Home Noticiário Internacional Mísseis Javelin vendidos para Taiwan

Mísseis Javelin vendidos para Taiwan

167
5

Mísseis Javelin

A longa lista de compras de material militar da República da China (Taiwan) entregue aos EUA (ver maiores informações no blog aéreo) inclui mísseis Javelin para as forças terrestres daquela ilha.

A venda foi autorizada pelo governo Bush, mas agora depende de aprovação do Congresso dos EUA. O pedido inclui 182 mísseis e vinte lançadores e o custo estimado para toda a negociação, incluindo equipamento de apoio, suporte logístico e treinamento é de 47 milhoes de dólares.

5
Deixe um comentário

avatar
5 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
4 Comment authors
BoscoWaldersonJoão-CuritibaVassily Zaitsev Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Vassily Zaitsev
Visitante
Vassily Zaitsev

Quem tem The History Channel com certeza já viu aquele brucutú de cavanhaque disparando um Javelin. Parece mais fácil de travar no alvo e disparar que o meu cansado Panzer Front. E só ataca por cima
onde a blindagem é mais fraca. Quem assistiu o programa viu o que esse míssil faz com os PODEROSOS M-60, a torre pula fora.

João-Curitiba
Visitante
João-Curitiba

Vassily
Ele pode atacar em linha reta também. A vantagem é que o operador dispara, larga tudo no chão e sai correndo.

Walderson
Visitante
Walderson

Amigo João,
isso é vantagem? Rsrsrs.

João-Curitiba
Visitante
João-Curitiba

Caro Walderson
A vantagem é que o atirador não precisa ficar fazendo a mira até o missil atingir o alvo. Acho que foi o Marine quem lembrou disso por aqui. Se você tiver que ficar no local do disparo, com certeza vai receber chumbo de volta. Melhor se puder mudar de local.

Bosco
Visitante
Bosco

Além de ser um míssil “atire e esqueça” com seeker passivo (IIR) ele também tem um sistema de lançamento de baixa assinatura visual (chama, fumaça e levantamento de pó) , IR e sonora, o que aumenta ainda mais o fator de sobrevivência pós disparo. Este sistema também permite que o míssil seja lançado a partir de ambientes confinados, podendo ser usado eficientemente em operações urbanas. Após o disparo o atirador pode deixar a posição imediatamente levando consigo apenas a “unidade de lançamento”, descartando o tubo de transporte/lançamento. Um novo tubo pode ser conectado em menos de 10 segundos e um… Read more »