sábado, outubro 23, 2021

Saab RBS 70NG

‘Think tank’ chinês: ‘Índia poderia ser dividida em 20 ou 30 estados soberanos’

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Acadêmicos indianos estão em pé de guerra sobre o que eles consideram como um incitamento provocativo à morte do seu país por um ensaísta chinês. “A China pode desmembrar a chamada “União Indiana” com um pequeno movimento!” afirmou o ensaio postado na semana passada na China International Strategy Net, um site focado em questões estratégicas.

O escritor, sob o pseudônimo Zhanlue  (estratégia em chinês), argumentou que o senso de unidade nacional da Índia  era fraco e a melhor opção para Pequim remover um rival emergente e ameaça de segurança seria apoiar as forças separatistas, como as de Assam, para provocar um colapso do estado indiano federal. “Não pode haver dois sóis no céu”, escreveu Zhanlue.

“China e Índia não podem realmente se relacionar de forma harmoniosa.” O artigo sugere que a Índia deve ser dividida em 20 ou 30 estados soberanos. Tal foi o clamor gerado pelo artigo que o governo indiano emitiu um comunicado tranquilizando o país de que as relações com a China estavam calmas. “O artigo em questão parece ser uma expressão de opinião individual e não de acordo com a posição oficialmente declarada da China à Índia transmitida a nós em várias ocasiões, inclusive ao mais alto nível, na semana mais recentemente, pelo Conselheiro de Estado Dai Bingguo, durante sua visita à Índia “, afirmou o ministério do exterior em Nova Delhi, em comunicado, referindo-se às promessas mútuas de respeitar a integridade territorial e soberania.

A publicação do artigo coincidiu com as negociações entre Pequim e Nova Deli sobre as áreas de fronteira disputadas no Himalaia. No início deste ano, a China fez o financiamento para um projeto do Banco de Desenvolvimento Asiático (ADB) em Arunachal Pradesh, um estado indiano reclamado pela China como “o sul do Tibete”.

A Índia também proibiu algumas importações chinesas, uma vez que tenta proteger sua economia da recessão global. Autoridades em Pequim e Nova Deli têm visões rivais do futuro, cada um vendo-se como o modelo político e social de desenvolvimento mais durável. A presunção em Nova Delhi é que a China, um estado com partido único, vai quebrar inevitavelmente.

FONTE: The Financial Express

- Advertisement -

21 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
21 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
LuppusFurius
LuppusFurius
9 anos atrás

E se a Índia achar que o Mapa-Mundi com 60 países, substituindo a China não ficaria mais”Munitinho”???
E prá ajudar a Naja teria a ajuda do Zoo inteiro…a Águia-Careca, o Urso,o Leão, o Galinho Galês….todos prá dá pau no Dragão..

Invincible
Invincible
9 anos atrás

A China é que não é uma nação. Várias etnias… que digam os tibetanos.

Esse tipo de tiro vai sair pela culatra.

Esqueceram que o inimigo do meu inimigo é meu amigo. Isso só uni o povo indiano em torno de um inimigo comum e mostra o quanto a China tem medo da Índia.

Pacíficos esses gafanhotos não?

jacubao
jacubao
9 anos atrás

Sem falar que a Índia teria ao seu lado EUA, OTAN e etc…

Daglian
Daglian
9 anos atrás

O Brasil ficaria em cima do muro nesta, também?

arn1977
arn1977
9 anos atrás

Respondendo seu questionamento Daglian, creio que o Brasil nessa ficaria em cima do muro mesmo, haja vista fazer parte do BRIC. Tanto a Índia como a China, são parceiros comerciais do Brasil, de uns tempos para cá (diga-se durante a administração do PT). Claro que a simpatia pelos chineses é menor, uma vez que seus produtos piratas fazem concorrência a nossa indústria. Mas seria de bom tom não metermos o nosso bedelho em briga de cachorro grande, afinal, não possuímos nenhuma carta na manga para tanto. Abraço.

Almeida
Almeida
9 anos atrás

Problema de vários países continentais, como a própria China, Rússia e Brasil. Mas o agravante da Índia é o sistema de castas e a corrupção política que é dominada por um grupo/etnia/casta apenas. Isso pode ser um problema.

Mas até aí, o PC chinês também fragiliza a China neste sentido.

Quanto ao Brasil, sim, melhor ficar quieto. Até porque iríamos contribuir com o que? Discursos duros na ONU? Um voto como membro temporário do CS?

paulsnows
paulsnows
9 anos atrás

Não entendo a ansiedade de alguns para que o Brasil se meta em confusões do outro lado do mundo. Para que? So para lembrar, mover armas para qualquer lugar custa uma grana preta, para levar e para manter. Tem que ter uma razão forte para isso. Não gostar desse ou daquele não me parece um grande motivo. E se ficar em cima do muro nos trouxer alguma vantagem, devemos fazer exatamente isso. E levar vantagem, tranquilamente, enquanto os outros se acabam do outro lado do planeta. Depois, se possivel, ocupar os mercados que eles perderam e tambem vender a eles… Read more »

Uitinã
Uitinã
9 anos atrás

Nossa quase caí da cadeira kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, o povo tá achando que a opinião de uma pessoa sozinha e o pensamento de um país inteiro só como exemplo, No Brasil tem muito idiota da internet que só fala asneira e babaquice contra outros países e paga um pau danado pra outros, imagine dando uma alfinetada já aqueles que descem a lenha pela internet contra os Russos, Chineses e Franceses e esses país por falação desses poucos tolos declarassem guerra ao brasil por que acham que esse e o pensamento do governo brasileiro, mesma coisa com o chinês falastrão kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk coisa de… Read more »

Uitinã
Uitinã
9 anos atrás

Em caso hipotético de guerra o brasil tem mais e que ficar em cima do muro mesmo vendendo tudo que puder pros dois lados e lucrando, essa e alma do capitalismo lucrar sem parar.

LuppusFurius
LuppusFurius
9 anos atrás

Uitinã e Paulsnows , Maquiavel foi aluno de ôceis??!!
Quero Morre de bem com os dois…!!!

LuppusFurius
LuppusFurius
9 anos atrás

Galante os caras são bem “mirdes”, não? Já que não há espaço para dois sóis, querem fazer xixi no sol indiano e apagá-lo!!!!!!

Vader
9 anos atrás

Ah é, e a China quase que também não tem problemas de separatismo né?

Esses chineses que abram os olhos… 🙂 Quem tem telhado de vidro não atira pedra na telha do vizinho… No fundo no fundo ninguém gosta de chinês no mundo (a não ser os idiotas vermelhuxos daqui e dalhures) e na Ásia gostam deles ainda menos.

Numa guerra entre Índia e China esta última, totalmente isolada e pobre em recursos naturais, se daria muito, mas muito mal…

Ivan
Ivan
9 anos atrás

Gostei do MAPA !!! 🙂

Ivan
Ivan
9 anos atrás

MiLord Vader, Todos na Ásia tem problemas com separatismo. Mas se a Índia pode fechar a rota do petróleo para a China, esta última pode ameaçar os estados hindus do extremo leste/nordeste. Observando o mapa podemos perceber uma vulnerabilidade geográfica no estado de Sikkim, que fica entre Bangladesh (sul), China (norte), Nepal (oeste) e Butão (nordeste). Se este cair, uma parte da Índia fica isolada e cercada. Isto além da Caxemira, contestada por chineses e paquistaneses, agora aliados e parceiros. Descendo da Caxemira, Nova Delhi fica logo ali… Sabemos que há armas nucleares na região, então nenhuma capital (Delhi ou… Read more »

Requena
Requena
9 anos atrás

A Índia em poucos anos ultrapassa a China como país mais populoso do mundo.
Uma guerra entre os dois seria uma carnificina. Tomara que nunca aconteça.

Maaaas se acontecer, temos que “acender uma vela pra cada santo”. A 200 anos os yankees fazem isso.

Lucrar em cima dos dois.

Vader
9 anos atrás

Ivan, creio que você dessa vez vc olhou o mapa político e se esqueceu de olhar o mapa físico: é o Himalaia! 😉

Ivan
Ivan
9 anos atrás

He he he… esta foi ótima Vader!

Mas eu lembro bem do mapa físico:
https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/e/eb/Indian_subcontinent_CIA.png

Pensando em forças mecanizadas realmente não faz sentido, mas naquelas cordilheiras o que funciona é Infantaria (pé preto + aerotransportada) com artilharia.

Em uma situação hipotética (jogos de guerra mesmo), se o estado de Sikkim cair, todo o vale do Rio Brahmaputra fica isolado, permitindo a criação de um outro país ‘sinocliente’, como aconteceu com Bangladesh em relação ao Paquistão. Seria um desastre para Nova Dehli.

É difícil? SIM, é quase impossível… mas é quase.

Sds,
Ivan.

Ivan
Ivan
9 anos atrás

Outro detalhe que deve ser sempre lembrado.
As nascentes dos rios mais importantes do subcontinente indiano estam no Himalaia. Quem domina a nascente domina a água… que ainda vai valer mais que petróleo.

Grande abraço,
Ivan, an old infatryman.

giordani1974
giordani1974
9 anos atrás

Que morram todos! E após consumirem-se, voltem-se para cá…para estas terras verdejantes, em que se plantando tudo dá…

M.A
M.A
9 anos atrás

Lembrando que, caso o PLA conseguisse isolar e ocupar Punjab e Himachal Pradesh não só privariam a Índia de importantes aquíferos da Caxemira, como (mais importante) cortariam significativamente o suprimento de arroz e grãos do país, além de propiciar a separação de Jammu e Caxemira, caso fosse elaborado algum acordo que mantesse a liberdade religiosa da região. Isso poderia desencadear uma potencial escassez alimentícia no país, gerando pressão das províncias sobre o governo central. A produção alimentícia e o suprimento de água da Índia estão muito próximos da fronteira com a China e, quer queira quer não, os problemas logísticos… Read more »

Últimas Notícias

Recife (PE) sediará a nova Escola de Formação de Sargentos do Exército

O CENTRO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL DO EXÉRCITO INFORMA: Na 339ª Reunião do Alto Comando do Exército, realizada de 18 a...
- Advertisement -
- Advertisement -