Visita do chanceler russo Serguei Lavrov ao Brasil no dia 17 vem causando desconforto entre representantes diplomáticos de países que apoiam a Ucrânia na guerra contra a Rússia

Representantes diplomáticos de países aliados da Ucrânia na guerra contra a Rússia estão desconfortáveis com a visita do chanceler russo Sergei Lavrov a Brasília, no próximo dia 17. O motivo é uma carga de 5 toneladas, classificada como ‘bagagem diplomática’, que deverá entrar no Brasil no período. O carregamento é sigiloso e encontra-se parado na Argentina, com previsão de transporte em uma semana. Essas fontes suspeitam que possam ser equipamentos sensíveis, armamentos ou dinheiro não declarado. Além do contêiner misterioso, Lavrov estaria trazendo em sua comitiva 18 agentes de segurança e inteligência.

Malas e bagagens diplomáticas não podem ser revistadas, mas parlamentares da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional do Senado avaliam solicitar informações ao Itamaraty.

Detalhes da viagem do chefe da diplomacia russa foram ajustados no encontro com Celso Amorim dias atrás, em Moscou. O assessor especial de Lula também foi recebido por Vladimir Putin, que convidou o presidente da República a visitá-lo. A missão discreta de Amorim teve como pauta oficial negociações sobre o comércio de fertilizantes e a oferta de Lula para mediar um acordo de paz. “Dizer que as portas estão abertas (para a negociação de paz) seria um exagero, porém afirmar que estão fechadas tampouco é verdade”, disse o assessor, de forma lacônica.

Céticos em relação a qualquer avanço num cessar-fogo, esses diplomatas ouvidos pela Jovem Pan, na condição de anonimato, enxergam os encontros como cortina de fumaça para uma aproximação estratégica entre Brasil e Rússia, no âmbito de um alinhamento geopolítico liderado pela China. É conhecida a intenção do bloco de se criar um sistema de pagamento global alternativo ao Swift, a fim de livrar aliados de sanções ocidentais. A esse contexto conturbado, somam-se prisões recentes de três espiões russos que estariam atuando mundo afora com identidades brasileiras. Reportagem do jornal Folha de S.Paulo desta quinta-feira, 6, informa que a Polícia Federal suspeita do uso do país de forma sistemática para formar agentes ilegais pelo governo russo.

FONTE: Jovem Pan

Subscribe
Notify of
guest

186 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
José
José
1 ano atrás

Não devia nem cogitar entrar aqui. Sai fora!

Curiango
Curiango
Reply to  José
1 ano atrás

Que bom! Tomara q seja peças do reator nuclear p nosso Sub nuclear

Nilo
Nilo
Reply to  Curiango
1 ano atrás

Pois é rsrsrs pensei o mesmo “peças do reator nuclear”.
Mas se fosse no governo anterior e nas Caixas viessem joias, diamentes, relogios não passando pela alfandega a Jovem Pan estaria caladinha.
Assim como fica calada com os espiões americanos instalados no pais.
rsrsrsr alguem se lembra da grampeagem do celular da Dilma?

Francisco
Francisco
Reply to  Nilo
1 ano atrás

Grampo que a propósito foi feito no governo do ex presidente americano que era amado pelo atual governo brasileiro, o tal do esse é o cara “obama” além de mandar grampear a ex “presidenta” também afirmou em sua biografia que sabia que o atual presidente brasileiro era corrupto.

Oliveira Barros
Oliveira Barros
Reply to  Nilo
1 ano atrás

O que acabei de ler é que a Rússia está entregando uma grande quantidade de material nuclear para a Índia, no âmbito do acordo nuclear entre essas potência.

Palpiteiro
Palpiteiro
Reply to  Nilo
1 ano atrás

Areia. Eles estão sofrendo embargos. Trás 5 Ton de lixo e volta pra lá com 5 Ton de material que sofre embargo.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Palpiteiro
1 ano atrás

Por que trazer 5 ton de lixo para levar de volta 5 tom de processadores, se eles poderiam comprar os materiais e enviar diretamente para a Russia por mala diplomática direto de Brasilia? Ou melhor, por que comprar os dispositivos no Brasil se eles poderiam comprar diretamente da China?

Palpiteiro
Palpiteiro
Reply to  Camargoer.
1 ano atrás

Para você achar que não estão fazendo isto

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Palpiteiro
1 ano atrás

e por que eu acharia que alguém estaria fazendo ou não alguma coisa? Aliás, quem estaria fazendo o quê? Seu comentário tem um significado sigiloso.

Vitor
Vitor
Reply to  Nilo
1 ano atrás

so pode ser assalariado pra fazer propaganda ou ser muito ingênuo

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Curiango
1 ano atrás

Caro 5 toneladas não comporta três válvulas e uns parafusos. Além disso, o país não tem restrições para importação de coisa alguma da Rússia. Se fossem peças e equipamentos, viriam por importação simples.

DanielJr
DanielJr
Reply to  Camargoer.
1 ano atrás

Eles vão levar embora 5 toneladas de processadores e componentes eletrônicos que não podem comprar abertamente, para fazer placas de circuito integrado.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  DanielJr
1 ano atrás

Caro. Nem é preciso todo este trabalho. Basta uma triangulação de duas empresas, na qual uma delas esteja no Brasil, na Suiça, na África do Sul, Emirados, Panamá… Empresas de fachada… O produto nem passa por portos diferentes. Vai direto. Só a papelada que precisa rodar. Os componentes ficam dentro d um container na China e seguem direto.

Nilo
Nilo
Reply to  Camargoer.
1 ano atrás

Quem leva a sério uma afirmação desta ” “peças do reator nuclear”” rsrsrsrsrs.
Os mesmos que leva a sério “Carga misteriosa”..Aí o artigo diz: “fontes suspeitam que possam ser equipamentos sensíveis, armamentos ou dinheiro não declarado”, ou seja carga desconhecida…….. Mas pode ser….rsrsrsrs.
Desde quando é de praxe as embaixadas de paises revelam seus conteúdos transportados?, só mundo da Jovem Pan. Mas pode ser vodca, caviar….
Jovem Pan, me lembra Peter Pan.

Last edited 1 ano atrás by Nilo
Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Nilo
1 ano atrás

Exato. Uma não notícia….fontes anonimas dizem desconfiar de uma carga com conteúdo sigiloso….

Ander
Ander
Reply to  DanielJr
1 ano atrás

Meu caro a Rússia faz fronteira com a China, China é umas das maiores produtoras de componentes eletrônicos, o Brasil não fabrica mais processadores, lembra do Chip do Boi o Ex presida fujão fechou a única empresa fabricante a Ceitec.

Henrique
Henrique
Reply to  Camargoer.
1 ano atrás

Além disso, o país não tem restrições para importação de coisa alguma da Rússia

como se pra isso o papel rabiscado do estado tivesse valor

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Henrique
1 ano atrás

Caro. É isto que estou dizendo. O Brasil não precisa contrabandear material da Rússia. Basta importar. Achar que tem alguma coisa especial na mala diplomatica dia Rússia é uma tolice.

Henrique
Henrique
Reply to  Curiango
1 ano atrás

se for pode jogar fora kkkkk

peças de reposição da Rússia o H2 Sabre ja provou que tiro no pé

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  José
1 ano atrás

Caro. O país mantém relações diplomáticas coma Rússia. Por que o primeiro ministro não viria? Sobre a carga, quem sabe é apenas alimentos visto que os Rússia estão com medo de serem envenenados?

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  José
1 ano atrás

Ele vai nos EUA na ONU mas aqui não pode?

Oliveira Barros
Oliveira Barros
Reply to  José
1 ano atrás

Nosso Presidente só quer encerrar o sofrimento e a morte de milhares de soldados ucranianos.
Tá difícil a situação para a Ucrânia.

Gerson Carvalho
Gerson Carvalho
Reply to  José
1 ano atrás

Deve ser Vodca e Caviar

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Gerson Carvalho
1 ano atrás

Relógios Cartier e ovos de Fabergé.

francisco
francisco
Reply to  José
1 ano atrás

São armas para a Venezuela. Querem armas os aliados para uma possível guerra contra os USA.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  francisco
1 ano atrás

Olá Chico. 5 ton deve dar uma 100 munições de 155 mm, ou uns 10 mísseis do tipo Exocet… isso, sem contar os dispositivos de controle e disparo. Contudo, fica a pergunta, por que os russos mandariam as armas destinadas para a Venezuela para o Brasil como bagagem diplomática ao invés de enviar diretamente para a Venezuela?

Jadir
Jadir
Reply to  Camargoer.
1 ano atrás

O Chico viaja na maionese…..

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Jadir
1 ano atrás

5 toneladas são 10 mil frascos de maionese. Acho que o Carrefour vende isso em uma semana em um hipermercado de uma capital

Wagner Figueiredo
Wagner Figueiredo
Reply to  José
1 ano atrás

Tô espantado com o tanto de curtidas… muita gente!!!!

Antonio Cançado
1 ano atrás

O quê esse traste veio fazer aqui?

Curiango
Curiango
Reply to  Antonio Cançado
1 ano atrás

Trastie e seu namorado

Pablo
Pablo
Reply to  Curiango
1 ano atrás

EDITADO
2 – Mantenha o respeito: não provoque e não ataque outros comentaristas

Antunes 1980
Antunes 1980
1 ano atrás

Se sair daqui sem um acordo comercial ou militar, será muito estranho mesmo…

Tomara que traga oportunidades boas para o Brasil !

T-90, MI-28 e sistemas S-300 cairiam como uma luva.

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Antunes 1980
1 ano atrás

tão tendo nem pra eles. Essa guerra ai serviu pra algumas coisas. Uma delas é um grande e brilhante ponto de interrogação sobre o material de produção russa.
Falem o que quiser. Muita coisa era pintada como o estado da arte do estado da arte.

Na prática foi muito diferente disso.

Oliveira Barros
Oliveira Barros
Reply to  Felipe M.
1 ano atrás

Comentário tipo: Preciso me convencer disso.

DanielJr
DanielJr
Reply to  Felipe M.
1 ano atrás

Eu também tinha esse ponto de interrogação, igual a você, mas já está acabando pra mim: os equipamentos deles são inferiores ou obsoletos, mesmo recém saídos de fábrica. Antes era necessário considerar várias desculpas apresentadas, pois tinham cabimento: Todo equipamento russo/soviético exportado é uma versão inferior ao da própria rússia Falta de treinamento da tripulação Compraram o MiG29 mas ele não tem a rede de radares de apoio, um sistema planejado para funcionar em conjunto. Não têm todos os sistemas de armas Só compraram o tanque, mas não as AAA e suporte etc Agora não há mais desculpas, todos os… Read more »

Felipe
Felipe
Reply to  DanielJr
1 ano atrás

S-300 Ucrânianos (de origem russa) impedem controle aereo da Rússia e os Su-35 agora estão minando qualquer chance de reação ucraniana. São dois equipamentos russos que estão mudando a guerra.

Inimigo público
Inimigo público
Reply to  Felipe M.
1 ano atrás

Essas muitas coisas vendidas mostraram seu valor no campo de batalha, exemplo Terminator, Kalibr, Iskanders, S-300/400, Su-35, Ka-52, até o velho TOS, mas nada neste mundo é imbatível, apenas fanboys acham que não. Se os russos tiveram muitos erros táticos isso não é culpa do equipamento.

Felipe
Felipe
Reply to  Felipe M.
1 ano atrás

É, amidia ocidental faz parecer isso. Mas o relatório vazado agora da inteligência americana mostra justamente o contrário.

Guilherme Lins
Guilherme Lins
Reply to  Felipe M.
1 ano atrás

Verdade nua e crua.

Welington S.
Welington S.
Reply to  Antunes 1980
1 ano atrás

O mercado de compras militares do Brasil é EUA, via FMS quando oportuno e Europa. Esquece T-90, Mi-28, S-300 por aqui. Não vai rolar!

Ildo
Ildo
Reply to  Welington S.
1 ano atrás

É; mercado neocolonial. Na prática equipamento para desfile tal o nível de instrusão das cláusulas geopolíticas do FMS…

Incrível como se quer falar em “defesa” no país com essas fontes…

E exatamente por isso nossas FAs são o que são… Quase tudo obsoleto; o que tem de moderno é quem quantidades ínfimas e amarrado por correntes via FMS e outras cláusulas dos EUA/OTAN…

Last edited 1 ano atrás by Ildo
Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Ildo
1 ano atrás

Caro Ildo. O material de defesa adquirido dos europeus (caças suécos, navios alemães, submarinos, misseis, torpedos da França, carros de combate dos italianos.,,, nada disso foi adquirido por FMS, mas por meio de compra direta ou por meio de financiamento externo sem cláusulas de barreira, a não ser o certificado de usuário final.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Welington S.
1 ano atrás

Caro. O Brasil sempre comprou a maioria do seu armamento novo de países Europeus. Os EUA foram fornecedores de material de segunda mão.

Marcos Silva
Marcos Silva
Reply to  Antunes 1980
1 ano atrás

“T-90, MI-28 e sistemas S-300 cairiam como uma luva…”
Essas trolhas nem pra eles prestam,vai servir pro brasil? Já esqueceu do episódio daquelas jabiracas dos Mi-35???

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Marcos Silva
1 ano atrás

Pra Ucrânia, os S-300 mais antigos servem que é uma beleza, são eles que tem forçado a força aérea russa a voar baixo e do lado Russo faz o mesmo com a força aérea Ucraniana.

Felipe
Felipe
Reply to  Cristiano de Aquino Campos
1 ano atrás

Exatamente…isso não é destacado pela mídia ocidental (preferem mostrar um vídeo de manpad de origem desconhecida derrubando um helicoptero e dizer que são stinger)

Igorxoa
Igorxoa
Reply to  Antunes 1980
1 ano atrás

T-90????? Alguém tira o War Thunder desse garoto por favor.

Pedro
Pedro
Reply to  Antunes 1980
1 ano atrás

ta doido ter tanques russos que voam pelos ares. Sem falar que não acredito que eles poderiam abrir de equipamentos militares significativos durante a guerra devido as grandes perdas que estão tendo.

Henrique
Henrique
Reply to  Antunes 1980
1 ano atrás

“T-90, MI-28 e sistemas S-300 cairiam como uma luva.”

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
Sim, taz ai pior tank da Rússia e heli inútil

nego não aprendeu nada com H2 Sabre e quer mais lixeria russa aqui

Last edited 1 ano atrás by Henrique
Alexandre
Alexandre
Reply to  Henrique
1 ano atrás

Explique mais sobre os defeitos inerentes dos sabres!

Oliveira Barros
Oliveira Barros
1 ano atrás

Fato que o Brasil está estreitando as relações com Rússia e China
E isso é ótimo.
O Brasil já assinou o acordo para afastar o dólar das transações comerciais com a China, seu maior parceiro comercial.
Ademais, calcula-se que até 2030 os BRICS e seus novos afiliados serão o maior pólo econômico do Mundo.
Estamos, finalmente, no caminho certo.

alves
alves
Reply to  Oliveira Barros
1 ano atrás

 calcula-se que até 2030 os BRICS e seus novos afiliados serão o maior pólo econômico do Mundo”
Isso que dar usar entorpecentes.
Maior moeda comercial foi, é e sempre será o dólar. Pode odiar os yankes, mas voltem a realidade comercial desse mundo globalizado

Oliveira Barros
Oliveira Barros
Reply to  alves
1 ano atrás

Se o Império Romano caiu, por que o dólar não cairia?
Até a França já fez a primeira compra de GNL na China pagando em yuan.
E Macron está na China fazendo o quê, além de aumentar o intercâmbio com os chineses.
Novos tempos chegaram.

Oliveira Barros
Oliveira Barros
Reply to  Oliveira Barros
1 ano atrás

Só para acrescentar que muito provavelmente esse GNL era russo, que a China está repassando para a Europa .
Ganha a China.
Ganha a Rússia.

Marcos Silva
Marcos Silva
Reply to  alves
1 ano atrás

EDITADO

3 – Mantenha o blog limpo: não use palavras de baixo calão ou xingamentos

Last edited 1 ano atrás by Franz A. Neeracher
Alexandre
Alexandre
Reply to  Marcos Silva
1 ano atrás

Seu desrespeito por outro povos te desqualifica como interlocutor sobre qualquer assunto.

Marcos silva
Marcos silva
Reply to  Alexandre
1 ano atrás

Tô nem aí….
Ademais não respeito vagabundo que invade outro país.

Gilson Elano
Gilson Elano
Reply to  Oliveira Barros
1 ano atrás

Será que o (des)governo brasileiro vai ter pulso pra exigir que a China receba em Real?
Será que vai mais do mesmo, eles vão nos entupir da moeda deles, enquanto a nossa não vale nada?

Oliveira Barros
Oliveira Barros
Reply to  Gilson Elano
1 ano atrás

O acordo foi assinado essa semana.
Já está valendo!
Alvíssaras!

Hurricane
Hurricane
Reply to  Gilson Elano
1 ano atrás

Desgoverno mesmo,estamos virando uma Argentina e não vai ter China certa.

Semmicos
Semmicos
Reply to  Hurricane
1 ano atrás

Se não nos tornamos como o inapto seguidores astrólogo, imagina com quem segue a cartilha de Washington.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Gilson Elano
1 ano atrás

Caro. O Brasil já tem este tipo de acordo com a Argentina. Há uma câmara de compensação. O importador brasileiro paga em real e o exportador chinês recebe em moeda chinesa. O importador chinês paga em moeda local e o exportador brasileiro recebe em real. Simples assim. Cada país paga e recebe em sua própria moeda.

Nemo
Nemo
Reply to  Gilson Elano
1 ano atrás

Amigo, os bancos centrais firmaram um acordo de swap de moedas. Da próxima vez se informe melhor antes de entrar em pânico.

Guilherme Lins
Guilherme Lins
Reply to  Oliveira Barros
1 ano atrás

Rússia sofrendo todo tipo de sanções, Brasil engatando a marcha ré e até a China diminuindo seu crescimento e aumentando sua dívida. Mas alguém calculou que em menos de 7 anos o BRICS será o maior polo econômico do mundo…

Oliveira Barros
Oliveira Barros
Reply to  Guilherme Lins
1 ano atrás

Se Brasil, Rússia e China estão assim, não quero nem imaginar como estão Europa e EUA.

Oliveira Barros
Oliveira Barros
Reply to  Guilherme Lins
1 ano atrás

As coisas mais leves que estão acontecendo por lá são as falências de bancos.
Começou com o SVB, passou para o First Repúblic, tombou o Credit Suisse e agora está indo para o Deutsche Bank.
E isso sem sanções.

Guilherme Lins
Guilherme Lins
Reply to  Oliveira Barros
1 ano atrás

Mercado financeiro, assim como qualquer outro, tem seus riscos. Bancos no Brasil não quebram pq o governo, na necessidade deles e ganhando pra isto, imprime mais moeda, no primeiro momento não há correção monetária e o socorro aos bancos chega. A paga por isto vem depois, com os reajustes, através do consumidor (nós). Este fenômeno é chamado de inflação por muitos.
Voltando ao tópico, é isto. O BRICS não será o maior bloco econômico daqui a menos de 7 anos.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Guilherme Lins
1 ano atrás

Caro. O problema do setor financeiro é real. Em 2008, após um longo período de desregulamentação do setor, o sistema entrou em uma das mais graves crises, a qual só foi contida por interferência direta dos governos de todo o mundo. O que esta acontecendo agora é um pouco diferente, mas tem a ver com um desequilíbrio entre as taxas de juros cobradas pelos bancos e as taxas determinadas pelos bancos centrais dos países. Com o desarranjo dos sistemas de produção durante a pandemia, muitas empresas perderam mercados e ainda estão com problemas, Com o aumento das taxas básicas, os… Read more »

Guilherme Lins
Guilherme Lins
Reply to  Camargoer.
1 ano atrás

Blza, quem falou que o problema é inflação? Você entendeu o que do meu comentário?

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Guilherme Lins
1 ano atrás

Caro. A inflação tem várias origens. Por exemplo, quando o setor de industrial atinge a sua capacidade máxima de produção e demanda continua aumentando, é provável que ocorra uma elevação dos preços, a não ser que seja possível importar para compensar a demanda. Neste caso, é preciso que a balança comercial possa compensar as importações com algum tipo de exportação, caso contrário haverá uma desvalorização da moeda, levando os preços para o consumidor em função do custo dos dispositivos e dos materiais importados. Outro ponto é a taxa de desemprego. Quando a economia atinge o pleno emprego, uma das consequências… Read more »

Alexandre
Alexandre
Reply to  Guilherme Lins
1 ano atrás

Os BRICS já se iguala ao G7 no que se refere ao PIB.

Alexandre
Alexandre
Reply to  Alexandre
1 ano atrás

Na realidade já superou. Pesquise.

SGT MAX WOLF FILHO
SGT MAX WOLF FILHO
Reply to  Oliveira Barros
1 ano atrás

O marcron também agora disse que quer negociar com a China sem o dollar, é questão de tempo para o dollar se desvalorizar agora!

Oliveira Barros
Oliveira Barros
1 ano atrás

‘Visita do chanceler russo Serguei Lavrov ao Brasil no dia 17 vem causando desconforto entre representantes diplomáticos de países que apoiam a Ucrânia na guerra contra a Rússia.’

Na boa.
Não estamos nem aí.

Mauro Cambuquira
Reply to  Oliveira Barros
1 ano atrás

Esse desconforto, é na verdade desconfiança. Essa turma precisa entender melhor como o mundo tem caminhado.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Oliveira Barros
1 ano atrás

As vezes sapato apertado causa desconforto tambem

Airton
Airton
1 ano atrás

Vocês viram que o Kings era um dos agentes? Parou de fomentar em Março, um pouco antes de ser preso te dando entrar no tribunal de AIA rsrsr.
Faz parte do desfarce se envolver com a vida do país né, inclusive participando de blogs e tal

Oliveira Barros
Oliveira Barros
Reply to  Airton
1 ano atrás

Provavelmente foi embora, pois não tinha muito o que relatar, além do menu da próxima recepção dos militares.

Kkkkkkkkk

Nativo
Nativo
Reply to  Airton
1 ano atrás

Lembra o agitador do vader.

Cidadão
Cidadão
1 ano atrás

Quem dera fosse uma arma nuclear de presente para o Brasil.
Só assim para termos nossa soberania de fato.

João Augusto
João Augusto
Reply to  Cidadão
1 ano atrás

Nossos governantes não tardariam pra jogá-la no próprio povo. A história aqui é esta.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Cidadão
1 ano atrás

Caro.o único caso que conheço deste tipo de negócio foi a oferta dos EUA de fornecer duas bombas ato icas para a França jogar no Vietnã

MIB
MIB
1 ano atrás

O amor venceu #pas

Irish Green
Irish Green
Reply to  MIB
1 ano atrás

Pas e enxadas

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Irish Green
1 ano atrás

Foice e martelo

Marcos Silva
Marcos Silva
Reply to  MIB
1 ano atrás

E o que seria #pas?????

C G
C G
1 ano atrás

As relações diplomáticas devem ser respeitadas mas que esse boca de sacola não soma nada não soma, poderia ir pra Marte!

Oliveira Barros
Oliveira Barros
Reply to  C G
1 ano atrás

O joalheiro foi a Washington bajular o pessoal de lá e o Brasil sofreu as pragas bíblicas.
Que venham novos amigos.

C G
C G
Reply to  Oliveira Barros
1 ano atrás

Quem anda com porco lavagem come!

NEMOrevoltado
NEMOrevoltado
Reply to  C G
1 ano atrás

Isto pode ser dito de todos os politicos que existem!

Alexandre
Alexandre
Reply to  C G
1 ano atrás

Mais um que se auto desqualifica como interlocutor. Incrível como a ignorância e a insanidade se ajustam perfeitamente a maldade desses delinquentes intelectuais e morais.

Welington S.
Welington S.
Reply to  Oliveira Barros
1 ano atrás

Que venham novos amigos.”

Não existe amizade entre nações. Existe interesses.

Ildo
Ildo
Reply to  C G
1 ano atrás

Bons para alguns é certo “governo” que presta continência a bandeira dos EUA…

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Ildo
1 ano atrás

“I love you”

Oráculo
Oráculo
Reply to  C G
1 ano atrás

O Brasil é parceiro comercial da Rússia no BRICS. Logo a visita do Lavrov, e futuramente até do Putin, deve ser encarada com naturalidade. Independente do lado que você “torce” nessa guerra. Negócios são negócios. Gostem os “puritanos” ou não. Países não tem escrúpulos. Tem interesses. No mais chega a ser engraçado a lambança diplomática feita pelos Democratas no comando da política externa dos EUA. Ajudaram a tirar um governo que era 100% favorável a eles. Para colocar no lugar governantes que vão levar a maior nação sul-americana pro lado da China e Russia. E isso é algo irreversível. Que… Read more »

M4|4v1t4
M4|4v1t4
1 ano atrás

Este senhor no Brasil. Deixa eu explicar um problema que temos aqui desde os anos 70. Existe uma fábrica clandestina de documentos brasileiro que está à disposição do FSB. E isso ficou muito pior depois de 2002 do que já era desde os anos 70. O estado brasileiro está infestado de funcionários públicos que atuam como informantes e facilitadores para uma corrente de pensamento antiamericana. Esses funcionários públicos, que estão nos MP dos estados, no MPF e em outras instituições de estado, acham que estão ajudando um partido polítco ou um determinado Instituto Molusco da Silva a perseguir um desafeto… Read more »

Last edited 1 ano atrás by M4|4v1t4
Oliveira Barros
Oliveira Barros
Reply to  M4|4v1t4
1 ano atrás

Vou apertar a tecla SAP.
Peraí!

Wilson França
Wilson França
Reply to  M4|4v1t4
1 ano atrás

Caraca, maior viagem essa! Legal!

Ivan herrera
Ivan herrera
Reply to  M4|4v1t4
1 ano atrás

😂😂😂

M4|4v1t4
M4|4v1t4
Reply to  M4|4v1t4
1 ano atrás

EDITADO
2 – Mantenha o respeito: não provoque e não ataque outros comentaristas

Last edited 1 ano atrás by M4|4v1t4
Felipe
Felipe
Reply to  M4|4v1t4
1 ano atrás

Olha aí mais uma viuva do Olavo…

WSilva
WSilva
1 ano atrás

Toda vez que leio ”Jovem Pan” me vem à mente propagação de narrativas nebulosas por individuos folclóricos…

De qualquer forma, já passou da hora do Brasil estreitar relações com a Russia no âmbito militar.

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  WSilva
1 ano atrás

o exemplo do Mi 35 é um baita exemplo de “estreitamento de relações de sucesso” né?

Pra você dizer que “passou da hora”, deve ser pq a experiência deve ser muito boa.

Lembro da “oferta”, que na verdade era uma exigência, da compra de 3 míseras baterias do Pantsir por U$ 1 bi. Um baita “parceiro” hein?

E olha que o dólar era nem 3 mangos.
Agora então. Já pensou? Que “maravilhoso” seria pagar quase 6 bilhões de reais em três baterias de um pantsir da vida?

Parece que vocês vivem num mundo paralelo.

WSilva
WSilva
Reply to  Felipe M.
1 ano atrás

”Pra você dizer que “passou da hora”, deve ser pq a experiência deve ser muito boa.”

Não existe outro país que mais tenha facilitado a transferencia de tecnologia militar do que a Russia.

Se depender dos EUA, o Brasil no futuro usuará arco e flecha para se defender.

Welington S.
Welington S.
Reply to  WSilva
1 ano atrás

De fato os americanos não compartilham. Faz mais sentido os europeus do que eles inclusive. Agora a Rússia facilitaria mesmo a transferência de tecnologia para o Brasil? Na época que quiseram nos enfiar Pantsir e o EB pediu a abertura do código fonte para incorporar o nosso, os russos negaram. E não estou dizendo da boca pra fora não. Um especialista em defesa que utiliza de seu canal no Youtube para divulgar os assuntos já disse isso em live.

WSilva
WSilva
Reply to  Welington S.
1 ano atrás

”Agora a Rússia facilitaria mesmo a transferência de tecnologia para o Brasil?”

Mais do que EUA e Europa sem duvidas.

O Brasil nunca estreitou relações militares com a Russia por medo dos EUA e pela questão ideologica dentro das FAs e das elites e não porque uma ou outra transferência de tecnologia não tenha vingado.

Welington S.
Welington S.
Reply to  WSilva
1 ano atrás

”O Brasil nunca estreitou relações militares com a Russia por medo dos EUA…” Por medo, eu não sei. Falta de oportunidades ou fazer acontecer, talvez. Fato é que o atual presidente ficou por 2 mandatos, no passado, como presidente. O que nós podemos colocar na mesa para discutir as relações com a Rússia, sendo ele muito mais pró Rússia e China do que os EUA e Europa? ”…e pela questão ideologica dentro das FAs e das elites…” Tá vendo aí? Logo o mercado dos militares são EUA, via FMS quando oportuno e Europa. É muito mais Europa, inclusive. E isso… Read more »

RSmith
RSmith
Reply to  Welington S.
1 ano atrás

Sr. Welington, não sou fan dos produtos Russos, porem reconheço que eles tem a sua qualidade, tem problemas logísticos mais são eficazes naquilo para qual foram projetados quanto a sua afirmação “porem Acredito que na época o Pantsir e S-300 teria vingado se eles nos abrissem o código fonte para integrarmos o nosso” avalio que eles não fornecem os “Códigos” para ninguém, a não ser para aqueles que efetivamente participaram no desenvolvimento do mesmo, por motivos de segurança… caso você tenha acesso aos Códigos você tera pleno domínio e conhecimento de como o equipamento funciona, e assim você ponderar integrar… Read more »

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  WSilva
1 ano atrás

“Não existe outro país que mais tenha facilitado a transferencia de tecnologia militar do que a Russia.” De onde você tirou isso? Quais exemplos tem pra citar? No FX2, por exemplo, ao que parece a proposta sueca entregava bem mais do que russa, em termos de parceria. Inclusive, até a francesa, aparentemente, era mais ampla. Podemos citar colaboração com os italianos no AMX. Ou a colaboração com os alemães, nos tupis. Cite um exemplo ai de colaboração com os russos que eles tenham nos tratado com tanto “amor e carinho” assim… Como citei…queriam era entubar o pantsir com a justificativa… Read more »

WSilva
WSilva
Reply to  Felipe M.
1 ano atrás

”De onde você tirou isso? Quais exemplos tem pra citar?” China teria muita dificuldade de progredir com suas FAs sem transferencia de tecnologia por parte da União Sovietica e Russia. A Índia nem se fala, depende pesadamente da Russia até hoje e há vários projetos conjuntos entre eles. Há outros países também, mas somente o fato da Russia transferir certas tecnologias para China e Ìndia já mostra que são mais abertos que o ocidente. A moral da história é, o ocidente não quer um Brasil forte. Um Brasil forte não faz diferença para Russia ou China, aliás, seria até melhor,… Read more »

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  WSilva
1 ano atrás

Tá, aqui é o Brasil. América do Sul. É óbvio que tanto a China como a Índia são infinitamente mais atrativas aos russos, do que o Brasil. Principalmente se se propor pela ótica dos anos 90 e início dos anos 2000, em que o mercado doméstico, que se desenhava, de quase 3 bilhões de pessoas era uma grande chamariz. Lógico que o tempo passou e, há algum tempo, a tendência é a dominação de mercados asiáticos pelas empresas chinesas e não russas. De toda forma, os russos tiveram várias oportunidades para mostrarem a mesma mão amiga que mostraram aos chineses… Read more »

Ildo
Ildo
Reply to  Felipe M.
1 ano atrás

O Mi-35M foi ordem… Aceita passivamente, diga-se… Vexame…

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Ildo
1 ano atrás

não jogue para outros a culpa da nossa incompetência.
Ordem de quem cara pálida?

Até parece que alguém estava tão preocupado assim com uma dúzia de Mi 35 do Brasil

Alexandre
Alexandre
Reply to  Felipe M.
1 ano atrás

Por gentileza, seja intelectualmente honesto e informe a totalidade do que consistia o acordo.

Felipe M.
Felipe M.
Reply to  Alexandre
1 ano atrás

No Forte: “De acordo com a agência de notícias pública russa Ria Novosti, o acordo para a compra das baterias antiaéreas deve ser concluído em 2016. A previsão foi confirmada em Moscou pelo embaixador brasileiro. “Segundo as informações que tenho, o contrato será assinado no próximo ano, em um contrato total de US$ 500 milhões”, afirmou Guerreiro, que indicou a perspectiva de compra de três unidades dos veículos. O Serviço Federal para Cooperação Técnica-Militar da Rússia também confirma a iminência do negócio. Carência. A transação foi um dos objetos de conversações na 9ª Reunião da Comissão Intergovernamental de Cooperação (CIC)… Read more »

Alexandre
Alexandre
Reply to  Felipe M.
1 ano atrás

Na abimde.org: o acordo preve 100% de transferência de tecnologia, prevendo construção completa do sistema no Brasil. A Rússia oferece também opções com menor transferência de tecnologia a preço menor. Tudo isso estabelecido em contrato. Pior que uma mentira é uma verdade pela metade. Eis a desonestidade.

SGT MAX WOLF FILHO
SGT MAX WOLF FILHO
Reply to  Felipe M.
1 ano atrás

Os MI35 do Peru, Nigéria, Sirilanka e mais 30 países estão operacionais e voando! Estranho né, o Brasil deve ter tido algum embargo da Rússia ne, ou da própria FAB!

Nei
Nei
Reply to  WSilva
1 ano atrás

Não acredito que você realmente acha isso bom.

Um país do outro lado do mundo, com alguns equipamentos bons, mas sem qualquer assistência em manutenção e peças?

Deixa de ser torcedor e usa a cabeça um pouco mais.

Tuacha
Tuacha
Reply to  Nei
1 ano atrás

As peças existem vai depender do interesse de quem precisa. A qui no Brasil e comum deixar estragar para comprar novo.

Marcos Silva
Marcos Silva
Reply to  WSilva
1 ano atrás

É…. Deveria estreitar tanto até desaparecer.
É cada um…

Hurricane
Hurricane
Reply to  WSilva
1 ano atrás

Narrativa boa e idônea é do consórcio de imprensa,só militância e mentiras desse desgoverno.

Alexandre
Alexandre
Reply to  Hurricane
1 ano atrás

Seria ótimo para todos se você explicasse de forma clara e objetiva
por que o atual governo é um desgoverno. Mas por favor ,por mais difícil que seja, use a racionalidade e argumentos factíveis.

Magaren
Magaren
Reply to  WSilva
1 ano atrás

Sim claro, vão fornecer um monte t55 enferrujados

RSmith
RSmith
Reply to  WSilva
1 ano atrás

“…De qualquer forma, já passou da hora do Brasil estreitar relações com a Russia no âmbito militar.” desculpa Sr. Silva… devo discordar da sua avaliação …. na minha humilde opinião o correto seria dizer que “já passou da hora do Brasil depender dos EUA, Europa, Russia … quem quer que seja para o desenvolvimento e aquisição de material de defesa e outros fundamentais para nossa soberania” enquanto essa situação continuar o Brasil continuara um pais “dependente” dos outros… a Independência só existe quando a nação pode promover sua defesa e bem estar sem depender, em qualquer nível ou grau, dos… Read more »

Luciano
Luciano
1 ano atrás

“”Jovem Pan””

alves
alves
Reply to  Luciano
1 ano atrás

Olha aqui essa parte em negrito;
Reportagem do jornal Folha de S.Paulo desta quinta-feira, 6, informa que a Polícia Federal suspeita do uso do país de forma sistemática para formar agentes ilegais pelo governo russo”

Oliveira Barros
Oliveira Barros
Reply to  alves
1 ano atrás

E os países da OTAN têm sido usados de forma sistemática para treinar agentes e soldados ucranianos que pertencem a um regime de claras tendências extremista d.
Regime que manda atirar nos próprio soldados que se rendem ou colocam bombas em estatuetas.

Nei
Nei
Reply to  Oliveira Barros
1 ano atrás

Fonte!

Só especulação de fã Russo isso.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  alves
1 ano atrás

Há anos a gente sabe que espiões estrangeiros usam passaportes brasileiros. Até o irmão do presidente da Coreia do Norte usava passaporte brasileiro.

Zorann
Zorann
1 ano atrás

Muito bom!

Temos mesmo de nos aproximarmos cada vez mais de nossos parceiros comerciais, deixando de lado qualquer questão politica/ideológica de lado.

Somos neutros neste conflito. Os aliados ucranianos não tem nada que se meter aqui.

Querem conversar conosco? Estamos abertos a qualquer negociação que possa trazer benefícios ao nosso país.

C G
C G
Reply to  Zorann
1 ano atrás

Parceiro comercial pero no mucho!

Oliveira Barros
Oliveira Barros
Reply to  C G
1 ano atrás

Pensei o mesmo ontem, quando li a notícia que a França começou a negociar com a China em yuan e Polônia e Japão aumentaram as compras de energia russa.

Walter Moraes
Walter Moraes
1 ano atrás

Uai. Surpresa zero! Vindo como mala diplomatica, é obvio que se trata de equipamentos de inteligência, diversos! Nada de diferente do que fazem Austrália, Canadá, Nova Zelândia, Reino Unido e Estados Unidos , os five eyes. Ou a China. Em relações internacionais, não existem amigos, existem interesses, convergentes ou colidentes. Aliás, o uso de passaporte brasileiro e histórias coberturas daqui, é a coisa mais comum que se pode ter , pela diversidade étnica do brasileiro, qualquer um pode de passar por cidadão do país: chinês, russo, americano, arabe, norueguês, venezuelano. Aí aí.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Walter Moraes
1 ano atrás

Pois é. Os EUA enviam um C5 Galaxy cheio de coisas, inclusive o carro blindados o combustível. Nem gasolina eles compram aqui. E possivelmente os usados triceram com.ida também para evitar risco de envenenamento.

Nei
Nei
1 ano atrás

Vamos lá.

Não concordo com a Guerra na Ucrânia, mas proibir um ministro Russo de visitar nosso país, já acho que é demais.

Brasil ainda tem relações comerciais com a Rússia e não tem como cortar isso do nada.

Entretanto, essa visita com materiais sob sigilo (carga), causa sim estranheza de outros países, com direito.

No mais, não consigo ver “L”, ajudando na paz na Ucrânia.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Nei
1 ano atrás

Caro. A Rússia está em guerra. O aparato de segurança do ministro está reforçado. Talvez eles tenham trazido até comida para evitar risco de contaminação. Até a CBF leva comida para os jogadores na copa.

Hurricane
Hurricane
Reply to  Nei
1 ano atrás

O dono do L vai convidar os chefes dos 2 lados em guerra para tomar umas 51, e a claque vai dizer que ele é o cara,só se for de pau.

Oliveira Barros
Oliveira Barros
Reply to  Nei
1 ano atrás

‘Entretanto, essa visita com materiais sob sigilo (carga), causa sim estranheza de outros países, com direito.’

Pode trazer o quiser, contanto que seja com aprovação do GOVERNO BRASILEIRO.
Os outros países têm direito de ficar calados observando o estreitamento das relações entre Brasil e Rússia.
E só!!!!

RSmith
RSmith
Reply to  Oliveira Barros
1 ano atrás

Pode trazer o quiser, contanto que seja com aprovação do GOVERNO BRASILEIRO. .. desculpa mais eles não precisam da “aprovação” do governo Brasileiro e nem de nenhum outro… enquanto o Brasil mantiver relações diplomáticas, com as devidas representações Russas no Brasil e Brasileira na Russia, é um direito reciproco e explicito.

Elias Jabour
Elias Jabour
Reply to  RSmith
1 ano atrás

Refiro-me a material que cause ‘inquietação’ aos governos que apoiam o regime ucraniano.
Confesso que me expressei de maneira incompleta.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Oliveira Barros
1 ano atrás

Caro. Todo material diplomático viaja sob sigilo. Pode ser documentos, sistemas de co.unicavao criptografado, ouro, dinheiro, armas, munição…

Elias Jabour
Elias Jabour
Reply to  Camargoer.
1 ano atrás

Como dito acima a refere-se a material que cause ‘inquietação’ aos governos que apoiam o regime ucraniano.
Ok?

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Elias Jabour
1 ano atrás

Caro. Se é sigiloso, como pode causar inquietação? Se todo material diplomático é sigiloso, então toda mala diplomatica causará inquietação

Elias Jabour
Elias Jabour
Reply to  Camargoer.
1 ano atrás

Por isso!
É o famoso que se dan……
De todo modo, poderia ser, por exemplo, material radioativo que causasse algum registro ou detecção.
Mas, de qualquer maneira, dan… de novo.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Elias Jabour
1 ano atrás

Caro Elias. Seria impossível passar material radioativo desprotegido porque isso afetaria o pessoal diplomático responsável pelo transporte e seria facilmente detectando no aeroporto. COntudo, vocẽ tem razão. A mala diplomática pode levar Ce-137 ou mesmo jóias francesas.

Fabio Araujo
Fabio Araujo
1 ano atrás

Se for material para a segurança dele como por exemplo uma limosine blindada para o deslocamento dele é coisa até natural, vai ser bronca se quando ele for embora essa carga ficar pois se for coisa da segurança dele tem que voltar com ele!

RSmith
RSmith
Reply to  Fabio Araujo
1 ano atrás

… não teria problema alguma deixar um carro blindado para uso da Embaixada da Russia no Brasil…. ou equipamentos de comunicação… comida, roupas, material de escritório, etc… ate mesmo armamento para a força de segurança interna da embaixada … tudo permitido e normal

Fabio Araujo
Fabio Araujo
Reply to  RSmith
1 ano atrás

Ele deve ter mais de um carro deste, pelo menos um ou dois ficam em Moscou para uso no dia a dia e deve ter mais um ou dois que são enviados nas viagens afinal ele não vai se arriscar usar carros que não sejam liberados pela equipe de segurança dele!

Gabriel BR
Gabriel BR
1 ano atrás

Boto fé ! Viva o BRICS!

Gabriel BR
Gabriel BR
1 ano atrás

Bem vindo, senhor Lavrov!
O Brasil recebe com grande satisfação nossos sócios do BRICS

Marcos Silva
Marcos Silva
Reply to  Gabriel BR
1 ano atrás

Fale por vc! Eu não quero esse lixo aqui.

Gabriel BR
Gabriel BR
Reply to  Marcos Silva
1 ano atrás

Você é irrelevante

RSmith
RSmith
Reply to  Gabriel BR
1 ano atrás

irrelevante e mal educado! não compete ao povo brasileiro, ou de qualquer outra nação, escolher quem representa uma nação amiga… compete receber de forma educada e ve o que ele veio “vender” ao nosso governo….

Oliveira Barros
Oliveira Barros
Reply to  Marcos Silva
1 ano atrás

Tenha certeza.
Lavrov anotou isso.
Kkkkkk

H.Saito
H.Saito
1 ano atrás

Deve ser o famoso Kit Paranóia anti-assassinato.

Leandro Costa
Leandro Costa
1 ano atrás

Preocupante. Mas percebe-se que no quesito política externa também trocamos seis por meia dúzia.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Leandro Costa
1 ano atrás

Trocamos Zero por meia dúzia.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Camargoer.
1 ano atrás

Camargo, nesse caso discordamos bastante.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Leandro Costa
1 ano atrás

Caro. O debate só acontece entre aqueles que discordan. riso. Contudo, gostaria de pontuar algumas coisas que aconteceram durante o administração passada. 1. Os países da América Latina foram ignoradas pela política externa. O presidente anterior não participou de nenhuma posse presidencial na região. Nem preciso dizer o tamanho do erro. Os países que fazem fronteira com o Brasil afetam nosso país em todos os aspectos, como sanitário, segurança pública, comércio, saúde… A Argentina é o terceiro parceiro comercial do Brasil e o maior importador de bens de alto valor, como equipamento, tratores, caminhões e automóveis. O Brasil tinha um… Read more »

Claudio Moreno
Claudio Moreno
1 ano atrás

Vodka!

Sgt Moreno
(CM)

Wladimir Marques de Carvalho
Wladimir Marques de Carvalho
1 ano atrás

Porque eu apoio a Rússia primeiro a Ucrânia originalmente e território da Rússia , existe um contrato internacional que estabelecer que a Rússia permitiria que o território onde hoje é a Ucrânia tivesse uma , autonomia, como fôrma de cria um estado tampão na fronteira Rússia é otam após o final da guerra fria , foi celebrado entre a otam e a Rússia, na qual a Rússia permitiria autonomia da Ucrânia se está permanecesse neutra, não poderia de forma alguma manter bases militares estrangeiras,ou fazer parte de alianças militares como otam ou UE etc .a quebra de um contrato por… Read more »

Heitor
Heitor
1 ano atrás

A fofocanalize vai rolar solta via jovem pan

Alex Silva
Alex Silva
1 ano atrás

Jovem Pan, kkkkkkk, extremamente frustrado porque a Jovem Pan(aca) ainda não produziu a matéria que seria a sua redenção editorial: “onde fica a borda da Terra plana?”, de inestimável valor conspiracional-folclórico-circense que serviria para aglutinar ainda mais seu público, que aliás, inclusive, é homenageada no seu nome: PAN(ACA)

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Alex Silva
1 ano atrás

A borda da terra plana fica no norte do planeta, basta navegar por 72 horas, só tome cuidado com o brilho de Joias árabes pois elas atrapalham a visão e você pode cair no precipício da da ignorância e hipocrisia!

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Cristiano de Aquino Campos
1 ano atrás

Olá Cris. Pois é. A borda do planeta é uma visão metafórica da limitação intelectual.

Mengao
Mengao
1 ano atrás

O Brasil não é um país ocidental.
O Ocidente sempre desprezou e sabotou o Brasil.
Tivemos governos ruim. Tivemos nossos erros. Mas houve bons governos, acertos, e sempre o Ocidente sabotando os mesmo e desestabilizando o Brasil.
O Brasil se aproxima da Rússia e China, em dez anos estamos lançando satélites, construindo submarino nuclear e caças 5g.
O Brasil tem muitos problemas, mas o problema raiz é quem quer rebaixar e entregar o país para ser subjugado pelo Ocidente. Temos ainda a Embraer e muita tecnologia, chega de achar que somos o pior país do mundo.

Oráculo
Oráculo
Reply to  Mengao
1 ano atrás

Aí vc tá viajando.

Toda nossa indústria é baseada em equipamentos ocidentais.
Impossível mudar isso assim, de uma hora pra outra.

Isso demora uns 50 anos, mais ou menos.

Se a aproximação nos trouxer submarino nuclear e caças 5G será porque compramos de prateleira.

Agora ver a EMBRAER fabricar um caça 5G com tecnología Chinesa/Russa demora…

Last edited 1 ano atrás by Oráculo
Alex Silva
Alex Silva
Reply to  Mengao
1 ano atrás

Você está confundindo o conceito de Ocidente em geopolítica e geografia. Em geopolítica, Ocidente é toda região que na Ordem Mundial pós-II Guerra, são países e/ou territórios com politíca externa atrelados umbilicalmente aos EUA, i.e., América do Norte, mais UE, mais os satélites espalhados aqui e acolá, como Austrália, NZ, Japão, Coreia do Sul, Israel e talvez mais um outro local-peão que venha a ser governado por fantoches pró-EUA instalados no poder após uma guerra civil instigada por instrumentos pró-Ocidente como a mídia tradicional, ONGs e academia. Já o conceito de Ocidente geograficamente falando é, tomando o mapa-mundi com a… Read more »

Rodrigo Maçolla
1 ano atrás

O que vejo dessa noticia (se as informações estiverem corretas) é que se o conteúdo de uma carga não pode ser declarada , identificada claramente é porque se te algo a esconder, Simples assim, e se o Brasil deixa entrar algo que não pode ter publicidade de informação é porque esta acontecendo alguma colaboração Rússia – Brasil sim… Aguardo para saber o que o lavrov vai vim conversar aqui que não pudesse ser discutido por video conferencia por exemplo.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Rodrigo Maçolla
1 ano atrás

Você está errado. O ponto é que a correspondência diplomática é sempre sigilosa e por isso, não passa pelo despacho alfandegário. Em muitos casos, é apenas documentação sigilosa, mas em outros envolver equipamentos de criptografia e de segurança do próprio serviço diplomático. O envio por meios tradicionais destes equipamentos envolveria processos de importação e outros desembaraços fiscais. Novamente, coloco como exemplo o carro blindado do presidente dos EUA. Ele entra como material diplomático. Caso contrário, ele só poderia entrar por meio de importação e depois teria que sair como exportação. A pergunta não é sobre o que estaria no container,… Read more »

Rodrigo Maçolla
Reply to  Camargoer.
1 ano atrás

Posso estar errado então amigo, Mais comentei conforme a Noticia, entendo como correspondência uma mala ou malas de documentos sigilosos por exemplo , a noticia fala em carga de 5 toneladas, se esta certo não sei até por isso fiz uma ressalva no meu comentário, mais 5 toneladas de correspondência diplomática não faz sentido, Não acho que o seu exemplo do carro do presidente dos EUA é valido, Pois neste caso todo mundo sabe que os presidente americanos sempre onde vão o utilizam, se entram como correspondência diplomática ok então é para facilitar o desembaraço, é uma facilitação certo, Então… Read more »

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Rodrigo Maçolla
1 ano atrás

Caro Rodrigo. Toda correspondência diplomática é sigilosa. Pode ser um envelope ou uma caixa cheia de equipamentos de escuta e varredura usada pelo serviço de segurança. Eu não sei o que os russos trouxeram, mas considerando que a visita do Chanceler russo ao Brasil e que a Russia está em guerra com a Ucrânia, mesmo achando que a Ucrânia não seria doida de cometer um atentado com ele em território brasileiro, parece razoável imaginar que este material vindo ao Brasil por via diplomática tem relação com a visita. Sobre a importação de equipamento para o SBN, 5 toneladas é nada.… Read more »

Bachini
Bachini
1 ano atrás

Olha que maravilha nosso novo posicionamento, Navios do Irã, visita da Russia, vai ter enviao ao Afeganistão para fechar o pacote?

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Bachini
1 ano atrás

Caro. Acho que você tem recebido notícias com algum viés. Neste ano, o Brasil recebeu a visita de John Kerry, a primeira viagem internacional do atual presidente foi na Argentina em janeiro, depois nos EUA fevereiro, o porto do Rio de Janeiro recebeu a visita de um navio da Guarda Costeira dos EUA em março, em janeiro, o país enviou uma comitiva de ministros para Davos, no Forum Econômico.. isso que eu lembrei de memória. Então cautela quando for afirmar alguma coisa para não passar vergonha.

Sergio Machado
Sergio Machado
1 ano atrás

Provável que seja apenas material de contra-inteligência. Eles levam tudo, nem comida comem nos países visitantes. Aqui é quintal do Tio Sam.

Sergio Machado
Sergio Machado
Reply to  Sergio Machado
1 ano atrás

Além do que, fonte off e da Jovem Pan deve ser o Constantino, Eduardo Bananinha e Cia LTDA.

Maurício.
Maurício.
1 ano atrás

Jovem Panos… No mais, quanto choro e mimimi, recebemos de tudo aqui no Brasil, desde os igualmente invasores americanos até os terroristas da Arábia Saudita e do Irã, mas da Rússia não pode, eles são feios e bobos…rsrsrs.

Renato B.
Renato B.
1 ano atrás

Esse título me lembra orelha de livro de espionagem dos tempos de guerra fria. Sobre os espiões russos se fingindo de brasileiros, até que a ideia faz sentido. Russo falando português fica até convincente para não-falantes de português.

Camargoer.
Camargoer.
1 ano atrás

Cada Stinger pesa completo 16 kg. Isso significa que por peso seriam cerca de 300 mísseis. Contudo, em função do limite do espaço dentro do container só caberiam cerca de 50 unidades.

Jorge Batista dos Santos
Jorge Batista dos Santos
1 ano atrás

Bom dia eu não sei porque tamanho disco fiança daquilo que o chanceler russo está trazendo para o primeiro tem que ver o que está no avião e depois fazer as críticas primeiro que nos brasileiros não temos que confiar em ninguém depois não vou falar de os brasileiros mais uma parte puxa tanto o saco de americanos que é um país que só tem ferrado o Brasil é prova de que foi o que Eduard snow falou que o Brasil e o país mais espionando pelo Estados Unidos e sei que ninguém faz nada de graça para país nenhum… Read more »

SGT MAX WOLF FILHO
SGT MAX WOLF FILHO
1 ano atrás

Engraçado é que os EUA fazem isso o ano todo para suas embaixadas e ninguém fala nada!

Jolion
Jolion
1 ano atrás

Um carro blindado e mais alguns equipamentos de segurança

Jolion
Jolion
1 ano atrás

Um carro blindado e outros equipamentos de segurança

Felipe
Felipe
1 ano atrás

Poxa, nenhuma matéria sobre o vazamento de dados ultrassecretos do Pentágono? Muitas verdades foram vazadas que vão machucar muita gente por aqui?

Verluno
Verluno
1 ano atrás

Será que agora o labgen desempaca? Qual o custo para o Brasil?

Last edited 1 ano atrás by Verluno