domingo, dezembro 5, 2021

Saab RBS 70NG

Rússia negocia venda de armas para o Brasil

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Argentina e Chile também assinariam contratos

 

O diretor da empresa estatal russa Rostekhnologii, Sergei Chemezov, informou nesta quarta-feira, 25, que a Rússia pretende fechar contratos para a venda de armamentos para Brasil, Argentina e Chile. Ele afirmou que há a possibilidade de assinar contratos de cooperação técnico militar com os três países sul-americanos.

Em relação a Venezuela, que é o principal comprador de armamentos russos, o diretor informou que não se espera fechar novos contratos por enquanto. Chemezov destacou ainda que em 2011 a Rússia exportou quase US$ 12 bilhões de dólares em armamentos e que, em 2012, este número deve ser superado.

FONTE: Diário da Rússia

- Advertisement -

14 COMMENTS

Subscribe
Notify of
guest
14 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Diegolatm
Diegolatm
9 anos atrás

Saindo sistemas Pantsir s1 ou S300 eu durmo tranquilo e feliz o resto do ano. rs

Será que desta vez saem MI28 para o exercito? lol

Requena
Requena
9 anos atrás

Eu acho que ele se refere ao restante dos Sabres da FAB mesmo… 🙁

Almeida
Almeida
9 anos atrás

Pantsir pro EB e FAB mais Mi-28 pro EB seriam uma boa mesmo.

Almeida
Almeida
9 anos atrás

Aproveita e mete aí mais uns Tunguska pro EB, sonhar não custa nada…

Uitinã
Uitinã
9 anos atrás

Essa metralhadora da foto a Kord 12,7mm eu considero a melhor desse calibre no mundo, reparem que as capsulas deflagradas saem pelo mesmo lado que entram ou pela frente muito maneira ela, quase ninguém sabe que o calibre 12,7mm russo e mais potente que o ocidental.

Russo: 12,7mm X 108mm
Nato: 12,7mm X 99mm

Enquanto a matéria se vierem sistemas Tor Sm-2 já tá de bom tamanho e quem dera se viesse alguns patysir pra melhorar a defesa antiaérea do exercito os canhões Bofors L/60 estão sendo desativados, e vai ficar uma lacuna enorme se não forem trocados logo.

juarezmartinez
juarezmartinez
9 anos atrás

Vão ser adquiridos sistemas de média altura para as tres FAs, espero que de preferência não seja Russo, vai se outra dor de cabeça para integra tudo com os nossos sistemas de C3I de origem ocidental, ouseja MI 35 Jason vive….

Grande abraço

Uitinã
Uitinã
9 anos atrás

Mas se não buscarmos outros meios vamos sempre ficar presos aos mesmos fornecedores de sempre, sejam americanos ou europeus são tudo farinha do mesmo saco, praticamente estaríamos presos sempre aos mesmos fornecedores. Os russos são especialistas em defesa aérea poucos países tem uma gama de misseis ar-ar tão grande de tudo que é alcance e tipo, a questão mais importante seria se por algum acaso os russos permitissem transferência de tecnologia, poderíamos produzir os misseis aqui mesmo, é num futuro próximo produzirmos nossa própria família de misseis, por que se começarmos do zero, todo mundo sabe que vai demorar uns… Read more »

Nautilus
Nautilus
9 anos atrás

Calma, pessoal! Os russos adoram dar com a língua nos dentes e contar vantagem antes da hora. Pura inexperiência. Já perdi a conta de quantas vezes eles “venderam” o Su35 para a FAB, antes de a aeronave ser desclassificada no F-X2… Tomara que venha alguma coisa, principalmente na área de AAé, que a FAB e o EB estão precisando. Mas é difícil afirmar algo agora, só pela declaração do russo…

giordani1974
giordani1974
9 anos atrás

S300 para o EB? Mas nunca que o tio sam iria permitir! E se permitisse, bye-bye F-18SH…

E na boa, como o F-35, o S300 é demais pra nós…

Mauricio R.
Mauricio R.
9 anos atrás

Tá parecendo o Defesanet, que de uns tempos prá cá publica umas notinhas velhas ou inócuas, vai ver que é p/ tapar buraco. Qnto a comprar outros sistemas russos, mto cuidado nessa hora, o exemplo dos Mi-35 e o fracasso na integração c/ nossos sistemas, não pode ser desprezado. Já desenvolver um sistema SAM nacional de baixa altitude, temos os mísseis (os Piranhas e o MAR) e o radar (Saber M-60), falta só integrar. Talvez esteja aí, o principal empecilho. Tinhámos os canhões (dos Meteors), mas vai saber em que estado se encontram??? Talvez, quem sabe, dê p/ usar as… Read more »

Uitinã
Uitinã
9 anos atrás

Pessoal sem problema que o Mauricio R. vai sair de trás do computador dele pegar uma prancheta e desenvolver um sistema superior a qualquer um existente no mercado hoje depois vai apresentar as autoridades cabíveis e em 3 ou 4 anos já devemos ter uns 400 SAM, força Mauricio contamos com sua genialidade nos avise quando ficar pronto. Truco………………..seis……………….

Mauricio R.
Mauricio R.
9 anos atrás

Prefiro uma idéia original, a gastar c/ sistemas de armas que só funcionam bem, no You Tube.

Vader
Vader(@fbmenegazzo)
9 anos atrás

Perfeito o comentário do Juarez. Imagine integrar um S-300 no SIVAM, que é da Raytheon. Isso sem falar nas implicações políticas.

Últimas Notícias

23° Esquadrão de Cavalaria de Selva recebe instrução sobre simulador da Viatura Blindada Guarani

Tucuruí (PA) – Entre os dias 23 e 24 de novembro, o 23° Esquadrão de Cavalaria de Selva (23...
- Advertisement -
- Advertisement -