quinta-feira, fevereiro 25, 2021

Saab RBS 70NG

Exército do Brasil discute apoio dos EUA à Índia no Conselho de Segurança da ONU

Destaques

Rússia e Arábia Saudita assinam acordo para implantação de fábrica de fuzis Kalashnikov

A Rússia assinou um acordo com a Arábia Saudita para implementar a primeira fase de produção conjunta de fuzis...

MBT Leopard 2 da Alemanha será equipado com o Trophy APS da Rafael

COLÔNIA, Alemanha – Os ministérios da defesa alemão e israelense assinaram um acordo para a compra do sistema de...

Tabela de salários dos militares das Forças Armadas para 2021

Sabe quanto ganha um Sargento, Capitão ou Cadete da Marinha, Exército e Aeronáutica? Veja a tabela de soldos dos...
Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Em reunião na semana passada, comandantes de alto escalão do Exército brasileiro discutiram o apoio dos EUA à Índia para uma vaga permanente no Conselho de Segurança da ONU (Organização das Nações Unidas).

A Folha apurou que, na avaliação dos comandantes, o objetivo dos EUA, de fato, é formar uma aliança com um país cuja capacidade militar poderia se contrapor à da China no sul da Ásia.

A China investe cerca de 2% de seu PIB (Produto Interno Bruto) em questões militares e tem forças armadas mais numerosas e equipadas do que a Índia.

O arsenal chinês conta com 186 mísseis nucleares ativos e um número desconhecido de ogivas de reserva, além de um efetivo estimado em 2,1 milhões de combatentes, segundo relatório do CSIS (Centro para Estudos Estratégicos Internacionais, na sigla em inglês), sediado nos EUA.

O arsenal convencional tem mais de 17 mil peças de artilharia, 7.500 tanques, três submarinos nucleares e quase 1.400 caças.

A Folha apurou que o apoio americano à Índia não gerou grandes preocupações entre os generais brasileiros.

Apesar do Itamaraty ter considerado o apoio positivo – por abrir as portas de uma reforma no Conselho -, os generais identificaram um recado implícito ao Brasil.

Obama criticou a Índia por não intervir em questões de desrespeito a direitos humanos em Mianmar. O recado seria sobre o Brasil não criticar violações de direitos humanos no Irã.

Fonte: Folha Online

Relembrando – O presidente Lula assinou o decreto do Conselho de Segurança da ONU que impõe sanções ao Irã. O Ministro das relações Exteriores, Celso Amorin, declarou que o Presidente “não concorda com as sanções e assinou o acordo contrariado”.

Antes de assinar o decreto em questão, dos quinze países membros do CS, doze assinaram o documento, sem nenhuma restrição, sendo que o Líbano se absteve e o Brasil e a Turquia votaram contra.

Dessa forma, Brasil e Turquia, protagonizaram, isolados, uma política internacional na contramão do interesse mundial. Contrariando todas as potências mundiais, inclusive a China, que o Governo Lula faz questão de elogiar. Será que todos os líderes mundiais estão equivocados e o Presidente Lula é o único lúcido nessa história toda?

Considerando esse comportamento de nossa política externa, que entrou em conflito com quase todos o líderes mundiais, quais são as chances de a pretensão brasileria ser considerada como relevante em suas reivindicações, visando a uma vaga permanente no Conselho de Segurança da ONU?

O Brasil precisa repensar a sua política externa?

Colaboração: Agradecemos a participação de nosso usuário Rodrigo, pela sugestão da matéria.

- Advertisement -

91 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
91 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Vitor
Vitor
10 anos atrás

Se o Brasil continuasse seguindo uma politica de ser do contra em breve seriamos uma piada internacional que ninguem levaria a serio a não ser na hora de gastarmos dinheiro. Assim como a Venezuela…

Mac
Mac
10 anos atrás

1400 caças possue a China? E nós ficamos nos vangloriando de termos os mais modernos F5 em operação no mundo. E o FX-2? Esqueça. Vai por água a baixo. Lula não deve comprar e Dilma deverá impurrá mais ainda essa compra. E a culpa disso é do comando da força aérea que não soube aproveitar o momento. A marinha deu um show, pois soube ser eficiente em aproveitar a oportunidade para sua prioridade que ela elegeu sendo o submarino.

Sagran Carvalho
Sagran Carvalho
10 anos atrás

Nossa política externa atual é uma aberração, piada de mau gosto, totalmente ideológica e sem compromisso com a nação.
Nada mais a declarar.

boa-vida
boa-vida
10 anos atrás

É importante um país ter opnião própria. Se for pra seguir a maioria, é melhor nem ter um assento permanente no conselho de segurança da ONU. Vamos virar uma Itália ou Espanha que estão sempre mudos. Acho que a posição do Brasil foi perfeita no caso do Irã. Claramente, defendemos um direito que acreditamos ter. Energia nuclear para fins pacíficos. No futuro isso será uma moeda de troca para assegurar a continuidade do nosso projeto.

DaGuerra
DaGuerra
10 anos atrás

O ALTO ESCALÃO DO EXERCITO??? HAHAHAH, esta notícia seria menos rídicula se fosse a roda de café do subtenente discutindo tal assunto. Por mais alto que fosse o escalão, estaria muito aquém da esfera POLÍTCA em que o CS orbita. Quantas divisões blindadas tem a Índia? Isso é secundário. Importante é o posicionamento equilibrada, respeitável e maduro para uma potência ocupar o CS, coisas que “outros pretendentes” deploravelmente esqueceram.

Sagran Carvalho
Sagran Carvalho
10 anos atrás

“No futuro isso será uma moeda de troca para assegurar a continuidade do nosso projeto.” Realmente…o projeto ou agenda como queiram tem que continuar…unir-se ao que de pior existe no mundo ( Irã, Cuba….bolivarianos nanicos e etc ) e ficar de birra com o resto do mundo (vide caso Sanções ao Irã ) na sandice de estar lutando contra o império da mau que se situa um pouco mais ao norte!!! Vivem ainda no tempo do muro de Berlin, onde o inimigo capialista imperialista tinha que ser destruido. Lamento informar que o muro caiu, que hoje existe uma globalização, que… Read more »

Pedro
Pedro
10 anos atrás

“Dessa forma, Brasil e Turquia, protagonizaram, isolados, uma política internacional na contramão do interesse mundial” > Interesse Mundial? Então o “mundo” se resume a patota dos EUA? Infeliz editor, se ligue, essa atitude do Brasil no caso do Irã abriu as portas do mundo para o Brasil como um país independente (não a politica do revista sapato como era antes). Provou para quem quiser que o Brasil não é lacaio de EUA ou quem quer que seja, enfim temos um direcionamento e não um simples e relos acompanhamento automático. Alem disso, se for para entrar em um CS, onde o… Read more »

Taw
Taw
10 anos atrás

A política externa brasileira é excelente… não é pq todo mundo pensa de um jeito que o Brasil tem que pensar tbm! Somos independentes. Brasil não tem nada que ficar “automaticamente” alinhado com qualquer potência mundial… tem que ter caráter próprio e continuar defentendo sua posição sobre a política internacional com a dignidade que tem defendido, sem ser cachorrinho dos eua, da china ou de quem quer que seja.

roberto bozzo
roberto bozzo
10 anos atrás

para sermos respeitados precisamos de forças armadas fortes e capacitadas; esta estória de não poder enviar um navio pro Líbano para não prjudicar a defesa de nosso litoral é um absurdo, somos formigas querendo rugir… nosso grandecíssimo líder esta querendo marcar posição contrapondo-se abestadamente aos interesses mundiais. O Irã tem todo o direito de produzir energia nuclear para fins pacíficos, mas só um acéfalo acredita que esta realmente fazendo isso.
Acredito que possamos realmente ser uma potência militar, com investimentos sérios e continuos. Após isso poderíamos pleitear algo.

Vader
10 anos atrás

Ahahaha, sabem quando o Brasil será membro permanente do, de resto irrelevante (EUA no Iraque, Rússia na Geórgia, China no Tibete, etc.), CS da ONU? Quando eu aprender a lamber meu cotovelo e assoviar ao mesmo tempo “I Want to Break Free” do Queen… 🙂 E não se iludam: continuaremos, pelo menos pelos próximos 4 anos, nos aliando à escória do mundo, àqueles que nem China e Rússia, ex-inimigos (hoje aliados) de EUA e OTAN, se dignam a dar o menor valor: o Irão do Zóio-Junto, a Venezuela do Bufão, a Cuba dos assassinos Castro, a Coréia do Norte do… Read more »

Mario Blaya
Mario Blaya
10 anos atrás

A India não entrara no CS se depender da China, e os EUA contam com isso, pois o veto da China empurra a India ainda mais para os braços dos americanos.

se para ter um acento no CS devemos ser subservientes aos americanos eu prefiro não ter, quem gosta se servir certamente estranha quando e servido, por isso tem gente reclamando da postura do Brasil de independencia das diretrizes americanas.

Baschera
Baschera
10 anos atrás

Putz…. mas cada um que aparece.

Para que fique anotado : O Brasil não é “lacaio” de ninguém…. senão de sí mesmo.

Sds.

Rodrigo
Rodrigo
10 anos atrás

Pedro disse: 16 de novembro de 2010 às 20:16 Israel é o estado pária, que fornece o pouco de alta tecnologia operacional que o Brasil possui e tem empresas investindo aqui. Maldita inclusão digital. ——————————————– Mario Blaya disse: 16 de novembro de 2010 às 21:06 Isto é relativo… É mais fácil a Índia entrar que o Brasil, que teria 3 “votos”. Inglaterra e França, são subalternos aos gringos e vão votar em quem eles mandarem. A Rússia é grande parceira da Índia. É mais fácil os gringos barganharem algo com os chineses e tudo se resolverá, que depois de muito… Read more »

Sopa
Sopa
10 anos atrás

Ou investe maciçamente em educação no proximos 20 anos, ou bota um maluco tipo mistura de chaves com o Jintao, pra ninguém se meter a besta com o Brasil.

Sindrome de vira latas…..tem horas que tenho!

Welllington Góes
Welllington Góes
10 anos atrás

Ricardo, Não irei me ater por demais, pois tal tema já se mostrou cansativo e pouco produtivo àqueles que se dizem crédulos e conhecedores dos fatos, principalmente a matéria da Folha de São Paulo que já se mostrou pra lá de parcial, quando o assunto é criticar qualquer atitude do atual GF, não estou dizendo que seja certo ou errado, ou ainda que não tenha o direto de assim o fazerem, mas me reservo o direito de questionar tais matérias na forma como é posta, aqui uma crítica as matérias sobre relações internacionais que a Folha publica, ou seja, se… Read more »

Welllington Góes
Welllington Góes
10 anos atrás

Desculpe, acabei me atendo por demais, kkkkkk

Até mais!!!

P.S: Pô Ricador, você poderia ter me esperado pra responder.

Caio
Caio
10 anos atrás

O nosso carma é essa penca de comuna neo-esquerda, neo-comunista, bolivarianos e outros tantos, que infestam o pais com os seus delírios pós comunistas, stalinistas, viúvas do muro de Berlim que introduziram na diplomacia Brasileira uma doutrina falida de alinhamento com países marginais. E como disseram acima em nada tem de compromisso com a sociedade produtiva e pensante Brasileira e sim com a internacional socialista e fórum de São Paulo (está tudo registrado em atas do fórum de São Paulo). Só falta agora se alinhar com a Coréia do Norte! -Se alguém viajar ao oriente médio a maioria dos países… Read more »

Vader
10 anos atrás

Caio disse:
17 de novembro de 2010 às 2:24

“Só falta agora se alinhar com a Coréia do Norte!”

Ahahahahaha, faltava:

http://veja.abril.com.br/blog/augusto-nunes/direto-ao-ponto/a-escolha-do-embaixador-na-coreia-do-norte-comprova-que-para-o-itamaraty-os-malucos-se-entendem/

Sds.

Mario
Mario
10 anos atrás

Senhores,
A importância do CS é relativo !
Sem dúvida hoje o CS é importante, mas a medida que o conselho amplie o número de membros com poder de veto, seu peso poderá cair, pois o valor de um conselho é medido pela capacidade de conseguir entrar em consenso, isto é, decidir algo sobre alguma questão.
Afinal, para que serve participar num conselho que não consegue decidir nada?
É por isso que a totalidade dos conselhos é decidido por maioria dos votos, não é?

Zavva
Zavva
10 anos atrás

É importante um país ter opnião própria, desde que a opinião seja boa.O Irã é acusado de impor restrições indevidas as ficalizações da Agência Internacional de Energia Atómica e nunca vi o governo brasileiro dizer que estas acusações são mentirosas. Tudo que o Brasil conseguiu com a defesa do Irã, foi levantar suspeita ao seu proprio programa nuclear. Os EUA defendem a criação de um banco internacional de uranio enriquecido, algo que representa um ingerência a autonomia dos países de exercer posse de seu uranio enriquecido, porem o Pres. Lula defendeu como solução para evitar as sanções ao Irã, o… Read more »

aquino
10 anos atrás

é sempre a mesma coisa o tal direto humano que no ponto de vista faz um mal para as naço~es em desenvolvimento principalmente para o brasil os americanos pegam no pé dos paises mas esquecem das torturas do iraque afeganistaõ e na sua prisaõ em guantanamo deram até um premio para o chines nobel da paz para provocar os chineses e uma disculpinha sobre o ira……

Marco Antonio
Marco Antonio
10 anos atrás

O argumento que evidencia o ______________________ do _________________________ está no seguinte parágrafo da matéria da Folha (o último parágrafo da matéria) : “Obama criticou a Índia por não intervir em questões de desrespeito a direitos humanos em Mianmar. O recado seria sobre o Brasil não criticar violações de direitos humanos no Irã.” Ou seja: a Índia não interviu em Myanmar e recebeu o apoio; o fato do Brasil não intervir no Irã não veda o apoio. Qualquer ser humano dotado de alguma inteligência consegue perceber o raciocínio lógico que se depreende do texto jornalístico. E os direitos humanos na Arábia… Read more »

Zavva
Zavva
10 anos atrás

Marco Antonio, você esta certo. Só esqueceu de mencionar os derrespeitos aos direitos humanos na China.
Quem tem coragem de peitar a China ?

Marco Antonio
Marco Antonio
10 anos atrás

Zavva disse: 17 de novembro de 2010 às 11:42 Além da China, temos vários outros exemplos. Mas eu quis colocar um exemplo de um país do mesmo “tamanho” do Irã. Pq se for falar de potências, temos os EUA em guantánamo, bagram, etc…., a Rússia na Chechênia, além da China. E podemos apontar Israel, ALIADA PREFERENCIAL DOS EUA, um pais totalmente isolado na comunidade internacional por desrespeitar resoluções da ONU. O que quero dizer é que há radicais em todos os lados…..Coreia do Norte, Cuba, Irã, Israel, Arábia Saudita, etc….. Só me estranha que só um lado seja sempre mostrado.… Read more »

Vader
10 anos atrás

Marco Antonio disse: 17 de novembro de 2010 às 12:27 “Gostaria de saber destes que apontam para o Irã hoje, se, no futuro, apoiarão “inspeções” nas ultra-centrífugas brasileiras?” SE os governantes brasileiros, contra a Constituição da República e contra os tratados internacionais assinados e não denunciados (já que vc parece ter algum conhecimento jurídico deve saber o que significa “denunciar” um tratado), estiverem planejando um programa nuclear secreto com vistas a produzir um artefato de detonação nuclear/termonuclear, apoiarei SIM as inspeções dos organismos internacionais responsáveis. Não quero meu país com bomba atômica em hipótese alguma. E quero menos ainda tal… Read more »

Rodrigo
Rodrigo
10 anos atrás

Marco Antonio disse:
17 de novembro de 2010 às 12:27

Israel é tão isolado que faz negócios com o mundo todo, inclusive o Brasil, no que eles fazem de melhor.

Sem falar na exportação de técnicas de irrigação em deserto.

Israel é isolado, somente nos delírios da esquerda-brasileira anti-americana.

Isolados são o Irã, Coréia do Norte, Cuba e outros que o PT ama.

Montes
Montes
10 anos atrás

Marco Antonio, Onde está o equívoco do blog? O blog divulgou fatos, sobre uma situação puntual. Se cada matéria publicada nos jornais for escrever todas os acontecimentos paralelos relacionados, iremos ter um livro de milhares de páginas a cada notícia. Não há equivoco nenhum nos relatos do blog, foram relatados fatos que aconteceram e fato não é opinião é algo que aconteceu e não dá para modoficar. Ao final o blog faz perguntas e não afirma nada, exceto ao dizer que o Brasil precisa rever a sua política externa, mas não faz nenhum sugestão em que direção esta revisão deveria… Read more »

Arcano
Arcano
10 anos atrás

@Marco Antonio O @Montes está certo e vê se você aprende a interpretar textos e poupe-nos desse sua crítica infundada ao afirmar que o blog está equivocado. Equivocado está você, em enxergar coisas que não existem, em ver um monte de conspiração feito pelo blog, para atacar a besteira que você defende. Uma das maiores idiotices que você escreveu é o seu posicionamento a favor de Cuba e contra os americanos. Você quer que aconteça o que? Que Cuba prospere a sua DITADURA e exporte o seu regime de massacre a seres humanos? Seu comentário completamente incoerente condena massacres de… Read more »

Zavva
Zavva
10 anos atrás

Infelizmente, os direitos humanos passam ao largo dos reais interesses internacionais.

athalyba
10 anos atrás

@Welllington e @Marco Antonio: perfeita a argumentação, de vcs … Alguns dos colegas de blog são um tanto ___________ e estão sempre à postos para usar uma visão puramente ideológica para analisar fatos de geopolítica. Mas isso não se aplica a vcs, ainda bem 🙂 @Montes _______________________________________________ _______________________________________________ _______________________________________________ Dessa forma, Brasil e Turquia, protagonizaram, isolados, uma política internacional na contramão do interesse mundial O Brasil precisa repensar a sua política externa. ______________________________________________________ ______________________________________________________ ______________________________________________________ ______________________________________________________ E de mais a mais, muito do que vc coloca como “lacunas” do discurso oficial e “possibilidades” de mudança na PolExt já foi abordada… Read more »

Marco Antonio
Marco Antonio
10 anos atrás

Rodrigo disse: 17 de novembro de 2010 às 12:53 Estás te referindo a isolamento comercial, o que realmente não existe. Eu estou me referindo a isolamento político. Basta ver as inúmeras votações em que Israel só leva a melhor pelo veto dos EUA, mas toma pau na votação em Assembleia Geral. Montes disse: 17 de novembro de 2010 às 13:08 Na minha opinião, que parece ter sido censurada, e que não tem a intenção de censurar ninguém (até pq não tenho o poder de apagar textos como a administração tem e fez), o equívoco de quem escreveu o post é… Read more »

Marco Antonio
Marco Antonio
10 anos atrás

Montes disse: 17 de novembro de 2010 às 13:08 Os fatos foram relatados até o seguinte ponto “Fonte: Folha Online”. Após isto, é opinião do editor, sim. Ao editor que assina “Administração ForTe” eu pergunto: Foi afirmado que: “NÃO HÁ NENHUM ALINHAMENTO IDEOLÓGICO, POR PARTE DO BLOG E DE SEUS COMPONENTES, NAS MATÉRIAS PUBLICADAS,” E como explica o uso das seguinte expressões: “Será que todos os líderes mundiais estão equivocados e o nosso prestigiado e reconhecido “Grande Estadista” do cenáro internacional, Presidente Lula, é o único lúcido nessa história toda?” É uma crítica política. No meu comentário, não enxergo ideologia… Read more »

Marco Antonio
Marco Antonio
10 anos atrás

Aliás, desafio alguém a recortar uma frase ou parágrafo de minha autoria que demonstre alinhamento ideológico.

Marco Antonio
Marco Antonio
10 anos atrás

Vader disse: 17 de novembro de 2010 às 12:41 “SE os governantes brasileiros, contra a Constituição da República e contra os tratados internacionais assinados e não denunciados (já que vc parece ter algum conhecimento jurídico deve saber o que significa “denunciar” um tratado), estiverem planejando um programa nuclear secreto com vistas a produzir um artefato de detonação nuclear/termonuclear, apoiarei SIM as inspeções dos organismos internacionais responsáveis.” Estás querendo dizer que se os EUA disserem que estamos desenvolvendo apoiarás uma inspeção? Ah, tá bom……assim como eles disseram que o Iraque tinha armas químicas…cadê elas, Vader?….quanta ingenuidade!!!!!! “Não quero meu país com… Read more »

Caio
Caio
10 anos atrás

Os senhores Marco Antonio e Athalyba até que tentam disfarçar, mas no fim demonstram que a linha da internacional socialista, Fórum de São Paulo, Campo Majoritário, ParTidao e… É a linha que eles seguem nos comentários de uma visão suicida em pleno século 21, fora as tentativas de censura, patrulhamento ideológico acompanhado do desmerecimento e insinuações depreciativas a população ativa e aos militares. Tudo bem atualizado com o momento atual que o pais vive em um fascismo sindical totalitário e que logo irá censurar a imprensa e outros meios de comunicação (blog). -Uma provocação atrás da outra dentro da estratégia… Read more »

Caio
Caio
10 anos atrás

É o mensalão vira a cabeça das pessoas e com essa base aliada (clientelismo eleitoral).

lulla e sua base aliada que ele diz serem homens especiais 🙂 : sarney, fernado collor de mello, paullo malluf, zé dirceu, zé jenuino, severino callvacante, walldemar costa neto, gedell vieira llima e…

Marco Antonio
Marco Antonio
10 anos atrás

Quem tem poder pra cortar os textos não sou eu. É só isto que estou dizendo. Fui acusado de querer censurar o blog. Pq? Porque expressei a minha opinião? Por ela ser contrária? Só pode censurar quem tem o poder de cortar os textos. Este poder só tem a “Administração do ForTe”. Outra pergunta: O uso da expressão Grande Estadista entre aspas, pelo editor, me parece uma “ironia evocativa” que revela o tom político (e ideológico) do comentário. Também considero muito maldoso cortar comentário e deixar algumas partes. Parece premeditado. Exemplo do meu texto “editado”: “Volta________!!!!” Pode parecer um xingamento… Read more »

athalyba
10 anos atrás

Note-se que qdo eu digo “Vcs, editores, (…)” é um cidadão está assinado pela “administração”, subentendendo que fala por mais de uma pessoa.

Korolev
Korolev
10 anos atrás

É sempre assim. Qualquer postura que sugira uma avaliação ou reflexão das políticas externas do “Grande Líder e de seus valiosos seguidores” já é vista como propaganda ideológica, culpa dos americanos capitalistas, entre outras aberrações do gênero. A matéria em si, sobre a relação entre poderio militar e a vaga no CS já deu lugar a verborragia política pífia dos vermelhuxos de plantão.

athalyba
10 anos atrás

A propósito: _______________ é prova definitiva da completa ____________________.

___________________________________

EDITADO

USUÁRIO SUSPENSO POR TRÊS DIAS.

Administração Forte

Caio
Caio
10 anos atrás

athalyba ok! -então qual é a sua? abre o jogo!

Caio
Caio
10 anos atrás

Lamentável o que o athalyba escreveu não precisava disso já basta o papelão com o tópico do General Heleno.

Isso é sabotagem sim! É só ler os comentários e chegarão a conclusão.

Eduardo
Eduardo
10 anos atrás

O Senhor Marco Antonio reza a cartilha do ParTidao se alguém falar do lulla vira um bicho bem ao estilo da tropa de choque dos alloprados…

wjw
wjw
10 anos atrás

Estados unidos país que mas tem armas atomicas no mundo, é o país que mas faz guerra no mundo, é o país que mais mata inoscentes no mundo, matam em nome de Deus planta noticias falsas, roubam paises, é o que mas dissemina o ódio no mundo porque podem ter armas atomicas e país pacifico como o brasil fica penando para tem conhecimento nuclear e pode ser passivel de embargos ? E por cima de tudo apregoam a paz no mundo. Se o brasil ficar só aliado com os eua vai virar um bolivia da vida o brasil ficou tanto… Read more »

Eduardo
Eduardo
10 anos atrás

wjw hahahahahahahahahahaha 🙂

Caio
Caio
10 anos atrás

wjw meu Deus que texto risos e os erros de linguagem… kkkkkkkkkk

Lomanto
Lomanto
10 anos atrás

Esse foi demais 🙂 ahsuahsuaashuahaha o que é isso rs… deve ser brincadeira rs

Lomanto
Lomanto
10 anos atrás

Caro wjw vc é uma figura hehehehehehehe 🙂

Marco Antônio
Marco Antônio
10 anos atrás

Ao editor, Obrigado pelo atendimento à solicitação. O fato de ser “óbvio” para o editor o status de grande estadista do presidente, observados os argumentos colocados, não significa que para todos os demais este status seja óbvio. Tenho certeza que muitos discordam desta obviedade. O ponto central das minhas intervenções não é o repúdio a uma posição ideológica – é o repúdio a qualquer manifestação ideológica por parte dos editores. Justifico a minha posição pelo fato de desviar o foco do tema central em debate. Ao tomar uma posição ideológica o editor “chama” manifestações extremistas como pode ser constatado acima.… Read more »

Marco Antônio
Marco Antônio
10 anos atrás

Esclarecimento sobre meu comentário:

“Eu que nunca tomei posição ideológica (e novamente desafio a todos para que recortem qq manifestação deste tipo da minha parte), fui chamado de vermelhuxo por criticar um elogio a Lula (dá pra entender?) por parte do editor, o qual se explicitou na nota ao meu comentário acima!!!!!!”

Quando falo “por parte do editor” refiro-me ao elogio a Lula, o qual foi tecido pelo editor; pode ser interpretado que fui chamado de vermelhuxo por parte do editor, o que não aconteceu.

Falha de redação da minha parte. Não fui claro.

- Advertisement -

Guerras Modernas

Armênia, Azerbaijão e Rússia fecham um acordo para acabar com o conflito de Nagorno-Karabakh

YEREVAN/BAKU (ARMENIA/AZERBAIJÃO) — Armênia, Azerbaijão e Rússia disseram que assinaram um acordo para encerrar o conflito militar na região...
- Advertisement -
- Advertisement -