quarta-feira, novembro 30, 2022

Saab RBS 70NG

Obuseiro autopropulsado CAESAR 155mm na Ucrânia

Destaques

Guilherme Poggio
Guilherme Poggiohttp://www.forte.jor.br
Editor da Revista Forças de Defesa

Obuseiros autopropulsados (sobre rodas) de 155mm de última geração CAESAR de origem francesa já estão em operação na Ucrânia.

Cerca de 12 obuses CAESAR 155mm saíram do inventário militar dos franceses e foram entregues às forças armadas ucranianas. O anúncio foi feito em 21 de abril de 2022.

Além dos obuseiros, a França entregou algumas dezenas de sistemas de armas de mísseis guiados antitanque de Milan para a Ucrânia entre 28 de fevereiro e 3 de março de 2022.

O CESAR foi totalmente projetado e desenvolvido pela empresa francesa Nexter. Esta nova artilharia foi apresentada pela primeira vez ao público em junho de 1994 e foi encomendada pelo exército francês em setembro de 2020 e entregue no final de 2022.

O obuseiro autopropulsado com rodas 6×6 CAESAR está armado com um canhão de calibre 155 mm/52 montado na parte traseira do chassi do caminhão. O canhão herda a longa tradição de canhões da Nexter (ex-GIAT Industries), com o obus rebocado TRF1 155mm de fabricação francesa e o obus autopropulsado AUF1 em chassi blindado sobre esteiras. Também pode ser montado em chassis 8×8 de caminhão militar para aumentar a mobilidade em condições todo-o-terreno.

O calibre 155mm/52 do CAESAR pode disparar uma ampla gama de munições: entre outras, a família LU (HE, Illuminating, Smoke and Practice) preenchida com explosivos insensíveis ou convencionais, o BONUS (Anti-Tank, smart), ERFB NR ( Explosive Extended-Range Full-Bore), bem como a nova munição de artilharia guiada KATANA 155mm. Tem um alcance de tiro de 4,5 a 40 km e um alto nível de precisão com a família LU. No modo de disparo direto, o alcance máximo é de 2 km.

- Advertisement -

68 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest

68 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
PRAEFECTUS
PRAEFECTUS
6 meses atrás

Isso só ajuda a derramar mais sangue e adiar o inevitável. Amigos, ucranianos prenderam e detiveram dezenas de seus proprios soldados que queriam se render o que revela a situação desesperadora em Severedonetsk. Esta cidade está atualmente sitiada por tropas russas e tornou-se um importante ponto de controle da região de Donbass após o fim do cerco de Azovstal em Mariupol. O canal Telegram da emissora Anna News, terça-feira (24/5/2022), compartilhou imagens de vídeo de dezenas a centenas de soldados ucranianos em salas de detenção. Anna News disse que os soldados eram da 115ª Brigada de Defesa Territorial em Severedonetsk.… Read more »

Nilson
Nilson
Reply to  PRAEFECTUS
6 meses atrás

Com certeza a situação em Severodonetsk é desesperadora, dia e noite sob bombardeio pesado, passível de assaltos a qualquer hora. Mas pelo que tenho visto os ucranianos ainda estão resistindo, sua missão é clara, causar o máximo de baixas aos russos antes do momento da retirada, que deve ser organizada, sob pena de massacre nas estradas. Ou então, o objetivo é lutar até o último cartucho e então se render, como foi em Mariupol, atrasando o avanço russo e causando baixas. Correto prender os soldados que querem se render antes da hora, isso ocorre em todos os combates de cerco,… Read more »

Nilson
Nilson
Reply to  Nilson
6 meses atrás

No lado de Stalin, a defesa de Stalingrado também foi considerada crucial e foi entregue para o major-general Vasily Chuikov. O major-general soviético sabia que a defesa da cidade deveria acontecer a todo custo e, quando questionado por Kruchev (comissário do Partido Comunista na região), respondeu: “defenderemos a cidade ou morreremos tentando”|1|.

Além disso, durante a batalha, uma ordem expressa de Stalin era a de impedir o crescimento do derrotismo nas forças soviéticas. Assim, todos os soldados que recuassem ou desertassem seriam sumariamente executados. Estima-se que durante a batalha travada em Stalingrado cerca de 13.500 soldados soviéticos foram executados como traidores |2|.

Nilson
Nilson
Reply to  Nilson
6 meses atrás
Rogério
Rogério
Reply to  Nilson
6 meses atrás

Esse praefectus não esta interessado na verdade, ele quer que a guerra acabe logo p/ que sua vergonha de defender um país invasor seja menor.

pangloss
pangloss
Reply to  Rogério
6 meses atrás

Pior ainda: esse pessoal vai comemorar o crime infame dessa invasão, que só tem o propósito de inflar o ego do verme repugnante do Kremlin.

PRAEFECTUS
PRAEFECTUS
Reply to  Rogério
6 meses atrás

Rogério meu caro,

O Nilo só corroborou com o que eu disse.

Não se trata de fla×flu meu caro.

A verdade é que a Ucrânia está perdendo essa guerra.

É lamentável as mortes de tantas pessoas. Somos reféns de nossas atitudes e decisões. E é o que está acontecendo com os ucranianos. A Rússia vinha os avisando a anos. Não creram, deu nisso aí infelizmente.

Os motivos russos são crívéis. Se levar em conta a arapuca preparada para eles pelos EUA e Europa esquerdistas/globalistas.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  PRAEFECTUS
6 meses atrás

Quando invadem o seu país, tomam a sua casa e mudam o seu modo de vida para algo pior..

F….-se se é esquerda/direita – globalista ou nacionalista…

Repetindo..

Os ucranianos por duas vezes foram dominados pelos russos e não gostaram..

Já que você acha que tem que se render e a Rússia é um paraíso anti-globalista… vai vc pra lá morar na próspera nação slava.

Last edited 6 meses atrás by Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  PRAEFECTUS
6 meses atrás

agora o AK virou referência aqui…

Rogério
Rogério
Reply to  PRAEFECTUS
6 meses atrás

“ucranianos prenderam e detiveram dezenas de seus proprios soldados que queriam se render o que revela a situação desesperadora” Issoa vamos fazer um referendo na russia e na Ucrania, vai pra guerra quem quer, vamos ver quem alista mais, rsss

Slow
Slow
Reply to  Rogério
6 meses atrás

Na Ucrânia você é obrigado a ir ..

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Slow
6 meses atrás

Teu país ta sendo invadido… vc queria o q ?

Bosco
Bosco
Reply to  PRAEFECTUS
6 meses atrás

Não existe isso de rendição. Se quiser os russos conquistem na marra. Os vietnamitas e afegãos não se renderam , por que os ucranianos devem fazê-lo aos criminosos do putin?

PRAEFECTUS
PRAEFECTUS
Reply to  Bosco
6 meses atrás

Pois é Boscolino…a questão é que milhares e milhares de soldados ucranianos querem se render, e estão sendo presos ou mortos por isso.

E querem isso muito provavelmente porque vêem seus comandantes os abandonando ou porque começam a entender que são apenas buchas de canhão num “jogo de poder” engendrado por terceiros países que cooptaram com muita grana seu viciado presidente palhaço. Que na verdade foram êngodados…

Que nunca seu país de fato iria ganhar nada. Apenas está sendo usado.

Provavelmente, seja isso que está fazendo com que milhares queiram se render!

Bosco
Bosco
Reply to  PRAEFECTUS
6 meses atrás

“a questão é que milhares e milhares de soldados ucranianos querem se render, e estão sendo presos ou mortos por isso.”
Não acredito em narrativas advindas do inimigo que sabemos, eu e você, ser o mestre da falsidade, da enganação e da propaganda, com PhD na KGB e em 70 anos de doutrinação comunista , que tem como um das suas características a distorção da realidade de modo a controlar até o que as pessoas pensam e acreditam.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Bosco
6 meses atrás

É o mundo encantando do Farinazzo..

Todos querem se juntar a URSS

Maurício.
Maurício.
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
6 meses atrás

Eu queria ver uma live do Farinazzo com os editores da trilogia…O que ia ter hater desse sujeito chorando seria impressionante, sempre mencionam ele aqui…

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Maurício.
6 meses atrás

Eu já tentei assistir, n consegui…

O hater é um desocupado…outro dia eu topei com um hater meu no CAVOK

Até fiquei surpreso kkkkkk Já tem até gente que me odeia.

O cara se limitou a xingar e ofender, n teve um argumento que fosse

Maurício.
Maurício.
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
6 meses atrás

Bah Rodrigo, pior que eu vi aquela sua discussão com aquele sujeito lá no cavok, e pior que foi gratuito da parte do sujeito, mas não vi mais comentário dele por lá, aliás, só vi um comentário dele e foi justamente com você.

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
Reply to  Maurício.
6 meses atrás

Tem um monte…clica em cima do perfil dele e vc vai ver que são centenas…

Eu até desconfio de quem seja..

Maurício.
Maurício.
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
6 meses atrás

Eu não sabia dessa que dava para clicar no perfil para ver o histórico dos comentários.

Slow
Slow
Reply to  Maurício.
6 meses atrás

É o terror dos chapéu de alumínio ..

Art
Art
Reply to  Bosco
6 meses atrás

Exato Bosco Putin é Cel da KGB e diretor do FSB ele sabe tudo na arte de disinformação.

Bosco
Bosco
Reply to  PRAEFECTUS
6 meses atrás

Demonizar o inimigo com falsidades para com isso tentar mudar a percepção da realidade do público ingênuo com certeza não é ensinamento do Sun Tzu, mas muito provavelmente é método adotado por Lenin, que sabemos o psicopata enxadrista do Kremlin é adepto.

pampapoker
pampapoker
Reply to  PRAEFECTUS
6 meses atrás

Terceiro países. O putin então e um m. De gestor , se deixa influenciar por outros, O biden devia pegar o putin por trás e cantar no ouvido dele. Ataca lá que eu quero vender armas.

Inimigo do Estado
Inimigo do Estado
Reply to  Bosco
6 meses atrás

E perderam milhões dos seus. A rendição temporária não é vergonha, inclusive é uma boa tática, talvez com os russos bem a vontade dentro de seu território os ucranianos tivessem mais chances, como os franceses fizeram com os alemães, cujas ações de sabotagem foram decisivas para a invasão aliada da França.

Esse teu catálogo não serve de nada bicho? Usa como papel higiênico, quem sabe funciona….

Carlos Crispim
Carlos Crispim
Reply to  PRAEFECTUS
6 meses atrás

Amigo, eu acho ninguém minimamente inteligente acredita que a Ucrãnia vai vencer essa guerra, eu acredito que que as perdas ucranianas são imensas, tipo 10X mais que os russos, mas o que eles provaram é sumamente importante: 1- podem combater um inimigo muito mais forte e poderoso que eles e destruir suas forças causando grandes prejuízos 2- podem enfrentar qualquer exército de primeiro mundo de igual para igual, se desconsiderarmos o número de tropas, apenas pelo nível de profissionalismo 3 – além das duras perdas inflingidas eles provaram que não foi o passeio que os russos esperavam! Dito isso, agora… Read more »

Slow
Slow
6 meses atrás

E os caças ? No fly Zone ? 😂😂

Esses obuses não vai impactar em nada de significativo ..

0F9B61F0-35B9-47B0-A8C5-1527310E2993.jpeg
Sturiale
Reply to  Slow
6 meses atrás

Hmmm então quer dizer que artilharia não causa impacto no campo de batalha… talvez os T-62 que a Rússia está colocando em operação sejam os veradeiros agentes decisivos né

Slow
Slow
Reply to  Sturiale
6 meses atrás

Causa sim , mas não vai mudar o resultado ..

Maurício.
Maurício.
Reply to  Slow
6 meses atrás

Slow, esquece a OTAN, esses só chutam cachorro morto…

Carlos Crispim
Carlos Crispim
Reply to  Slow
6 meses atrás

kkkkkkkkkkk

Vitor
Vitor
6 meses atrás

Não vai demorar … vai virar alvo fácil .

Nilson
Nilson
Reply to  Vitor
6 meses atrás

Guerra de atrito é assim mesmo. Tem que ser fornecidas armas a todo o tempo, para desgastarem o adversário antes de serem destruídas ou tomadas. O importante é que o fluxo não pare.

Victor Filipe
Victor Filipe
6 meses atrás

O controle de danos chegou rápido hoje. mas acho que vou rir na outra matéria.

Silent Eagle
Silent Eagle
6 meses atrás

Por mais que os russos avancem igual a lesma, importante que a ucrânia esta causando baixas altas no russos demonstrando a bravura de defender cada pedaço de suas terras, as artilharias ainda tão de pé teve gente falando que já foi destruído tudo kkkk só rever os vídeos recentes. perder um ou outro é normal, importante aonde esta passando esta levando muitos inimigos antes de ser destruído ou danificado. Continuar vindo ajuda é bem vinda melhor que nada.

Tomcat4,3
6 meses atrás

Enquanto, ao meu ver, os russos tentam evitar a destruição massiva pra abocanhar de vez a Ucrânia(no caso creio que o objetivo real seja o Donbass e aquela região do leste que dá acesso aos russos ao mar ,portos e à Criméia por terra)e nisso perderam(por mais que,ao q parece, eles não ligam tanto pra perdas humanas ou materiais) muito material e muitas vidas e o povo acha que estão,hauauhau,perdendo, a neeeeeeem, sem paixões ou parcialidade, tio Putinsk (q não é santo como qualquer outro mortal) se quisesse já tinha riscado do mapa as forças ucranianas, simples assim. EUA e… Read more »

Scudafax
Scudafax
6 meses atrás

Para uma luta entre equipamentos russos e equipamentos militares da OTAN, ambos os lados estão estudando e aprendendo. A indústria de defesa agradece o impulso sem precedentes recentes nas vendas e propaganda.

Bosco
Bosco
6 meses atrás

Sobre o funcionamento do sistema me permito repetir o que comentei no post sobre os obuseiros americanos M-777 em resposta a um questionamento do colega: Mensageiro, Só complementando os comentários dos colegas, atualmente se adota para o observador avançado um designador laser. Esse equipamento tem divirsos níveis de sofisticação mas em geral é capaz de mirar um alvo e “extrair” as coordenadas geográficas , ou seja, determina a sua exata posição enquanto o observador permance longe e protegido. Essa posição do alvo é transmitida ao posto de comando que irá passar os dados para o obuseiro melhor posicionado. Um moderno… Read more »

Rafael Gustavo de Oliveira
Rafael Gustavo de Oliveira
Reply to  Bosco
6 meses atrás

Excelente resposta caro Bosco, só complementando que também em paralelo a tudo isso há um trabalho bem complexo de reconhecimento da topografia do terreno que precisa ser considerado…não é fácil não ser artilheiro.

Last edited 6 meses atrás by Rafaelvbv
Maurício.
Maurício.
Reply to  Bosco
6 meses atrás

Só um detalhe, o M777 da Ucrânia é uma versão mais simples.

Screenshots_2022-05-25-17-42-44.png
Bosco
Bosco
Reply to  Maurício.
6 meses atrás

Mas a aquisição de alvos é igual. E com a generalização dos sistemas de GPS portáteis não faz tanta diferença se o sistema é integrado ou não.
Talvez com a versão mais antiga tenha um procedimento um pouco mais complicado e demorado , mas já funcionava com o M-198 e funciona com o muito mais moderno M777.

Maurício.
Maurício.
Reply to  Bosco
6 meses atrás

Mas parece que essa versão não pode usar a munição Excalibur, o que ia favorecer os ucrânianos.

Carlos Lins
Carlos Lins
6 meses atrás

Eu assisti a um vídeo de um morteiro auto-propulsado russo de 200 mm
O bicho é um monstro

Rafael Gustavo de Oliveira
Rafael Gustavo de Oliveira
6 meses atrás

Eu sempre fico imaginando um desse na versão BR sobre chassis Tatra nos moldes do astros, Nauru 1000 para aquisição de alvos e aquele radar de contrabateria Arthur da SAAB…seria um salto de uns 50 anos na artilharia de campanha

Oráculo
Oráculo
6 meses atrás

O E.B. vai acompanhar o desempenho dos Caesar na guerra com muita atenção…

Rafael Gustavo de Oliveira
Rafael Gustavo de Oliveira
Reply to  Oráculo
6 meses atrás

E.B está de olho sim…. mas o Caesar já foi usado várias vezes em combate antes…já é um equipamento muito maduro em campanha….acho que o único impedimento de adquirir tal sistema é o dinheiro mesmo.

Inimigo do Estado
Inimigo do Estado
Reply to  Oráculo
6 meses atrás

E espero que aprendam que o poderio aéreo é o meio de defesa/ataque mais eficaz de um país, pois estes Caesars sem apoio aéreo eficiente vão virar ferro retorcido logo, logo.

Last edited 6 meses atrás by Inimigo do Estado
Bosco
Bosco
Reply to  Inimigo do Estado
6 meses atrás

Um obuseiro pode ser descoberto geralmente de 4 maneiras: por uma equipe de reconhecimento avançado operando furtivamente por meio de uma aeronave utilizando sensores optrônicos a partir de distâncias de até 30 km por meio de uma aeronave utilizando radar de abertura sintética a partir de alcances tão grandes quanto 250 km ou mais. por meio de um radar de contrabateria. Sabemos que os russos estão com dificuldade em ter todos esses elementos operando de modo harmônico. *A favor do obuseiro ele tem a camuflagem (se operando de modo estático) , o engodo (colocando obuseiros infláveis), a mobilidade (só protege… Read more »

Inimigo do Estado
Inimigo do Estado
Reply to  Bosco
6 meses atrás

Certo, mas seu blá blá blá não invalida nenhum milímetro do que eu disse.

Zé bombinha
Zé bombinha
Reply to  Oráculo
6 meses atrás

Camarada… Viu as movimentações colombianas quanto a este sistema? Eu achei caro pra caramba…

Francisco
Francisco
6 meses atrás

Alguém sabe como anda nosso processo de escolha para equipamentos como esse.

Maurício.
Maurício.
6 meses atrás

Seria interessante alguém fazer uma lista de todos os países que estão ajudando a Ucrânia doando armamento, para no final saber quem ajudou de verdade e quem apenas ficou no blá blá blá.

Bosco
Bosco
Reply to  Maurício.
6 meses atrás

Por enquanto o que interessa é a lista de quem está prejudicando a Ucrânia e nessa lista só tem a Rússia.

Maurício.
Maurício.
Reply to  Bosco
6 meses atrás

Mas isso todo mundo está vendo, eu quero ver quem está ajudando de verdade, e não ficando só no blá blá blá, até porque, falar até papagaio fala, já ajudar…
Só um detalhe, a Rússia realmente está prejudicando a Ucrânia? Tem um pessoal que diz que as armas russas não funcionam direito e que a Rússia está perdendo todas as batalhas.

Luis
Luis
Reply to  Maurício.
6 meses atrás

Por que você não faz?
Falta de tempo disponível garanto que não seria o seu problema.

Maurício.
Maurício.
Reply to  Luis
6 meses atrás

Pelo visto não seria nosso problema né? Já que você está aqui também, portanto, tempo é o que não falta pra você também…

Rodrigo Martins Ferreira
Rodrigo Martins Ferreira
6 meses atrás

Pergunta besta de quem n entende…

Tem o obuseiro que não tem auto propulsão e precisa ser rebocado..

Não era mais fácil todos já virem nesta configuração ?

Bosco
Bosco
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
6 meses atrás

Rodrigo, A mobilidade de um obuseiro AR não difere muito da de um AP. Há vídeos que mostram um M-777 sendo colocado em operação , disparando alguns tiros e saindo da posição em poucos minutos, não muito maior do que o tempo que um AP sobre rodas tem para baixar o cano e recolher as sapatas e se por em marcha. E a vantagem maior do AR é que ele pode ser separado de seu veículo de transporte e ambos serem levados por helicóptero. Ou seja, têm maior mobilidade estratégica, inclusive cabendo muitos em um avião de carga em relação… Read more »

Carlos Crispim
Carlos Crispim
Reply to  Bosco
6 meses atrás

Não concordo não, a vantagem de ser levado de helicóptero é real, mas os ucranianos tem helicópteros? Estão voando sem oposição? Duvido. O AP pode disparar e sair correndo, mesmo que a diferença para o AR seja de minutos a menos, já é suficiente para salvar os operadores de uma contra-bateria, acho que não dá nem pra comparar.

Bosco
Bosco
Reply to  Carlos Crispim
6 meses atrás

 “mas os ucranianos tem helicópteros?” Não fiz referência direta aos ucranianos mas citei as características gerais. Quanto aos minutos a mais, o fogo de contrabateria não é imediato. Demanda um certo tempo que no frigir dos ovos dá tempo aos dois “tipos” de se evadir. A maior diferença em termos de proteção que vejo hoje é relativo ao obuseiro AP ter uma cabine blindada , mas em se utilizando armas de precisão (PGM) nem essa proteção funciona. Ou seja, na verdade, tendo em vista a atual tecnologia, não adianta nem ser móvel e nem ser blindado. Os americanos terão até… Read more »

Victor Filipe
Victor Filipe
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
6 meses atrás

Resumo.

3 coisas.

Preço, mobilidade estratégica e mobilidade tática.

você consegue enviar mais M777 em um avião pro outro lado do Oceano do que CAESAR

Se você domina um morro de uns 500 metros que não seja muito grande e é de difícil acesso, você não vai conseguir colocar uns Paladin ou CAESAR nele, mas pode apostar que uns helicópteros conseguem montar uma bateria de artilharia de M777 nele, e a altura vai dar uma vantagem de alcance muito boa.

Last edited 6 meses atrás by Victor Filipe
Bosco
Bosco
Reply to  Victor Filipe
6 meses atrás

Perfeito Filipe! Eu fiz uma lambança em relação à mobilidade tática e estratégica mas quando me dei conta já não tinha como consertar mais. rsss Só pra ficar claro para quem nos lê, o transporte por helicóptero ou o lançamento por paraquedas ou a marcha no campo de batalha fazem referência à mobilidade tática enquanto o transporte por um avião de transporte de uma base aérea a outra seria mobilidade estratégica. Um obuseiro AR tem melhor mobilidade tática nos casos de ser levado por um helicóptero ao campo de batalha e de ser lançado de paraquedas por um avião de… Read more »

Bosco
Bosco
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
6 meses atrás

Só de curiosidade, o exército americano quer um AP sobre rodas para compor junto com suas brigadas mecanizadas ou médias (Strykers).
Aí fica o AR M-777 com as brigadas motorizadas (leves) e aerotransportadas e o M109 A6/A7 e M1299 com as brigadas blindadas (pesadas).

Rafael Gustavo de Oliveira
Rafael Gustavo de Oliveira
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
6 meses atrás

Amigo Rodrigo Vou tentar responder sua pergunta…esquece um pouco a artilharia pesada blindada AP, aquela que se desloca sobre esteira (M-109, PHZ 2000, K9, etc) essa não teve muita evolução…. foque nos obuseiros médios e leves…. Quando os obuseiros começaram a ser fabricados com tubos de calibre 52 estes se tornaram muito pesados para serem rebocados (mais de 15t) então muitos projetistas fizeram obuses sobre chassis de caminhões, nascia aí uma nova forma de combate chamada de fogo e movimento, algo revolucionário pois é capaz de entrar e sair de posição muito mais rápido…mas como tudo tem um porém… Os… Read more »

Last edited 6 meses atrás by Rafaelvbv
Bosco
Bosco
Reply to  Rodrigo Martins Ferreira
6 meses atrás

Vale lembrar que se há vantagens de um obuseiro 155 mm ser AR no caso de um de 105 mm essa vantagem (se formos ver conceitos como o Hawkeye MHS) ,já não existe.
Mas tudo indica que os EUA terão apenas obuseiros de 155 mm no futuro e o último de 105 mm será o M119.
https://www.military-today.com/artillery/hawkeye.jpg

Last edited 6 meses atrás by Bosco Jr
Felipe Morais
Felipe Morais
6 meses atrás

Esse é show de bola. Uma pena que eu tenha pegado um ranço com os franceses e não esteja tão animado com eventuais parcerias com eles. Outra coisa. Apesar da galera se apegar muito na torcida, esse conflito é uma oportunidade para observarmos o desempenho de material tido como de ponta em um TO realmente quente. Para nós, devemos ficar de olho no desempenho do Guepard. Do lado ocidental, vamos ver como será o emprego o M777, do Caesar, do PZH 2000 etc, além do que já estamos observando do emprego de manpads, atgms e drones. Eu, particularmente, vou observar… Read more »

Antunes 1980
Antunes 1980
6 meses atrás

Equipamento de primeira linha. Somado aos drones e também ao apoio americano na geolocalização, os russos eterno grandes problemas.

Últimas Notícias

IMAGEM: Ataques russos à infraestrutura deixam a Ucrânia na escuridão

As imagens de satélite mostram o território da Ucrânia às escuras pela falta de energia elétrica provocada pelos ataques...
Parceiro

- Advertisement -
- Advertisement -