domingo, dezembro 4, 2022

Saab RBS 70NG

Casa Branca acusa Pyongyang de fornecer secretamente munição para a Rússia

Destaques

Guilherme Poggio
Guilherme Poggiohttp://www.forte.jor.br
Editor da Revista Forças de Defesa

Os Estados Unidos têm informações que indicam que a Coreia do Norte está fornecendo secretamente à Rússia um número “significativo” de projéteis de artilharia para sua guerra contra a Ucrânia , disse o porta-voz do Conselho de Segurança Nacional da Casa Branca na quarta-feira.

John Kirby disse que a Coreia do Norte está “tentando fazer parecer que estão sendo enviados para países do Oriente Médio ou Norte da África”.

Ele se recusou a fornecer uma estimativa específica sobre a quantidade de munição enviada para reforçar o esforço russo, mas observou que os EUA não acreditam que “elas estejam em tal quantidade que mudaria o impulso da guerra”.

Autoridades dos EUA acreditam que os carregamentos, com drones que a Rússia adquiriu do Irã , mostram que a guerra e as sanções ocidentais minaram os arsenais e a capacidade da Rússia de produzir novas armas.

“Enquanto [o presidente russo Vladimir Putin] continua a perder terreno, perder soldados, perder força, ele está indo além de suas fronteiras”, disse Kirby. “É um sinal tanto do isolamento que ele continua sentindo economicamente. Sua própria base industrial de defesa não consegue acompanhar o ritmo em que ele está usando armamentos na Ucrânia”.

Depois que a Casa Branca alertou que a Rússia poderia buscar novas armas na Coreia do Norte, Pyongyang em setembro negou que tivesse ou faria isso.

Na quarta-feira, a Casa Branca não forneceu evidências para apoiar as novas acusações ou responder a perguntas sobre quantas armas estavam envolvidas, como estavam sendo transportadas ou como os EUA poderiam responder.

Questionado sobre o número de projéteis, Kirby disse: “Não estamos falando de dezenas aqui. É uma quantia significativa.”

Os EUA estavam monitorando para ver se as armas foram recebidas e consultariam aliados e parceiros sobre quais medidas de responsabilização aplicar, explicou.

O governo Biden alertou na semana passada que a Rússia pode buscar mísseis balísticos terra-superfície de curto alcance do Irã, mas Kirby disse que não havia indicação de que isso tenha acontecido até quarta-feira. A Rússia tem usado drones de fabricação iraniana para atacar usinas de energia da Ucrânia e outras infraestruturas civis.

A Casa Branca reafirmou sua disposição e a disposição dos aliados de fornecer ajuda militar à Ucrânia.

De acordo com Bruce Klingner, ex-chefe de divisão da CIA na Coréia, agora na Heritage Foundation, a Coréia do Norte provavelmente forneceria à Rússia projéteis de 122 mm e 152 mm, bem como rodadas para vários lançadores de foguetes. Essas munições seriam compatíveis com os sistemas russos e com os sistemas que a Coreia do Norte está tentando substituir por sistemas mais novos, que exigem novos calibres, disse ele.

A idade e a qualidade das munições envolvidas é uma questão em aberto. Durante o bombardeio de artilharia do Norte na ilha de Yeonpyeong, na Coreia do Sul, em 2010, um quarto dos projéteis que atingiram a ilha não detonaram. “Se for munição mais antiga, isso também aumenta a ideia de qualidade”, disse Klingner.

Tensão na península

A Casa Branca também condenou o lançamento “imprudente” da Coreia do Norte de pelo menos 23 mísseis – 17 pela manhã e seis à tarde na quarta-feira – em suas costas leste e oeste. Ele disse que as armas eram todas mísseis balísticos de curto alcance ou mísseis terra-ar suspeitos.

A Coreia do Norte também disparou cerca de 100 projéteis de artilharia em uma zona de amortecimento marítima oriental que as Coreias criaram em 2018 para reduzir as tensões, segundo militares sul-cor0eanos. Os lançamentos ocorreram depois que a Coreia do Norte ameaçou usar armas nucleares para fazer com que os EUA e a Coreia do Sul “pagassem o preço mais horrível da história” em protesto contra os exercícios militares sul-coreanos-americanos em andamento, que considera um ensaio de invasão.

A Casa Branca sustentou que os Estados Unidos não têm intenção hostil em relação à Coreia do Norte e prometeu trabalhar com aliados para conter as ambições nucleares do Norte.

“Esses lançamentos não representaram uma ameaça imediata à pátria americana ou ao pessoal dos EUA, e é claro que estamos coordenando com nossos aliados e parceiros”, disse Kirby, defendendo os exercícios em andamento conforme planejado há muito tempo.

“Há um exercício anual em andamento agora, exercícios bilaterais na Coréia do Sul”, disse Kirby. “Esses lançamentos apenas ressaltam a necessidade de garantir que tenhamos a prontidão militar adequada dentro e ao redor da região.”

Os exercícios militares do Vigilant Storm deste ano são os maiores de todos os tempos para as manobras anuais de queda, de acordo com o Comando Indo-Pacífico dos EUA. Cerca de 1.600 voos estão planejados envolvendo 240 caças americanos e sul-coreanos. Os exercícios ininterruptos, que começaram em 31 de outubro, devem continuar até 4 de novembro e incluem táticas de combate tanto no ar quanto no solo, disse.

O secretário de Defesa dos EUA, Lloyd Austin, receberá o ministro da Defesa sul-coreano, Lee Jong-Sup, no Pentágono na quinta-feira, anunciou o departamento separadamente na quarta-feira.

FONTE: DefenceNews

- Advertisement -

57 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest

57 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Z Renato Vilhena Z
Z Renato Vilhena Z
1 mês atrás

ATÉ QUANDO VÃO FICAR COM ESTE MIMIMI?!

O Irã, a China, a Coreia do Norte estão fornecendo armas para a Russia?

E DAI?! E DAI?! E?… E?… E DAI?!

Desde que não interditem estradas, qual o problema?

Nei
Nei
Reply to  Z Renato Vilhena Z
1 mês atrás

É problema do EUA, da Ucrânia, UE e OTAN.
Resto é mi mi mi.

Matusa
Matusa
Reply to  Nei
1 mês atrás

Pois é.
Os serviços de informações ocidentais até registraram o momento em que Kim recebeu essa notícia.
Parece que Godzilla partiu para o ataque.

IMG_20221103_102156_987.jpg
RPiletti
RPiletti
Reply to  Matusa
1 mês atrás

Vixi, cigarro? Tem que tomar cuidado, com os russos isso anda dando muita explosão…

Marcelo
Marcelo
Reply to  Matusa
1 mês atrás

Não quero ser estraga prazer, mas a cena seguinte é um clarão no porto de Sebastopol e uma fragata russa danificada. Opsss …

Matusa
Matusa
Reply to  Z Renato Vilhena Z
1 mês atrás

O Ocidente já está utilizando o conhecido choro de perdedor.
A Rússia, antes mesmo da chegada dos 300 mil, voltou a avançar.
A China está recebendo a visita dos líderes do Paquistão e Vietnã.
Os vietnamitas ressaltaram a necessidade de incrementar as relações históricas entre as Nações.
Já o Paquistão, que teve uma patacoada parlamentar financiada pelos EUA para depor o Primeiro Ministro pro China, levou seus dirigentes a Pequim para buscar mais investimentos.

Matusa
Matusa
Reply to  Matusa
1 mês atrás

Ou seja, é a famosa expectativa x realidade.
Os americanos estavam investindo em uma impossível rivalidade entre vietnamitas e chineses e entre Paquistão e China.
Bizarro.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Matusa
1 mês atrás

Expectativa: A Rússia vai crescer devido a uma aliança com a China
Realidade: A Rússia já entrou em recessão…

E onde é que a Rússia avançou? Só se avançou para o porto de Sevastopol…

Slowz
Slowz
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

Assim como os EUA já está praticamente em recessão sem nem estar em guerra ..

Qual espanto ?

Guilherme Leite
Guilherme Leite
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

O pessoal colocou a ajuda militar do Irã e da CN com a China, que não ajuda militarmente e ainda compra os produtos russos a preços irrisórios.

Os chineses querem ver os russos mais afundados ainda para subjulga-los.

Os comunas esquecem que não existe aliado, só existe interesse em comum e o interesse da China nessa guerra é que a Rússia forneça matéria prima barata para a industria dela, foi-se o tempo em que a China se voltava para a Rússia atrás de tecnologia!

Matusa
Matusa
Reply to  Guilherme Leite
1 mês atrás

Devo salientar que a Rússia já está colocando no mercado asiático quase a metade das vendas que fazia para a Europa.
A Europa vai falir e ainda por cima, com frio.

Marcelo
Marcelo
Reply to  Matusa
1 mês atrás

Não diga. Conte-nos mais. E lembre de apresentar a fonte.

Marcelo
Marcelo
Reply to  Matusa
1 mês atrás

A treta do Paquistão é com a Índia.

Matusa
Matusa
Reply to  Marcelo
1 mês atrás

O Paquistão é amigo da China que é amiga da Rússia que é amiga da Índia.
Entendeu.
Está tudo em casa.
E sem EUA e OTAN.

Marcelo
Marcelo
Reply to  Matusa
1 mês atrás

O seu mapa geopolítico está muito simplificado. Na prática as relações desses países são bem mais complexas e divergentes.

RPiletti
RPiletti
Reply to  Matusa
1 mês atrás

Quando o lobo volta pra casa com fome o coelho é o vencedor. Kiev é ucraniana.

Marcelo
Marcelo
Reply to  Matusa
1 mês atrás

A Rússia fez a famosa manobra moonwalker e avançou para trás. Esse movimento foi treinado incessantemente até a perfeição pelas forças russas. Mais uma manobra dessas e os russos chegam em Moscou.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Z Renato Vilhena Z
1 mês atrás

Para quem admira a auto suficiência da Rússia, não me parece que seja um bom sinal sobre a sua capacidade industrial…

Matusa
Matusa
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

Vc não está entendendo.
Não é que a Rússia não tenha.
Ela apenas está guardando o ‘buffet’ para quando a festa realmente começar.
Só que os convidados, EUA e OTAN, insistem em não aceitar o convite para a festa.
Enquanto isso, os russos utilizam munição mais barata do Irã, Coreia do Norte e de quem mais quiser vender para ela a preços razoáveis.

Velho Alfredo
Velho Alfredo
Reply to  Matusa
1 mês atrás

Q explicação mais esdrúxula hahahahahaahahahahahahah

Hcosta
Hcosta
Reply to  Matusa
1 mês atrás

O problema é que o “buffet” já ultrapassou, em muito, o prazo de validade. E certamente que ao reativarem a produção de blindados e outros, com mais de 50 anos, demonstra o desespero dos políticos Russos ou, até mesmo, o nível de corrupção. Sacrificam a capacidade de produção para continuarem a receberem a sua “quota” nestas fábricas que já deviam ter sido modernizadas há muito tempo. A Rússia não tem, por culpa própria. Seja por iniciar uma guerra sem estarem preparados, por obsolescência do material e da capacidade industrial e dos recursos humanos, sejam no campo de batalha ou nas… Read more »

Guilherme Leite
Guilherme Leite
Reply to  Matusa
1 mês atrás

Sim Xings, estão enviando T-62 para a tripulação morrer na Ucrânia porque só usam o T-90 e Armata contra potencias maiores.

Esquece essa guerra EUA x Rússia, a guerra fria acabou e o EUA não precisou disso para derrubar URSS, quiça um resto de URSS.

Não se tem conflito entre duas potencias nucleares, apesar do seu pensamento de barata(se é que me entende).

Marcelo
Marcelo
Reply to  Matusa
1 mês atrás

Não vejo nenhuma fonte no horizonte. Por mais que se procure, só há opinião pessoal nesse lugar …

Nemo
Nemo
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

https://www.reuters.com/business/energy/energy-crisis-chips-away-europes-industrial-might-2022-11-02/
A Rússia é principalmente uma fornecedora de matérias primas e continuará sendo. A Europa, como mostra a Reuters, está tendo a indústria de base destruída que está migrando principalmente para is EUA. A Rússia é a Ucrânia estão sofrendo terríveis perdas humanas, mas a Europa está sofrendo com inflação, juros, recessão, dívida pública e desindustrialização.

PACRF
PACRF
Reply to  Z Renato Vilhena Z
1 mês atrás

É para rir, pois precisar da ajuda do Irã e da Coreia do Norte para continuar a invasão da Ucrânia é uma piada.

Matusa
Matusa
Reply to  PACRF
1 mês atrás

Já que a Rússia é fraca e o material coreano e iraniano é ruim, faço a pergunta que não quer calar: O que está faltando para a Ucrânia expulsar a Rússia?

Marcelo
Marcelo
Reply to  Matusa
1 mês atrás

O passar do tempo. Quanto mais o tempo passa mais a Ucrânia se fortalece e mais a Rússia se enfraquece. Leia o depoimento de um combatente ucraniano a respeito dos russos na região de Kherson: – “O último ataque significativo que enfrentamos foi há um mês. O inimigo realizou um reconhecimento em força e cerca de uma companhia de homens veio até nós. Matamos um monte deles, expulsamos o resto. Tivemos que enterrar seus mortos, porque eles não voltaram para pegar os corpos. Já vimos seus homens mobilizados. Você pode dizer imediatamente pelo nível de preparação deles, que é muito… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Marcelo
Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Z Renato Vilhena Z
1 mês atrás

É heim heim heim ressentido, achavam que a Rússia ira ficar sem fazer nada com o fechamento do Nord Stream 2.

Marcelo
Marcelo
Reply to  Nilton L Junior
1 mês atrás

E vai fazer o que? Absolutamente nada.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Marcelo
1 mês atrás

Jura, conta mais.

Matusa
Matusa
1 mês atrás

Ué!?!?
Apliquem sanções.

Maurício Oliveira
Maurício Oliveira
1 mês atrás

É proibido?

Fabricio Lustosa
1 mês atrás

1 – Os russos ainda continuam em plena atividade no teatro de guerra da Síria; 2 – Os grupamentos das FA russas que guarnecem as fronteiras, estão devidamente equipados e são mantidos em alerta o tempo todo vide movimentações da OTAN com tropas e até a notícia recente que está sendo planejado posicionar armas nucleares na Finlândia: “NATO wants to place nuclear missiles on Finland’s Russian border — Finland says yes; According to Newsweek, on October 26th, “Finland Will Allow NATO to Place Nuclear Weapons on Border With Russia”. They cite Finnish media reports. Allegedly, a condition that NATO had… Read more »

Slowz
Slowz
1 mês atrás

Tem 30 países fornecendo munição pra Ucrânia pq os outros não pode fornecer pra Rússia ?

Matusa
Matusa
Reply to  Slowz
1 mês atrás

Por que o Ocidente não quer.
Só que ninguém liga.
Só resta ao Ocidente sentar no meio-fio e chorar.

Nilo
Nilo
1 mês atrás

Rsrsrsrs isso é o Fim das operações secretas dos EUA pelo mundo afora. Acabou.

Marcelo
Marcelo
1 mês atrás

Eis a causa da preocupação do Putin com a Península Coreana. Caso as Coréias entrem em conflito, além da instabilidade na região … vai cessar o fluxo de armamentos e de munições da Coréia do Norte para as tropas russas nos territórios iligalmente ocupados na Ucrânia. E a penela de pressão coreana continua em ebulição …

Last edited 1 mês atrás by Marcelo
Matusa
Matusa
Reply to  Marcelo
1 mês atrás

Se as Coreias entrarem em conflito, a Coreia do Sul, o Japão e grande parte dos EUA somem do mapa.
E isso por obra e graça de Kim.
Rússia e China nem precisam entrar na parada.

Marcelo
Marcelo
Reply to  Matusa
1 mês atrás

Será mesmo?

Luis
Luis
Reply to  Matusa
1 mês atrás

As vezes acredito que é vontade de se expressar, mas concluo trata-se somente de devaneios seus.
A mesmo tempo que Coreia do Sul e Japão serão atacados, ocorrerá vice-versa.

suTERMINATOR
suTERMINATOR
Reply to  Luis
1 mês atrás

Se a Coreia do Sul atacar o gordinho, o mesmo já sabe que nao tem chances contra as armas dos aliados do Sul, e contra a Aukus, já vai logo lançar seus cogumelos;

Nilton L Junior
Nilton L Junior
1 mês atrás

Comércio é comércio a Koreia vende pra quem quer e a Rússia compra de quem quer, f quem discorda.

Antonio Kings
Antonio Kings
1 mês atrás

Que Fase, precisando de munições da Coreia do Norte. Vai precisar de mais países ajudando para chegar até Lisboa

Nilo
Nilo
Reply to  Antonio Kings
1 mês atrás

Um Kings do universo paralelo?rsrsrsrs

Last edited 1 mês atrás by Nilo
Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Nilo
1 mês atrás

A criatividade dos bots é a prova que elles se superam, hehehehehe, Vida a Longa a Você Kings, esteja onde estiver.

Matusa
Matusa
Reply to  Antonio Kings
1 mês atrás

Não há mais necessidade de chegar a Lisboa.
Deixem que congelem.
A treta é na Ucrânia.
Prepare o lombo que o chicote está chegando.

Marcelo
Marcelo
Reply to  Matusa
1 mês atrás

Quem vai congelar primeiro? Eis a questão.

Luis
Luis
Reply to  Matusa
1 mês atrás

Olha, acredito que quem está na Ucrânia (em casa), está mais preparado para o inverno que o invasor.

Marcelo
Marcelo
Reply to  Luis
1 mês atrás

Os russos vão enfrentar o frio congelante nas trincheiras sem vestimentas e equipamentos adequados. Porém serão constantes aquecidos pelo fogo guiado dos Himars e da artilharia ucraniana. E a neve é um ótimo esconderijo para snipers camuflados e bem armados. Os russos podem tentar a sorte …

Marcelo
Marcelo
Reply to  Matusa
1 mês atrás

Parece que os lideres ucranianos estão se movimentando e se comunicando com seu povo. E a Ucrânia continua de pé. – “O pior é onde não haverá energia elétrica, água ou aquecimento urbano. Para esse caso, estamos preparando mais de 1.000 pontos de aquecimento em nossa cidade”. (Vitali Klitschko, prefeito de Kyiv) – “Faremos tudo o que pudermos para fornecer energia e calor para o próximo inverno. Mas devemos entender que a Rússia fará tudo o que puder para destruir a vida normal”. (Volodymyr Zelenskiy, presidente ucraniano)
https://www.rferl.org/amp/ukraine-drone-attacks-infrastructure/32111824.html

Renato de Mello Machado
Renato de Mello Machado
1 mês atrás

Eu acho que eles estão certos em usar,testar e serem aprimoradas.A Ucrânia virou campo de provas para tudo.

naval762
naval762
1 mês atrás

A turma dos “50cents” também conhecidos como Веб-бригады estão ganhando um troquinho por aqui, daqui pra derrota russa eles juntam o suficiente pra comprar a passagem pra Moscou.

sub urbano
sub urbano
1 mês atrás

Podiam fazer um artigo sobre o Hwasong-8, o planador hipersônico norte coreano testado no inicio do ano. Voou a Mach 10 e manobrou. Coloca a Coreia do Norte em uma lista de 3 ou 4 países com essa tecnologia.

Adriano Madureira
Adriano Madureira
1 mês atrás

Casa Branca acusa Pyongyang de fornecer secretamente munição para a Rússia”.

E a pergunta é: E daí?! Qual o problema?!

suTERMINATOR
suTERMINATOR
1 mês atrás

“mostram que a guerra e as sanções ocidentais minaram os arsenais e a capacidade da Rússia de produzir novas armas.

Sua própria base industrial de defesa não consegue acompanhar o ritmo em que ele está usando armamentos na Ucrânia”.”

Estão falando dos EUA também?

Nemo
Nemo
Reply to  suTERMINATOR
1 mês atrás

Sim, por incrível que pareça estão falando dos EUA e da Europe também.
https://www.cnbc.com/2022/09/28/the-us-and-europe-are-running-out-of-weapons-to-send-to-ukraine.html

AMX
AMX
28 dias atrás

Quem diria: uma potência foi buscar armamento barato em paisecos…
(contém ironia)

Últimas Notícias

Empresa alemã produzirá munição do Gepard na Espanha

A Rheinmetall, depois de adquirir o mundialmente famoso fabricante espanhol de munições Expal Systems SA, planeja estabelecer a produção...
Parceiro

- Advertisement -
- Advertisement -