• Não deve haver restrições autoimpostas à assistência militar da UE à Ucrânia
  • Aliados da UE e da OTAN devem apoiar militarmente a Ucrânia com não menos que 0,25% do seu PIB anualmente
  • A Câmara dos Representantes dos EUA deve adotar seu pacote de assistência militar para a Ucrânia sem demora

A UE deve apoiar a Ucrânia com tudo o que for necessário para que Kiev vença sua guerra contra a Rússia, dizem os deputados do Parlamento Europeu em uma resolução adotada na quinta-feira.

No texto, aprovado por 451 votos a favor, 46 contra e com 49 abstenções, os MEPs fazem um balanço dos dois anos desde a invasão em larga escala da Rússia à Ucrânia em 24 de fevereiro de 2022. Destacando como a guerra mudou fundamentalmente a situação geopolítica na Europa e além, eles apontam que o objetivo principal é a vitória da Ucrânia na guerra, alertando sobre as graves consequências se isso não acontecer. Os deputados dizem que outros regimes autoritários estão observando como isso se desenvolve para avaliar sua própria margem de manobra para exercer políticas externas agressivas.

Para que Kiev vença, não deve haver “nenhuma restrição autoimposta à assistência militar à Ucrânia”, com o Parlamento reafirmando a necessidade de fornecer ao país tudo o que for necessário para recuperar o controle total sobre seu território reconhecido internacionalmente.

Fornecer à Ucrânia munição, mísseis e sistemas de defesa aérea

Os MEPs afirmam que ainda existem grandes diferenças no nível de apoio militar fornecido pelos estados membros da UE à Ucrânia e pedem os investimentos necessários na base industrial de defesa europeia. Isso é primordial para atender às necessidades ucranianas e repor os estoques esgotados na UE. Os deputados listam sistemas sofisticados de defesa aérea, mísseis de longo alcance como TAURUS, Storm Shadow/SCALP, vários tipos de artilharia e munição (155 mm em particular) e drones e armas para combatê-los, como particularmente importantes para a Ucrânia.

Todos os aliados da UE e da OTAN devem apoiar militarmente a Ucrânia com não menos que 0,25% do seu PIB anualmente, dizem os MEPs, que também instam os países da UE a entrarem imediatamente em diálogo com as empresas de defesa, a fim de garantir o aumento da produção e entregas de munição, projéteis e mísseis para a Ucrânia, o que deve ser priorizado em relação aos pedidos de outros países terceiros. Além disso, eles pedem à Câmara dos Representantes dos EUA que adote seu pacote de assistência militar para a Ucrânia há muito estagnado sem mais demoras.

Ativos russos devem ser confiscados

A resolução sublinha a urgência de um regime jurídico sólido para permitir que ativos estatais russos congelados pela UE sejam confiscados e usados para a reconstrução da Ucrânia e para compensar as vítimas da guerra. A Rússia deve ser obrigada a pagar reparações impostas a ela para garantir que contribua substancialmente para a reconstrução da Ucrânia.

Os MEPs também pedem à UE que mantenha e estenda sua política de sanções contra Moscou e o aliado da Rússia, Belarus. Isso inclui proibir importações russas de urânio e produtos metalúrgicos para a UE, terminar a cooperação nuclear com a Rússia e impor um embargo total às importações pela UE de produtos agrícolas e pesqueiros russos, bem como combustíveis fósseis e gás natural liquefeito transportado por mar através de oleodutos.

O Parlamento também condena todos os países, empresas, associações e indivíduos que estão ajudando Moscou a contornar as medidas restritivas da UE, afirmando que essas práticas disruptivas devem ser criminalizadas no nível da UE.

FONTE: www.europarl.europa.eu

Subscribe
Notify of
guest

90 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Donald
Donald
1 mês atrás

Parabéns! que o mundo livre use tudo que tiver para para parar o regime maligno do putin.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Donald
1 mês atrás

Talvez, o parlamento europeu tenha autorizado o uso de armas nucleares. Quem sabe isso resolve.

Rafa
Rafa
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Resolve sim. Vai vendo.

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Rafa
1 mês atrás

Olá Rafa. Obviamente fiz um comentário irônico. Até o mundo mineral sabe que defendo a total eliminação das armas nucleares. Bem, mas pode ser importante eu reafirmar isso para não criar confusão;

Rafa
Rafa
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

My bad.
Não tinha entendido dessa forma. Huahua

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Rafa
1 mês atrás

Olá Rafa.. riso… ironia escrita sempre tem chance de falhar.

Neste caso, vocẽ teria que saber de antemão minha posição antinuclear para fazer sentido.

Defendo o banimento integral das armas nucleares.

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  Donald
1 mês atrás

Mundo livre.. Livre de quem ?

ODST
ODST
Reply to  Antonio Palhares
1 mês atrás

De ditadores como o Putin

Faver
Faver
Reply to  ODST
1 mês atrás

Isto vale para a Arabia Saudita?
Se tiver petróleo na jogada também vale mundo livre?

deadeye
deadeye
Reply to  Antonio Palhares
1 mês atrás

Quando eu morei na Itália, eu não tinha medo de ser preso por falar mal do Berlusconi. O que acontece com quem critica o Putin mesmo?

LUIZ
LUIZ
Reply to  Donald
1 mês atrás

E os africanos e os Palestinos tem chance de um mundo livre? Os colonizadores invasores de terras e exploradores escravistas agora pregam um mundo livre??

Henrique
Henrique
Reply to  LUIZ
1 mês atrás

“E os africanos e os Palestinos tem chance de um mundo livre? ”

tem se pararem de se matar

“Os colonizadores invasores de terras e exploradores escravistas agora pregam um mundo livre??”

amigo, “colonizadores invasores” acabou na África e no oriente médio tem uns 50 anos… é só os caras parar de ficar se matando saindo de ditadura pra ditadura que a cosia anda

vão usar essa muleta de colônia até quando?

Last edited 1 mês atrás by Henrique
Rafa
Rafa
Reply to  Donald
1 mês atrás

Isso aí. Apoiem financeiramente, militarmente, atomicamente. Só não venham com mimimi quando a Rússia responder atomicamente tb.

Esse povo está inflando a guerra de uma forma perigosa. De uma forma completamente aberta, esquecendo que Putin, além de louco é bem esperto.

Alecs
Alecs
Reply to  Rafa
1 mês atrás

MAD! Sabe o que é isso? Pelo visto alguns na OTAN já perceberam que podem entrar na guerra sem risco de confronto nuclear. Só não invadir o território russo. Vamos aguardar mais notícias.

Paulo Sollo
Paulo Sollo
1 mês atrás

Exigências complemetamente absurdas e irrealizáveis. As restrições existem e são de caráter financeiro. Quando dizem que não devem haver “restrições autoimpostas”, isto soa como uma imposição forçada no sentido de que todos os membros são obrigados a seguir uma diretiva imposta pelos interesses dos que estão no comando do parlamento. Contribuir com não menos que 0,25% do seu PIB é uma piada. A maioria não está conseguindo atingir a meta de investimento de 2% do PIB para defesa e vão sangrar ainda mais seus orçamentos para sustentar a resistência fracassada de Zelensky? E ainda querem impor aos eua sua vontade,… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Paulo Sollo
Rui Mendes
Rui Mendes
Reply to  Paulo Sollo
1 mês atrás

Ridículo é quem apoia ditaduras sanguinárias, invasores de países soberanos, isso sim é completamente ridículo. Se a UE quiser pode mesmo ajudar muito mais a Ucrânia, os países que formam a UE, mais UK, gastam por ano 380 biliões de € em defesa, não é rublos é mesmo €, e mesmo sem mais de metade, não chegarem sequer a 2 por cento do seu PIB, por isso ajudarem com 0.25 do seu PIB, não é um grande esforço, sobretudo tratando-se de uma causa mais que justa. Quanto ao pedido aos EUA, é normalíssima, não fossem os EUA, o líder do… Read more »

Felipe
Felipe
Reply to  Rui Mendes
1 mês atrás

Bla bla bla..estuda um pouco mais por favor…principalmente o que aconteceu em 2014 na Ucrania, a mando dos EUA, e vai entender um pouco mais.

LUIZ
LUIZ
Reply to  Rui Mendes
1 mês atrás

E esses países ditos democráticos ja não fizeram pior que a Rússia?? Essa gente o que mais fez foi violar soberanias de outros países??

SUTERMINATOR
SUTERMINATOR
Reply to  Rui Mendes
1 mês atrás

Só não mexam com os russos norte americanos e israelenses que eles entrarão em qualquer país pelo seu povo. Vão puxar sua perna.

Rafa
Rafa
Reply to  Rui Mendes
1 mês atrás

Amigo, cuidado com essas afirmações que vc julga serem completamente verdadeiras.

Nenhum país é bonzinho. Cada um tem seus interesses. EUA neste momento tem interesse em atrapalhar a vida da Rússia, mas tb desovar equipamentos militares parados em vendas bilionárias que vai arrasar a Ucrânia durante décadas financeiramente.

Assim como a Rússia tem interesse em não deixar a Otan tão perto de suas fronteiras.

Putin alertou inúmeras vezes sobre isso. Fingiram de égua.
Está alertando novamente e o ocidente continua se fazendo de desentendido.

Como diz o ditado: “Finge de égua não, pq vem o cavalinho e créu”

Faver
Faver
Reply to  Rui Mendes
1 mês atrás

Invasores? Os russos sim, com muitos crimes na cabeça. Mas e os outros? Quem está presente na Siría? Quem mantém as colinas de Golã? Vamos deixar de ser hipócritas, países tem interesses.

Rafael
Rafael
Reply to  Paulo Sollo
1 mês atrás

Do ponto de vista da economia pode ser ruim para os EUA uma tensão com a Europa nesse sentido. Independente de quem ganhar as eleições por lá, pois o lobby da indústria bélica sempre foi e continua sendo forte junto aos políticos, sejam republicanos ou democratas, principalmente no Congresso. É mais dinheiro direcionado para a indústria bélica da Europa desenvolver e fabricar armas e munições e diminuir a necessidade de importar dos EUA. Pode ser que no futuro criem cláusulas protecionistas para fortalecer a indústria da Europa. Nessa discussão a vida dos ucranianos e o destino do país não tem… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Rafael
Werner
Werner
Reply to  Rafael
1 mês atrás

O Trump vai ter problemas muito maiores para resolver,principalmente,dentro dos EUA,a AL,o terrorismo na Africa ,os Houthis,Irã e a voraz China.
Acho que ele vai tentar uma negociação entre a Rússia e a Ucrânia,mas os rios de dinheiro que o bidê dá,ele vai diminuir e muito.

Kommander
Kommander
1 mês atrás

Incrível como em vez de buscarem uma solução diplomática, só ficam tentando por mais lenha na fogueira.

É, amiguinhos… Construir bunkers e estocar comida não é mais delírio de teóricos da conspiração.

Underground
Underground
Reply to  Kommander
1 mês atrás

Também acho!
Uma malvadeza isso.
Dava para tentar entregar a Amazônia, Groelândia e Alaska para Putin como compensação. Talvez conseguissem a tão almejada paz.
Paz! Paz!

Kommander
Kommander
Reply to  Underground
1 mês atrás

Engraçado, quem fica falando que a Amazônia é de todos, não é o Putin, é justamente a galerinha do amor dos EUA e Europa.

Last edited 1 mês atrás by Kommander
Henrique
Henrique
Reply to  Kommander
1 mês atrás

“Engraçado, quem fica falando que a Amazônia é de todos, não é o
Putin”

engraçado que quem defende o Putin anexar a ucrânia ta defendendo o argumento que a Amazônia não é do Brasil e sim da galerinha do amor dos EUA e Europa

Last edited 1 mês atrás by Henrique
Rui Mendes
Rui Mendes
Reply to  Underground
1 mês atrás

Estranho, tinhas 3 likes e 0 deslikes, eu carreguei em mais um like, e instantâneamente apareceu, 3 likes e 5 deslikes, não é que eu me importe muito com isso, só não gosto de fazer de andor.

Kommander
Kommander
Reply to  Rui Mendes
1 mês atrás

???

Henrique
Henrique
Reply to  Rui Mendes
1 mês atrás

é o pessoal pro russo ai kkkkk

faz o teste… manda um Россия-Матушка ai que vai explodir de likes, mas só no Forte que funciona kkkkkk

Realista
Realista
Reply to  Underground
1 mês atrás

Tem patriota que iria adorar ver um uniforme do U.S army tomando conta da Amazônia .

Carlos Pietro
Carlos Pietro
Reply to  Realista
1 mês atrás

Infelizmente têm, e muitos por ai.

bjj
bjj
Reply to  Kommander
1 mês atrás

Só por curiosidade, qual seria a saída diplomática disponível, na sua opinião?

Zorann
Zorann
Reply to  bjj
1 mês atrás

Ninguém sabe qual seria a saída diplomática. Isto depende dos lados envolvidos. Mas precisam negociar. E isto, não estão fazendo

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Zorann
1 mês atrás

Exato. Primeiro é preciso um imediato cessar fogo. Segundo, as duas partes se sentarem, com ou sem um mediador, e discutirem os termos.

Negociação é isso. As partes colocam seus pontos. Acerta-se o que já tem acordo. O que estiver em desacordo, as partes vão cedendo até chegar a um acordo.

De qualquer modo, acredito que apenas a negociação diplomática será capaz de encerrar esta crise.

bjj
bjj
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Já houveram tentativas de acordo, mas os russos não abrem mão dos territórios conquistados e ainda fazem outras exigências absurdas. Sendo os russos inflexíveis quanto aos territórios tomados, qual é a saída? A Ucrânia deve simplesmente abrir mão de 20% do país?

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  bjj
1 mês atrás

Acredito que esta guerra só vai acabar por meio diplomático. O que eles vão resolver é lá com eles.

Então, se a única saída é a via diplomático, é melhor começar agora. Creio que os EUA e o Vietnã discutiram por mais de um ano até chegar a um acordo.

O que é preciso e urgente é um cessar fogo

Henrique
Henrique
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

Explica como que vai resolver um problema de forma diplomática sendo que a Russia fala todo dia que a Ucrânia não tem direito de existir? E se a Russia conseguir os territórios isso passará a mensagem que guerras de anexação são toleradas e que nenhuma fronteira reconhecia é legitima pq tal território foi de outro antes, ou seja, vc vai catapultar a insegurança jurídica com relação a soberania dos países mesmo eles tendo reconhecido a fronteira um do outro então me explica como que retroceder 100-300 anos de diplomacia pode trazer a paz ou a ideia é só criar outros… Read more »

Henrique
Henrique
Reply to  Camargoer.
1 mês atrás

“Primeiro é preciso um imediato cessar fogo. Segundo, as duas partes se sentarem,”
” negociação diplomática será capaz de encerrar esta crise.”

KKKKKKKKK ai a gente volta pra 2014 e depois volta pra 2022.
é ginau a solução, como ninguém pensou nisso antes?

ODST
ODST
Reply to  Kommander
1 mês atrás

Quem tinha que ter pensado em solução diplomática era o Putin, não o parlamento europeu

wilhelm
wilhelm
1 mês atrás

A resolução sublinha a urgência de um regime jurídico sólido para permitir que ativos estatais russos congelados pela UE sejam confiscados e usados para a reconstrução da Ucrânia e para compensar as vítimas da guerra. A Rússia deve ser obrigada a pagar reparações impostas a ela para garantir que contribua substancialmente para a reconstrução da Ucrânia.

Acho que o resto do mundo vai começar a avaliar com bastante atenção a ideia de manter seus ativos em países da UE caso isso se concretize.

Esse tipo de ação mina completamente a confiança das outras nações.

Underground
Underground
Reply to  wilhelm
1 mês atrás

Com certeza!
Ditadores do Mundo vai escolher outros lugares.

wilhelm
wilhelm
Reply to  Underground
1 mês atrás

Não são só os ditadores do leste europeu que vão abrir os olhos, meu querido. Regimes autoritários como a Arábia Saudita, que vivem de beijos e abraços com o Ocidente, também vão começar a se preocupar em manter seus ativos em lugares onde o confisco depende a conveniência da política local.

Zorann
Zorann
Reply to  Underground
1 mês atrás

Não só ditadores. Países que desejam ter independência em suas decisões. Isto inclui democracias também, como o Brasil.

Last edited 1 mês atrás by Zorann
Rui Mendes
Rui Mendes
Reply to  wilhelm
1 mês atrás

Claro que sim, ditadores ao largo mesmo, confiança é naqueles que deslocam 100.000 soldados para o satélite Russo, Bielo-Rússia, e garantir que eram só treinos, ou aqueles que ameaçavam todos os dias com guerra nuclear na Ucrânia, mas depois vão para a ONU dizerem que os EUA, UE e NATO é que falavam em guerra nuclear, não os Russos e ainda que a Rússia sempre quis a paz, a Europa e os EUA é que obrigavam a Ucrânia, a não ceder.

aloems
aloems
Reply to  wilhelm
1 mês atrás

Esse é pra mim um ponto que deve ser muito bem avaliado pelo mundo.. que ao contrário do que muitos imaginam não é somente União Europeia e Norte Americanos

Existem muitos países democráticos assistindo esse desenrolar com olhos bem abertos

wilhelm
wilhelm
Reply to  aloems
1 mês atrás

O Brasil deveria olhar atentamente isso que está acontecendo e traçar estratégias de longo prazo.

Hoje é a Rússia. Amanhã pode ser que algum burocrata europeu ache uma boa ideia confiscar os ativos do estado brasileiro usando alguma desculpa esfarrapada envolvendo o meio ambiente.

Quirino
Quirino
Reply to  wilhelm
1 mês atrás

Pode ter certeza que eles vão fazer a burrice de confiscar o dinheiro e dar para a Ucrânia e isso vai voltar e morde a bunda deles lá na frente, isso vai, além de outras coisas, acelerar o processo de desdolarização que o mundo já vive, até a CNN falou sobre as possíveis consequências dessa ação tempos atrás, ou seja, se a até a CNN falou disso é pq não é segredo para ninguém que isso vai da M, mesmo assim pode apostar que eles farão isso. Cara, impressionante como em todo ocidente só existe políticos medíocres, os estadistas do… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Quirino
Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  wilhelm
1 mês atrás

Nos próximos anos, cada vez mais países vão achar outras alternativas pra não usar o dólar em suas transações comerciais, e de manter seus ativos econômicos nos países acima.
Podem escrever.

Jose
Jose
1 mês atrás

Esses ditadores de Bruxelas estão muito confusos, não fosse trágico até seria cômico, ditadores que não gostam de ditadores não deixa de ser irônico, 2 anos para tomar essa decisão, pobre Ucrânia caiu no conto do vigário.

Rui Mendes
Rui Mendes
Reply to  Jose
1 mês atrás

Aqui não há ditadores, tás muito confuso na geografia, ou então é só treta, para passar tempo.

Jose
Jose
Reply to  Rui Mendes
1 mês atrás

Não, claro que não há ditadores aí, essa versão 20.30 da democracia tem florescido lindamente caro patrício, inclusive no seu belo país.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Jose
1 mês atrás

Portugal passou a ser uma ditadura?

É mais um daqueles muito preocupado com as liberdades e apoiante de Putin?

Jose
Jose
Reply to  Hcosta
1 mês atrás

Como sempre se alguém não concorda com as narrativas propostas por alguns entre eles você patrício automaticamente se torna apoiador de Putin, o cara mora em um continente que está sendo tomado pelo autoritarismo de governantes que juram que defendem a democracia, mas que na pratica tem enfiado goela abaixo daqueles que discordam das medidas impostas “SIM” pelos de Bruxelas aos países membros do bloco e consequentemente regras impostas ao povo, você não querer enxergar a realidade é uma coisa patrício, mas ela está logo aí, e pode ter certeza a coisa vai ficar ruim muito ruim para vocês a… Read more »

BraZil
BraZil
1 mês atrás

kkk Sai maligno. Cramuião das profunda…agora vai mundo livre, democrático e perfeitim. Esses equipamentos já chegam em um mês?… por que se não…

Manus Ferrum
Manus Ferrum
1 mês atrás

Se os cidadaos da UE e dos EUA tiverem juízo não vão mais votar de novo em politicos belicistas e corruptos.

Rui Mendes
Rui Mendes
Reply to  Manus Ferrum
1 mês atrás

Agora vamos todos votar para o Nobel da paz, aos ditadores Russos, coitadinha só se metem com eles, já não se pode roubar um país em paz.

Mig25
Mig25
Reply to  Rui Mendes
1 mês atrás

Europeu sabe muito bem o que é roubar país … principalmente os da Europa Ocidental, o autodenominado “mundo civilizado” rs
Pelo jeito, é português. Nos ilustre sobre a Guerra de Independência de Angola, por exemplo.

Henrique
Henrique
Reply to  Mig25
1 mês atrás

kkkkk
cara tem que passar pano pra Europa pra justificar a rusisa

Hcosta
Hcosta
Reply to  Manus Ferrum
1 mês atrás

Decidam-se, antes da guerra eram todos pacifistas, sem coragem, paz e amor e de repente são todos belicistas e corruptos…

E em que o oponente é o regime de Putin, famoso pela corrupção e que iniciou uma guerra…

Rafael Aires
Rafael Aires
1 mês atrás

Terceira Guerra Mundial (carregando…). Agora nenhum lado vai recuar pra não se sentir humilhado. Cada lado vai escalando cada vez mais. Na Guerra Fria Eua e União Soviética se conversavam, agora sei não depois de ver o Biden xingando o Putin.

Vitor
Vitor
1 mês atrás

Esse parlamente europeu tem uma similaridade com a terrinha …tem quem acredita… conflito continua só não tem data para terminar.

Arthur
Arthur
1 mês atrás

Não dá nada! É só jogar umas bombas atômicas na Rússia, que tudo desmoronará. O Ocidente voltará a ditar suas regras e todo mundo será feliz (e pobre)… Sentirei muita saudade das notícias fake de vitórias ucranianas. Fazer o quê? É o preço da democracia e da liberdade. No futuro, seremos ecologicamente corretos, acabando com o “pum” das vacas no campo e comeremos larvas e insetos. A energia nuclear será substituídas por cataventos e carros elétricos BYD. Nossa Amazônia será entregue por nossa ministra do Meio Ambiente à governos estrangeiros, porque brasileiro não tem capacidade de gerenciar o proprio país.… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Arthur
Werner
Werner
Reply to  Arthur
1 mês atrás

Vai entregar ou já estão entregando?

Elintoor_--
Elintoor_--
Reply to  Arthur
1 mês atrás

Antes de invadir o território russo, Hitler disse:
É só chutar a porta e todo o resto cai de podre…
E o final da história, todos já conhecem…

Quirino
Quirino
1 mês atrás

devem apoiar militarmente a Ucrânia com não menos que 0,25% do seu PIB anualmente

hahahaha…. eu quero ver a Europa fazer tudo que esta escrito ai, alias, eu pago para ver isso acontecer hahahaha…

Last edited 1 mês atrás by Quirino
Arariboia
Arariboia
Reply to  Quirino
1 mês atrás

A começar com países pobres da EU. Que se não estivessem na EU seriam mais miseráveis que muitos dos Subdesenvolvidos. Como Portugal… Grécia… os países dos Balcões… Leste europeu…
Vai ser lindo os tugas com sua classe media que é tido como pobre para os Padrões da Alemanha, França e Itália… Portugal onde mais da metade da população vive com 1000 euros ou menos. Acredita que vai dar certo sim…

aloems
aloems
Reply to  Quirino
1 mês atrás

Fazendo uma rápida conta de padaria com dados da Internet

Em que mundo os EUA vão doar 583 bilhões de dólares anuais (0.25% do PIB) pra Ucrânia??

Nem revertendo isso tudo em compra de armamento das empresas americanas eles conseguiriam passar isso sem receber duras críticas do contribuinte americano

Allan Lemos
Allan Lemos
1 mês atrás

Fazer caridade com o dinheiro dos outros é fácil, deveriam dar o exemplo e doar o próprio salário aos ucranianos.

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
Reply to  Allan Lemos
1 mês atrás

Ah, eu simplesmente iria adorar ver países como Portugal e Grécia tentarem implementar essa “idéia fantástica” de usar 0,25% do seu PIB só pra ajudar a Ucrânia, eu pagaria pra ver eles tentando…

Willber Rodrigues
Willber Rodrigues
1 mês atrás

“Aliados da UE e da OTAN devem apoiar militarmente a Ucrânia com não menos que 0,25% do seu PIB anualmente” Sim, o contribuinte desses países vai receber isso de bom grado sim, confia… “e impor um embargo total às importações pela UE de produtos agrícolas e pesqueiros russos, bem como combustíveis fósseis e gás natural liquefeito transportado por mar através de oleodutos.” Ah sim, a europa vai se abster de comprar petróleo e gás russo sim, podem confiar também… “O Parlamento também condena todos os países, empresas, associações e indivíduos que estão ajudando Moscou a contornar as medidas restritivas da… Read more »

Maurício.
Maurício.
1 mês atrás

Quem vê até parece que a UE e a OTAN realmente se importam com a Ucrânia. Em 2008 foi negada sua entrada na OTAN, dois anos de guerra e até agora nada de caças, os ingleses vivem falando em F-16 para a Ucrânia, mas eles mandarem alguns Eurofighter que é bom, nada! Os franceses também, nada de Rafale, ficam na novela de liberarem alguns Mirage 2000, mas até agora, nada! As armas enviadas não podem ser usadas contra o território russo, ou seja, possuem limitações impostas pela própria OTAN e EUA. Um leigo vê essa “preocupação” toda e pode até… Read more »

Satyricon
Satyricon
1 mês atrás

O enxadrista discursou hoje e mal se atreveu a mencionar a Transnistria. Porque será?
Aproveitando, o mesmo decretou moratória na exportação de gasolina por 6 meses. Porque será?
A Cada hora surge um novo financiamento para a Ucrânia. E o tempo corre contra o enxadrista à medida que sua máquina de guerra é desmontada na Ucrânia (Só ontem foram 3 Su-34):
https://youtu.be/zPBFvLGC-BM?si=m18DQjgahs42Fr44

Merece um prêmio por fortalecer a UE e a OTAN dessa forma. E assim o cerco vai se fechando, deixando o ditadorzinho com menos opções, a cada dia que passa.

Chora enxadrista…

Zorann
Zorann
Reply to  Satyricon
1 mês atrás

Você está vivendo em um universo paralelo: lá no universo onde o Toby Maguirre ainda é o Homem Aranha. Qual parte de “a Ucrânia está perdendo a guerra” que você não entendeu?

Satyricon
Satyricon
Reply to  Zorann
1 mês atrás

Desculpe-me, mas vocês é que não percebem a arapuca em que a Rússia se meteu…

Henrique
Henrique
Reply to  Zorann
1 mês atrás

“Qual parte de “a Ucrânia está perdendo a guerra” que você não entendeu?”

a parte que Ucrânia não caiu, a parte que governo do Zelensky ainda ta lá a parte que Otan agora tem mais dois membros, a parte militarização da Ucrnia esta mais do que o dobro do que o inicio da guerra…

eu não entendi essas partes, explica

Felipe
Felipe
Reply to  Satyricon
1 mês atrás

Kkk manda o link da revista de comédia que está lendo

Carlos Campos
Carlos Campos
1 mês atrás

Tem que dar F35, E7, Mísseis de Cruzeiro, 4 AB, e mais Bradley

Elintoor_--
Elintoor_--
Reply to  Carlos Campos
1 mês atrás

Não adianta, queimarão todos…
É uma guerra de alta intensidade nunca antes vista, com drones de todo o tipo e mísseis avançados de longo alcance !!!

Elintoor_--
Elintoor_--
Reply to  Carlos Campos
1 mês atrás

É uma guerra de altíssima intensidade! Com drones de todo o tipo e mísseis avançados de longo alcance !!! Não estamos mais falando de bombardear gente de turbante com AK-47 e sandálias de corda…

Heinz
Heinz
1 mês atrás

Caraca, até fecharam os comentários na matéria sobre Gaza.

Maurício.
Maurício.
Reply to  Heinz
1 mês atrás

Uma hora eu vi, parece que tinha mais de 100 comentários, mas não entrei na matéria, aí depois de um tempo cliquei na matéria e não tinha mais comentários! Até pensei que eu tinha visto coisa, mas não, aí eu vi que tinha um aviso de algum editor, tiverem que fechar os comentários, as vezes, nem os editores aguentam…😂

Heinz
Heinz
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

Também, foi uma discursão bem pesada. pessoal tá com espadas na mão

Franz A. Neeracher
Reply to  Maurício.
1 mês atrás

Realmente, tem horas que dá vontade de fechar o barraco e ir para casa…. 🙁

Nilo
Nilo
1 mês atrás

Os ativos russos confiscados, estaremos realmente nos aproximando de um caminho onde alguem terá que ceder, ou o mundo ficará ainda mais divido, é a Europa dando aval ao poder americano de uso do dolar como arma de dissuasão.

Bruno
Bruno
1 mês atrás

Um bom tópico para discussão aqui no blog. O brasileiro conhece o valor da liberdade?

Camargoer.
Camargoer.
Reply to  Bruno
1 mês atrás

Somo 203 milhões. Imagino que uma parte conheça e preze pela liberdade. Outra parte conhece mas prefere que a liberdade seja garantida para si e negada para outros. Uma parcela nunca conheceu a liberdade então não teria condições de lutar por ela. E talvez exista uma parte que não tem liberdade, mas sabe o que ela significa, e busca alcança-la usando os meios restritos que possui.

Felipe
Felipe
1 mês atrás

Quem diria que iríamos assistir o fim da Europa como potência econômica em tão pouco tempo. Eles vão quebrar

Henrique
Henrique
Reply to  Felipe
1 mês atrás

sim cara Europa quebrou e chegou no fim sim kkkk

Bryan
Bryan
1 mês atrás

Famosa guerra por procuração às custas do sangue ucraniano. A Ucrânia precisa se render antes que mundo entre numa nova guerra mundial.