Home Conflitos em andamento Comandos talibãs atacam prédios oficiais no Afeganistão

Comandos talibãs atacam prédios oficiais no Afeganistão

168
2

Ao menos quatro pessoas ficaram feridas neste sábado no ataque de um grupo de insurgentes talibãs a um prédio perto do escritório do governo estadual na cidade de Kandahar, no sul do Afeganistão, informou à Efe uma fonte oficial.

De maneira simultânea, outro grupo de insurgentes atacou o prédio dos serviços de inteligência afegãos e um complexo policial nos arredores da mesma cidade. Segundo a fonte, na área foram escutadas explosões e tiroteios.

Al Qaeda

A insurgência talibã do Afeganistão assegurou neste sábado que a morte do líder da Al Qaeda, Osama bin Laden, “dará um novo impulso” à luta contra as forças dos Estados Unidos e da Otan.

Em declarações à Agência Efe, o porta-voz talibã Zabiulá Mujahid qualificou a morte de Bin Laden de “grande tragédia” para o movimento insurgente afegão.

Os fundamentalistas do país asiático haviam optado até agora por não se pronunciarem sobre a morte de Bin Laden, alegando que não havia provas que confirmassem isso.

Neste sábado, porém, Mujahid aceitou como válida a confirmação emitida ontem pela Al Qaeda indicando que Bin Laden foi abatido em uma operação de forças especiais dos EUA na segunda-feira no norte do Paquistão, e defendeu “um novo impulso” à luta contra as tropas estrangeiras desdobradas em solo afegão.

Em comunicado enviado na noite desta sexta-feira, os talibãs afegãos argumentaram que os EUA estão enganados se acreditam que “a moral e os combatentes do movimento insurgente ficarão debilitados” após a morte de Bin Laden, e disseram que isso “guiará centenas a tomarem o caminho do martírio e do sacrifício”.

“A história do islã sempre guardará viva sua memória”, assegurou o movimento.

O presidente do Afeganistão, Hamid Karzai, dissera na segunda-feira que Bin Laden foi castigado por suas ações e exortou os fundamentalistas a tomarem nota de sua sorte para que se unam ao processo de paz impulsionado pelo Governo afegão.

Os EUA invadiram o Afeganistão há quase uma década, pouco depois dos atentados do 11 de Setembro e de acusarem o regime talibã — então no poder — de dar refúgio a Bin Laden em território afegão.

FONTE: Folha.com

2
Deixe um comentário

avatar
2 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
2 Comment authors
ObservadorMarine Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Marine
Membro

“Comandos” Taliba e dose hein…

Jornalista brasileiro agora vai entrar na onda da morte de Bin Laden e chamar todo ataque ousado no mundo como um feito de “Comandos”… E como aquela historia de que todo tiro unico em tiro-teio foi feito por “Sniper”.

Alguem pelo amor de Deus ensine algo pra esse povo!

Observador
Visitante
Member
Observador

Muito embora considere que Bin laden é mais perigoso morto do que vivo, temos que ver o lado positivo da sua morte. Além dele utilizar a sua fortuna pessoal para financiar atividades terroristas, ele era muito bom para angariar fundos e organizar a vida financeira do movimento. Agora sua fortuna será dividida entre mais de uma dezena de filhos, muitos dos quais querem distância do terrorismo. Também a arrecadação de fundos deve minguar. Não existe hoje na al-Qeda alguém que tenha o seu carisma e capacidade de inspirar e motivar pessoas (leia-se LIDERANÇA). Creio que a tendência é dos grupos… Read more »