sexta-feira, agosto 19, 2022

Saab RBS 70NG

Putin elogia forças russas por tomarem região de Luhansk

Destaques

Redação Forças de Defesa
Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

O presidente russo, Vladimir Putin, parabenizou as tropas russas por “alcançar a vitória” na região de Luhansk, na Ucrânia.

Em uma reunião televisionada pela mídia estatal russa na segunda-feira, o ministro da Defesa, Sergei Shoigu, relatou a Putin os avanços russos na área.

“A partir de 19 de junho, formações [russas] e unidades militares … em cooperação com unidades do segundo corpo da milícia popular da [autoproclamada] República Popular de Luhansk (LPR) e com o apoio do grupo sul de tropas … realizou com sucesso uma operação ofensiva para libertar o território da República Popular de Luhansk”, disse Shoigu.

Shoigu acrescentou que a área do “caldeirão de Gorsky”, Lysychansk e Severodonetsk, foi cercada em duas semanas, e o exército ucraniano supostamente perdeu 5.469 soldados nas batalhas.

Putin disse a Shoigu que os militares que contribuíram para a luta na LPR serão recompensados ​​por sua “bravura” e que agora devem “descansar”.

“Outras unidades militares, incluindo os grupos militares do Leste e do Oeste, precisam cumprir suas tarefas, de acordo com o plano sugerido anteriormente”, disse Putin. “Espero que tudo seja bem sucedido como aconteceu na área [de Luhansk]”, acrescentou.

Putin também elogiou a milícia da LPR por mostrar “heroísmo”. “Meus parabéns e minhas palavras de gratidão”, disse Putin. “Parabenizo a todos e desejo tudo de bom.”

FONTE: CNN

- Advertisement -

46 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest

46 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Gabriel ferraz
Gabriel ferraz
1 mês atrás

Resta saber se apos a conquista do donbass ,putin tentara tomar o acesso ao mar negro inteiro até Odessa, isso eu acho bem provável, agora a Ucrânia toda? Eu acho muito difícil, se bem que na teoria que está sendo empurrado contra seu próprio território é a Ucrânia e cada vez mais ficara difícil defender certas regiões, até pq estratégia russa de atacar uma cidade de vez com uma força gigante de tropas vem dando resultado e depois dessa forma de ataque a Ucrânia não conseguiu resultado positivo nenhum e nem vai conseguir, já disse mil vezes aqui ,esses equipamentos… Read more »

Z Renato Vilhena Z
Z Renato Vilhena Z
Reply to  Gabriel ferraz
1 mês atrás

O fato de a Ucrânia estar utilizando misseis anti-navios para atacar plataformas de petróleo russas no Mar Negro, obriga a Russia tomar todo o litoral ucraniano. Não fazer isto implicaria apenas em postergar o problema para um novo conflito daqui a alguns anos, uma vez que a ameaça contra as plataformas de petróleo continuaria e seriam muito elevadas. E tal novo conflito ocorreria em um momento em que a Ucrânia (o que restar dela) já estaria melhor armada. A Ucrânia também já deslocou reservas que estavam na região de Odessa para o Dombas, o que significa que está raspando o… Read more »

Hcosta
Hcosta
Reply to  Z Renato Vilhena Z
1 mês atrás

Não passam de Kherson e vão chegar à Moldávia?
Nem conseguem ter mais do que uma ofensiva simultaneamente…

Então tem de ter muito petróleo e gás para compensar as perdas nesta guerra de pessoal e equipamento, das sanções e da hostilidade, causada por culpa própria, dos países vizinhos.

Marcus Pedrinha Padua
Marcus Pedrinha Padua
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

Mas o fato, prezado HCosta, é que há petróleo e gás – provavelmente muito de cada.
A lógica da postagem do colega Z Renato existe. Eu penso, entretanto, que a FR talvez não tenha fôlego para ocupar a área de litoral que ainda resta à Ucrânia…

Hcosta
Hcosta
Reply to  Marcus Pedrinha Padua
1 mês atrás

A Rússia quer castigar a Ucrânia e tomar estes recursos é mais uma forma de fazer isso. Recursos que serão essenciais na sua recuperação económica.
Por outro lado estas reservas serão assim tão importantes para a Rússia?
É uma outra forma de controlarem a Ucrânia e não tanto o valor económico para a Rússia. Talvez seja mais importante a Ucrânia não explorar estes recursos.

Marcus Pedrinha Padua
Marcus Pedrinha Padua
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

Provavelmente a soma das duas coisas: mais recursos para a FR explorar (e ganhar com isso) e impedir a entrada de um concorrente de certa importância noercado europeu de energia. Lembrando que a região do Donbass até a fronteira com Belarus concentra aaior parte das reservas conhecidas de hidrocarbonetos da Ucrânia. Você está certo quando diz que essa é uma guerra por interesses econômicos. Mas entendo que não é só por isso que foi deflagrada. Há interesses de segurança nacional da FR, questões de política interna russa, choque entre concepções sociais, etc… Como diz o Lito, do Aviões & Músicas:… Read more »

Mateus Gonçalo
Mateus Gonçalo
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

Você vai viver para ver acontecer. Depois não se queixa.

Zorann
Zorann
1 mês atrás

Parabéns para a Russia. Em poucos dias avançaram de Sievierodonetsk às portas de Siversk, que é um importante entroncamento ferroviario. Sua tomada, permitirá a interligação das malhas ferroviárias ao norte com as ao sul.

Mateus Gonçalo
Mateus Gonçalo
1 mês atrás

Só não vê quem não quer

russia-reconhece-republicas-de-donetsk-e-lugansk_2014_pro-russian_unrest_in_ukraine.jpg
Hcosta
Hcosta
Reply to  Mateus Gonçalo
1 mês atrás

Sim, vejo que a Crimeia é controlada pela Rússia, conflito armados no Donbass com mercenários Russos, ocupação da RSA não sei o que é isso e protestos pró-russos nas outras regiões, que não tem qualquer significado.

Pura propaganda. E há quem acredite que isto tudo é para proteger a minoria de etnia Russa, muitos dos quais já morreram ou fugiram…

Mateus Gonçalo
Mateus Gonçalo
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

Cê pode chorar. Isso interessa?
Pode vir com papo religioso e moralista.
Rússia tá pegando geral e o Zelensky tá parindo a mini ucrânia.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Mateus Gonçalo
1 mês atrás

E qual é o problema?
Pior do que isso é usar a propaganda semelhante à 2GM para invadir outro país.

E não me parece que a Rússia esteja mais perto de atingir os seus objetivos. Até penso que está cada vez mais longe de o conseguir.

Continua a avançar, um avanço cada vez mais lento, e o que ganhou?
Deve ser o Km2 mais caro do mundo, só o que gastam e o que perdem em vidas e equipamento.
Mas é preciso ser muito ingénuo ou delirante pensar que Putin quer apenas mais território.

Mateus Gonçalo
Mateus Gonçalo
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

Cê continua com papo de Aiatolá, esquecendo que isso é guerra e não encontro religioso.
Depois partilha connosco a tretologia que é vendida na CNN de que a Rússia avança de modo lento no maior país da Europa continente e com o segundo ou terceiro maior exército do mesmo local.
Cara, tem que crescer e deixar de ser repetidor de coisas sem sentido.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Mateus Gonçalo
1 mês atrás

Pelo menos apresente algum argumento.
Quem está a repetir frases, mais do que básicas, é o senhor.

Se é guerra então diga qual é o objetivo da Rússia. E como está mais perto desse objetivo.
Já ouviu falar de uma vitória de Pirro?

ROliveira78
ROliveira78
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

Os EUA conhecem bem este tipo de vitória

Mgtow
Mgtow
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

A grama é azul!
Certo?

Patrício
Patrício
Reply to  Mateus Gonçalo
1 mês atrás

E se a Ucrânia continuar atacando civis na Rússia, os russos vão tomar todo o leste e fazer do Dniepr uma fronteira natural.

Pedro Fullback
Pedro Fullback
1 mês atrás

Apesar da Rússia ser o país com maior território do mundo, os russos sofrem bastante com o congelamento dos seus portos. com a Rússia tomando o acesso ao mar da Ucrânia, os russos vão ganhar vários portos. E também, com a tomada do Sul, é menos um país no mar negro.

Com isso, a Rússia vai ganhar 2x.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Pedro Fullback
1 mês atrás

Mas é muito fácil bloquear o acesso ao mar Negro…

Nemo
Nemo
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

A Turquia consegue bloquear a entrada do Mar Negro até com arco e flexa.

Patrício
Patrício
Reply to  Nemo
1 mês atrás

Sim.
Tente que no dia seguinte os russos chegam lá.
Por muito pouco aquela região não foi ocupada por Catarina, a Grande.
Os turcos não ousarão desafiar a Rússia.

Jagdverband#44
Jagdverband#44
Reply to  Patrício
1 mês atrás

Kings vivendo há 300 anos atrás.
Coitado.

Chevalier
Chevalier
Reply to  Patrício
1 mês atrás

Uiii. Mas que lambida de saco ein?? Comunada toda se revelando

Mateus Gonçalo
Mateus Gonçalo
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

Tou esperando para ver o tal bloqueio. Sem contar que o Ocidente humilhou a Turquia: EUA com sanções, UE sem deixar entrar no grupo.
Cê tem que saber perder. A Rússia tá ganhando, a Ucrânia tá perdendo. E ninguém pode mudar isso.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Mateus Gonçalo
1 mês atrás
Nascimento
Nascimento
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

Fechar um estreito é proibido.

Mateus Gonçalo
Mateus Gonçalo
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

É essa a proeza? Cê tem que entender algumas coisas que até são simples: Kaliningrado e navio na Turquia é manobra de diversão. Ok?
Turquia não vai bloquear rota nenhuma, nem a Lituânia. Ambos só tão fazendo favores ao amo, pois são vassalos. Depois volta ao normal e ninguém fala, como se vê com o pagamento de gás em rublos. É que é muita humilhação.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Mateus Gonçalo
1 mês atrás

Acalme-se, como o senhor diz, não se deixe abater pela realidade…

Last edited 1 mês atrás by Hcosta
Mateus Gonçalo
Mateus Gonçalo
1 mês atrás

Isto de debater geopolítica seguindo paradigmas de infantilidade como se vê hoje, na Europa e EUA, não serve para nada.
Só não vê quem não quer.

Captura de Ecrã (704).png
Nemo
Nemo
1 mês atrás

Como ninguém manda soldado descansar em uma guerra, a intenção russa deve ser se preparar para uma guerra defensiva na região já retomada de Dom Assis. Preparando áreas fortificadas, fortalecendo as linhas de suprimentos, eliminando bolsões de resistência etc.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Nemo
1 mês atrás

O ataque é a melhor defesa. Não sei se terá alguma hipótese ao manter posições defensivas e passar a iniciativa para os Ucranianos. Por enquanto é essa a sua vantagem, escolher onde atacar.

Patrício
Patrício
Reply to  Nemo
1 mês atrás

Prezado.
Vc está acompanhando qual guerra?

Renato de Mello Machado
Renato de Mello Machado
1 mês atrás

Deixa eles ficarem ocupados brigando por lá.Bom que “esquecem” da gente.

Tzar
Tzar
1 mês atrás

OTANZETES chorando em 1,2,3…

Chevalier
Chevalier
Reply to  Tzar
1 mês atrás

Falou o adorador de regime genocida fascista.

Mateus Gonçalo
Mateus Gonçalo
Reply to  Chevalier
1 mês atrás

Papo de moralista derrotado.
Vai se acostumando.

Jagdverband#44
Jagdverband#44
1 mês atrás

Curti a bandeira vermelha com foice e martelo.
Tem gente que vive no passado mesmo.

Patrício
Patrício
Reply to  Jagdverband#44
1 mês atrás

Curtiu?
É a gloriosa bandeira da vitória na Grande Guerra Patriótica.
Melhor a Europa (Polônia principalmente) colocar as barbas de molho porque a rebordosa está chegando.

Chevalier
Chevalier
1 mês atrás

Forças russas não, soviéticas. URSS só se fingiu de morta e os bobos acreditaram. Tá na hora de virarem adubo.

Cidadão das Sombras
Cidadão das Sombras
1 mês atrás

Sendo general de sofá, tentaria tornar o mais difícil possível a chegada de suprimentos para as cidades ucranianas. Quando tudo começar a faltar, a disposição para o armistício pode aumentar bastante.

Last edited 1 mês atrás by Cidadão das Sombras
Patrício
Patrício
Reply to  Cidadão das Sombras
1 mês atrás

Quanto mais tempo a guerra demorar, mais os russos vão tomar territórios e desbastar o Exército ucraniano.
Não interessa a paz para a Rússia neste momento.

Adriano Madureira
Adriano Madureira
1 mês atrás

Só a CNN, a FOX, a Globo e a BBC acreditam que a ucrânia está mandando bem na guerra…

comment image

Adriano Madureira
Adriano Madureira
1 mês atrás

Militares russos destroem obuzeiro autopropulsado PZH2000 do exército ucraniano…

Não adianta pôr um VW Golf G8 na mão de quem é acostumado a dirigir um Bogdan 2110.

comment image

Paulo Brics
1 mês atrás

Mais uma arma de destruição econômica em massa nas mãos de Putin: A dois dias a Bloomberg noticiou que o banco mais influente dos eua, o JP Morgan, disse que se a Rússia diminuir sua produção de petróleo o barril pode chegar a estratosféricos 380 dólares. Para se ter ideia da catástrofe que isto poderá causar, os analistas dizem que se o barril subir dos atuais 115/120 dólares para 150 dólares, isto já será capaz de causar uma crise econômica mundial sem precedentes. Mais um tiro pela culatra na gigantesca lambança que os palermas da otan fizeram com suas sanções… Read more »

Mateus Gonçalo
Mateus Gonçalo
Reply to  Paulo Brics
1 mês atrás

Pois é… e quem começou a guerra econômica, que aguente.
Como diz o povo, o esperto não janta.

Machado
Machado
1 mês atrás

Isso que é uma Força Armada de verdade. Não só pra desfiles e cabide de emprego

Últimas Notícias

Brasil e Coreia do Sul fecham acordo para produção de semicondutores da Samsung no país

O Brasil e a Coreia do Sul estão fechando acordos para a construção de uma fábrica de chips semicondutores...
Parceiro

- Advertisement -
- Advertisement -