Home Sistema de Armas Contrato bilionário para o Puma IFV

Contrato bilionário para o Puma IFV

521
0

A Krauss-Maffei Wegmann (KMW) recebeu a maior encomenda de sua história recente para a produção de 405 veículos blindados de infantaria Puma.
A PSM GmbH (Project System and Management), uma joint venture entre a KMW e a Rheinmetall AG of Düsseldorf respondem pelo contrato da Federal German Defence Technology and Procurement Agency (BWB).
O valor total do negócio é de 3,1 bilhões de euros e as entregas começarão em 2010.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of
Felipe Cps
Visitante
Felipe Cps

Este Puma sim seria um vetor fantástico para a Infa Bld pois trata-se possivelmente da única VBTP sobre lagartas no mundo capaz de manter o passo com os Carros de Combate mais modernos. Tem uma blindagem excelente, com capacidade de ampliação e uso de defesa ativa, modularidade de suas armas, e sensores e eletrônica no estado-da-arte. Seria um sonho para a substituição de nossos surrados e arcaicos M-113.

Abs.

rrtorres
Visitante
rrtorres

Se não me engano os m-113 serão substituídos pelo “urutu 3” não tenho duvida que esse puma seria perfeito para o Brasil.
Se pelo menos alguns projetos nacionais tivessem tido continuidade hj poderíamos tem independência no setor de blindados, e não ficar comprando sucata dos outros,Ogum,tamoyo,charrua(osório msm no sendo 100% nacional)tempo bom que n volta.

Felipe Cps
Visitante
Felipe Cps

rrtorres: O Urutu 3 não existe, na verdade é a VBTP-MR da Iveco. Mas acho que não vem para a Infa Bld (talvez para a Infa Mtz?), porque a Infa Bld precisa de uma viatura de lagartas e a Viatura da Iveco é sobre rodas. Por outro lado, tenho a impressão que a VBTP-MR possui uma blindagem mais leve, não sendo apta a atingir os requisitos da Infa Bld (VBTPs com blindagem pesada e capacidade para operar em ambiente Off-Road, o que elimina, em princípio, a possibilidade de uso de rodas). De qualquer maneira, e embora não conheçamos detalhes do… Read more »

COMANDANTE MELK
Visitante
COMANDANTE MELK

Senhores,

de fato este veículo seria muito bem vindo as fileiras do EB, mas melhor seria o Brasil desenvolver algo parecido…

Brujhar
Visitante
Brujhar

Amigos,

Alguem saberia me explicar a tradição dos alemães de batizarem os seus blindados com o nome de felinos?

Abraços,

Zero Uno
Visitante
Zero Uno

Os carros de combates alemães são famosos por suas qualidades e confiabilidades. Não é atoa que os Leopards são tidos como os melhores Tanques do mundo…

Leonardo
Visitante
Leonardo

Sou fã dos blindados alemães e sua indústria militar em geral, que é de muita qualidade, porém gostaria mesmo é que o Brasil fabricasse os seus próprios, inclusive, quem sabe, o Osório novamente.

Sandro
Visitante
Sandro

Esse Puma e um Excelente Blindado, quanto aos nosso M113, acho que a unica modernização que valeria a pena pra eles seria tranforma-los em veiculos lança misseis anti-aereos, visto que seria somente pra aproveitar a plataforma, pq como blindado em si e um pessimo veiculo.

Sopa
Visitante
Sopa

Os chucrutes sabem fazer bem esse tipo de equipamento.
Leopard 2, Puma, Gepard, PzH 2000, Dingo e por ai vai, é mesmo uma indústria de dar inveja !

Sds.

Excel
Visitante
Excel

São 405 unidades por EU$ 3,1 bilhões, o que daria o valor de EU$ 7.654.320,99 por unidade. É o preço de um tanque de primeira linha. Alguém saberia dizer se existe alguma alternativa mais econômicas a ele?

Zero Uno
Visitante
Zero Uno

Sopa.
O PzH 2000 é o melhor Auto-Propulsado do mundo!!!

Patriota
Visitante
Patriota

Zero Uno

concordo plenamente com o seu comentário

rrtorres
Visitante
rrtorres

Excel

Acredito que o russo BMP-3 seria uma opção,mais em conta.

RodrigoBR
Visitante
RodrigoBR
Dell72
Visitante
Dell72

PzH 2000 é veiculo de artilharia…

Vassili Zaitsev
Visitante
Vassili Zaitsev

Dell,

concordo com sua explicação. Mas digo que o colega Zero Uno sabe deste detalhe.

Para mim, é o melhor Obuseiro Auto Propulsado do Planeta.

Como concorrente osso duro de roer, o M-109A6 Palladin tb me chama a atenção, principalmente para a munição inteligente Excalibur. Neste quesito, o modelo norte americano se sai melhor, mas ai estariamos falando da munição, e não do veículo em si.

abraços.

Vassili Zaitsev
Visitante
Vassili Zaitsev

Quanto ao Puma IFV, ele veio para substituir o Marder VCI.

Mesmo sabendo que o Puma é “top de linha”, fiquei espantado com o preço de cada unidade (+ de 7 milhões de Euros por veículo). Valor esse que simplesmente espanta possíveis usuários de menor poder aquisitivo, tipo o nosso querido Exército Brasileiro.

O Urutu III será um veículo de outra categoria, pois usará rodas ao invés de lagartas, terá uma blindagem mais leve, e se destina à substituição do Urutu e Cascavél.

abraços.

Baschera
Visitante
Baschera

Foi veiculado neste Blog, que o EB esta estudando novamente a “modernização” dos M-113. Se desta vez vai sair eu não sei.
Este Puma IFV tem um preço absurdo para o EB.
Deveriamos ter feito como o Chile, que comprou 120 Marder’s por preços módicos.

Sds.

marujo
Visitante
marujo

Marderes usados podem valer como uma solução provisória.O que está colocado para o EB é desenvolver o seu próprio projeto sobre lagartas para suas divisões de cavalaria blindadada.

MarcosT
Visitante
MarcosT

Conforme oque diz no documento do END pouco provavel que o governo brasileiro invista nesse tipo de veículo, pois oque se prega é mobilidade, caracteristica incompativel com o mesmo.

Eu particularmente gosto da tática blindada dos russos, ao estilo de “avalanche de aço” onde se invade com uma massa de blindados onde só com armas nucleares poderia se parar uma invasão.Más sei que isso é coisa do passado.

Harry
Visitante
Harry

Os alemães tem tradição em construir blindados bonitos e eficientes.
aempre gostei do Leopard.
Abs.

Vassili Zaitsev
Visitante
Vassili Zaitsev

Harry,

Concordo!

Os alemães tem bom gosto para tanques e blindados.

Para mim, os Panther da II GM eram os melhores da época.

abraços.

Felipe Cps
Visitante
Felipe Cps

Vassili: os Panther eram os melhores blindados do mundo, mas eram caros e foram vencidos pelos mais baratos e fabricados em muito maior quantidade M4 (americano) e T-34 (russo). Uma lição: às vezes é melhor ter maior quantidade do que mais qualidade.

Abs.

Noel
Visitante
Noel

Marcos T, o que os russos planejavam, era algo similiar, ou uma cópia, da Blitzkrieg, e os pais dessa são alemães, sendo o principal mentor o General Heinz Guderian. Hoje em dia, só os americanos tem possibilidade de executar tal ação, que foi feito na I Guerra do Golfo.
Sds

Noel
Visitante
Noel

Quando os Panther os Tiger, e outros meios, entraram na linha de produção, em quantidade, a Alemanha já tava “nas cordas”, com sua capacidade industrial no limite, e não tinha como atender a demanda; ou seja, a guerra já estava perdida. Felipe, prá mim a lição que ficou(prá guerras convencionais), é que em campanhas de longa duração, tem-se que destruir todas as possibilidades de produção do inimigo; e ainda temos como melhor exemplo a IIWW. Já em campanhas curtas, tem-se que destruir o mais rápido possível as FFAA do inimigo, ou no mínimo sua capacidade de combater; ai entram todas… Read more »

Felipe Cps
Visitante
Felipe Cps

Noel, em batalhas deve-se destruir a capacidade do inimigo de combater; em guerras deve-se arrasar a capacidade industrial inimiga.

Quanto aos Panther, é uma pena (pelo carro, óbvio). Eram verdadeiras obras de arte da indústria alemã. Ao lado disso o Sherman era zoado até pelos próprios combatentes americanos, mas havia dez deles para cada Panther. Já o T-34, apesar de tosco, tinha um sistema de suspensão inovador, curiosamente projetado por um americano. Alie a isso seu número incrível e já se vê porque o front oriental foi a tumba do Reich.

Abs.

Bosco
Visitante
Bosco

Ao contrário do que possa parecer a primeira vista a torreta do Puma não é tripulada, ela é de controle remoto. O diferencial para as torretas de controle remoto “tradicionais” é que há acesso via interior do veículo para o remuniciamento sem que o tripulante tenha que se expor. E também há proteção blindada para os componentes sensíveis da arma e do cofre de munição. Sem dúvida é o conceito de torreta mais avançado hoje em dia e o mesmo que seria usado no FCS do Exército Americano. Esse veículo também ira receber um par de lançadores de mísseis Spike… Read more »

Noel
Visitante
Noel

Seu conceito de batalha esta correto Felipe, e o mesmo é aplicado em conflitos relâmpagos, guerras de curta duração. Os israelenses venceram todas as guerras, não apenas as batalhas, e não destruiram as capacidades estratégicas dos inimigos, Yonk Pur creio ser o melhor exemplo, pois eles perderam a batalha pelo Suez, mas venceram a guerra, em uma operação com blindados primorosa(já que o tema do post é sobre um blindado, e ainda usaram o seu querido M-113 imagine ele naquele sol do deserto). RSRSRS
Outros exemplos: Malvinas, ou as guerras da India com o Paquistão.
Boa Noite

Felipe Cps
Visitante
Felipe Cps

Minha nossa Noel, fico imaginando que delícia deve ser um passeio no sol do deserto do Negev, ou no Sinai, num M-113 com o alçapão fechado, rsrsrsrs…

Abs.

Vassili Zaitsev
Visitante
Vassili Zaitsev

Felipe, Concordo que o Panther foi vencido por outros fatores, entre estes a ação da aviação aliada, que não dava tempo para a Wermatch respirar. Tb concordo que ele poderia enfrentar diversos Sherman ao mesmo tempo e sair vitorioso (para isso, o mesmo deveria contar com uma tripulação nervos de aço, e o capitão ser dos melhores na categoria). Agora, sua teoria de que as vezes a quantidade vale mais que a qualidade, digo que essa teoria deixou de valer após o aparecimento do radar, e mais tarde da capacidade de ver no meio da escuridão. Sou muito mais o… Read more »

Felipe Cps
Visitante
Felipe Cps

Grande Vassili: o que eu me referia é o seguinte: você preferiria 100 Leopard IIA6 ou 1.000 Leopard IA5? Se se colocasse essas formações frente a frente, independente de outros fatores, quem você acha que venceria? Uma proporção de 10 para 1 faz a diferença amigo. Fez na segunda guerra, pelo menos.

Abraço broe.