Home Noticiário Nacional Exército Brasileiro sai da Esplanada

Exército Brasileiro sai da Esplanada

570
13

Exército brasileiro na esplanada

Exército Brasileiro fora da Esplanada

A reestruturação das Forças Armadas, que com o Plano Estratégico de Defesa vai unificar os estados-maiores das Três Forças, prevê a saída dos comandos militares da Esplanada dos Ministérios. Só vai ficar na imponente avenida inaugurada pelo presidente Juscelino Kubitschek o Ministério da Defesa, que sairá muito fortalecido da reestruturação.

O primeiro a se mudar será o Exército. Para tanto, a Força recebeu, no último dia 23, crédito suplementar de R$ 22,6 milhões. O dinheiro será destinado à construção, recuperação, reparação, adequação e adaptação de instalações para a mudança de oito unidades militares para o Quartel-General do Exército, no Setor Militar Urbano, em Brasília.

Entre as organizações militares que mudarão de endereço em breve, estão os Comandos Militar do Planalto e da 11ª Região, hoje instalados na Esplanada.

O Exército é o primeiro das Forças a esvaziar o prédio no Centro da capital federal para agrupar as unidades em sua base, dando lugar a outras pastas do governo federal. Mesmo com a urgente necessidade de reaparelhamento, a Força Terrestre trabalha com o segundo maior contingenciamento – são R$ 520 milhões. O maior deles, no valor de R$ 660 milhões, é o da Aeronáutica, e o menor, de R$ 480 milhões, o da Marinha.

A esperança em dias melhores está concentrada fundamentalmente no Plano Estratégico – também conhecido como PAC da Defesa -, que deve ser apresentado pelos ministros Nelson Jobim e Mangabeira Unger, da Secretaria de Assuntos Estratégicos, ainda neste mês, ao Conselho de Defesa Nacional, composto pelo presidente da República e seu vice, pelos presidentes do Senado e da Câmara Federal, além de ministros e dos comandantes das Três Forças.

Por: Marco Aurélio Reis

Fonte: O Dia   Foto: Agência Brasil

Nota do Blog: no último dia 24 de outubro, em notícia do mesmo jornal que ainda pode ser acessada via Notimp, aparecia o valor de 22,6 bilhões de reais, e não 22,6 milhões como agora, o que causou considerável surpresa em fóruns e blogs que discutem assuntos de defesa.

Subscribe
Notify of
guest
13 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
RL
RL
11 anos atrás

Como sempre, tudo o que envolve governo é sempre muito coberto de mistérios. Essa troca de valores ai não esta nada explicado.
Ou alguem errou de forma grotesca, ou sei lá o que viu..

AMX
AMX
11 anos atrás

Com tantas prioridades das FAs, a execução dessa é desnecessária, pra dizer o mínimo.

claudio
11 anos atrás

quanto dinheiro jogado fora

Hornet
Hornet
11 anos atrás

Pois é, Nunão, agora está explicado os tais 22 “bi” noticiado pelo O Dia…se fosse isso mesmo, 22 bilhões, teria sido a ação de despejo mais cara na história da humanidade….rs.rs.rs.

joao
joao
11 anos atrás

Em qualquer outro pais,a incompetencia da redacao do jornal O Dia causaria assombro. Mas no Brasil,o que podemos esperar?

Corsario-DF
Corsario-DF
11 anos atrás

Galera vocês estão no Brasil, onde tudo pode e ninguém sabe de nada… Sds.

joao
joao
11 anos atrás

Gostaria de ver esses porta-medalhas transferidos la para a fronteira com a Venezuela,a cargo da meia duzia de EE-9 Cascavel e Urutu que temos la. Talvez assim,com a realidade esfregada nos seus narizes,se curariam da cegueira auto-imposta da que sofrem.

konner
konner
11 anos atrás

joão,

… menos, … menos joão !!

” Há muito mais entre o céu e a Terra do que supõe a nossa vã filosofia. ” Willian Shakespeare

welington
welington
11 anos atrás

Sempre desacreditei nessa noticia, afinal é o Brasil!

joao
joao
11 anos atrás

É difícil imaginar uma forma mais estúpida ou mais perigosa de tomar decisões do que por colocar essas decisões nas mãos de pessoas que não pagam qualquer preço por estar errado. – Thomas Sowell

konner
konner
11 anos atrás

Bravo !! BRAVO !!!!! BRAVO !!!!!!!!

Vassily Zaitsev
Vassily Zaitsev
11 anos atrás

Agora tá explicado. Trocaram uma letra e o EB perdeu 99,9% dos trocentos bilhões que muitos defenderam até o último cartucho. Será que receberam um oficial de jústiça dando um prazo de 90 dias para desocupar o local?????????????????????

Corsario-DF
Corsario-DF
11 anos atrás

Mauro, por um lado você tem razão em querer que as FAs ocupem lugares mais afastados dos centros das metrópoles. Mas por outro, você tem que lembrar, que muitas vezes as cidades é que cresceram ao redor das instalações e não o contrário. Quando da instalação dessas unidades certamente elas eram afastadas, mas hoje com o bum imobiliário e aumento da população das cidades isso modificou bastante. Só pra citar como exemplo a vila militar no Rio, antes era muito afastada, agora nos dias de hoje não. Lembrando que são alvos mais complicados de serem atingidos por estarem em regiões… Read more »