Home Indústria Agrale apresenta na Fenatran 2009 caminhões modelos 8500 e 13000

Agrale apresenta na Fenatran 2009 caminhões modelos 8500 e 13000

1292
13

13000caminhaocacamba

Novo motor será mais econômico e reduzirá emissões

Caxias do Sul (RS), 20 de outubro de 2009 – A Agrale S.A., montadora de veículos comerciais com foco nos segmentos médio e leve, apresenta no 17° Salão Internacional do Transporte (FENATRAN 2009), os caminhões Agrale 8500 com motor eletrônico MWM Sprint 4.08 TCE e o 8500 CD com plataforma auto socorro e destaca o modelo 13000 Caçamba, nas versões 4X2 e 6X2, com distância entre-eixos mais curta, já em comercialização. A empresa exporá também os demais modelos de caminhões da linha Agrale 2010, bem como os utilitários Agrale Marruá AM 150 CD e AM 200 CS.

O caminhão Agrale 8500 passa a ser equipado com novo motor eletrônico MWM Sprint 4.08 TCE, de 4 cilindros em linha e 3.0 litros. O principal objetivo das mudanças é adequar o veículo à aplicação de cargas e descargas urbanas, conferindo agilidade com menor consumo de combustível e consequente redução de emissão de poluentes, e torná-lo mais competitivo comercialmente. O novo modelo conta com motorização que proporciona elevado desempenho em quaisquer regimes de rotação – com potência de 140 cv a 3.500 rpm e torque de 400 Nm de 1.700 a 2.100 rpm.

“Procuramos proporcionar um upgrade para os nossos clientes, oferecendo um modelo mais econômico. Outro aspecto importante da mudança é o foco da Agrale com a preservação ambiental e redução de emissões”, destaca o diretor de vendas e marketing, Flávio Crosa.

Para cargas de alta densidade

Outro destaque é o novo Agrale 13000 Caçamba que marca a entrada da empresa no nicho de transporte de cargas de alta densidade, como coletor de lixo e cargas especiais. Disponível nas versões 6×2 e 4X2, o caminhão possui entre-eixos mais curto, com 3.560 mm (4X2) e 4.784 mm (6X2), contra os 4.800 mm e 6.024 mm, dos respectivos modelos convencionais.

Segundo Flávio Crosa, a empresa identificou no mercado a demanda por um modelo com menor distância entre-eixos para o transporte de cargas de alta densidade e desenvolveu as novas versões. “Agora, nossos clientes podem contar com um veículo original de fábrica mais curto, o que evita a necessidade de realizar alterações, como encurtar o chassi, para encarroçamentos especiais”, explica o executivo.

O caminhão 13000 Caçamba mantém a mesma motorização da versão convencional e possui motor MWM 6.10 TCA Euro III (6 cilindros), com potência de 173 cv a 2.400 rpm e torque de 600 Nm de 1.600 a 1.800 rpm. O veículo conta ainda com caixa de câmbio EATON de seis marchas e direção hidráulica ZF Servocom.

“Com as novidades apresentadas na FENATRAN 2009, a Agrale amplia a sua atuação no mercado de transporte de cargas e reforça a estratégia de desenvolver modelos com foco na melhor adequação das tecnologias disponíveis às necessidades dos clientes”, destaca o diretor de vendas e marketing da Agrale.

caminhao8500

Caminhão 8500 CD – Plataforma Auto Socorro

Outro destaque da Agrale é o caminhão Agrale 8500 CD Plataforma Auto Socorro, destinado ao transporte de veículos. Essa versão possibilita uma operação integrada num só veículo, ou seja, o resgate do carro acidentado e de seus ocupantes, pois tem capacidade para acomodação de 6 (seis) passageiros, mais o condutor, ganhando assim em agilidade e reduzindo o custo da operação. Essa versão é original de fábrica, o que dispensa adaptações.

Equipado com freio de acionamento totalmente a ar e capacidade de carga de 5.250 kg, possui motor MWM 4.10 TCA Euro III (quatro cilindros), com potência de 115 cv a 2.400 rpm e torque de 392 Nm a 1.500 rpm, caixa de câmbio EATON de cinco marchas e direção hidráulica. Também é equipado com o eixo de tração Dana, caixa de câmbio Eaton e sistema de direção ZF Servocom.

Agrale 9200

O Agrale 9200 é o caminhão com a maior capacidade de carga útil no segmento leve. Tem como destaque o conforto, com o amplo espaço de sua cabine e a facilidade de acesso. É o único caminhão leve que oferece sistema “sleeper” (conjunto de cama), para maior conforto de quem viaja longas distâncias ou necessita de repouso. Oferece a opção de banco individual para acompanhante e console central que cria um ambiente de escritório. Este veículo, assim como todos os caminhões Agrale com cabine estendida, conta com a tecnologia de LEDs nas setas de direção dianteira.

O modelo possui motor MWM 4.12 TCE, de quatro cilindros, potência de 150 cv a 2.200 rpm, e torque de 550 Nm a 1.700 rpm.

Caminhão Agrale 6000

Leve, econômico e compacto, oferece mecânica robusta e de fácil manutenção. É equipado com motor MWM turbodiesel com aftercooler de 4 cilindros em linha, 115 cv de potência a 2.400 rpm e torque de 392 Nm a 1.500 rpm. Os modelos possuem três medidas de distância entre-eixos (2,92 m, 3,35 m e 3,90 m), e capacidade para 3.400 kg de carga útil, mais carroceria.

Família Agrale Marruá

Desenvolvido para atender às Forças Armadas, o Agrale Marruá é um veículo utilitário ideal para serviços severos. Amplamente testado e aprovado pelos usuários mais rigorosos que exigem robustez, desempenho e disponibilidade em qualquer tipo de terreno, o modelo pode ser adaptado aos mais variados tipos de carrocerias e equipamentos.

Na FENATRAN, a Agrale irá expor os modelos de picapes AM 150 CD com caçamba e AM 200 CS chassi-cabine, com capacidades de carga entre 1.000 e 2.000 kg. Os veículos são ideais para aplicações fora-de-estrada, como instalações de redes elétricas ou de telefonia, transporte em minas, construção e manutenção de grandes obras civis, saneamento, segurança pública, reflorestamento e outras aplicações que necessitem de flexibilidade e robustez na operação diária.

Os modelos AM 150 e AM 200 são equipados com motor MWM Sprint 4.07 TCE Euro III (quatro cilindros), com potência de 140 cv a 3.500 rpm e torque de 360 Nm entre 1.800 a 2.000 rpm. Os veículos possuem caixa de câmbio Eaton com cinco marchas à frente e uma à ré, eixos traseiro e dianteiro Dana e direção hidráulica TRW.

Internamente, o Agrale Marruá possui painel integrado e digital, com os instrumentos concentrados num único equipamento, novo sistema de ventilação, que permite a instalação de ar-condicionado, porta-objetos e laterais das portas com revestimento de courvin que facilita a manutenção e a limpeza.

FOTO: Mauro Martins Sobczyk

Subscribe
Notify of
guest
13 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Esdras
Esdras
10 anos atrás

Parabens Agrale!
Espero que essa empresa cresça mais e mais, pois é uma montadora brasileira.

Espero que logo venham os carros leves

COMANDANTE MELK
COMANDANTE MELK
10 anos atrás

Rapazzzz…que coisa ein, pelas barbas do Lula, olha ai uma excelente noticia para o país, uma fabricante brasileira de caminhões no mercado. Carambolas, tá bom demais o Brasilililil…hehe(Antes desta que eu saiba, só a extinta FNM fabricou caminhões civis neste país) PARABÉNS E SUCESSO A AGRALE.

Saudação a todos.

Challenger
Challenger
10 anos atrás

Torço pelo sucesso da Agrale, é Brazuca.

Magno762
Magno762
10 anos atrás

Falta agora so desenvolver caminhôes militares.

Abraços

Baschera
Baschera
10 anos atrás

A Agrale é praticamente minha vizinha….. mas estão surpresos ??

Procurem saber de onde é a maior produtoda de onibus do mundo, fora a China….. e procurem saber quem é o Grupo Randon…..

Todas da minha querida cidade Caxias do Sul…. na serra gaúcha.

Sds.

Rodrigo Torres
Rodrigo Torres
10 anos atrás

Belas maquinas!
bem que poderiam fazer os caminhões da engesa, tinha vários modelos bem interessantes.

emerson
emerson
10 anos atrás

Pois é…
Quem sabe a Agrale venha mesmo a desenvolver caminhões militares médios e pesados, mas o MD tem que manter as compras do Marruá em um rítmo que possibilite mantes a linha de montagem funcionando… e espero que a agrale faça logo uma versão civil do Marruá…

luciano
luciano
10 anos atrás

^^^ Já fizeram

desdeonada
desdeonada
10 anos atrás

Senhores:

Alguém sabe informar se o VBL Agrale/Inbrafiltro foi concluído.
Ao demais, a região Sul, além de mulher bonita, tem excelência em outras…

CorsarioDF
CorsarioDF
10 anos atrás

Excelente Notícia!!!

Jonas Rafael
Jonas Rafael
10 anos atrás

Tomara que dê certo. A Agrale produz caminhões, tratores e utilitários há anos, mas só se vê alguns rodando nas ruas(acho que os tratores são mais bem sucedidos).

Renato Clemente
Renato Clemente
10 anos atrás

Parecem de fibra. São de fibra ou são de aço?

Vitor Martins
Vitor Martins
10 anos atrás

A Agrale tem tudo para ser uma grande empresa no segmento.Também torço pelo seu sucesso.
Em minha opinião,a Agrale poderia se tornar uma nova “Engesa”,futu-
ramente.A Engesa assim como a Agrale,começou no mercado fabricando veículos off-roads e caminhões leves.Só depois a Engesa passou para os blindados.
É uma pena que o governo não invista nessas empresas,as legítimas
montadoras brasileiras.O Brasil não passa de uma grande linha de montagem,de empresas automobilísticas estrangeiras.