obteve 18% dos votos na eleição vencida por Juan María Bordaberry (41%). Quase dois anos depois, Bordaberry deu um golpe de estado, com o apoio dos militares uruguaios, iniciando uma ditadura que durou até 1985.

Procurado a se pronunciar a respeito do assunto, o Ministério da Defesa brasileiro não respondeu aos questionamentos do UOL.

A invasão do Uruguai foi batizada no Brasil como Operação 30 Horas, em referência ao tempo que as tropas brasileiras demandariam para chegar e ocupar a capital Montevidéu a partir da fronteira com o Rio Grande do Sul.

O objetivo da invasão era evitar que o Uruguai tivesse um governo de esquerda, como já ocorria no Chile, com a eleição de Salvador Allende em setembro de 1970. Os militares brasileiros, incentivados pelo presidente dos Estados Unidos, Richard Nixon, deveriam enfrentar mobilização sindicalista e estudantil, além do movimento guerrilheiro Tupamaro, que no ano anterior havia sequestrado o chefe do programa de Segurança Pública dos EUA no Uruguai, Dan Mitrione (que foi morto) e o cônsul do Brasil Aluysio Dias Gomide —libertado após sete meses de cativeiro e pagamento de resgate pela família.

Médici determinou que o III Exército, com sede em Porto Alegre, hoje denominado Comando Militar do Sul, preparasse a invasão do Uruguai.

A Base Aérea de Santa Maria (RS) contava com caças Xavante, que poderiam adentrar o Uruguai e chegar em pontos importantes do território em poucos minutos, de acordo com a documentação.

As tropas brasileiras sairiam de Porto Alegre, Uruguaiana, Santana do Livramento e de Bagé. Cruzariam as fronteiras em direção a Montevidéu e tomariam até mesmo a então maior hidrelétrica existente no país, Rincón del Bonete, em Paso de Los Toros, que abastece a capital uruguaia.

O golpe deveria ser consumado rapidamente, para evitar represálias internacionais.

Leia a matéria completa no site do UOL, clicando aqui.

- Advertisement -

214 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest

214 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Wellington Kramer
Wellington Kramer
10 meses atrás

“O UOL analisou documentos secretos…”
Parei de ler aí.

fabio_bsb
fabio_bsb
Reply to  Wellington Kramer
10 meses atrás

Deveria ter continuado.

Agressor's
Agressor's
Reply to  fabio_bsb
10 meses atrás

Já assistiram o filme: “O senhor das Moscas”?…É assim como os mais fortes agem com os mais fracos e vulneráveis…Com a guinada da esquerda dentre em breve o povo da “kratênia” deve estar encomendando mais uma operação “Brother Sam” pra salvar nossa floresta Amazônica dos comunistas… 😀

Last edited 10 meses atrás by Agressor's
sergio
sergio
Reply to  Wellington Kramer
10 meses atrás

Pois e, em sendo uma reportagem do UOL, 50% e mentira, 45% e delírio do ” jornalista” o resto dos 5% que poderia ser relevante, deve ter sido mal interpretado, ou seja não tem nada ai.

sergio
sergio
Reply to  sergio
10 meses atrás

So para embasar o que falo sobre as “reportagens ” do UOL, o cara chamou o Xavante de caça.

fabio_bsb
fabio_bsb
Reply to  sergio
10 meses atrás

O sr. está 100% equivocado e a matéria está 100% correta.

sergio
sergio
Reply to  fabio_bsb
10 meses atrás

O xavante e um caça?
ate onde sei a designação na FAB do xavante e AT. sabe o que significa ?

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  sergio
10 meses atrás

Então, para a época e ainda hoje e sim. Os Chavantes foram usados como treinador e caça bombardeiro por décadas. Só sendo substituído na função de caça bombardeiro pelos AMX.

Flanker
Flanker
Reply to  Cristiano de Aquino Campos
10 meses atrás

Xavantes***

Anthony
Anthony
Reply to  sergio
10 meses atrás

Sérgio…. Não perca tempo com esse tipo de pessoa….. Não vale a pena!

Aplausos para sua colocação acima!

Flanker
Flanker
Reply to  sergio
10 meses atrás

De dar o, concordo com você, que na completa acepção da palavra, o Xavante não era um caça, sendo um treinador avançado com capacidade de ataque leve e reconhecimento tático. PORÉM, na FAB, as Unidades Aéreas que operavam o Xavante eram considerados esquadrões de caça. Portanto, por mais estranho que pareça, na FAB, eram çaças, sim.

Flanker
Flanker
Reply to  Flanker
10 meses atrás

De fato**
Apesar de ser considerado um caça, não podia estar na Base Aérea de Santa Maria, em 1971, conforme descrevo em comentário mais abaixo.

carvalho2008
carvalho2008
Reply to  Flanker
10 meses atrás

Correto….

Guga
Guga
Reply to  fabio_bsb
10 meses atrás

E o sr. está 100% maluco! O UOL é 70% mentira e 30% malícia.

sergio
sergio
Reply to  sergio
10 meses atrás

Eu queria perguntar pra pessoa que deu o Dislike, o Xavante e um caça ?

Junior
Junior
Reply to  sergio
10 meses atrás

Conhecido como Caça bombardeiro ou caça de ataque ao solo.

Marcos Cooper
Marcos Cooper
Reply to  sergio
10 meses atrás

Hoje em dia chamam o A-29 de caça…..kkkkk

guest
guest
Reply to  sergio
10 meses atrás

Uai, mas a própria FAB chamava kkkkkkkk

Carlos
Carlos
Reply to  sergio
10 meses atrás

A Força Aérea Brasileira operou o “Xavante”, primeiro avião de caça a jato fabricado no Brasil, de 1971 a 2010, em missões de ataque a alvos aéreos e de superfície. O exemplar em exposição (matrícula FAB 4462) foi o primeiro produzido pela EMBRAER e fez seu primeiro vôo em 3 de setembro de 1971, tendo pertencido a vários esquadrões da FAB até ser desativado e entregue ao Museu Aeroespacial em 2012.

https://www2.fab.mil.br/musal/index.php/aeronaves-em-exposicao/55-avioes/306-xavante

Bernardo
Bernardo
Reply to  sergio
10 meses atrás

Ai caramba kkkkkk

Caio
Caio
Reply to  sergio
10 meses atrás

Espero que está desconfiança sobre informações,pese também para o whatsapp , Facebook e YouTube.

Lucas
Reply to  Caio
10 meses atrás

Perfeito. Ainda confio mais no UOL do que em grupos de zapzap.
Sem SOMBRA de dúvida.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Caio
10 meses atrás

Nesses grupos, não há desconfianças. Só certezas.

Jorge Knoll
Reply to  sergio
10 meses atrás

-Quer maior mentiroso, que foi na Itália, por nada, pois nem fez parte da reunião dos 20 Chefes de Estado, muito menos tirou foto com eles, único que o recebeu foi o anfitrião, Primeiro Ministro da Itália, ganhando diária, paga por nós, dizendo que o Brasil está tu bem, ,em franco desenvolvimento, pela criação de empregos, que aqui não tem inflação, que aos combustíveis não sobem, tudo as mil maravilhas. Verdadeiro Fake News, o maior depois do Donald Trump.

ECosta
ECosta
Reply to  Wellington Kramer
10 meses atrás

Documentos secretos tem data para serem desclassificados.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Wellington Kramer
10 meses atrás

Isso é verdade.
Já relatei aqui no Blog, meu pai se despedindo da família dizendo que ia para o Uruguai.
Eu era muito pequeno, mas essa cena eu não esqueço.

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  Antoniokings
10 meses atrás

Interessante.
Você perderia seu pai, ou veria seu pai voltando pra casa ferido, ou voltando ileso, mas com algum trauma psicológico, só pra junta militar BR subversiente agradar aos EUA…

carvalho2008
carvalho2008
Reply to  Willber Rodrigues
10 meses atrás

Outros tempos….era a guerra fria….sem culpados…sem inocentes…o mundo pululava de revoluções civis e guerrilhas entre direita e esquerda com patrocinadores internacionais…Angola experimentava os delineios de sua gerra civil, criação da Unita etc…era a guerra fria com atores menores patrocinados por atores maiores…

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Willber Rodrigues
10 meses atrás

E se meu pai tivesse participação em um crime desses, seria motivo de vergonha para sempre.
Ainda bem que foi só mais uma loucura dos doidos de plantão da época.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Antoniokings
10 meses atrás

Ele voltou depois ?

Jorge Cardoso
Jorge Cardoso
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
10 meses atrás

Ele não chegou a ir. A operação foi abortada. Assim como para o Chile em 73, que o Kings já relatou em outro post. Já em 75, ele finalmente foi para o Araguaia. Mesma época em que descobriu que o filho Antônio era, na verdade, filho do vizinho. Transtornado, ele deserda, se junta aos guerrilheiros e se apaixona pelo Zé Genoíno.

Severiano Ostrich
Severiano Ostrich
Reply to  Jorge Cardoso
10 meses atrás

Sensacional !!!!

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Jorge Cardoso
10 meses atrás

ahahahahaha

Boa…

Isto que eu tenho medo de ser pai.

Crescer e ficar deste jeito.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Jorge Cardoso
10 meses atrás

Ainda bem.
Meu pai não era assassino de civis.
Ufa!

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
10 meses atrás

Não chegou a ir.
Parece que a operação foi cancelada.

Alexandre Galante
Reply to  Wellington Kramer
10 meses atrás

Kramer queria investigação feita pelo Tiozão do Zap?

Last edited 10 meses atrás by Alexandre Galante
Edu BSB
Edu BSB
Reply to  Wellington Kramer
10 meses atrás

2

Welington S.
Welington S.
10 meses atrás

Uruguai? Lembranças, lembranças ^^

unnamed.jpg
Carlos Campos
Carlos Campos
Reply to  Welington S.
10 meses atrás

vc quis dizer Cisplatina?

Matheus
10 meses atrás

Aquela pitadinha de imperialismo.

sergio
sergio
Reply to  Matheus
10 meses atrás

O Uruguai era uma festa, os cara la espiraram de mal jeito, a gente invadia rsrsrsrs

Pedro Fullback
Pedro Fullback
10 meses atrás

Oq o Uruguai tem a nos oferecer? Absolutamente nada! As invasões se dão por várias aspectos, e quais aspectos o Uruguai tem que os EUA e o Brasil iriam perder? Chile por exemplo tem a maior reserva de cobre do mundo, então é óbvio que é necessário manter esse país na zona de influência de qualquer potência. Uruguai não é uma Venezuela, Chile, Panamá ou um país próximo dos EUA.

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Pedro Fullback
10 meses atrás

Se as grandes potências como Japão, Rússia e China se digladiam por ilhotas rochosas onde absolutamente nada cresce, porque o território uruguaio não seria importante para nós?

Pedro Fullback
Pedro Fullback
Reply to  Allan Lemos
10 meses atrás

Pq debaixo dessas ilhas tem petróleo e controle do tráfico marítimo!

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Pedro Fullback
10 meses atrás

Se vc estudar os movimentos políticos da época, verá a importância para o imperialismo a perda de um pequeno País.
Afinal, qual o motivo para intervenção no Vietnã (só tinha florestas), Guatemala (bananas), Granada (não tem nada) e por aí vai.
Os exemplos são muitos durante décadas.

Wellington Kramer
Wellington Kramer
Reply to  Allan Lemos
10 meses atrás

Ilhotas podem controlar a saída para o mar.

Carlos
Carlos
Reply to  Pedro Fullback
10 meses atrás

A carne de lá e excelente e o doce de leite é tri bom!!! 🙂

Flanker
Flanker
Reply to  Carlos
10 meses atrás

⅕hehehehehe ….boa!! Verdade….a carne é a melhor do mundo e o doce de leite é único!!

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Flanker
10 meses atrás

Digo, discordam.

Flanker
Flanker
Reply to  Antoniokings
10 meses atrás

?????

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Flanker
10 meses atrás

Não publicaram a primeira parte.
Foi: ‘Os argentinos discordam’.
Com relação ao churrasco e doce de leite.

Flanker
Flanker
Reply to  Antoniokings
10 meses atrás

Ah…entendi. Conheço os dois bem de perto….e os itens uruguaios citados, são melhores. Argentinos fazem boas cervejas e bons vinhos.

Pablo
Pablo
Reply to  Carlos
10 meses atrás

Alfajor também ??

Carlos
Carlos
Reply to  Pablo
10 meses atrás

Bem lembrado! Haha

pedroctba
pedroctba
Reply to  Carlos
10 meses atrás

Sem falar que o vinho Tannat de lá é espetacular!

Agnelo
Agnelo
Reply to  Pedro Fullback
10 meses atrás

Uruguai domina a foz da bacia do prata.
Quem domina a foz, domina o território no qual o rio interioriza.

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Agnelo
10 meses atrás

Ou seja um grande rio navegável usado para o comercio de pela ordem: Bolivia, Brasil, Paraguai, Argentina e Uruguai.
Obs. Bolivia e Brasil tem rios que desaguam nele.

Last edited 10 meses atrás by Cristiano de Aquino Campos
Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Pedro Fullback
10 meses atrás

Dominó, Pedro.

Marcus Pedrinha Pádua
Marcus Pedrinha Pádua
Reply to  Leandro Costa
10 meses atrás

A validade dessa “teoria do dominó” foi negada justamente pela tomada do Vietnã do Sul pelo do Norte. Exatamente o fato que a dita teoria dizia que ia levar todo o Sudeste Asiático pro comunismo. Não aconteceu, né?…

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Marcus Pedrinha Pádua
10 meses atrás

Mais ou menos.
Laos e Camboja se tornaram comunistas.
A Tailândia só não cai devido à já estabelecida presença americana.

Marcus Pedrinha Pádua
Marcus Pedrinha Pádua
Reply to  Antoniokings
10 meses atrás

Birmania, Singapura, Tailandia, Malasia e Indonésia não se tornaram “comunistas” (também incluo, pessoalmente, Filipinas nesse grupo do Sudeste Asiático). A teoria não se tornou realidade, salvo melhor juízo…

Last edited 10 meses atrás by Marcus Pedrinha Pádua
Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Pedro Fullback
10 meses atrás

A posição estratégica Uruguaia hoje e no passado e geográfica!
O rio Paraguai desagua na fronteira entre ele e a Argentina. Foi essa a causa da guerra do Paraguai, sem falar que ele serviria de um estado tampão entre a Argentina e o Brasil.
Na época, se achava que haveria uma guerra com a Argentina e era muito interessante ter o Uruguai como neutro e melhor a8mda aliado.

Flanker
Flanker
Reply to  Cristiano de Aquino Campos
10 meses atrás

O rio Paraguai se transforma em rio Paraná, assim que encontra-se com este, dentro do território argentino, bem antes de desaguar na Bacia do Prata. A fronteira entre Uruguai e Argentina é dada pelo Rio Uruguai (que também divide o RS da Argentina)…..e o rio Uruguai deságua na Bacia do Prata ou Mar del Plata…

GFC_RJ
GFC_RJ
Reply to  Flanker
10 meses atrás

Caro Flanker… O fato de haver o Rio Paraná como ligação entre o Rio Paraguai e o Rio da Prata, não altera o sentido do comentário dele. Toda as guerras que o Brasil lutou no Uruguai no século XIX envolviam o interesse de direito de passagem pelo Rio da Prata. Já o interesse da Argentina era o de controle total da boca do Rio da Prata, da mesma forma que a questão Malvinas envolve o interesse do controle de passagem entre o Atlântico Sul e o Pacífico Sul. Dessa forma, o fato da Província Cisplatina não ter se mantido sobre… Read more »

GFC_RJ
GFC_RJ
Reply to  GFC_RJ
10 meses atrás

Complementando… No século XIX, não havia ferrovias e muito menos rodovias que ligassem a Província do Mato Grosso (na época MS e MT eram um estado só) à capital, Rio de Janeiro. O principal acesso era marítimo até o Rio da Prata e fluvial a partir daí até o Rio Paraguai. Portanto, era inegociável pelo Império que houvesse qualquer restrição de direito de passagem, tanto pelo Uruguai quanto pelo Paraguai. E aí está a origem de uma série de desentendimentos diplomáticos que o Brasil tinha com o Paraguai, cerca de 10 anos antes da guerra, mais especificamente com o Pres.… Read more »

Flanker
Flanker
Reply to  GFC_RJ
10 meses atrás

Concordo. Só quis esclarecer um pouco a geografia das coisas. Foi mais um complemento do que uma correção.

glasquis 7
Reply to  Cristiano de Aquino Campos
10 meses atrás

O rio Paraguai desagua na fronteira entre ele e a Argentina. Foi essa a causa da guerra do Paraguai,…”

!!! ???…

Ou seja que essa história do perigo da industrialização independente das republicas da América Latina que ameaçava a hegemonia Inglesa é balela?

pedroctba
pedroctba
Reply to  Pedro Fullback
10 meses atrás

Se vc considerar que o Uruguai tem um territorio proximo ao tamanho do RS e um PIB semelhante, ai ja podemos ver que tem MUITO a oferecer! Só para comparar, o PIB do Uruguai é maior do que a regiao Norte do Brasil, mesmo sendo muito menor!

Hermes
Hermes
Reply to  pedroctba
10 meses atrás

Negativo. O PIB nominal da Região Norte do Brasil convertido em dólares é na casa dos us$97 bilhões, o do Uruguai é us$55 bilhões.

Alejandro Pérez
Alejandro Pérez
Reply to  Hermes
10 meses atrás

Per capita? E o que vale.

Hermes
Hermes
Reply to  Alejandro Pérez
10 meses atrás

Renda ou PIB Per capita? PIB Per capita o da Região Norte do Brasil deve ser ainda maior que o do Uruguai. Pois o PIB Per capita do Brasil está na casa dos us$3trilhões de dólares (sendo a oitava maior economia no ano de 2021 por essa via de análise). O Pib nominal do Brasil hoje está na casa dos us$1.5 trilhões (sendo a 13 maior economia no ano de 2021) em parte, pois o Real se desvalorizou muito nos últimos meses.

glasquis 7
Reply to  Hermes
10 meses atrás

PIB PERCAPITA BRASIL 6.796,84 USD (2020)
PIB PERCAPITA URUGUAI 15.438,41 USD (2020)

Algo não calça a sua conta

Hermes
Hermes
Reply to  glasquis 7
10 meses atrás

Algo não calça ou você que é analfabeto funcional?

Estou me referindo a PIB Nominal e PIB per capita DESDE O INÍCIO e não Renda Per Capita. São coisas diferentes.

Todos sabem que o Uruguai possui uma renda maior que a do Brasil. Aliás, a Renda per capita do Uruguai baseado no “PIB real” é maior que a do Chile.

Last edited 10 meses atrás by Hermes
Alejandro Pérez
Alejandro Pérez
Reply to  pedroctba
10 meses atrás

Se calcula o PIB per cápita, ja que o Uruguai tem apenas 3 milhões e meio de habitantes. Nesse quesito o Uruguai supera enormemente o Brasil, ficando atrás do Chile, apenas.

Rafaelsrs
Rafaelsrs
10 meses atrás

Que nojo!

Teropode
Reply to  Rafaelsrs
10 meses atrás

Hummmmmm , muita sensibilidade e delicadeza .

Carvalho
Carvalho
10 meses atrás

Me lembro de um oficial antigo do EB comentar que o porto de Porto Alegre chegou a ser carregado com Material belico

Allan Lemos
Allan Lemos
10 meses atrás

É uma pena que não tenha invadido, seria uma ótima oportunidade para anexar essa província rebelde.

Alessandro
Alessandro
Reply to  Allan Lemos
10 meses atrás

Não fala assim que vc exponha a hipocrisia dos xing li brasileiros rsrs…

Teropode
Reply to  Allan Lemos
10 meses atrás

Kkkkkkk , Brasil eh campeão de perdas de oportunidades .

Pablo Maroka
Pablo Maroka
Reply to  Allan Lemos
10 meses atrás

Pra frente brasil!

Alejandro Pérez
Alejandro Pérez
Reply to  Allan Lemos
10 meses atrás

Bora guerreiro!!! Pega o fuzil e vai a luta!!!!

Augusto Cesar Gomes Galvao
Augusto Cesar Gomes Galvao
10 meses atrás

Os caças Xavantes só se tornaram operacionais em 1972!

Agnelo
Agnelo
Reply to  Augusto Cesar Gomes Galvao
10 meses atrás

Importantíssima consideração!!!!!
Os historiadores hoje, bem doutrinados pelo conceito de “grande história e pequena história”, poe de lado a linha do tempo, como algo inútil na história. “Decoreba da época do ensino da ditadura q nao serve de nada”.
Mas no fundo. criaram uma forma de manipular a história, sem a devida atenção a datas, q elucidam enormes questões, como essa……..
Como um relatório de 71 previa meios operacionais somente em 72?????

Inimigo do Estado
Inimigo do Estado
Reply to  Agnelo
10 meses atrás

Ué, e o arauto da inteligência e da competência, as forças armadas, não tinham planejamento de longo prazo? Ah agora está explicado por que o Brasil faliu com a ditadura.

Passa mais pano diarista.

NascimentoBR
NascimentoBR
Reply to  Inimigo do Estado
10 meses atrás

E os paisanos tem? Pq faliram o Brasil desde 2014 também…

Last edited 10 meses atrás by NascimentoBR
João Vitor
João Vitor
Reply to  NascimentoBR
10 meses atrás

Brasil não faliu em 2014, falência foi o que declaramos em 1987 com a bomba econômica deixada pelos generais (penso que caíram fora pra deixar pros civis mesmo). Falência o Brasil teve com os militares num endividamento monstro, inflação de três dígitos e salário mínimo reduzido pela metade. A partir de 2014 o país entra em crise, muito diferente de falência.

NascimentoBR
NascimentoBR
Reply to  João Vitor
10 meses atrás

Meu caro, não minta para mim, o Brasil esta falido, ponto, igual em 1987, igual, quiçá até pior pois lá não tinhamos 15 milhões de desempregados. A crise econômica brasileira de 2014, também conhecida como a recessão de ou crise político-econômica teve início em 2014. O produto interno bruto (PIB) do país caiu 4,5% em 2014 e 5.3% e 7,3% em 2016. Em 2017, o desemprego atingiu seu auge HISTÓRICO, com uma taxa de 14,7%, o que representava 14,2 milhões de brasileiros desempregados.  O desemprego continua alto e ainda há incertezas quanto ao futuro da economia, especialmente após diversos escândalos… Read more »

Henrique
Henrique
Reply to  NascimentoBR
10 meses atrás

A crise dos anos 80 era pior do que a de hoje de vários aspectos. Nós chegamos a dar calote na dívida, pedir arrego pro FMI e ter não apenas inflação, mas hiperinflação, coisa de três dígitos. Nós não chegamos a esta calamidade (ainda). As políticas econômicas do Medici e principalmente do Geisel foram uma lástima, levou um década pra estabilizar a economia.

NascimentoBR
NascimentoBR
Reply to  Henrique
10 meses atrás

Você não provou nada do que afirmou sobre ser pior ou não, apenas emitiu sua opinião, ninguém aqui disse que os milicos foram bons, mas que os civis TAMBÉM SÃO PÉSSIMOS. O Brasil atual pede arrego aos bancos e fundos de previdência e investimento, trocamos a dívida externa por interna lastreada em empréstimos do governo. Nossa crise também leva até então uma década para a recuperação, uma vez que o crescimento do Brasil no ano de 2021 é apenas uma recuperação da recessão durante a pandemia e que a previsão de crescimento para os próximos anos é mínima/ínfima (O BC… Read more »

Inimigo do Estado
Inimigo do Estado
Reply to  NascimentoBR
10 meses atrás

Olha lá como fala de nós civis, quer passar fome?

Flanker
Flanker
Reply to  Inimigo do Estado
10 meses atrás

???????

Inimigo do Estado
Inimigo do Estado
Reply to  Flanker
10 meses atrás

https://www.ecodebate.com.br/2020/12/09/sonegacao-fiscal-das-empresas-brasileiras-alcanca-a-marca-de-rdollar-417-bilhoes-por-ano/

Só aumenta, e agora com as Defis vai aumentar ainda mais, pronto para comer barata Flanker?

Agnelo
Agnelo
Reply to  Inimigo do Estado
10 meses atrás

Eu sei q português é difícil….
Nem sei como eu ganhava concursos literários e gabaritava português em vestibular…. C@g@d@ pura…..

Leia o texto:
Invadir em novembro de 1971…..

Xavantes operantes: final de 72….

Onde entra o planejamento nessa história??

Bom…..
Vai lá…
Pega um Cegalla….
Vai te fazer bem…

100nick-Elã
100nick-Elã
Reply to  Agnelo
10 meses atrás

A inflação e a dívida externa foram planejados também?

EParro
EParro
Reply to  Agnelo
10 meses atrás

Meu caro Agnelo,
e esses sujeitinhos sabem lá quem foi (e ainda é) Cegalla?
Aliás, sabem lá o que significa gramática?
Saudações

Flanker
Flanker
Reply to  Augusto Cesar Gomes Galvao
10 meses atrás

Perfeito! As Unidades Aereas que receberam e operaram o AT-26 Xavante, em ordem cronológica: – 1⁰ GAVCA – (Santa Cruz) – final de 1972 – 1⁰/4⁰ GAV – (Fortaleza) – abril 1973 – CATRE (depois 5⁰ GAV – Natal) – início 1974 – 3⁰ EMRA – (Santa Cruz) – início de 1975 – 4⁰ EMRA – (Cumbica) – abril 1975 – 5⁰ EMRA – (Santa Maria) – do índio de 1976 até julho de 1976 – 1⁰/10⁰ GAV – (Cumbica) – final de 1976 até janeiro de 1979 – 1⁰/10⁰ GAV – (Santa Maria) – janeiro 1979 – 3⁰/10⁰ GAV… Read more »

EParro
EParro
Reply to  Flanker
10 meses atrás

Pois é Flanker;
o diabo mora nos detalhes…
Saudações

JS666
JS666
Reply to  Augusto Cesar Gomes Galvao
10 meses atrás
Flanker
Flanker
Reply to  JS666
10 meses atrás

Pois é! Nâo sei como os Xavantes foram parar no texto publicado aqui no Forte.

Alexandre Galante
Reply to  JS666
10 meses atrás

O UOL mexeu no texto depois que fizemos o clipping.

Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Alexandre Galante
10 meses atrás

Ta na moda, imprensa oficial nao faz fake news, ela apaga o que escreveu…depois de milhares e milhões terem lido o erro….e serem o induzidos…saudade de quando a Folha tinha uma redação de verdade…tinha ate uma propaganda de um ex ditador de bigodinho…que falava do homem que salvou a economia, a inflação, recuperou o orgulho e unificou o seu povo no seu tempo…e terminava a a propaganda assim””” Ê possivel dizer muitas mentiras, contando-se apenas (parte) da verdade!!!

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
10 meses atrás

Então…iríamos invadir um país soberano, com o qual não temos NENHUM problema fronteiriço e que praticamente sempre estivemos em paz, mandando soldados brasileiros pra serem feridos ou mortos, apenas porque…

Os EUA queriam.

É isso mesmo?

E eu achando que aquela “idéia” do Jânio Quadros de invadir a Guiana Francesa, comprando briga com a França e o resto da ONU, era ridícula…

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Willber Rodrigues
10 meses atrás

Bingo e os EUA queriam que fizéssemos o mesmo na Venezuela recentemente. De onde você acha que eles tiraram essa ideia.
Para quê gastar dinheiro e me desgastar politicamente se tem alguém que faz isso por mim?

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  Cristiano de Aquino Campos
10 meses atrás

“Para quê gastar dinheiro e me desgastar politicamente se tem alguém que faz isso por mim?”

Eu acrescentaria:

Para quê gastar dinheiro e me desgastar politicamente se tem um governo de trouxas e submissos…ops, “governo aliado”, que faz isso por mim?

Reginaldo
Reginaldo
Reply to  Cristiano de Aquino Campos
10 meses atrás

Nossa os EUA queria que fôssemos boi de piranha! Pois, a Venezuela tem armamentos que nós nem em sonhos temos. Tais como bateria antiaérea de longo alcance, caças SU-30 que nossa força aérea não é páreo e outros armamentos russos muito mais avançando-se que os da nossa forças armadas.

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Reginaldo
10 meses atrás

Ah cara, dá um tempo. A Venezuela não consegue nem alimentar sua população civil, acha que vai ter condições de alimentar soldados em uma guerra? E nem me faça começar a falar daquelas rainhas de hangar chamadas de SU-30.

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Allan Lemos
10 meses atrás

E uma ditadura esqueceu. A prioridade e o governo e as forças armadas. Então eles teriam grana sim.
Duvida? Olha para a Coreia do Norte, Iran, sem falar na China.
A India não e uma ditadura más dá mais importância a defesa que a alimentar a sua população.
Enfim, na Venezuela falta comida para o povo mas não vai faltar bala para o exercito deles.

cerberosph
cerberosph
Reply to  Allan Lemos
10 meses atrás

E o Brasil está conseguindo alimentar sua população civil? 116,8 milhões de brasileiros não têm acesso pleno e permanente à alimentos.

Reginaldo
Reginaldo
Reply to  Allan Lemos
10 meses atrás

“Cara”, como você mesmo fala, vamos lá! Com ex-militar, vou falar o que conheço. Uma coisa é você ser invadido ou coisa é ser invasor. Realmente, a Venezuela numa condição de invadir o nosso território, não teria a menor condição, tanto Economica quanto bélica. Pois, talvez, conseguiriam atacar Boa Vista e no máximo Manaus. Esta última por meio aéreo. Pois, acho que você sabe que não temos defesa antiaérea de médio e longo alcance. Mas, isto não é o foco que estamos falando, aqui estamos comentando num cenário do Brasil invadir o país vizinho, aí realmente, meu caro, nesta condição… Read more »

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Reginaldo
10 meses atrás

Calma amigo, os EUA não nos deixariam na mão nessa hora. Como nosso aliado, venderiam as armas que precisarmos a preços condizentes que uma guerra exige/ muito mais caro.
Claro que depois o Brasil iria arcar com os custos dos mortos e feridos do lado Brasileiro e os EUA ganhariam com a reconstrução da Venezuela.
Americano e tão bonzinho.

Reginaldo
Reginaldo
Reply to  Cristiano de Aquino Campos
10 meses atrás

Os EUA de Trump talvez, num cenário de extrema loucura, já os democratas nem sonham em financiar o nosso país numa aventura como está.

Last edited 10 meses atrás by Reginaldo
GFC_RJ
GFC_RJ
Reply to  Reginaldo
10 meses atrás

Eu não vou entrar no mérito se houve ou não esse esforço em 2019 de uma invasão ao território da Venezuela. Se não houve este esforço e acredito que não chegou nem perto de, digamos, engatar uma segunda marcha para tal planejamento, com certeza não foi por questões das capacidades que a força venezuelana tem sobre a brasileira. Aliás, isso seria o mais fácil de resolver. Os EUA utilizam sua força aérea e naval para garantia da supremacia aérea local e Brasil e Colômbia garantem o “boots on the ground”. Simples assim. Qualquer necessidade de capacidades extras que qualquer um… Read more »

Reginaldo
Reginaldo
Reply to  GFC_RJ
10 meses atrás

Nem na ONU, OTAN e no próprio EUA sem Trump, teríamos suporte para uma loucura como está.

Last edited 10 meses atrás by Reginaldo
João
João
Reply to  Willber Rodrigues
10 meses atrás

Não seja inocente. O Brasil também tinha interesses estratégicos. Ia invadir pq lhe era interessante.

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  João
10 meses atrás

Se fosse REALMENTE importante pros interesses nacionais, porque essa invasão não foi em frente, ué?

Agnelo
Agnelo
Reply to  Willber Rodrigues
10 meses atrás

Leia novamente o texto e entenderá.

Agnelo
Agnelo
Reply to  João
10 meses atrás

Perfeito.

Mangano
Mangano
Reply to  João
10 meses atrás

Aleluia algum comentário que mesmo “enxuto” vai na direção certa….. Pessoal aqui tá muito focado na aulinha de história que tiveram na quinta série…. Esse povo acha que o mundo funciona igual brincadeira de “o mestre mandou”…. Obviamente que o Brasil tinha seus interesses …. Nem que fosse o mais simples e óbvio que seria garantir a “estabilidade” no país vizinho e matar as ideias revolucionárias no berço… Se tem uma coisa que brasileiro não é, é “otário”…. Brasileiro não faz nada se não for ganhar algo com isso …. Se não for ao pela nação certamente algo em benefício… Read more »

Wagner
Wagner
Reply to  Mangano
10 meses atrás

Discordo! Brasileiro é otario sim.

Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Willber Rodrigues
10 meses atrás

Não, não é. O jornal achou irrelevante voce saber sobre a guerrilha de esquerda Uruguaia que tava tocando o terror desde a decada anterior…leia sobre os Tupamaros….

Last edited 10 meses atrás by Carvalho2008
Romão
Romão
10 meses atrás

Certamente, Geisel foi muito mais varoníl que Médici.

Tobi
Tobi
Reply to  Romão
10 meses atrás

Pelo menos, infinitamente mais inteligente, com certeza foi!?

Barak MX para o Brasil
Barak MX para o Brasil
10 meses atrás

Pensamento de girico invadir o Uruguai.

Bardini
Bardini
10 meses atrás

Se tivesse acontecido, teriam mudado completamente a história pra lá de desgraçada da Argentina…

NascimentoBR
NascimentoBR
Reply to  Bardini
10 meses atrás

Mas será que os argentinos iriam deixar barato? A questão da livre navegação do Rio da Prata foi uma das causas da Guerra do Paraguai (junto com a invasão brasileira ao Uruguai, que depôs Aguirre (o qual fugiu para o Uruguai e pediu ajuda ao Venâncio Flores), essa ”livre navegação” não poderia ser influenciada pelo Brasil caso o Uruguai fosse tomado? Pelo que eu lembre inclusive, uma das causas da Guerra da Cisplatina foram essas também.. Com o Uruguai como Estado tampão, não haveria razões para intromissão tanto argentina quanto brasileira na Bacia Platina. Acho que caso uma guerra dessas… Read more »

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  NascimentoBR
10 meses atrás

Considerando-se que a junta militar argentina achou, anos depois, que seria uma boa idéia invadir as Falklands apenas pra distrair o povão e se manterem no poder, e que quase entrou em guerra contra o Chile, eu me pergunto se essa mesma junta militar argentina iria ficar calada quando o Brasil invadisse um país que faz fronteira com eles…acredito que eles nos atacariam, e nada garante que o Chile, Paraguai e talvez a Bolivia, entrassem no meio.

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Willber Rodrigues
10 meses atrás

Extremamente improvável. A junta militar só invadiu as Falklands porque realmente achavam que o UK não iria retaliar militarmente. Seria mais provável o Chile guerrear contra a Argentina do que com o Brasil e achar que Paraguai e Bolívia iriam ter bolas para encarar o mais poderoso país da América Latina é piada.

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  Allan Lemos
10 meses atrás

Como eu disse, eu duvidUruguaio muito que a junta militar argentina iria simplesmente assistir a gente invadir um país bem na fronteira deles, e deixarem por isso mesmo.
Quem garante que a junta militar náo pensaria “se eles fizeram isso com o Uruguai, quem garante que não façam o mesmo com a gente?”
Ou isso iria criar uma corrida armamentista no cone sul, ou eles iriam nos atacar.

NascimentoBR
NascimentoBR
Reply to  Willber Rodrigues
10 meses atrás

Nos atacar não, mas levaria a nuclearização do continente, o que nem seria tão mal comparado a situação inerme atual.

EduardoSP
EduardoSP
Reply to  Willber Rodrigues
10 meses atrás

A junta militar argentina não iria assistir a invasão brasileira simplesmente porque não existia.

Alejandro Pérez
Alejandro Pérez
Reply to  Willber Rodrigues
10 meses atrás

Junta militar? Em 1972?

EParro
EParro
Reply to  Alejandro Pérez
10 meses atrás

Pois é Alejandro Pérez;
o diabo mora nos detalhes.
Esses sujeitinhos nunca ouviram falar de Lanusse.
Um viva para a História e quem a estuda.

EParro
EParro
Reply to  EParro
10 meses atrás

Aliás, Bordaberry presidente do Uruguai. Lanusse era da Argentina.
Essa praga de UOL, pega!

Funcionário do EB
Funcionário do EB
Reply to  Bardini
10 meses atrás

Se isso acontecesse em 71 e a Argentina reagisse, teria riscado as FFAA do mapa. Suas FFAA eram mais bem equipadas e treinadas que as nossas, e estariam combatendo com linhas de suprimento mais próximas. Iam acabar amarrando os cavalos no mastro do bandeirão em Brasília.

PauloOsk
PauloOsk
10 meses atrás

Militarmente nao seria um problema mesmo, acho que 30 horas seria muito. Mas eh uma ideia de girico que nao traria nada de bom pro Brasil. Soh acho engracado os canhotos falando de ser “submisso” aos EUA.. essa galera esqueceu muito rapido como a esquerda brasileira agiu poucos anos atras.

Alessandro
Alessandro
10 meses atrás

Brasil a eterna COLÔNIA dos americanos e europeus, mas não se preocupem isso mudará pois estamos diversificando nossos feudatários, China agradece.

Agnelo
Agnelo
10 meses atrás

Em um país q morei, após uma enchente, as famílias corriam para ajudar a limpar as escolas. Para q os filhos tivessem onde ficar, enquanto todos limpassem as ruas e os locais de trabalho. Aqui no Brasil…. As pessoas reclamam reclamam e reclamam q o governo ainda não limpou nada…. E tudo fica um tempão parada…. Ah… e o governo mete a mão nos recursos para o socorro em virtude da enchente. Também lá fora, vi pessoas com uma excelente condição financeira limpando o bueiro em frente sua casa, q estava tapado pelas folhas de sua árvore. A água da… Read more »

Inimigo do Estado
Inimigo do Estado
Reply to  Agnelo
10 meses atrás

2 em cada 5 brasileiros na ditadura viviam em condição de insegurança alimentar e subnutrição, e tu vem me falar que desenvolvimento é limpar bueiro na rua, vai caçar o que fazer.

Flanker
Flanker
Reply to  Inimigo do Estado
10 meses atrás

Acho que tu não interpretou o texto corretamente (como lhe é de costume). Leia o texto de novo……em nenhum momento ele disse que o que foi dês rito foi durante o regime militar…..e entenda a msg e a diferença entre limpar a rua e o bueiro por conta própria ou ficar de braços cruzados, esperando o governo fazer alguma coisa…..leia, interprete e entenda a msg….

Inimigo do Estado
Inimigo do Estado
Reply to  Flanker
10 meses atrás

Sim o governo tem que fazer tudo, pois é ele que fica com metade do seu dinheiro, inclusive as ruas hoje quem deveria cuidar era o governo, mas está aí jogado às traças. Quer altruísmo, acabe com o governo.

Flanker
Flanker
Reply to  Inimigo do Estado
10 meses atrás

O governo constrói as ruas, os esgotos e os bueiros.. ….e o povo deseducado, porco, subdesenvolvido, joga nas ruas todo e qualquer tipo de lixo, que quando chove vai parar onde…..nos bueiros….engraçado, né? Ora, por favor….Leia.. ..faz bem e não dói….

Last edited 10 meses atrás by Flanker
Inimigo do Estado
Inimigo do Estado
Reply to  Flanker
10 meses atrás

Se tu lesse o tanto quanto eu não estaria aqui dizendo que a culpa é só do povo, tem lugar que o governo não limpa há décadas, só deixa para limpar quando está perto das estações chuvosas. Vai passar pano em outro lugar e não enche o saco.

Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Inimigo do Estado
10 meses atrás

Governo somos nós …sociedade somos nós, síndico é morador como nós, dinheiro publico é nosso dinheiro, Nosso, nosso, nosso, nosso, nós, nós, nós, nosso, nós, repete comigo, sociedade somos nos, rua e sua minha, nossa, patrimonio, meu, seu, dele, nosso…nossa casa nao se limita ao muro, nossa casa, nossa patria, nosso mundo, nosso sistema solar,…chao de nossa casa tá sujo, limpemos…

Inimigo do Estado
Inimigo do Estado
Reply to  Carvalho2008
10 meses atrás

Sim, o governo somos nós, o dinheiro público é nosso….

e4227d4f98903493503bbae8cabb1347b41bdfbb76473b04181f54af521c2d90_1.jpg
Agnelo
Agnelo
Reply to  Flanker
10 meses atrás

Flanker
Da o bizu pra ele….
Quem sabe ler está na frente de muuuuita gente….

Inimigo do Estado
Inimigo do Estado
Reply to  Agnelo
10 meses atrás

Largue o salário do governo então, já que tu vai para a frente com leitura.

Flanker
Flanker
Reply to  Agnelo
10 meses atrás

Exato!!

Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Flanker
10 meses atrás

Correto

Teripode
Reply to  Inimigo do Estado
10 meses atrás

Sério ? Poste a matéria e a fonte aí !

Marcos R
Marcos R
Reply to  Inimigo do Estado
10 meses atrás

Realmente um veículo de imprensa de extrema credibilidade…sem qualquer vinculação ideológica!

“O jornal não é apenas um propagandista coletivo e um agitador coletivo. Ele é, também, um organizador coletivo. Neste último sentido pode ser comparado com os andaimes que são levantados ao redor de um edifício em construção, que assinala seus contornos, facilitam as relações entre os diferentes pedreiros, ajudam-lhes a distribuírem as tarefas e a observar os resultados gerais alcançados pelo trabalho organizado” (V. I. Lênin, “Que Fazer?”

Extraído do site…

Inimigo do Estado
Inimigo do Estado
Reply to  Marcos R
10 meses atrás

A fonte do site é o IBGE, órgão do próprio governo, e o Banco Mundial. No mais.

Teropode
Reply to  Inimigo do Estado
10 meses atrás

Tá , li e conclui : Uma bobagem , já pegaram esta bagaça ladeira abaixo e não foram competentes para reverter o quadro ( aliás conciliar competência com militares e algo quase impossivel) , no entanto apesar do número de analfabetos e semis serem altos , o ensino tinha mais qualidade , os governos pós milicos na pressa de resolver este problema optaram pela solução mais fácil , derrubou a qualidade do ensino , subornou os pais para manterem seus filhos nas escolas e tornou proibitivo a reprovação no ensino primário , ex : pessoas com 18 anos na quinta… Read more »

Last edited 10 meses atrás by Teropode
Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Inimigo do Estado
10 meses atrás

Nao importa a métrica, estamos melhor do que Cuba, melhor que Venezuela, melhor Argentina,….quantos Chineses morreram?

glasquis 7
Reply to  Carvalho2008
10 meses atrás

Sem querer entrar em discussão ideológica,

Nao importa a métrica, estamos melhor…”

Baseado em que?

Pergunto por que desses que vc nomeou (Cuba, Venezuela, Argentina) em IDH o Brasil se impõe apenas a Venezuela. Sendo o da Argentina o segundo maior da região e o de Cuba similar ao do do Brasil ou até mais alto em 2019

IDH em 2019

Cuba: 0,788
Brasil: 0,765
Argentina 0,845

Flanker
Flanker
Reply to  Agnelo
10 meses atrás

“….O brasileiro médio é mal educado. Não tem acesso a educação de qualidade, à saúde de qualidade, à renda digna….” Meus país criaram e formaram seus cinco filhos com muito trabalho, esforço e sacrifício.. ..todos formaram-se em Universidade Federal, nos cursos que quisemos….e todos somos bem sucedidos hoje. Meu pai era comerciário e minha mãe, dona de casa. Quando crianças, nunca tivemos nada de luxo, mas meus país nos ensinaram o mais importante: sermos educados com quem era educado conosco…..nunca deixarmos nos humilhar e sermos honestos, em quaisquer circunstâncias. Lixo se coloca….no lixo!! O que é público não é de… Read more »

Inimigo do Estado
Inimigo do Estado
Reply to  Flanker
10 meses atrás

“O que é público não é de ninguém, mas de todos, ao mesmo tempo!”

Hahahahaha tava precisando ouvir uma piada boa dessas.

FERNANDO
FERNANDO
10 meses atrás

Na realidade, eu acho que o Brasil bobeou com o Uruguai, poderia ter batido o pé e ficado com uma parcela maior do território, mas, baixou a bola e deu no que deu.
A verdade, é que se o Brasil tivesse conversado com a França, ficava com a Guiana também.
Durante a Guerra do Paraguai, o Brasil foi até muito honesto, os Estados Unidos ficaram vejam com quanto território do México. Quem incriminaria o Brasil por ficar com metade do Paraguai, ou tudo.

GFC_RJ
GFC_RJ
Reply to  FERNANDO
10 meses atrás

Já ouviu falar no termo “Estado Tampão”? Então…
Prazer… esse é o Paraguai e esse é o Uruguai… Tampões.

Henrique
Henrique
Reply to  GFC_RJ
10 meses atrás

No caso do Uruguai foi a contragosto, nós só aceitamos negociar porque não conseguíamos derrotar nossos inimigos em terra. A verdade é que o desempenho das tropas brasileiras foi bem sofrível, aí tivemos que aceitar uma intervenção dos britânicos no conflito.

Agressor's
Agressor's
Reply to  FERNANDO
10 meses atrás

Na realidade os eua só não anexaram todo o México pois não queriam misturar o povo mexicano com os dos eua, o território mexicano que eles se apossaram foi tomado por eles porque era uma região mais inóspita e pouco povoada na época…

Last edited 10 meses atrás by Agressor's
Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Agressor's
10 meses atrás

Exatamente. Mas além disso, os senadores dos estados que não eram escravocratas temiam mais escravos nos estados do sul, e eles não queriam que estes tivessem mais poder, também pesou o fato do México já ter banido a escravidão.

Teropode
Reply to  Agressor's
10 meses atrás

Poste link .

Inimigo do Estado
Inimigo do Estado
Reply to  FERNANDO
10 meses atrás

Aí o Uruguai seria mais um estado fodido do Brasil como todo o resto, com um povo burro e pobre.

Henrique
Henrique
10 meses atrás

Já que este é um site especializado de defesa o que deveria ser discutido é os pormenores militares da possível invasão e não questões políticas e de direito internacional. Ou pelo menos as duas coisas, o pessoal só tá falando de política, maldita hora que o brasileiro se politizou.

GFC_RJ
GFC_RJ
Reply to  Henrique
10 meses atrás

É verdade!
Eu vou ignorar que Clauzewitz disse que a GUERRA é uma decisão POLÍTICA. Maldita política! Maldito Clauzewitz!

Henrique
Henrique
Reply to  GFC_RJ
10 meses atrás

É, mas e os aspectos militares? Ninguém menciona a ordem de batalha, as OM que poderiam ser envolvidas, a organização delas, a escolha dos itinerários, por que os militares brasileiros achavam que seria tão fácil, assim por diante. Mesmo no Da Guerra Clauzewitz não fica escrevendo tomos e mais tomos de política.

Last edited 10 meses atrás by Henrique
Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Henrique
10 meses atrás

Ora, eles achavam que seria fácil porque o Uruguai é um país pequeno e militarmente muito fraco. Ninguém precisa gastar horas discutindo um fato óbvio.

Gabriel BR
Gabriel BR
10 meses atrás

Doce de leite , Alfajor , Vinhos , Carne de primeira , Punta del Este , mulheres charmosas , erva mate da melhor qualidade…nossos mais queridos vizinhos! Contra eles eu não faço nada.

Flanker
Flanker
Reply to  Gabriel BR
10 meses atrás

Exato! E entre uruguaios e argentinos, sou sempre uruguaio!!